Compras
Shopping Time
31 mar 2020, 8 comentários

Onde Comprar – Blazer!

Chegou o momento do Onde Comprar mais esperado da quarentena! Muitos e muitos pedidos para saber onde achar aquele blazer perfeito, bonito por cima, por baixo, por fora AND por dentro.

Tem uma seleção bem caprichada aqui para vocês, vejamos:

01 – AMARO, blazer básico alongado botão único camel, R$299 (esse tá muito perfeito) LINK

02 – ALCAÇUZ, blazer alongado com recorte e botão único, R$750 LINK

03 – AMARO, blazer de alfaiataria alongado de linho, R$319 LINK

04 – AMARO, blazer de viscose vermelho com botões duplos, R$259 LINK

05 – OLYMPIAH, blazer off white com lapelas e shape justo, R$1.399 LINK

06 – OLYMPIAH, blazer preto com recortes, R$1.399 LINK

07 – AMARO, blazer básico com botão único, R$299 LINK

08 – AMARO, blazer alongado, R$279 LINK

09 – LE LIS BLANC, blazer com toque de linho, R$879 LINK

10 – LE LIS BLANC, blazer em crepe com gola chanfrada, R$979 LINK

11 – IORANE, blazer gola smoking, R$793 LINK

12 – OLYMPIAH, blazer ajustado vermelho, R$1.399 LINK

13 – RENNER, blazer alongado com botões e forro listrado, R$219 LINK

14 – ANIMALE, blazer off white em sarja, R$598 (coisa mais lindaaaaa) LINK

15 – SHOULDER, blazer alfaiataria básico, R$539 (também curti muito!) LINK

16 – ZARA, blazer cruzado com botões, R$399 LINK

  • Dá vontade de ter todos né? E tem preto, branco e colorido! Se alguém tiver mais dicas, conta aí!
Moda
Fashion Emergency
27 mar 2020, 49 comentários

A Classificação Socioeconômica do Blazer!

Olha quem voltou!!!! Só a quarentena mesmo pra me fazer ter a paciência e a calma que este tipo de post merece hahaha. Tem que pesquisar, avaliar foto por foto para poder fazer uma Classificação Socioeconômica de respeito e atemporal, que vire uma cartilha do bom gosto!

Me deu vontade de falar do BLAZER, por vários motivos… um é que é uma peça super atemporal, então na hora de comprar um, tem que ser muito certeira na escolha. Segundo, todo mundo, eu disse TODO MUNDO, tem que ter um bom blazer. Terceiro, um blazer ruim/pobrinho pode acabar com sua reputação viu?

Vamos lá, existem alguns pontos muito importantes a serem levados em conta na hora de comprar seu blazer perfeito, vamos lá:

  • MODELAGEM – Tudo bem que tá na moda o blazer Didi Mocó, aquele gigantão, com ombreiras enormes extrapolando os ombros, mas isso é MODA, é pra fashionista, pra quem segura, não fica bem em todo mundo e nem vai durar! O seu blazer tem que ficar PERFEITO no seu corpo, a ombreira tem que terminar exatamente onde termina seu ombro, a manga tem que deixar apenas a mão livre quando dobrar o braço (aquele teste de tamanho de manga sabe? Dobrar o braço em 90 graus e ficar só a mão de fora). O corpo do blazer tem que acompanhar o seu, se for levemente acinturado, melhor ainda. A gola tem que ficar no lugar, esticada, perfeita! Atenção a isso! A modelagem de um blazer tem que parecer que foi feita pro seu corpo!
  • ESTRUTURA – Mais um ponto importante e que tem que fugir do modismo para quem procura um blazer pra vida toda: a estrutura dele tem que ser firme, aquele tipo de roupa que você pendura com todo carinho, que cuida, que coloca na capa plástica sabe? Os blazer molengos são ótimos e quebram um super galho no dia a dia, mas se quiser fazer bonito e impressionar, pense naquele blazer que a estrutura dele é quase uma armadura, aquele que pode pegar chuva e ventania que vai continuar impecável.
  • ACABAMENTO – Blazer é alfaiataria e uma das coisas mais importantes na alfaiataria é o acabamento. O termo alfaiataria surgiu na idade média quando homens e mulheres tinham suas roupas feitas SOB MEDIDA e por alfaiates. Por isso quando pensamos em alfaiataria, pensamos numa roupa que veste perfeitamente, exatamente como se tivesse sido feita no corpo! As costuras são para dentro, ficam invisíveis, o forro também é delicamente costurado. Uma boa peça de alfaiataria, também é linda por dentro! E claro, isso vale para um bom blazer também.
  • MATERIAL – Tecido é polêmico mas tão importante… primeiro, antes de mais nada, por favor, CORRAM DO TECIDO OXFORD. É feio, não tem caimento, brilha (mas é um brilho pobre), e esquenta! É aquele tecido de uniforme sabe?? Aliás, qualquer tecido que não tem a intenção inicial de brilhar (paetê, cetim…), pode empobrecer seu look. Sinal que tem muito plástico nele e não queremos isso né? O bom tecido para um blazer tem que segurar a estrutura que falei acima, tem que ter um bom caimento, amassar pouco, conseguir se ajustar ao corpo (ajustar, não é pra ficar colado, é pra ficar CERTO) sem repuxar.
  • COMPRIMENTO – Se eu tivesse feito este post antes não teria me desfeito de um blazer lindo bege que achava comprido. Essa é uma parte delicada dos pontos importantes para escolher um bom blazer, porque a moda trapaceia a gente. Durante um tempo, se usava muito o blazer comprido, na altura do quadril. Depois, eles encurtaram, e ficaram acima do quadril. Agora, novamente voltaram a ser mais compridinhos e fico com eles como os mais elegantes e chiques! Primeiro que os blazer curtos deixam o bumbum a mostra, o que já não é elegante, segundo, que parece que tá pequeno! Um blazer mais comprido além de alongar mais a silhueta (ele aberto cria uma linha vertical no centro do corpo que cria a ilusão de alongamento) é bem mais elegante. Mostrarei bem isso nas fotos abaixo.
  • QUALIDADE – Qualidade encerra todos os pontos que citei acima. E qualidade ATÉ DOS BOTÕES ok? Por isso eu sempre falo, se tem uma peça que você não pode comprar por preço, é o blazer. Esse tem que ser o que melhor ficar em você e o que tiver a melhor qualidade, e geralmente, são os mais caros.

Agora vamos ver isso tudo na prática?

Blazer preto, o primeiro tem que ter! Caimento ok, ombreiras no lugar, botões ticos, comprimento bom.

Olha a perfeição dessa ombreira do blazer cinza! A perfeição da gola super esticada e lisa! Os bolso sem costura aparente! Gente fico até emocionada quando vejo um blazer desses.

A cor não interfere na perfeição de um blazer tá? Pode ser da cor que você quiser, mas o caimento tem que ser esse aí ó!

E repararam que todos são mais compridinhos? Pois é, o segredo da chiqueza.

Agora vejamos como NÃO deve ser um blazer:

Gente, compara com as fotos anteriores. Olha o caimento, repara nas bolsos estufadinhos, nos botões pobrinhos, no comprimento, a gola curta.

Chego a tremer vendo esses modelos! Repara os tecidos, sem caimento nenhum, olha o acabamento das mangas e golas! Olha o botão fazendo rugaaaaa, gente não pode!

Deu para notar a diferença? A modelagem errada, o acabamento mais ou enos, os botões, o caimento! Gente, essa tá fácil de acertar né?

  • Blazer rico x blazer pobre, agora sabemos a diferença!! Pra nunca mais errar e jogar dinheiro fora numa peça que não vai te valorizar! POOOOODEEEE quebrar o cofrinho, por favor, não economize ao comprar seu blazer! Ele será pra VIDA e é super versátil! Farei uma seleção bem bacana para vocês comprarem na quarentena ok?