Lifestyle
Dicas de Viagem
12 mar 2019, 58 comentários

A Mala do Atacama!

AÊEEEEEE, chegou o post mais esperado da viagem! Fiz a ousadia de viajar durante 15 dias ente o Atacama, Uyuni, Bolivia, Cusco e Lima com uma mísera mala de 10kg. Achei que eu não conseguiria, afinal, pra uma viagem de final de semana eu costumo levar uma mala pequena lotada. Mas desta vez a proposta era outra… se tratava de uma viagem roots, sem luxos, sem mimos, leve e prática e a mala tinha que ser nesse estilo.

Como contei no post do Atacama (LINK), fomos de Sky Airlines de Santiago para Calama e pode levar uma mala de até 10kg na mão, só que mesmo assim preferi despachar, pagando bem pouquinho. Não queria o perrengue de carregar nada. E não levei bolsa, fui de mochila a viagem toda.

Montar a mala foi um desafio, em vários momentos quis desistir e ir de malona mesmo mas a insistência da minha mãe (“vai caber tudo sim!”) e o desafio do Leo (“duvido que você vai conseguir viajar só com uma mala pequena”) me deram forças para ir adiante com meu projeto.

FORÇA GUERREIRA! E consegui.

Aeroporto de Santiago, indo! E já usando as peças mais volumosas e pesadas.

Vou listar aqui as peças que levei e farei observações com o que NÃO usei e o que FEZ FALTA. Daí sim, vocês terão a mala perfeita para 15 dias de mochilão pela America do Sul, pegando praia, frio, deserto e neve! Loucura!

Vem ver:

Peças de Calor que LEVEI

  • Camisetas de malha de várias cores (levei branca, listrada, laranja, vermelha, cinza) FALTOU uma preta e deveria ter escolhido ou laranja ou vermelha porque nas fotos parece que é a mesma. Uma escolha mais inteligente seria ter levado uma verde, azul, amarela… Todas são da Rice And Beans (LINK), que tem a melhor malha e nem amassa! Além disso tem o comprimento perfeito pra usar com legging, o decote é ótimo e ainda dá para usar de dois jeitos.
  • Regatas: levei duas pretas (uma regata normal e uma cavadona, pra aparecer o top rendado mesmo), uma branca e uma verde. Não usei nem a verde e nem a branca e usei MUITO as pretas.
  • Uma blusinha preta, decotada, de tecido plano caso fossemos jantar em algum lugar mais chique. Escolhi o modelo mais errado possível, uma cachecour (essas de amarrar) que não ficou bem com quase nada que usei. Fora que amassou muito e perdeu todo o encanto de blusa chique. Recomendo uma blusa mais básica, sem detalhes, e sem dificuldades de vestir! Usei, mas não ficou bom.
  • Short jeans. Levei um só e senti falta de mais um, mas é que eu amo short jeans.
  • Short preto de alfaiataria. É ok, faz bonito, mas um de brim mais despojado teria me atendido mais. Pensei no de alfaiataria caso tivesse alguma saída mais chique durante a viagem, mas não teve e ele não funcionou bem nos outros dias.
  • Biquini! Levei um e um maiô. Só usei o biquini!
  • SENTI MUITA FALTA de um vestidinho leve e solto. Teve dias de muito calor e eu não aguentava mais usar o short jeans.

Valle de La Luna, San Pedro de Atacama. Camiseta de malha, legging, botinha.

Lagunas Rojas, Atacama. Regatão cavado, top de renda, legging, botinha, casacão, boné e lenço no pescoço pra dar o style.

Travessia do Uyuni. Legging, blusa de gola alta, polainas para dar um toque diferente na roupa e fleece da Decathlon colorido! E a botinha, claro!

Peças de Frio

  • Legging. Ok que não é uma peça de frio, mas também não é de caloooor né? Por isso deixei ela aqui. Levei duas, uma grossinha da Zara (material tipo malha, algodão) e uma de ginástica da Live. Gente, a da Live foi MARAVILHOSA! É uma de cintura alta, ela aperta tudo sem machucar ou marcar, super confortável, não esquenta, e é preta pretinha, ficou mara! E levei ela no susto porque era a única preta inteira e sem detalhes que eu tinha (de malhar). Depois dessa viagem quero dela de TODAS as cores mas não achei ainda… As duas foram essenciais, TEM QUE levar duas para intercalar, mas a da Live foi a melhor justamente por ser mais confortável. Segue o LINK.
  • Calça jeans, levei uma só e usei super pouco. Desnecessária. Conforto é a palavra chave e por mais que estejamos acostumadas a usar jeans, com o corpo suado, ou com um pouco de desconforto que tiver, fica bem ruim.
  • Roupas térmicas: fiz a festa na Decathlon chilena mas tinha as mesmas coisas que tem aqui no Brasil. Reconheci vários brasileiros usando as mesmas roupas hahahaha. Levei duas blusas térmicas (mas poderia ter sido só uma), uma calça térmica fininha (comprei na Uniqlo), meia calça termica (mas foi desnessária), luvas (usei uma vez só), gorro térmico (nem usei). SENTI FALTA de um cachecol! Segurei a onda com blusa de gola alta mas se tivesse um cachecol seria melhor. Acabei comprando um quase no final da viagem, em Machu Picchu porque queria fazer fotos coloridas.
  • Uma blusa preta de manga comprida e gola alta, da Intimissimi. Usei MUITO! Poderia ter levado uma off white também.
  • Uma blusa listrada de manga 3/4  e justa da Zara. Usei uma vez só, acho que teria usado mais se fosse mais soltinha e larguinha.
  • Uma jaqueta de couro preta (usei só pra fazer style mesmo, porque não é muito funcional, mas fica mara nas fotos)
  • Uma jaqueta dessas fofinhas com capuz pro frio (usei MUITOOOO praticamente todos os dias). A minha cobre o bumbum e isso é bem importante porque como quase sempre estava de legging, não é bacana buzanfa de fora. Comprei meu casaco no Chile.
  • Jaqueta jeans, também não é muito funcional mas servia para amarrar na cintura.
  • Tricô, levei vários fininhos (um preto, um verde e um amarelo) e só usei UM! Um mais grosso, porém mais certinho no corpo e comprimindo. Acho bacana looks despojados com coisas amarradas na cintura, por varias vezes usei o tricô e as jaquetas para esse truque. Uma dica importante é levar blusas e tricôs COMPRIDOS, que além de ficar mais bonito esteticamente em produções despojadas, são mais funcionais.
  • Maxi cardigã de malha. Levei um cinza da Rice and Beans e senti falta do listrado! Para fotos fica lindo e é só colocar uma regata preta e legging por baixo que fica arrumado, leve e confortável.
  • Levei um tricozão, grande, pesado e NÃO USEI! Na verdade usei uma vez só de raiva porque ele estava ocupando espaço e não se encaixava com nada.
  • Também levei mais um casaco de frio preto, que além de ter levado errado (era um da minha mae, achei que era meu), nem quis usar porque não foi necessário. Um bom casaco preto impermeável tá ótimo!

Dia dos gêiseres e o dia mais frio. Legging, calça térmica, casacão e tricozão (que usei só por causa da gola) e botinha.

Atacama. Short jeans, botinha, regatão, top de renda, e jaqueta amarrada.

Fronteira da Bolívia. Legging, tenis Vans, tricô da AMARO na cintura, camiseta da Rice And beans, jaqueta de couro.

Sapatos

  • Botinha de trekking, TEM QUE LEVAR! TEM TEM TEM, sem dúvida alguma! Usei praticamente TODOS os dias e valeu cada caro centavo. Eu tenho uma aqui no Brasil que comprei justamente para ir ao Atacama em 2016, mas desta vez como não sabia se iria ou não pro deserto, não levei a bota pro Chile mas lá tive que comprar outra. Comprei na Lippi, uma marca chilena de outdoor e paguei cerca de R$ 300, o que nem é tãaaao caro assim. A minha é essa DAQUI. Ok que é um tipo de sapato que a gente usa bem pouco, mas juro que não sei como seria a viagem sem ela. Tênis normal, NÃO DÁ CONTA.
  • Tenis levei um só, um Vans e deu pro gasto quando não era passeio em terreno bruto, tipo saidinha a noite ou bater perna em Lima. Tem gente que acha que ele machuca, mas pra mim ele é ok. Mas daí fica a critério de vocês levar um tênis mais estilosinho e confortável. Necessário também.
  • Um chinelo, tem que levar ne?
  • Levei uma sapatilha QUE NÃO USEI! Sapato de cidade não rola mesmo! Salto nem pensar. Talvez deveria ter levado mais um tênis estilo, um Converse, algo assim.
  • Levei uma rasteira também que NÃO USEI. Tem que ser tênis gente.

Copacabana, Bolívia. O único tricô que usei (da AMARO, segue LINK). Legging, botinha de novo. 

Cusco. Base toda preta, maxi cardigã Rice And Beans, tenis Vans e lenço no pescoço.

Toda de preto com jaqueta de couro para bater perna em Cusco.

Acessórios transformadores de look:

  • Lenço, levei um da Zara colorido que usei no cabelo, na mochila e como cinto.
  • Polainas! Minha mãe tinha algumas e levei duas estampadas para mudar a cara da legging.
  • Boné. Levei um jeans de 1820 que nem lembro onde comprei!
  • Óculos: levei dois, um espelhado Prada e um preto Wayfarer da Ray Ban. Usei muito mais o Ray Ban, mais esportivo e combinava mais com os looks roots.

Machu Picchu. Camiseta vermelha e polaina e cachecol coloridos que comprei lá para deixar o look mais andino e bonito pra foto.

Lima, batendo perna. Calor. Short jeans, tenis vans e a blusa de tecido que me deu ódio. Desta vez usei o lenço no cabelo. Nos outros dias, usei o lenço amarrado na mochila.

Lingerie

  • 2 sutiãs confortáveis e sem renda (prefiro, acho mais gostoso de usar rs)
  • 1 top de renda que usei MUITO (poderia ter levado mais um!)
  • 7 calcinhas (fui lavando durante a viagem)
  • 3 pares de meia, mas poderia ter sido uns 7 pares. Usei todos os dias e tinha que lavar direto.
  • 1 pijaminha CONFORTÁVEL, velhinho, gostoso. Levei um que minha mãe me deu e não achei muito confortável. Acabei dormindo de camiseta praticamente todos os dias.

Tive que comprar:

  • Capa de chuva, compramos em Cusco!
  • Cachecol e polainas coloridos, também em Cusco, para a foto clássica de Machu Picchu. Era quase o final da viagem e tava enjoada das minhas roupas.
  • SENTI FALTA de uma POCHETE. As vezes íamos dar voltinha curta e a minha mochila era grande ou pesada. Uma pochete estilosinha seria o ideal (estilosa mas esportiva). Quis comprar, mas achei todas feias.

É bom levar:

  • Protetor solar facial e corporal
  • Toalhas de microfibra
  • Balm Labial
  • Fluidificante e descongestionante nasal (tipo Rinosoro ou Sorine)
  • Remedios pra dor de cabeça, dor no corpo e gripe
  • Álcool em gel para higienizar as mãos
  • Lencinhos umedecidos
  • Lenços de papel (desses pacotinhos pequenos ou papel higiênico mesmo)
  • Produtos de higiene pessoal, tudo em embalagens Travel Size.
  • Barrinhas de cereal e chocolates
  • Bateria extra para celular

Maquiagem (levei uma mini necessaire e foi mais que suficiente):

  • Uma base
  • Lapis de olho (levei marrom e preto)
  • Um blush (levei um tipo bronze)
  • 2 batons (um nude e um vermelho, mas só usei o nude)
  • Um corretivo
  • Pó compacto (levei um blot da MAC)
  • Preenchedor de sobrancelhas
  • Delineador (no meu caso, que sou viciada né?)
  • Os respectivos pinceis

Acessórios:

  • Levei uma mini bolsinha mas fiquei praticamente a viagem toda com o mesmo brinco, pequeno e discreto.

Lavamos roupas duas vezes, uma em San Pedro de Atacama, no hostel que ficamos 4 noites e uma em Cusco, onde ficamos 5 noites. Nos lugares onde passaríamos mais tempo, fizemos essa limpeza das roupas rs. Calcinha, eu lavei todos os dias no chuveiro mesmo.

Eu não levei MAS PODERIA TER SIDO UTIL, um look de jantar arrumadinho. Acabou que não fomos em nenhum lugar mais fino a noite, mas como ficávamos na rua o dia todo, nem daria para trocar de roupa. Isso vai de cada um, se for rooooooots mesmo, a gente vai comer em qualquer lugar com a roupa do dia, se rolar descanso, hotel e tal, vale a pena um look mais arrumadinho.

  • É isso! Acho que ficou bem completo mas obviamente devo ter esquecido de alguma coisa… A medida que for lembrando, arrumo aqui ok?
  • Arrasei, sim ou sim???
Escreva seu Comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui
58 comentários em “A Mala do Atacama!”
  1. Camila12/03/19 • 13h14

    Arrazou, Cony!
    Estou pensando em viajar por 20 dias pela Europa em julho só com uma mala de mão também!

  2. Beti Pietro12/03/19 • 13h14

    Amei o post, pois vou viajar e vou levar 1 mala 10 kg e 1 mochila. Vamos ver se consigo

  3. Natália Costa12/03/19 • 13h23

    ARRASOU DEMAIS! Amei, Cony! ❤️ Obrigadaaaa! Vou guardar pra vida! Bjs

  4. Flavia Zelinda Fernandes12/03/19 • 13h25

    Você é maravilhosa!!!! Viajei junto com vocês no começo do ano e graças às suas postagens que foram inspiração pura em julho To indo!!!! Você é sensacional Conny

    • Constanza12/03/19 • 13h41

      Vc vai AMAR!

  5. Ana Luisa12/03/19 • 13h34

    Arrasou mais uma vez, Cony!
    Quem quer ir para o Atacama basta ler os seus posts das duas viagens que fez, pois são super completos e não deixam dúvidas.
    Os looks estão ótimos e o que eu mais amei foi o “Base toda preta, maxi cardigã Rice And Beans, tenis Vans e lenço no pescoço.”

  6. Laura12/03/19 • 13h45

    Post utilidade pública para quem vai viajar com mala pequena. Acho que vale como base para qualquer viagem, pois tem um pouco de tudo que é essencial pra calor ou frio. Cony, curiosidade: estou louca querendo comprar as blusas de gola alta da Intimissi, qual tamanho você veste?

  7. Hellen12/03/19 • 13h58

    Oi, Cony! Amei o post, vou usar muito suas dicas na viagem que farei em breve ao Peru. Me tira uma dúvida, se puder: as polainas que vc comprou são de lã natural ou sintética? Pergunto pq sou vegana e tenho curiosidade em saber se eu conseguiria comprar algo lá de tecido sintético.

    Beijo!

    • Constanza12/03/19 • 14h03

      Tudo de lã natural.

  8. Fabiana Pessoa12/03/19 • 14h06

    Você sempre arrasa, Cony!!! Por sinal, comprei um lencinho na Zara muito parecido com o seu. Vc tem cupom de desconto na AMARO?

  9. Dani12/03/19 • 14h21

    Arrasou!!!

  10. Lúcia12/03/19 • 14h34

    Tô impressionada com essa quantidade de roupa, mais sapato, mais nécessaire terem dado só 10kg. Sempre que vou a SP visitar o meu irmão, faço uma mala de 10kg no sufoco, tendo que tirar coisas pra não ultrapassar o limite. Acho que nécessaire pesa mto. Vou guardar esse post pra quando for ao Atacama, em breve (eu espero). Bjo.

    • Constanza12/03/19 • 14h45

      Conta mochila tb. Necessaire Acessorios foram todos na mochila

  11. Glaciele12/03/19 • 14h55

    Arrasou demais, como sempre. Passei pra conferir se estava indo no rumo certo e até que não sai mal, tinha prestado atenção quando você foi dando dicas nos storie. Muito obrigada.

    • Constanza12/03/19 • 16h35

      Obrigada!

  12. Tati de Porto Alegre12/03/19 • 15h54

    Cony do céu, ficou bom isso ai, heeeein?!
    Dúvidas: tu usa a calça térmica por cima de uma legging? Pergunto pois entendi que esquenta ao longo do dia e eu uso as minhas sempre embaixo de uma corta-vento, o que me impede de tirar a térmica depois.
    A dica da polaina e lenço é ótima =) Eu mega enjoo das mesmas roupas em foto no fim das viagens, hehehe, mas preciso me policiar, já que escolho tudo muito colorido e ai não tem acessório que resolva! San Pedro não é boa de “acessórios fashion locais” igual o Peru?
    A toalha é para os passeios que tem banho? Tô mega curiosa como vai ser isso, dá pra trocar o biquini molhado pra voltar pra San Pedro?
    Ps: tô torcendo pra fazer frio esse ano e a gente poder te ver com essas polainas lindas!

    • Constanza12/03/19 • 16h34

      Por baixo da legging. Tudo o que é térmico fica direto com a pele. Mas pq impede de tirar depois? Eu tirava quando fazia calor. Artesanato em Adan Pedro eh caro.

      • Vanessa12/03/19 • 18h13

        Cony, acho que ela quis dizer quanto à logística de tirar a roupa toda pra tirar a térmica e recolocar. Se tem que fazer a troca dentro da van mesmo ou se tem banheiro próximo.

        • Tati de Porto Alegre12/03/19 • 19h55

          Exatamente, Vanessa =)
          (Li tanto blog falando que não tem banheiro nos passeios que não imaginei ser possível trocar de roupa no meio do caminho!)

          • Constanza12/03/19 • 21h54

            tem banheiros sim, e na van tb da pra trocar. Ou atras da van… eu não tenho problemas com isso…

    • Érika13/03/19 • 09h01

      Cony sem frescura #amei.

  13. Luana Silva de Oliveira12/03/19 • 17h34

    Perfeito Cony! Super explicado, bem útil mesmo! Arrasou!

  14. Eloisa12/03/19 • 17h54

    Amei o post! Extramente útil!

  15. Su12/03/19 • 18h01

    Cony, que inspiração seus looks. estou com este desafio, mas acho que vai ser mais difícil. Vou pra Ushuaia no inverno com mala de 10kgs. Como vou fazer ?!? Uma dúvida que ficou foi sobre os presentinhos. Sempre trago coisas pra minha família. Vc trouxe alguma coisa? Deixou espaço na mala pra isso?

    • Constanza12/03/19 • 18h49

      Não! Nunca compro nada pra ngm.

    • Tati de Porto Alegre12/03/19 • 20h00

      Ushuaia tá tomada de lembrancinhas made in China (chaveiros, ímãs, camisetas, tudo bem comunzão) =( O mais local que tu consegue é comida – na minha última visita a Ushuaia a mala voltou 7kg mais pesada (ok que comprei uma bota de neve). Eu sempre viajo com o fecho de aumento da mala fechado e preciso abrir na volta. Mas com mala pequena… Manda postais de lá do fim do mundo e volta feliz da vida cheia de memórias pra contar!

      (Pra ser justa, nem tudo é da China. Tem uma lojinha de arte local que tem telas originais belíssimas pintadas por marinheiros que cabem esticadinhas na mala – na próxima vou já planejando trazer alguma!)

  16. Paula Melo12/03/19 • 18h27

    Oi Cony seu post vai ser muito util para mim pois vou fazer um tour pelo Peru em Outubro so me admiro dessa quantidade de roupa so pesar 10kg e de caber nessa malinha pequnininha!
    Obrigada pelas dicas e pela partilha.
    Um beijinho

  17. Jaqueline12/03/19 • 18h56

    Post perfeito.
    E a qualidade dessas fotas? Perfeita. Foram tiradas de câmera profissional ou celular? Pode falar a marca/modelo?
    Beijos e sucesso!

    • Constanza12/03/19 • 21h54

      Iphone X

  18. Silvia12/03/19 • 20h03

    Nossa, arrasou muito!
    Fiquei 10 dias lá (Atacama e Salar de Uyuni) e levei uma mala média com 15 kg. Não consegui ser tão compacta como vc.
    Cheguei ontem de viagem e fiz tudo com a Araya usando seu cupom de desconto. 🙂
    Obrigada, Cony maravilhosa! Bjs

  19. Márcia12/03/19 • 20h22

    Muito legal!!!! Também fiz roteiro parecido, por 16 dias, levando uma mala com nem 10 kg. O problema foi a volta!! Voltei com 3 malas!!!! Não resisti aos souvenirs, vinhos chilenos…enfim…passeio inesquecível!

  20. Nádia12/03/19 • 20h31

    Oii, Cony! Comecei a te acompanhar a pouco tempo e já adorei esse post. Super dica, prática e estilosa. Super curti o Max cardigã, look preto, polaina, lenço… Demais! Já está salvo nos meus arquivos – referências haha. Um abraço

  21. RITA DE KASSIA QUEIROZ PEREIRA COELHO12/03/19 • 23h08

    Amei suas dicas linda. E amei as fotos!
    Estamos indo nesse sábado para Santiago.
    Será um passeio por uma semana e com nosso filho de 7 anos… Ai vamos aproveitar muito. Obrigada

    • Constanza13/03/19 • 12h32

      Vcs vão amar!

  22. Renata Castro13/03/19 • 09h26

    Post sensacional, Cony!! Vai servir como parâmetro para várias viagens!! Bjos

  23. Dani R.13/03/19 • 10h17

    Fotos lindaaaas, arrasou demais na mala! Realmente a gente se ilude achando que vai sair pra jantar, mas essas viagens de aventura são tão cansativas que bate aquela preguiça de ir pro hotel, trocar de roupa… Sua observação de levar um vestido leve foi ótima, pois a gente acaba enjoando de roupa de malhar. Parabéns pela mala e pelo post!

    • Constanza13/03/19 • 12h31

      exatamente, não tem nada muito glamouroso rsrsrs

  24. Marcella13/03/19 • 13h03

    Escândalo de fotos!Meu sonho é viajar com gente que sabe tirar foto. Eu manjo de fotografia mas não rola tirar selfie toda hora.

  25. Maria Celia13/03/19 • 13h41

    Estou indo para a Europa e vou enfrentar o frio , queria ter aproveitado as fotos….. é só para mim ou não tem nenhuma foto????

    • Constanza13/03/19 • 16h14

      Como assim? Tem um monte de foto sim rsrs

  26. Rose Tabaldi13/03/19 • 15h42

    Com legging sempre alguma coisa comprida ou amarrada na cintura né?! E Cony, esse tricô da Amaro está parecendo mara hein!

  27. Letícia13/03/19 • 15h48

    Ótimo, Cony! Adorei as dicas, obrigada!
    Estou planejando essa viagem Atacama/ Bolívia, e você está me convencendo a pegar mais 5 dias e fazer Peru tbm rs
    Uma dúvida: você não levou secador? Sentiu falta? Você dorme de cabelo molhado msm?
    Beijos

    • Constanza13/03/19 • 16h13

      Levei não. Seco naturalmente.

  28. carla13/03/19 • 15h48

    Cony, onde vc comprou essa regata?? queria tanto uma assim…

  29. Cindy13/03/19 • 17h07

    kkkk nada nos instiga mais do que o boy dizer “duvido” kkk
    Arrasou nessa mala.

    • Constanza13/03/19 • 19h32

      Bem isso kkkkk

  30. Anna13/03/19 • 17h25

    Oi! Vc desistiu da Rice and Beans???!!!! Não né?! Pq não tem quase camiseta nenhuma! Vai ter reposição? 😉 ***

    • Cristina14/03/19 • 17h01

      Também não achei, aliás não tem quase nada lá!!

  31. RAFAEL DE MESQUITA MARTINS13/03/19 • 19h31

    Ficou otimo, Cony!! Vc arrasa!

  32. Ingrid B13/03/19 • 19h43

    É pra isso que eu pago internet! Arrasou, mulher! Post mega útil!

    • Constanza13/03/19 • 20h36

      Obrigada!

  33. Janete Salazar13/03/19 • 21h35

    Gostei das dicas.. sempre bom saber o que levar e não levar coisas desnecessárias..em agosto vou pro Chile…o que realmente levar pro frio?? Um abraço.. Janete

  34. Tatiana14/03/19 • 14h39

    Fiquei só imaginado se fosse eu kkkk. Sempre me programo para uma mala bem minimalista mas acabo levando até enfeite de geladeira kkkk.
    Ah, achei super lindo seu Ray-Ban, sabe dizer qual a referência?
    bjs

    • Constanza14/03/19 • 23h20

      É wayfarer

  35. Aline Oliveira16/03/19 • 21h30

    Você sempre arrasa!
    Estou tentando comorar as camisetas da rice and beans e não consigo. Entro no site e não aparece as opcoes de cor.

  36. Paola18/03/19 • 19h12

    AMO malas de 10kg hahaha <3
    Já viajei pra Europa por 20 dias com uma mala assim.
    Vou pra SP/NYC (20 dias) essa semana com 10kgs também. Inclusive esse maxi-cardigan Rice and Beans vai comigo. Maravilhoso.

  37. Pam03/04/19 • 21h54

    Cony e meninas: a Ana do @modapenochao é consultora de estilo e fez recentemente uma mala de 4,6kg pra 10 dias em Portugal. Acho esse post e o dela muito complementares, vale a pena conferir! (aliás, ela e você são duas únicas pessoas que eu conheço que escrevem sobre moda e que tem LEITORAS ♥️ amo)