LifestyleModaFHIts
Diario de Viagem, Fashion News, Looks
28 jul 2017, 4 comentários

Moda Mineira em Miami!

E o que teve de roupa bonita em Miami hein??? Mas com certeza, uma das marcas que mais chamou a atenção e que mais vestiu bem a mulherada foi a Regina Salomão.

De Belo Horizonte. Momento orgulho de ser de BH.

Eu sempre bati na tecla do quanto a moda mineira é linda, bem feita e caprichada, e agora, tomando ares internacionais! Nada me satisfaz mais do que usar na gringa algo que é produzido na minha cidade do coração.

Regina Salomão tem melhorado visivelmente nos últimos tempos. É cada modelo mais maravilhoso do que o outro, tudo isso criado pela filha da dona Regina, a querida Cristina Salomão, Diretoria Criativa da grife, que tem um olhar super apurado sobre moda e que investe pesado em pesquisa. OPA, coisas que amo fazer, pesquisa de moda! Lembram do meu curso no Marangoni né? Era justamente sobre isso, Trend Forecasting, e sei o quanto é importante para uma grife sair mundo afora observando tudo o que está acontecendo para finalmente transformar isso em moda e desejo.

A marca nos ofereceu um sunset, no Le Zoo, restaurante super gostoso no Bal Harbour Shops e TODAS vestimos Regina Salomão!

Junta todo mundo pra foto!!!!! 

A marca, super tradicional e com forte nome no mercado mineiro e nacional, passou por uma reformulação e se fortaleceu ainda mais. A coleção atual, a que vestimos em Miami, é inspirada nos balneários franceses e tem muito vichy (há, lembram do tanto que falei dessa estampa né?), florais e listras! Deixa eu mostrar meu look!

Blusa transpassada, com estampa vichy azul e manga bufante. Linda! Produzi com uma saia midi, levemente rodada e bolsa vermelha. Adoro essa combinação.

Escolhi acessórios dourados, simples, sem muitos detalhes.

E agora vejamos os looks das meninas!

Bruna Unzueta num longo lindo com babados e listras. Alice Ferraz no longo mais lindo da coleção e com a combinação de cores da moda, vermelho e rosa! Não parece que o vestido esta dançando??? Amo esse movimento!

Luiza Sobral e Carolina Tognon, as duas listradas. Mais um motivo para eu amar a marca. Listras!

Shapes super femininos e cores lindas. E bem fiel a inspiração, os balneários franceses!

Carol, Cris Salomão e eu!

O nome dessa coleção é Be Grateful, e Cristina Salomão arrasou nos modelos. Todos lindos, todos femininos, elegantes e ao mesmo tempo com muita informação de moda. Eu vestiria TODOS  eles!

E no final, ainda ganhamos presente da marca! Um body lindo, com uma saia e chapéu! A vontade de usar era tanta que dei um jeito de usar na piscina do hotel, horas antes de ir pro aeroporto. Amei o presente!

  • Gostaram? Aposto que ficaram desejando várias peças… Minas Gerais né gente? Daqui só sai coisa boa e com muita qualidade!
ConstanzaLifestyleFHItsLifestyle
Dicas de Viagem
27 jul 2017, 8 comentários

Mi Miami Mia!

Pois é, estamos em Julho (quaaaase Agosto) e acabo de voltar de Miami novamente. No começo do ano, logo depois da semana de moda de NY, fiquei quase 3 semanas lá lembram? Fiz altas compras pra casa nova, curti a praia e as amigas. Desta vez, a semana de moda foi lá mesmo, a Miami Swim Week, que é um pouco diferente das outras fashion week pois é só de roupa de praia. Vou postar alguns dos desfiles que fui para vocês verem o que tem de novidade no mundo dos biquinis mas já adianto que não achei muito aplicável ao nossos costumes, mesmo sendo algumas marcas brasileiras. Enfim, hoje quero mostrar um pouco do que foi nossa chegada lá, onde ficamos, e como foi essa semana na quente Miami. Meu Deus, como estava calor lá! E muito úmido, ate os próprios moradores estavam reclamando.

Bom, eu, Carol Tognon e Luiza Sobral chegamos antes da semana de moda oficial. Nossa agenda com o Fhits começou dia 21 mas dia 18 já estávamos lá aproveitando os dias livres para comprar algumas coisas e curtir a praia. Depois o trabalho seria intenso! Um dia depois, chegaram Rebeka Guerra e Rê Uchoa, mas como cada uma estava em um canto (eu e Carol ficamos na casa da minha amiga e as meninas em hotel/casa de amigas) só fomos nos ver mesmo para a Fashion Week.

Logo na chegada, o Fhits nos disponibilizou um serviço de transfer que estava nos esperando no desembarque. AMO chegar em algum lugar e ter gente com a plaquinha com meu nome hhaahahahahahahahaha, fico me achando A importante kkkkkkkk, eu sei que é bobo mas sério, gosto muito rs. Como sou a mais apressada de todas e acabo sempre saindo na frente, encontrei com a Thais do Eagle Tour na saída com a tal plaquinha. UMA FOFAAAAAA! Ela e o marido – Airton – moram em Miami há mais de 20 anos (são brasileiros) e montaram essa empresa de transporte e translado. Uns queridos sem fim, super gentis, discretos, atenciosos, PONTUAIS (como isso é importante quando se trata de transfere né) e ficaram com a gente durante a semana de moda. As vans são novinhas (de verdade, acabaram de comprar), ar condicionado geladinho (o que era muito importante por causa do calor e das maquiagens rs), são brasileiros (ou seja, zero problema com idioma) e além dos serviços de translado, também fazem city tour e tour de compras em português com guias brasileiros.  O site é o www.eagletourmiami.com e foi um dos melhores serviços de translado que já usei.

Ultimo dia, Airton e a mulherada toda! Teve que colocar uma carretinha para levar as malas kkkk Mas também né? 7 blogueiras em semana de moda é roupa DEMAIS! Obrigada por tudo Eagle Tour, principalmente pela paciência rs.

Acho que já contei que morei em Miami alguns anos atrás né? Na verdade, morei em Boca Raton e sempre que ia para a cidade, ficava em donwtonw, na Rodeo Drive ou em South Beach MAAAAASSSS peguei paixão pelo norte de Miami. Em fevereiro fiquei em Sunny Isle e agora em Bal Harbour, que são colados. Já tinha ficado antes em Bal Harbour e amado pois é uma Miami bem mais legal, mais sofisticada, mais fashion! As praias são melhores, mais vazias, a água mais cristalina e azul! Também tem váaaarios restaurantes legais, os shoppings mais bacanas estão por lá, além de todas aquelas lojas que a gente ama. Não é aquele confusão da Lincoln Road nem da Ocean Drive sabe? Mais tranquilo, mais sossegado e mais lindo.

Bal Harbour NÃO é um bairro de Miami, é como se fosse uma cidade, com “prefeitura” e tal. Ficar lá tem várias vantagens como por exemplo ganhar um cartão VIP  que se chama Bal Harbour Access Program que dá acesso gratuito a vários museus e galerias de Miami por UM ANO! Quem mora e quem se hospeda lá, recebe esse cartão.

Nós ficamos no St. Regis, um dos hotéis mais bacanas da região. Já é minha segunda vez lá cof cof cof. Virei habituée rsrsrs.

Visual do hotel desde a praia…

Lobby do St. Regis… um dos mais lindos da vida!

Vista do quarto!

Café da manhã!

Mega caprichado! O breakfast do St, Regis é num restaurante que se chama Atlantikos, grego, LINDO! Até o chef do restaurante é lindo hahaha, grego de verdade rs. Enfim, comi bem viu? Voltei gôda.

No jantar de boas vindas usei um vestido branco da Olympiah que achei a cara de Miami. Lindo né? Dá par ver o restaurante ao fundo? Quem me acompanhou pelo Storie deve ter visto tudo!

Eu e Lu nos brindes da vida rs

Bom, mas semana de moda tem desfile certo? E no dia 21 fomos ao primeiro deles. Não vou postar o que foi desfilado aqui, pois já tem muita foto, farei num post a parte!

Para o primeiro desfile da temporada, fui de macacão Kaele. Alfaiataria de primeira e super moderno ao mesmo tempo.

Vários desfiles foram realizados no W Hotel, em South Beach. A decoração estava linda!

Então, dia 21 desfile, dia 22 cafe da manhã, almoço e jantar de boas vindas! Pera, pulei o almoço!

O almoço de boas vindas foi na Villa do St Regis, que são cabanas completas (cama, tv, cozinha, banheiro) para Day Use. Detalhe, o lado da piscina e de frente pro mar. Imagina a vista?

E para o almoço usei um longo de tricô da rainha dos tricôs, Cecília Prado! Usei uma das minhas combinações de cores preferidas, laranja AND turquesa. É muito balneário chique né? (Dica: na Farfetch tem várias coisas da Cecília Prado em promoção! Vestidos pela metade do preço viu? Aqui o link direto)

Lembram do cartão VIP que todo mundo que fica em Bal Harbour recebe? Pois é, fomos no Perez Museum, um museu de arte BEM legal e vi várias obras que me fizeram pensar muito… Tem uma bem profunda do carioca Cildo Meireles, que em plena ditadura militar brasileira, protestava aplicando mensagens em silk screen em garrafas retornáveis de Coca Cola (aquelas de vidro), que voltavam a circulação com mensagens questionando o regime militar (tipo “Onde Está Amarildo?”) e até mesmo contendo receita pra fazer coquetel Molotov! Quando a garrafa estava vazia, não dava para ler, mas quando cheia, apareciam as mensagens. Tá lá no Perez Museum!

E no Philip and Patricia Frost Museum! Um museu de ciências com um moooonte de atrações. Achei ele mais voltado para o público infantil, então quem for com crianças para Miami, TEM QUE IR nesse museu! Bem que tentei fazer uma foto decente do aquário mas não deu rs.

O que usei no dia dos museus? Blusa Regina Salomão, saia Olympiah e rasteira Paula Torres. Gente, pro museu, sapato baixo viu… tem que andar um bocado.

Que mais fizemos fora os desfiles?? Hum… Ah, teve uma ação na loja da Stella McCartney do Bal Harbour Shops onde cada uma tinha que montar um look 100% com peças da loja. A única exigência era que tinha que usar o sapato icônico da marca, aquele flatform super famoso. O meu look ficou assim:

Tudo da Stella! Aúheique ficou bem minha cara né?

Um dia antes de voltarmos, teve um coquetel para o lançamento do livro da Alice, Moda a Brasileira, o único título em português a ser vendido na Books and Books de Bal Harbour, umas das maiores e mais importantes livrarias dos USA. Amei essa livraria, enorme, e o que tem de livro legal gente… vários coffee table books que fiquei louca pra comprar mas haja peso e haja mala né? Fica a dica para quem quer livraria bacana em Miami/Bal Harbour. Recém inaugurada no terceiro andar do Bal Harbour Shops.

Ah e para o coquetel me arrumei no Red Market, salão que fica ao lado da livraria.

Clau (Claudia Bartelle linda e doce!) e Carolzinha (outra doce) também se arrumaram lá!

Quase acabando esse resumão de atividades, depois teremos posts exclusivos de alguns eventos mais importantes!

Último dia, café da manhã de despedida… Como assim, já???

Eggs Benedict!! AMOOOOO, aliás amo tudo que tenha ovo rsrsrs. O café da manhã também foi no Bal Harbour Shops, num lugar que se chama Santa Fe News & Espresso. Super indico, cardápio recheado de coisas gostosas.

Usei Kaele de novo! Aliás, como tá linda a nova coleção de verão da Kaele viu? Vi essa marca melhorar de perto! Cada vez gosto mais das roupas de lá!

Quase na hora de ir embora, Eagle Tour marcada para as 16h no hotel para nos levar para o aeroporto, eu e Carol conseguimos meia hora depois do almoço para dar um mergulho no mar.  O almoço foi num dos restaurantes mais amados pelos brasileiros que vão pra Miami, o Carpaccio, que também fica no Bal Harbour Shops. Como nosso hotel era em frente, só precisávamos atravessar a rua. Daria tempo de pular no mar e se energizar para a volta. TINHA QUE DAR TEMPO. Precisava demais do mar.

Carpaccio no Carpaccio. São vários tipos (além de massas, carnes e tal) e eu fui de alcachofras com parmesão. Gente, impressionante como esse restaurante está SEMPRE CHEIO. Na noite anterior tínhamos ido jantar com minha amiga (a Marilia, a que ficamos na casa dela antes da semana de moda) para nos despedir, era tipo 23:30 e o restaurante ainda estava cheio. Famoso, disputado e gostoso. Vale a visita quando em Miami/Bal Harbour!

Deu tempo de pular no mar. De agradecer e tomar fôlego para a volta. As fotos são lindas, mas vocês não imaginam como é corrida uma semana de moda, seja no Brasil ou na gringa. São muitos eventos, muita informação, conhecemos muitas pessoas bacanas, tentamos aproveitar e tirar o máximo de cada experiência para contar para vocês, afinal esse é o nosso trabalho! A preocupação de fazer uma cobertura legal em todas as mídias sociais é bem tensa, pensa bem… alimentar Stories, Instagram, Facebook, blog e sempre estar lindas e arrumadas… Mas sabe de uma coisa? EU AMO ISSO!

Gratidão!

  • Ainda hoje falarei de alguns desfiles e mais eventos da Miami Swim Week. O que não postei enquanto estava fora vou postar agora. Surra de posts hahaha. Beijos, já volto!
Lifestyle
Dicas de Viagem
01 out 2014, 70 comentários

Instagramão de Viagem: Orlando

Acabou Flórida 🙁 Como é triste voltar a realidade mas por um lado fico feliz de parar de gastar em dólares recebendo em reais rs. Claaaaaro que o dólar iria disparar na minha volta. Sempre falo, quando vou viajar acontecem duas coisas: vários acidentes aéreos antes e o dólar sobe na volta. Dito e feito, mais uma vez.

Bom, mas fui, me diverti horrores, comi gostoso, visitei lugares lindos e tive uma cia maravilhosa ♥

Depois daquele Instagramão de Miami, agora vamos para Orlando.

ig19

Alugamos um carro MARA, falarei dele daqui a pouco. O tempo não estava lá essas coisas, chovia e fazia sol várias vezes ao dia. Saímos de Miami tarde, umas 3 da tarde depois de um maravilhoso brunch no Cecconi’s (viciei naquele lugar). Não fomos direto para Orlando, passamos em Boca Raton (onde trabalhei 9 anos atrás), depois fui visitar uns amigos em Delray Beach, e voltamos para passar a noite em Boca e seguir caminho no dia seguinte. Saindo de Boca, ao invés de pegarmos a estrada, pedi pro meu namorado ir bordeando o mar, a foto acima se não me engano é passando por Boyton Beach. Demora mais, mas o caminho é lindo e tem casas maravilhosas!

wpb1

Fizemos uma parada em West Palm Beach para almoçar. A cidade é linda, uma das mais ricas da Flórida e fica a uns 100 km de Miami. Maicocó e Tory Burch moram lá! E muito velhinhos rs. A população dessa região (Boca, Palm Beach) é bem idosa, dizem que são os ricos de NY que vão para lá pelo clima e calmaria. Nem parece Flórida, Palm Beach é cheia de vilas com jardins lindos e lojas finas, bem europeu. Infelizmente não tínhamos muito tempo então só almoçamos mesmo e continuamos para Orlando, mas quem tiver mais tempo, pode e deve passar um dia em Palm Beach ou pelo menos dar uma volta na Worth Avenue, uma das ruas mais lindas. Além das lojas tem muitos restaurantes bons!

ig2miami1

Chegando em Orlando eu estava tensa com o hotel, pois pagamos muito barato (cerca de US$ 100 a diária) e eu tava com medo de ser furada. Acontece que Orlando é mais barata e eu estou acostumada com os preços de NY e Miami. Mas o hotel é ÓTIMOOOO! Fiquei chocada e se voltar pra cidade com certeza ficarei nele novamente. É o B Hotel And Resort e fica bem na entrada da Disney no Lake Buena Vista, novíssimo, quartos enormes, staff super atencioso, banheiro ótimo, cama gostosa, tudo bom. A única coisa que não recomendo é tomar café da manhã no restaurante do hotel. São cerca de 20 dólares por pessoa (incluindo as taxas e o tip) e com esse valor – ou menos – dá pra comer muito mais gostoso no iHop por exemplo, que fica a 5 minutos do hotel. E também é demorado… não sei se demos azar, mas nosso omelete demorou mais de meia hora para sair… Tirando essa parte, o restante é perfeito. A localização também é muito boa, tem vários restaurantes perto (iHop, Olive Garden, Mc Donalds, e outros que esqueci o nome), a Disney na porta, a Universal a uns 10 minutos de carro, e o Vineland Outlet (me falaram que é o melhor de Orlando) a míseros 5 minutos. Ou seja… perfeito. Dava para ir aos parques de manhã e de tardinha íamos as compras, já que o outlet fecha as 11 da noite. 

3-B-Resort-and-Spa-King-Bed-1024x653

Os quartos são EXATAMENTE assim. Essa foto não é minha pois chegamos e já jogamos tudo dentro do quarto e não rolou de tirar foto bonitinha. Mas acreditem, até o sapo estava na nossa cama igual na foto rs. 

ig1

Tem uma piscina bem boa e uma hidro com água bem quente para relaxar no final do dia. Não fui no SPA, mas é da Aveda (aquela marca que a Jen Aniston faz propaganda) então acredito que deve ser bom. Então minha dica de hotel em Orlando é sem dúvida nenhuma o B Hotel. Nós fizemos a reserva do carro e do hotel com a Olive Tree Tours (agência que fica em Orlando mas é de brasileiros) e deu tudo mais do que certo. 

harrypotter

 Os parques foram ótimos. Como o tempo estava instável e não é nada legal ficar na chuva, a gente olhava a previsão e nos programamos para que quando estivesse chovendo, iríamos as compras. Durante praticamente todos os dias, até as 3 da tarde mais ou menos o tempo estava bom, então aproveitamos no primeiro dia a Island of Adventure, no segundo dia a Universal, e no dia que não tinha chuva nenhuma fomos para Tampa, ao Busch Garden. Não vou falar muito dos parques pois farei post especial. Adianto que a Universal me decepcionou um pouco, achei bem caidinha e velha. A Island of Adventure estava boa e para quem gosta de montanha russa (que é o meu caso) o Busch Garden é obrigatório. Não fui na Disney e nem no Sea World porque não me chamam a atenção… Tanto na Island quanto na Universal o destaque fica por conta do Harry Potter. Em ambos parques, foram as atrações que mais gostei apesar de não saber nada da história pois não assisti aos filmes e nem li os livros. Imagino que para quem é fã deve ser um espetáculo, já que para mim que nem sei de nada do Harry, foi muito legal. 

ig2miami5ig2miami3

Uma das grandes surpresas dessa viagem, a Cheetah no Busch Gardens, uma delíiiiicia!

fiveguys

O que se come em Orlando? Bom, o dia é corrido, agitado e cansativo então sair para jantar arrumadinho é meio complicado. No primeiro dia fomos no Maggiano’s Little Italy e foi o único dia que jantamos educadamente. Meu Deus, como eu queria ter tido tempo para ter voltado lá. Eu simplesmente AMEI o restaurante. Quem puder ir, peça de entrada um Crispy Zucchini Fritte (abobrinha frita) que vem com um molho dos deuses! Eu não botei fé (também indicação da Erica do OT Tours) mas foi uma das entradas mais deliciosas que comi na vida. De prato principal pedimos uma pasta com camarões (Shrimp Fra Diavolo) maravilhosamente gostoso. Ah, e dividimos o prato, pois são bem grandes. 

Agora explicando a foto acima rs (empolguei com o Maggiano’s). Eu não conhecia o Five Guys, um fast food de hamburger. Teve um dia de pós parque que eu cismei que queria hamburger e apareceu o Five Guys na nossa frente. Gente, AMEI. Você escolhe o sanduíche e monta com os recheios que quiser por um valor fixo. Fica baratinho (coisa de 10 dólares com batata e refrigerante) e é muito gostoso. Achei que deu um banho no Shake Shack! Então fica mais essa dica para as famintas e pouco preocupadas com calorias rs. Ah, a batata frita é mara, frita em óleo de amendoim!

ig2miami2

Outro prato que amo e sempre que vou aos USA como… O I’m Stuffed Shrimp do Bubba Gump! É camarão recheado com siri, gratinado e vem com arroz mas eu sempre peço para trocar por purê de batata. Muito bommmm, mas bem pesado. Então só peça se estiver com muita fome ou então divida com alguém. Custa 19 dólares.

ig2miami24

Hora de voltar para Miami! Eis o carrão! Agora deixa contar o probleminha que tivemos. Conforme a reserva, teríamos que pegar o carro no sábado dia 20 às 16h. Fomos para a Lincoln Road fazer umas compras e lá pelas 17 fomos para a locadora pegar o carro. Uma horinha de atraso só, não teria problema… Hum… Chegamos as 17:15 mais ou menos e a locadora estava fechada! O horário de atendimento era até as 5 da tarde e sobramos nessa. O nosso medo era que no domingo não abrisse e aí estaríamos ferrados pois não tínhamos mais reserva no hotel. Liguei para a locadora e informaram que funcionava aos domingos sim. Ufa. No domingo, por volta de uma da tarde voltamos lá para buscar o carro (originalmente um Mustang conversível) e rumar para Orlando mas… O CARRO NÃO ESTAVA LÁ! Começou a discussão em inglês/espanhol, pois a reserva garantia ser mantida por 24h. Liguei para a Erica (da OT Tours que fez nossa reserva) e ela mesma conversou com o atendente e brigou por nós. Resultado, não pegamos o Mustang mas pegamos um Camaro. Sabem quanto a diária do carro? Cerca de 60 dólares. Preço normal. Pra morrer né? Moral da história: nos USA horário é horário, não se atrasem. E dá pra fingir de rica sem gastar muito kkk

ig2miami23

Vai um look confortável rapidinho? Camisa Dudalina, short C&A e sapatilha Chanel. Os shorts jeans foram meus fiéis companheiros durante vários dias.

ig2miami6

Último dia de Miami e pouco antes de irmos para o aeroporto fomos para mais um brunch… onde? Onde??? No Cecconi’s! O mais maravilhoso do mundo, por 45 dólares você come até morrer as coisas mais deliciosas possíveis. E ainda toma uma Mimosa ou um Bellini. É barato? É e não é. Barato pelo lugar (lindo, chic, gente bonita) e pela variedade de comida de primeiríssima qualidade. Caro se a gente converter mas quem converte não se diverte rs. O brunch só acontece aos domingos e é bom reservar!

ig2miami25

Meu prato de sempre: rúcula (gente eu ODEIO rúcula mas a dos Estados Unidos eu amo! Não entendo isso, parece que a de lá é mais suave, ou o tempero é diferente sei lá!), camarões gigantes com molho tártaro, queijo brie, mix de cogumelos, azeitonas e parma. Comeria isso para o resto da vida…

ig2miami9

E outra tip gastronômica bem gringa! No aeroporto sempre tem espaço para um hot dog do Nathan’s! Me lembro quando comi pela primeira vez, em Coney Island alguns anos atrás. Eu estava faminta e o único lugar aberto era um Nathan’s… resultado: viciei rs. Não posso ver um que já peço o combo com batatinha frita (delíiiicia) e uma Coca Zero pra consciência não pesar muito. 

  • Acabou! 🙁 Acabou nada, ainda vou contar das montanhas russas e de umas lojas MARA para quem quer decorar a casa!