03
Jul 2015
O Tal do Copinho
Beleza, Eu testei!

Vocês sabem que abordo os mais diferentes tipos de assuntos por aqui mas esse em particular me deixou um pouco receosa.

Explico.

Eu, Constanza, ignorava completamente a existência deles. Quando soube, achei estranho, não entendia direito como funcionavam e qual a vantagem de usar um. Sabem do quês estou falando? Dos agora famosos coletores menstruais, ou os copinhos.

Eu vi o boom no Facebook, muitas mulheres comentando que usavam e parei para pesquisar com mais cautela antes de sair julgando. Trata-se de um copinho mesmo, feito 100% de silicone medicinal que substitui absorventes. É reutilizável, e pode durar ANOS! Pensando no lado ambiental da coisa, é fantástico certo? Bom, como virei meio natureba e abandonei a pílula, quis testar o tal do coletor.

coletor-menstrual-saude-mulher

Comprei pela internet mesmo, já que não vende em farmácias (absurdo, não entendo o motivo). São várias marcas, mas escolhi a que tinha o site mais bonitinho e parecia ser a preferida da mulherada (no caso, a InCiclo). Custou cerca de 80 reais e existem ACESSÓRIOS para o copinho: necessaire, saquinho, toalhinha, panelinha para higienizar o coletor… Como eu nem sabia como usar, comprei só o copinho mesmo. Mentira, comprei uma mini necessaire porque achei bonitinha também. O coletor dessa marca tem dois tamanhos, sendo diferenciado por idade ou para mulheres que já foram mães.

COLETOR-1-PNG

Quando o meu chegou, achei ele ok. molinho e tal. Um copinho de silicone mesmo com um cabinho. Mas como que usa isso? Ah a internet… o negócio tem toda uma técnica. Tudo bem que vem um manual de instruções mas nada como a experiência real de mulheres que usam. EXISTEM DOBRADURAS e COM NOMES para poder inserir o coletor com mais conforto no canal vaginal e deixar ele no lugar certo.

Posso confessar uma coisa? Já usei em dois ciclos e ainda não me acertei. O meu vaza, acabo tendo que usar absorvente do mesmo jeito e outra, incomoda um pouco. Cortei o cabinho e dá semi desespero na hora de tirar.

Mas vamos com calma… Primeiro você insere o tal do copo na ppk, com a dobradura escolhida (pode ser em C, em diamante, do avesso, li que tem gente que até põe aberto, como, eu não sei) e ele se abre lá dentro. Toda a menstruação (deveria) fica retida nesse copinho. Ele pode ficar lá até 12 horas, depois você puxa (pelo cabinho ou se tiver cortado ele como eu fiz, tira pela base mesmo), esvazia (sem nojinho hein), dá uma lavadinha e põe de novo. Dizem que independe da quantidade do fluxo mesntrual, mas não sei não. Se bem que nunca vi o copo cheio de tudo e olha que estou usando DIU. Muita gente se preocupa com o cheiro, mas saibam que não tem cheiro nenhum, pois o sangue menstrual não entra em contato com o ar, que é o que provoca cheiro. Ainda por cima, tem essa vantagem. E dá para dormir com ele.

Como contei, até o momento não valeu a pena pra mim, pois além de vazar, incomoda. O fato de ter cortado o cabinho dificulta a retirada dele, o que provoca momentos de tensão. Eu sei que o coletor não vai sumir lá dentro, mas só de saber que existe algo que tem que ser retirado e que não quer sair, assusta. Li por aí que tem que formar um vácuo, mas sinceramente, nem sei qual a sensação ou como que se faz isso.

Pensei em testar outros modelos (já tentei todas as dobraduras e continua vazando. Ah, o tamanho está certo) e tem um que me pareceu bem interessante, ao invés de cabinho, tem uma bolinha (Meluna), o que não deve incomodar muito certo?

No Facebook existe um grupo super ativo (e apaixonado) pelos coletores menstruais. As meninas falam maravilhas deles e fico chateada que eu ainda não me adaptei. Eu achei a idéia boa, desde que a pessoa consiga usar certinho. Imagina, ficar livre de absorvente, poder fazer tudo, sem incômodos e ainda por cima economizar um bom dinheiro? Legal né, só tem que funcionar rs.

  • Alguém usa? Se adaptou bem???
02
Jul 2015
O Estilo de… Christine Centenera!
Fashion News

AMO AMO E AMO observar os looks das editoras de moda das grandes revistas. Ou são loucas de tudo (oi Anna Dello Russo) ou são super básicas porém certeiras! E é essa última turma que mais me inspira. Penso assim… essas mulheres respiram moda 24 horas por dia, conhecem todas as tendências antes de todo mundo, sabem o que é bom, entendem de produção de moda e ainda assim não fogem muito de um estilo mais clássico porém com aquele toque sutil fashion. Acho lindo e hoje vamos falar dela, a editora de moda da Vogue Austrália que tem carinha de bebê, Christine Centenera!

chris1

Chris gosta de saias diferentes, com recortes, zíper, fendas. 

chris2

Ela também curte uma sandália delicada, de tirinhas ou…

chris3

Ankle boot ou open boot (lembram que falei delas aqui?)

chris5

Chris gosta de peças com bom corte, mas não deixa de lado um jeitinho meio girlie de ser.

chris4

E essa é a Chris revoltada, meio rocker, meio punk, mas não é que nela tudo fica bom?

  • Cores? Preto, branco, cinza. Estampas? Pouquíssimas. Jaquetas sempre das mais ricas possíveis e alfaiataria. E o exagero dela é bem específico em algum detalhe da roupa ou sapato. Pra gente aprender a ser chique.
01
Jul 2015
A Hora do Make – Papo Sério
Beleza, Make Up

Oiê amigas!

Achei que antes de continuarmos a prática, precisávamos levar um papo. Tenho recebido alguns comentários do tipo: “suas maquiagens são um oásis no meio desse monte de côncavos e contornos exagerados” ou “não consigo achar contorno legal, por mais natural que seja”. Ou então, volta e meia clientes contam que fizeram maquiagem em algum outro lugar e se odiaram, se sentiram desconfiguradas e acabaram tirando tudo e refazendo elas próprias antes de irem para o evento… Enfim, estilo é um assunto delicado, mas vale a reflexão!

foto1

(Antes e depois duvidoso. TRASH!)

Fiquei pensando no que me trouxe até aqui e qual o meu objetivo ao trabalhar com beleza. Não sei se todas sabem, mas sou formada em psicologia e depois de circular por algumas profissões bem realizadas mas internamente pouco satisfatórias, entrei num processo de coaching para encarar a crise dos 40 e procurar minha realização pessoal pois sentia que já tinha passado da hora. Foi quando descobri que maquiagem podia ser muito mais que um hobby e iniciei a busca pelo curso profissionalizante ideal, afinal já sabia bem qual estilo NÃO QUERIA seguir, e uma amiga indicou o Liceu de Maquiagem da Vanessa Rozan. Foram 3 meses bárbaros de aprendizado intenso, prazeroso e muito mais sério e criterioso do que eu podia imaginar que esse universo exigiria! Resumindo, saí apaixonada mas assustada pois vi que o caminho não seria fácil e que a prática persistente dali pra frente seria tão ou MAIS importante para a minha carreira. Fiz cursos extensivos na Escola Madre, muito bacanas e enriquecedores também, mas foi só na experiência que de fato me profissionalizei.

Tá Paola, mas pra que você tá contando tudo isso?

Então gente, eu queria dizer pra vocês que maquiagem é coisa séria!

 

foto2

 

Tenho notado que de uns tempos pra cá houve um “boom” e a profissão pipocou, de repente todo mundo é maquiador, faz tutorial, dá dicas, maquia “azamiga” e quer se glamurizar diante de uma profissão que é muito mais foco, estudo, pesquisa, bom senso e vocação, do que achismos e non sense. Existe uma graaaaaaande diferença entre estar maquiada x estar BEM maquiada. Óbvio que estilo é muito pessoal.. Eu por exemplo não curto pele pesada, contorno ultrasuperpower a la Kim Kardashian e cut crease mas pra quem curte, por favor, faça bem feito e foque na harmonia da coisa!

foto3

Antes e depois de Kim: camadas e camadas de base e contornos, mas ela achou sua forma harmonica de divar

Uma coisa que aprendi com a Rozan <3 : maquiagem bonita e sofisticada requer aquele efeito degradê que se funde com a pele. Nada de linhas marcadas! A regra é: ESFUME!!!

foto4

(nãooooo, por favor!!) 

Maquiagem tem que servir pra embelezar gente! Você tem que olhar pra pessoa e notar, sem saber explicar direito, que ela está com ar saudável, de bem com a vida, atraente. Tem maquiagem que choca, repele, assusta!

(Seu namorado certamente não fala, mas nota. As amigas então…Rsrs. Cuidado!)

Enfim queridas, óbvio que estamos aqui compartilhando as quartas feiras sem o intuito de profissionalizar ninguém. Minhas dicas servem para que vocês possam ter algum conhecimento e sentir mais segurança para explorar esse universo e encarar uma maquiagem bacana para o dia a dia. Porém se alguém aí pensa em se profissionalizar, por favor, vá além! Procure um BOM curso, estude, treine moooito e tenha paciência porque o caminho não é fácil (povo acha que é só glamour… tsc tsc!). Mas acima de tudo, tenha vocação, se atire porque DE FATO é a sua praia e não só porque é modinha. Essa é a fórmula do sucesso e não tá à venda em lugar nenhum, ficadica!

Terminamos com alguns Antes e Depois de divas que são tão mortais sem maquiagem quanto nós… Mas divam porque ficam lindas na medida. Atentem sempre para as maquiagens de Red Carpet que são ótimos indicadores de que menos pode sim ser mais.

foto5 8 7 6

E eu chocante sem nada ( BUH!) e depois ligeiramente (SQN) corrigida.

9

Muitos beijos e até a próxima!!!

 

assinaturapaola

Página 1 de 85412345Última »