Comportamento
Chora Que Eu Te Escuto
17 out 2018, 63 comentários

Chora Que Eu Te Escuto!

Ah hoje tem Chora! Vem ver:

Chora 01 – Regina

Oi Cony, tudo bom? Sou sua leitora há anos, adoro seu trabalho! Vamos lá: Tenho 29 anos, estou terminando meu doutorado e sou professora também. Estou em um relacionamento faz 9 anos (2 anos casada e sem filhos) com um homem muito bom, que sei que me ama e sempre fez de tudo por mim. Há um ano atrás nossa relação não estava boa, eu estava trabalhando muito e sempre estava muito cansada. E foi nessa época que descobri que meu marido me traiu (ficou com uma conhecida e ficaram de conversa por umas 3 semanas). No dia que descobri fiquei sem chão, nunca imaginei que ele iria fazer isso comigo, conversamos muito, e decidimos continuar juntos, pois nos amávamos e temos uma história muito bacana, além de que construímos uma vida juntos do zero (temos 2 cachorros, casa e carro próprios,  uma vida financeira bem estável e minha família ama ele). Enfim, depois deste acontecimento, nosso relacionamento melhorou muito, porém a umas 3 semanas atrás um homem  que eu conheço (casado e que eu sempre achei muito atraente) começou a puxar papo comigo e começamos a conversar. A partir disso me senti viva sabe, com um desejo que não sentia há algum tempo, um sentimento de liberdade que gostei. Sei que estávamos errado o tempo todo, eu e ele casados, nunca iria dar certo. Meu marido começou a desconfiar e contei sobre isso e ele ficou muito chateado. Decidi não falar mais com o cara, somente quando for para algo profissional, porém sinto uma falta de conversar com ele, uma saudade boa. E agora fico na incerteza se está correto eu continuar neste casamento, por mais que eu ame meu marido, sei que ele me ama e faz tudo por mim, tenho estabilidade ao lado dele.. mas as vezes me pego pensando nesta liberdade que senti, e foi uma sensação muito boa e agora não sei o que fazer, pois não quero machucar meu marido e também não quero  tomar nenhuma atitude que eu possa me arrepender depois. Agradeço por me ouvirem.

 

É o capeta te tentando. Ó, seguinte, vai da sua maturidade e do seu amor pelo seu marido. EU, EUZINHA, acho que já deu uma boa desestabilizada no seu casamento, eu jamais teria contado pro meu marido que fiquei interessada em outro. PRA QUE? Se não tinha a intenção de separar, é de bom senso engolir o choro, passar por cima do que está errado, tomar sozinha a atitude de se afastar do outro e continuar a vida da maneira correta. Achei desnecessária a parte de contar pro seu marido ainda mais que foi uma coisa que não passou de conversa (foi isso né? ou chegou a trair real?) e já que a vida de vocês dois estava boa e você perdoou a traição dele. É até crueldade. Porém, será que você perdoou a traição dele mesmo? Será que você não quer dar o troco? Mas enfim, ÓBVIO que o novo, o desconhecido, o diferente chama a atenção e empolga. Dá frio na barriga, é interessante, é desafiador e agora volto no início do meu texto: vai da sua maturidade e amor pelo seu marido. Vale a pena trocar o certo pelo duvidoso? Se você REALMENTE ama seu marido, vale a pena trocar por uma sensação de liberdade??? Acho que é isso que você tem que avaliar, se realmente está feliz no casamento ou não. Eu, do fuuuundo do coração, acho que você não perdoou a traição dele e quer dar o troco ou então sentir o que ele sentiu quando te traiu.

 

 

Chora 02 – Vera

Oi, Cony!

Estou escrevendo esse Chora, pq há um tempo foi publicado um que me ajudou demaaaaaaaaaais, imensamente meeeesmo! Tipo, quase mudou minha vida rsrs…foi sobre infecção urinária de repetição. Eu sofria com esse problema, tinha uma atrás da outra, já tinha tomado antibiótico milhões de vezes e nada. O Chora daquele dia me trouxe TANTAS dicas e me ajudou demais. Já faz quase 8 meses que não tenho mais e isso é inédito na minha vida adulta rs! Agradeço demais a vc e as meninas leitoras que participaram!
O problema é que a maldita candidíase, que sempre aparecia junto com a infecção de urina, permanece…
Eu não sei mais o que fazer…já fiz mil tratamentos, remédios contínuos, remédios naturais, iogurte, tudo que achei por aí eu tentei, mas a danada ainda tá aqui! Vira e mexe ela aparece…por fim eu já tô me sentindo até suja por ter isso…tomo tantos cuidados e sempre me aparece esse corrimento chato, essa ardência…pra namorar então é um inferno…
Enfim, queria ajuda das leitoras pra ver se alguém da um help aqui e me salva! Muito obrigada por esse espaço! Vc é incrível! Já me sinto sua amiga hahahahahaha Muito sucesso pra vc sempre e um beijão!
Olha que bacana saber que conseguiu se livrar da infecção urinária graças aos conselhos do Chora! Fico muito feliz! Sobre a candidíase, não sei te ajudar além do básico que os médicos indicam para quando ela aparece de vez em quando, agora crônica assim não sei como faz! Alguem ajuda?

 

 

Chora 03 – Maitê

Olá Cony, tudo bem? Primeiramente quero dizer que adoro o seu blog, entro quase todos os dias desde os primórdios!! O meu Chora é uma tremenda bola de neve em que me meti, mas vou tentar resumir a história e ver se alguém me aconselha com alguma solução.

Tenho 35 anos, comecei a namorar meu marido no ano de 2001, fomos morar juntos em 2005, casamos em 2007, mesmo ano de nascimento do nosso 1º bebê. Em 2010 veio o 2º, e em 2017 o 3° – esse totalmente por acidente, mas isso é outra história!

Enfim, estamos juntos há 17 anos, temos nossos altos e baixos como todo mundo, mas mesmo depois de tanto tempo ainda sou muito apaixonada, sinto que ele também é, nos damos super bem apesar da correria maluca do dia-a-dia, e com 3 filhos as responsabilidades são enormes em todos os sentidos! E mesmo ambos trabalhando freneticamente temos conseguido nos virar! Ufa!

Porééém (sempre tem um porém rs), em 2016 nosso filho do meio teve um grave problema de saúde, precisou fazer 4 cirurgias em um período de 3 meses, foi muito sofrido e nós quase o perdemos… mas graças a Deus no fim deu tudo certo! A confusão é que nesse período, meu marido, que já não estava em um bom lugar psicologicamente falando, ficou severamente depressivo. Pra explicar: ele havia sido demitido uns 2 anos antes, e por não conseguir recolocação no mercado estava trabalhando como motorista de app, porém com a renda muito diminuída em comparação ao emprego anterior, e isso o fazia se sentir muito desmotivado, a auto estima dele foi para o chão, ele se auto depreciava demais pela situação financeira estar ficando apertada, mas ainda assim estávamos pagando aluguel, escola, supermercado, etc… mais apertados que o costume mas ok.

Daí que quando nosso filho passou pelos problemas de saúde, acordamos que eu, que trabalhava em escritório, trabalharia durante o dia e ele ficava no hospital, e a noite eu ia para o hospital pra ficar com nosso filhote (foram meses insanos, que na verdade não produzi nada no trabalho, mas a empresa nunca poderá me acusar de não ter tentado! E de qualquer forma na situação que nos encontrávamos sair do emprego não era uma opção). E daí que a situação financeira que já estava comprometida degringolou de vez, com ele sem trabalhar pra ficar no hospital! E então eu parei de pagar as mensalidades da escola, esperando essa fase passar, mas não contei nada ao marido que na época não estava nada bem com a história de grana… sempre fui uma otimista e só conseguia pensar que depois que o pesadelo de hospital acabasse eu iria encontrar uma forma de resolver a questão! O problema é que, depois de 2 anos ainda não consegui pagar as mensalidades atrasadas, as crianças já não estudam mais lá, e o meu marido NUNCA soube dessa dívida! Eu não contei pra ele na ocasião, pensando em protege-lo e só fui me enrolando cada vez mais. Só que agora estou sendo quase processada, e acho que contar depois de tanto tempo vai fazer mais mal do que bem, afinal conhecendo-o tão bem imagino que ele vai SURTAR! Pela minha mentira, pela minha falta de confiança nele, de que ele poderia fazer algo na ocasião, enfim… pensando em poupá-lo de algo que o estava machucando tanto eu me ferrei de verde e amarelo, e agora que preciso da ajuda dele tenho medo de contar justamente por eu achar que essa mentira vai deixa-lo desapontadíssimo. Só que também não to aguentando mais passar tudo isso sozinha (eu sei que me meti nessa sozinha! Assumo total responsabilidade, mas a carga psicológica ta pesada). A minha pergunta é: conto pra ele? Continuo não contando e tentando resolver? Isso está me CONSUMINDO! Alguém já passou algo parecido? O que fariam no meu lugar?

Conta. Conta conta conta conta logo. Um dia ele vai descobrir e vai ser MUITO pior. Respira fundo, medita antes, e vai de coração aberto contar pra ele o que aconteceu. Sério, não vejo outra saída. Mesmo se alguem pagar a divida pra você, ele tem que saber. Como te disse, um dia ele vai descobrir tudo! Mentira tem perna curta e tenho certeza que vai ser muito melhor você abrir o jogo e falar de todos os motivos que te levaram a fazer isso do que deixar ele descobrir sozinho e pensar qualquer coisa. O que você fez, por mais “errado” que seja, foi por um motivo nobre e acho que ele vai entender isso. Talvez não num primeiro momento mas vai entender. As vezes a reação dele seja de compreensão e você se surpreenda! Não omita mais isso para ele. Você merece tirar isso do peito e ele merece saber. Conta. Ou mandar ele ler este chora. Vai dar tudo certo, te garanto.

  • Choras AINDA fechados!
Compras
Shopping Time
15 out 2018, 7 comentários

Onde Comprar – Slingback Shoes!

O nome chique para “sapato aberto atrás” rsrsrs. Quando fiz o post falando sobre essa tendência (que não leu, leia AQUI), não achei que TANTA gente iria gostar! Me surpreendi com a quantidade de comentários favoráveis e que pediram o Onde Comprar. Cá estamos com váaaaarias opções bem lindas e literalmente, escolhidas a DEDO!

Vem ver e escolher o seu:

01 – Capodarte – preto básico, nobuck, de bico fino e salto alto e fino. R$ 350 LINK

02 – Mais um da Capodarte, lindíssimo! Metalizado com a biqueira preta e salto bloco super confortável. R$ 320 LINK

03 – Olha que riqueza esse slingback vermelho! R$ 369 da Luiza Barcelos! LINK

04 – Quase um Chanel, essa da Luiza Barcelos tá bebem chique! R$ 379 LINK

05 – AMARO! Sempre cheia de opções pra gente, achei váaarios modelos legais por lá. R$ 169,90!! LINK

06 – O mesmo modelo do preto só que pink. Acho super estiloso. Também R$ 169,90. LINK

07 – E esse chiquérrimo de croco?? R$ 139 também da AMARO! LINK

08 – Na versão nude, LINK

09 – Esse eu tenho e AMO! Da AMARO, bicolor super Chanel! R$ 179,90 LINK

10 – Essa dupla eu achei MARA! Nude com salto em madeira, R$ 169,90 LINK

11 – Na versão preto LINK (os dois da AMARO também viu?)

12 – Pra acabar a surra de slingback da AMARO, olha que fofo esse nude com lacinho na lateral? Tá na promo por R$ 139! LINK

 

  • Gostaram? E aí? Qual o preferido??? Eu amo o que tenho (o bicolor da AMARO e também achei lindíssimo o prateado da Capotaste!)
Lifestyle
Decoração, Mi Casa Su Casa
14 out 2018, 15 comentários

Mi Casa Su Casa – Joy 106 – Espertinho!

Olá habitantes da Fufulândia!

Desculpe o desaparecimento. Toda essa tensão política me deixou perturbado demais na semana passada e eu que gosto de escrever para vocês perto do dia de publicar as matérias fiquei completamente sem cabeça para me concentrar e fazer algo legal para vocês.

Muito boas as sugestões que vocês tem mandado para temas! já tenho uma listinha renovada. mas podem continuar mandando PLIS, nunca é demais.

Hoje resolvi trazer um respiro sobre o Joy, esse projeto de apartamento adquirido em planta que estamos acompanhando, e que já foi oficialmente atrasado pela construtora em 20 meses. Sim, VIN-TE meses de atraso confirmado. Este é um dos contras de se optar por fazer essas aquisições de algo que ainda não existe. Em defesa da construtora, eles ofereceram a oportunidade de trocar essa unidade  que será construída no último bloco (no caso o bloco 4) por um que já está bem avançado, no bloco 3.

Contudo, como vocês sabem, estamos cuidando para que esse apartamento, apesar de simples, de dimensões reduzidas (52,66m2 de área privativa e 40,12m2 de jardim provado), seja algo muito agradável, e aí tenho que explicar o porque desta unidade ser tão específica. E isso se dá pela posição dele no terreno, em relação ao sol.

Fiz um desenho daqueles de pré escola para explicar melhor:

Estamos falando do 106D que eu circulei em azul no desenho. O sol nasce no Leste ( aquela mancha amarela da sua direita) e vai atravessando o céu durante e ficando mais quente ao longo das horas até se por no oeste ( aquela bola vermelha na sua esquerda).

Lembrando que o sol oeste é muito mais longo e muito mais quente, elevando o calor dentro das nossas viviendas.

Isso cria uma linha que no caso do residencial Joy deixa algumas unidades privilegiadas, que sãs as de cara para o leste  = Solzinho da manhã, gostosinho.

Depois temos as unidades de frente para o norte, que recebem muita luz, e tbm são agraciadas com o solzinho dos teletubbies durante o inverno, que para nós que vivemos no hemisfério sul é  considerada uma das melhores opções de posição para quartos e salas.

Como  nesse empreendimento o bloco 4 tem uma posição diferente dos 3 anteriores ele está magicamente voltado para o melhor sol da vida. E como diz o ditado: “Em casa onde entra sol não entra médico.”

Outros fatores, como a distância da portaria, salão de festas, quadra poliesportiva e playground também garante que o 106D esteja abrigadinho das principais fontes de grito-correria-e-slime.

Desculpe a introdução gigante, agora vamos falar do tema que realmente quero propor. A ideia é fazer deste cantinho um apartamento com tecnologia Smart Home (Casa Inteligente).

Talvez você tenha ouvido o termo, e não tenha parado para entender melhor como é, o que faz, quais as vantagens e porque é tão legal. Então liga o wifi e #vemkotio!

Sabe quanto a gente ( que foi criança nos anos 80/90) asistíamos Os Jetson´s e ficava encantado com o mundo do futuro? Ele não é exatamente daquele jeito, entretanto já está muito mais legal do que quando a gente só tinha telefone fixo ou orelhão.

Atualmente várias grandes marcas tem lançado opções tecnológicas para aumentar a segurança, praticidade e conforto das casas.

Dentre as mais famosas estão o Google Home e a Alexa, criadas pela Google e pela Amazon, respectivamente. Existem outros como uma versão da Siri (Apple) para casa e o robô que roubou meu coração Jibo (fruto de criadores autônomos financiado por vaquinha eletrônica).

Jibo, lançado em 2016, na verdade é um robô social, não um assistente de casa inteligente, mas estão criando versões novas combinando as duas funções.

Os mais avançados no quesito funcionalidade são o Google e a Alexa. Que tem formatos de console principais:

E também repetidores menores, para usar espalhados pela casa:

 

Pelo youtube da vida é fácil encontrar diversos testes e opiniões sobre os dois modelos líderes de mercado, tanto em inglês quanto em português.

Agora, o que é importante é: O que podemos fazer com essas belezinhas?

Muitos dos vídeos que se encontram disponíveis mostram coisas que eu chamo de 333 (meio besta), tipo perguntas sobre matemática, mudar cor de lâmpadas e informações sobre clima. Mudar canais de tevê e tocar uma música são as coisas mais comuns nas resenhas disponíveis.

Não sei você Fufu aí do outro lado, mas euzinho se fosse tirar o escorpião do bolso e investir num sistema desses ponderaria minha qualidade de vida x gasto.

Então vou dizer sobre as coisas legais que já podemos fazer usando tecnologia Smart Home.

Sistema de abertura de portões por controle de voz, bem como o de fechaduras de portas;

Sistema de câmeras com monitoramento via celular / vigilância profissional;

Controle de ar-condicionado / calefação;

Controle por voz de itens eletrônicos (TV, telefone, video games, cafeteiras… qualquer um com conexão wifi);

Alertas via telefone móvel;

Gerenciamento de energia ( tomadas que podem ser desativadas pelo aplicativo celular);

Controle de iluminação ( liga, desliga, muda cor e/ou intensidade);

Sensores de movimento e de quebra de vidros;

Abertura e fechamento de cortinas / venezianas;

Irrigação de jardins;

Controle de agenda pessoal…

Hipoteticamente falando, tudo que tenha conexão wifi pode ser controlado com os assistentes, então já temos algumas geladeiras e máquinas de lavar roupas com essa tecnologia.

Como eu não vejo a reladeira picando minhas cebolas sozinha, nem compreendo como a máquina de lavar iria até o cesto buscar e separar as roupas sujas eu acho essas funções razoáveis.

Claro que podemos usar o comando a distância para iniciar um ciclo de lavagem a tarde, deixando já tudo preparado de manhã, e chegar em casa já na hora de estender e não ficar com as roupas cagadas depois de muito tempo molhadas na máquina.

A função da geladeira eu gostaria que vocês comentassem aqui o que poderia ser comandado a distância porque eu acho que perdi essa aula.

Voltando sobre os produtos que “comandam tudo” o Google está disponível no Brasil, nem custa tão caro, em torno de R$ 750,00 o grande ( que tem um som muito bom, pode usar para spotify) e o pequeno, mais simples a partir de R$ 185,00.

A Alexa é um pouco controversa. Já vi videos de casas automatizadas com ela aqui no Brasil, que tem uma personalidade mais engraçada que o Google, porém quando pesquisamos o sistema dela NÃO é compativel para a América do Sul. Logo, para o Joy estamos pensando em usar o Google – que também tem um valor mais amigo.

 

No apartamento Joy a ideia é controlar: fechadura/olho mágico, ar condicionado da sala e quarto, iluminação de todos os ambientes, TV e som e provavelmtente 2 câmeras de segurança no jardim.iste

Agora que esse post ficou enorme eu vou deixar com vocês a decisão, querem saber mais sobre cada um desses smas que serão aplicados?

#Bença!