Moda
Como Usar, Personal Stylist
09 jun 2021, 14 comentários

Fala Que Eu Te Escuto – Corpo Triangulo Invertido

Quanto tempo que não faço um Fala Que Te Escuto! Dei uma olhada nos pedidos de ajuda no meu email e achei esta dúvida bem bacana e que pode ser a questão de muita gente:

Oi, Cony! Tudo bem? Sou sua seguidora há aaanos (inclusive, saudades das dicas do Ali Express kkk)
Bom, estou com dúvidas sobre vestuário. Tenho aparentemente o tipo de corpo triangular (ombros mais largos que quadris). Tenho também o tronco curto e, proporcionalmente, tenho a sensação de ter pernas mais longas (mas não sei mesmo se é isso 🙁 ).Sou tb baixinha (1.61).
Enfim, queria dicas de vestuário para quem tem corpo triangular, com tronco curto e é baixinha.
Pode me ajudar?
Beijo e obrigada!
Marcia

Gatona, seu corpo é triangulo INVERTIDO, quando os ombros são mais largos que os quadris. Se fosse apenas triangular, seria o contrário, ou seja a parte de baixo mais larga que a parte de cima. É um formato bem comum e super facil de identificar!

Vamos desenhar aqui para ficar ainda mais simples de analisar:

Ombros mais largos que os quadris, caracterizam um corpo triangulo invertido!

Para conseguir um efeito visual mais harmonioso e equilibrado, precisamos de fazer uso das roupas certas para esse biotipo que, com um pouco de atenção, se torna simples de fazer e logo você estará fazendo as escolhas exatas praticamente no automático. Mas vamos lá, o que fazer para equilibrar a silhueta de um triângulo invertido? Pense comigo: se na parte de cima é mais largo, temos que usar técnicas para estreitar essa região visualmente, bem como “alargar” a parte de baixo, resultando assim em um visual com menos proporções aparentes e muito evidentes.

Então, na parte de cima, menos volume, chamar menos a atenção, suavizar o olhar. Na parte de baixo, o contrário, mais volume e detalhes. Precisamos tirar o foco da parte de cima. Como?

Na parte de cima, é bom evitar:

  • tomara que caia (pois cria uma linha horizontal que alarga o tórax)
  • decote canoa (novamente a linha horizontal criando uma região mais larga)
  • decote ombro a ombro
  • estampas chamativas (já é mais largo em cima, se usar estampa, chama ainda mais a atenção para a região)
  • babados
  • mangas bufantes (socorro! Altamente perigoso para triângulos invertidos)
  • ombreiras (socorro 2!)
  • muitos detalhes

E o que ajuda a equilibrar a parte de cima?

  • decote V (pois verticaliza a silhueta)
  • cores neutras (suavizam o look)
  • cores escuras (diminuem a região)
  • peças lisas
  • peças mais certas no corpo (não justo colado, mas certo, fit)

Na parte de baixo, precisamos chamar a atenção, então aconselho usar:

  • pantalonas (volume! êeeee)
  • calças estampadas (chamar a atenção mesmo!)
  • calças largas
  • saias evase (cria cintura e logo abre na barra)
  • corte A
  • babados
  • detalhes
  • comprimento midi (além de elegantérrimo, ajuda a equilibrar proporção)
  • saias plissadas
  • NÃO USAR calças justas e saia lápis, pois “afunilam” ainda mais a parte de baixo, mesmo neutralizando a parte de cima, é bom cuidar de equilibrar a parte de baixo TAMBÉM!

Vejamos alguns looks???

Ah gente é tão legal usar roupas com propósito e entendendo o próprio corpo! O resultado é IMEDIATO e a auto estima vai pras alturas! Olhem só que lindos esses looks acima: blusas em tons neutros, saias midis, fluídas e com estampa. Reparem como o olhar vai pra saia, pra parte de baixo. Pronto, triângulo invertido perfeitamente equilibrado!

Vestidos na pegada ladylike, mais certos em cima, cintura no lugar e logo uma saia evasê. Perfeito! Ah e se repararem bem, a maioria das modelos de passarela tem biotipo triângulo invertido!

Ai to empolgada com este post. Quando exemplo lindo! Novamente, parte de cima mais certinha, cores neutras (escuras melhor ainda) e na parte de baixo pantacourt! Importante ter a cintura alta! Vamos deixar tudo no lugar. E pra quem for triângulo invertido e baixinha, escolha sapato nude, peito do pé livre ou sapato na mesma cor da calça saia.

Lindeza! Detalhes, muitos detalhes na parte de baixo! Super super liberado! Se joguem nas calças e saias de paetês, babados, rendas, plumas, o que for!

Estampas! Calças e saias estampadas e parte de cima lisa! Lembrem-se do decote V, ele ajuda MUITO!

Pantalonas! Gente quero ser triângulo invertido hahaha, tudo que gosto! O volume na parte de baixo dá aquela equilibrada perfeita e vamos reparar na parte de cima desses looks? O primeiro com decote V profunto (sexy!) e o segundo estilo nadador, que “junta” os ombros pois o desenho da blusa afunila a parte de cima. Não tá mara e simples de entender?

Marcia, depois dessa tenho certeza que você vai arrasar! As dicas estão super simples, fáceis e desenhadinhas. Me conta o que achou!

  • Gostaram gente? Querem mais posts assim? É só mandar um mail para constanza@futilish.com e no título colocar FALA QUE EU TE ESCUTO com sua dúvida fashion! E não confundam, o FALA é pra moda, o CHORA é pra perrengues pessoais rsrsr. Comentem aí falando o que acharam!