31
Mar 2015
Conforto Branco
Fashion News

Já contei que tenho condromalácia nos joelhos né? Na verdade nem sei se existe condromalacia em outro lugar hahaha. É um desgaste da cartilagem, degenerativo, que com o passar dos anos fica cada vez pior. Não existe maneira de ¨repor¨ essa cartilagem, apenas atrasar um pouco o desgaste. Vai ficando osso no osso o que ocasiona dores e muitas limitações. O meu caso é precoce e o último médico que fui (fui em vários) finalmente descobriu o motivo de eu ter isso tão ¨nova¨: minha rótula (aquele ossinho que mexe no meio do joelho) é torto e os dois são vesgos. Assim, eu forço mais a lateral externa do joelho, onde justamente tenho as dores. Nasci com defeito de fábrica e um dia iria passar a conta. Durante um bom tempo convivi bem com isso. Nunca consegui correr por muito tempo, mas conseguia alternar corridas de 3 minutos com caminhadas, conseguia agachar e flexionar o joelho, mas no começo deste ano exagerei na bike e acabei detonado os dois de uma vez, até um cisto apareceu! Resultado: quando agacho parace que estou quebrando uma cristaleira inteira dentro dos joelhos, sinto dores ao descer escadas e, correr? Nem pensar. Só consigo flexionar o joelho até 30º, ou seja, quase nada e nada de esportes de impactos, com freadas bruscas. Justo eu, que amo spinning, muay thai, fazer esportes de rua e tudo o que tenha batidão.

Apareceram duas alternativas: aplicar ácido hialurônico ou cartilagem alternativa (Synvisc One), isso de 6 em 6 meses, mas nada para curar a condromalácia patelar, apenas para dar uma melhorada na qualidade de vida. Além disso, fisioterapia e esportes na água (o que odeeeeeeioooo). Por enquanto nada de aeróbicos! Como que emagrece assim? Ah e essas aplicações são caríssimas, cerca de R$ 1.500 por joelho, de 6 em 6 meses, pro resto da vida. E claro, o plano de saúde não cobre.

Também tomo Condroitina e Glucosamina todo santo dia, que também não cura nem faz ¨nascer¨ cartilagem, mas dão uma amenizada na dor. O dia que senti mais dor, foi no voo de volta de Londres, esse último, muitas horas sentada e com o joelho dobrado, quando levantei mal conseguia andar!

Mas porque esse desabafo todo? Para contar de terei que descer do salto por um tempo. Bom, um médico disse para eu usar sapato baixo, o outro disse que é pior não usar salto, já que ele ameniza, estou bem confusa mas por via das dúvidas, faz mais sentido em minha cabeça NÃO usar salto. E claro, tudo é desculpa para comprinhas fashion!

Fui naquela famosa liqui da Arezzo e comprei umas 6 alpargatas, na gringa comprei 2 New Balance, mas meu amorzinho atual, é um tênis branco que comprei na Zara de BH mesmo! Ele é pesado e machuca um pouco os pés (ainda mais para quem cisma em não usar meia, como eu hehehe), mas fica super street style e dá para usar com qualquer tipo de roupa que fica chique, nem parece tênis! Porque existe tênis de rua e tênis de academia, e claro, se não estivermos malhando, só vale usar os street ok?

O tênis branco que me agrada é de couro (ou couro fake) pois os de lona sujam muito. Tem o solado um pouco mais alto e grosso e sem muitos detalhes. All Star e Superga também funcionam, mas prefiro os mais street e minimalistas, tipo esses:

tenisbranco5 tenisbranco6

Ficam bons com vestidos, saias, jeans e até roupa de alfataria!

tenisbranco2-down tenisbranco

O meu é esse último modelo da montagem acima, da Zara e paguei uns R$ 180 (não me lembro direito).

  • É uma bela alternativa para quem precisa descer do salto mas ainda quer manter o estilo. E esses são bem fáceis de limpar e mega versáteis! Enquanto mais branco e sem detalhes, melhor ainda. E no final das contas, o joelho agradece :-(
30
Mar 2015
Qual o Comprimento Certo da Calça Flare?
Como usar..., Fashion Emergency

Ihhh, assunto polêmico hoje no Futilish. A calça flare é amor ou ódio, sempre percebo isso quando posto algum look usando uma. Quem ama, acha maravilhoso… já quem torce o nariz, acha milhões de defeitos na coitada.

Eu gosto MUITO de flare. É uma das peças que a princípio não curtia muito, não me acostumava com o tamanho da boca da calça e não conseguia me decidir quanto ao comprimento dela. Não sabia o que era legal, o que funcionava visualmente e esteticamente, o que favorecia. Mas a gente só aprende tentando e observando e hoje estou em paz com minhas flares.

De tanto usar (sim, uso bastante) já aprendi a contornar o problema mais grave desse modelo: o comprimento. Mas preste atenção, estou falando o que EU acho bacana, o que no meu gosto é aceitável! Cada um pode ter uma ideia diferente quanto a isso mas se perguntarem qual o comprimento perfeito da flare eu vou responder mais ou menos assim:

“Não fica legal um amontoado de tecido na barra, de jeito que mesmo ao caminhar o sapato não apareça e a calça fique arrastando no chão. O comprimento deve ser exato, no máximo um centímetro de salto aparecendo, no MÁXIMO. A graça da flare é que esconda o sapato, que apareça de leve a pontinha mas como falei acima, não pode arrastar. Quando o sapato aparece muito, dá a impressão de calça curta, o que acho horroroso. De costas, o bacana é que o salto não apareça.”

Nem toda calça vem no comprimento certo para mim mas como tenho preguiça de mandar para a costureira, eu vou nivelando com sapatos diferentes até acertar o ponto ideal.

Exemplifiquemos:

flarecurta

Tá curta. O sapato apareceu demais e ficou pesado! Uma das maiores vantagens da calça flare é alongar a silhueta e nesse caso ela não está cumprindo seu papel.

flarecomprida

Tá comprida! Nada de sapato, nem ao caminhar e bololô de tecido na barra. 

flarecomprida1

Comprida… Deu para entender né? Agora vejamos o comprimento certo.

flareok1

Calça esticadinha, quaaaase pegando no chão! Pontinha do sapato aparente e ele surge ao caminhar! Ponto!

flareok3

É um detalhe milimétrico, literalmente! Falo que é o ponto certo pois não fica arrastando no chão e nem curta! Assim conseguimos alongar bem as pernas!

flareok2 flareok4 flareok flareok5

Resumindo: a meu ver, o comprimento perfeito para a calça flare esconde o sapato, principalmente quando de costas, a pontinha dele pode aparecer principalmente ao caminhar e a calça fica esticada!

  • Esse modelo é milagroso para a maioria dos biotipos pois alonga e equilibra proporções! Tentem e tenho certeza que vão curtir o resultado.
29
Mar 2015
Quer Colorir?
Cotidiano

Um belo dia, abri o Facebook e me deparei com uma pessoa mostrando seu desenho colorido num livro de colorir. Achei as cores bonitinhas, o desenho fofo e só. No outro dia, outra pessoa mostrava a capa do tal livro, que tinha acabado de comprar. Ok, passei pro seguinte feed. Pouco depois, outra pessoa falava o quanto estava gostando de colorir o MESMO livro. Daí parei e prestei atenção: mas que mania é essa?

Trata-se do livro Jardim Secreto, de Johanna Basford, que virou mania nacional. Na verdade a história começa no ano passado, quando na Europa lançaram vários títulos única e exclusivamente com a finalidade de fazer os adultos preencherem com cores esses desenhos mais elaborados. Pode parecer coisa de criança, mas a idéia ganhou força e incentivo para os adultos quando incorporaram as palavras ¨anti stress¨ e ¨terapêuticos¨, coisas que nós bem sabemos do que se trata. Desde então foram vendidos milhares de exemplares mundo afora e o Jardim Secreto é apenas mais um desses livros destinados ao relax adulto. Dizem que você começa a colorir bem tímido, mas que depois aquilo não te larga mais e você se desliga do mundo! Será?

livrodecolorir1 livro de colorir

Confesso que a princípio achei bem bobo, oras, não tenho tempo para ler os livros que compro, vou ter para colorir? Mas estão falando tanto nisso que bateu uma enorme curiosidade de saber como é! Pode ser que eu colora apenas a primeira folha e depois jogue tudo pro alto (sou ansiosa e gosto de ver resultados rápidos) mas pode ser também o meu momento do dia que irei me desligar de tudo o que é virtual e digital. Sabiam que nem escrever consigo mais? Minha letra era linda, mas de tanto só digitar, a mão ficou dura e agora minha caligrafia está péssima. Se formos olhar por esse lado, a idéia é realmente muito válida! O livro Jardim Secreto – o mais famoso no momento aqui no Brasil – está bem fácil de achar (pelo menos na internet achei em várias livrarias – Saraiva, Submarino, Travessa) e tem um preço bom, cerca de R$ 25.

livrodecolorir3 livrodecolorir4 livrodecolorir5 livrodecolorir7

  • E só para atiçar ainda mais minha curiosidade, lembrei que tenho uma mega super hiper blaster caixa de lápis de colorir, que custou os ói da cara e comprei quando fazia paleta de cores para clientes de Personal Stylist. Acho que voltarei a usar meus lapizinhooooos! Ótimo presente para aquela sua amiga stressadinha hein? O que acham? 
Página 1 de 81712345Última »