Beleza
Eu Testei!, Novidades de Beleza, Swatches
17 nov 2020, 9 comentários

Eu Testei – Photoderm da Bioderma

Recebi dois protetores solar da Bioderma, separadamente e teve um que curti bastante! Vou mostrar pra vocês quais e qual gostei mais e claro, o motivo de ter gostado.

Antes de mais nada, eu uso protetor solar TODO SANTO DIA. Com sol ou com sol, porque convenhamos, o dia que o sol sumir, todos morremos. Ele sempre está ali, então um dia nublado não quer dizer que não tenha sol, ele apenas não está visível. Além disso, computador e celular o dia todo na cara também emitem luz, danificando e manchando a pele. Eu já tenho uma pele ultra manchada, então aprendi a usar protetor solar como quem escova os dentes. Confesso que fico só na primeira aplicação de manhã e o certo seria reaplicar de 2 em 2 horas… mas quem disse que eu lembro? Até espalhei uns pózinhos com FPS por aí pra tentar lembrar de usar durante o dia!

Enfim, chegaram esses protetores e curti que além da proteção ser bem alta, 50+, eles tem cor também! O meu sonho sempre foi um protetor solar com a cor certa e alta cobertura para evitar usar maquiagem, mas até então, não tinha achado nenhum…

Vamos lá, recebi o Photoderm Cover Touch SPF 50 + e o Photoderm M e sobre o primeiro no site da Bioderma diz assim:

“Photoderm Cover Touch FPS 50+ é a 1ª proteção solar 100% mineral com cobertura total formulada para peles oleosas e acneicas. Sua textura revolucionária oferece proteção e cobertura de longa duração em uma fórmula leve e minimalista que deixa a pele respirar, mantendo-a uniforme e livre de oleosidade o dia todo.

  • Com filtros e pigmentos 100% físicos e minerais, Photoderm Cover Touch FPS 50+ oferece 08h de muito alta proteção contra a radiação UVB, UVA e luz visível.
  • TEXTURA REVOLUCIONÁRIA: Tecnologia com componentes em formato esférico que se dispersam perfeitamente para uma cobertura total que não obstrui os poros, não craquela e não acumula em linhas de expressão.
  • Alta fixação mesmo em condições extremas: fórmula resistente à água, suor e calor. Não transfere e não derrete ao longo do dia, com 08h de efeito base com acabamento matte, controle do brilho e da oleosidade aprovado por 94% das voluntárias.
  • Dia após dia, Photoderm Cover Touch FPS 50+ reduz a oleosidade através da patente Fluidactiv™, prevenindo o surgimento de novos cravos e espinhas.”

Já o Photoderm M SPF 50+,

  • “O protetor solar Photoderm M FPS 50+ traz uma nova fórmula patenteada que previne e clareia as marcas escurecidas no rosto, além de uniformizar e matificar a pele por 08h. Sua inovação, proteção contra a luz azul. combina pigmentos em alta concentração e ativos dispersores para uma proteção otimizada contra a luz azul que previne em 90% o rebote das manchas solares.
  • A fórmula do protetor solar ainda conta com a Glabridina, um poderoso ativo clareador dermatológico com eficácia comprovada na diminuição da síntese de melanina para agir nas marcas solares existentes.
  • O cuidado de Photoderm M FPS 50+ está disponível em nova textura toque seco, com cobertura ultra mate de longa duração que uniformiza perfeitamente a pele, camuflando marcas e imperfeições com acabamento natural.”

Ou seja, um é mais indicado pra peles oleosas e acnéicas e o outro para peles manchadas. Poderia ter um pras duas coisas né? rsrsrs

Os dois que recebi são cor Golden Colour (são duas cores apenas, clara e a dourada para o Cover Touch e apenas dourada para o Photoderm M! É isso mesmo?) e tem uma baita diferença entre as cores, apesar do nome ser o mesmo. Vejamos:

A esquerda, o Photoderm Cover Touch e a direita o Photoderm M. Achei a consistência dos dois parecidas, sendo o Photoderm M um tico mais densa. O Cover Touch é mais claro e achei a cor melhor pra mim. O Photoderm M ficou MUITO laranja. LEMBRANDO QUE OS DOIS TEM O MESMO NOME DE COR: DOURADO!

Amei a cobertura do Cover Touch, ficou igual base de alta cobertura mesmo! Reparem como cobre a tatuagem. Falar que não transfere NADA é muita ousadia, mas concordo que transfere bem pouco!

Gostei MUITO do Photoderm Cover Touch, tanto pela cobertura quanto pela cor mas confesso que queria que ele também tivesse a funcionalidade do Photoderm M de tratar as manchas… aí seria perfeito. Uma observação: a cobertura dele é REALMENTE alta, então fica meio reboquinho, mas há quem goste, tipo eu rsrs. Ah, e achei péssimo que o Photoderm M só tenha uma cor, vai ser difícil de usar, achei muito escura e vi várias reclamções sobre isso.

O preço médio deles é de R$ 100 e para quem se interessar, aqui tem o LINK.

  • Já usou? Usa? Gosta? Me conta!
Beleza
Swatches
03 ago 2020, 12 comentários

Swatch – Vermelhos da Bruna Tavares!

Segunda feira é o dia de resenhar produtinhos de beleza… já perceberam né? Toda segunda resgato a blogueira de 2009 que habita em mim e pinto o braço com maquiagens, tanto para ajudar vocês a comprar, a decidir a cor, quando pra me ajudar mesmo a ver a diferença das cores.

Hoje vou fazer o swatch de 3 batons líquidos em tons de vermelho da linha de maquiagens da Bruna Tavares, que cá entre nó, está mandando MUITO bem nos produtinhos! Comprei um outro, uma sombra primer que achei show demais, mais ficará para alguma outra segunda feira.

Então vamos lá.

Eu AMO batom vermelho, acreditem, acho rico, acho chique, acho poderoso, e por mais que já tenha alguns preferidos (tem post aqui com alguns dos que mais curto!) não posso ver uma novidade na internet que já fico querendo.

A Bruna Tavares vira e mexe aparece com algum vermelho que eu fico “UAU” e o primeiro que comprei foi o mais comentado e falado nos comentários do Insta dela, o batom Bruna.

Ok, comprei, mas quando provei, não amei tanto não. É um vermelho lindo, sem dúvidas, mas achei aberto demais pra mim. Eu gosto de vermelho mais fechado, mais sangue, mais vampira sabe? Daí vi outros no insta dela e comprei mais dois, o Angelina e o Bárbara.

Vejamos:

Olhando assim, parece tudo igual, ou quase igual, mas nem é!

Da esquerda para a direita: Bárbara, Angelina e Bruna.

Sempre da esquerda para a direita: o Barbara é um vermelho mais fechado, quase marrom. O Angelina (que era minha primeira escolha mesmo antes do Bruna) é um vermelho lindo, com fundo vinho, do jeito que gosto! Mas achei ele mais ralo que os outros… O Bruna, que o foi o primeiro que comprei influenciada pelos comentários alheios como sendo o vermelho mais bonito da vida, é lindo, mas é mais aberto.

Numa luz mais clara…

E no sol!

Bom é provar na boca né? Mas gente dá um trabalho… tem que fazer o buço, pra tirar um batom desses e trocar a cor é uó de difícil então em nome da preguiça, vai no braço mesmo, mas vira e mexe quando faço minhas lives, uso as makes novas. Assistam!

Esse é o swatch do insta da linha de makes da BT, dá uma pequena diferença né? Já de olho no Roberta.

  • Tenho gostado muito das makes da BT, qualidade boa e preço bom. Compro sempre na Sephora! Se alguém quiser o link, segue AQUI.