ComportamentoCompras
Cotidiano, Shopping Time
12 ago 2019, 35 comentários

Comprando Online e com Segurança!

Esses dias, aconteceu uma coisa bem chata comigo e que até agora não sei como resolver de tão enrolada que foi. Tipo, TUDO DE ERRADO QUE PODE ACONTECER EM UMA COMPRA ONLINE aconteceu comigo.

Vamos ao caso. Eu compro muito online, mas muito mesmo. Acho que a maioria das minhas compras, é online. Eu sei o básico: que tenho 7 dias corridos para desistir da compra e ter meu dinheiro de volta, que posso trocar, pedir estorno etc e tal. Mas olha só o que rolou. Tem um site, Estoque, que vende promoções de Le Lis Blanc, John John, Bô Bô, Rosa Chá, Dudalina… é um outlet oficial dessas marcas, do Grupo Restoque. Tem achados INCRÍVEIS lá, e lembro de ter comprado algumas vezes, sem maiores problemas. Lembrando que existem algumas lojas físicas da Estoque, aqui em BH mesmo tem uma e sempre vou dar uma fuçada por lá, mas certos produtos, só acho online mesmo.

Ok, a Le Lis virou de coleção e o site estava recheado de ofertas. Eu amo Le Lis mas acho cara e geralmente só compro em promoção. Lá vamos nós, comprei aproximadamente 900 reais em peças, bastante coisa, sendo que algumas peças custavam tipo 1300 reais, e com o desconto ficavam baratinhas. Maravilha né? Só que aí começou o pesadelo.

Primeiro, mandaram meu pedido em 3 partes. Quando recebi a primeira parte, com 3 peças, nenhuma me serviu, todas ficaram grandes. Péssimo, mas ao invés de trocar, pedi o estorno da compra pelo chat do site porque não amei muito as peças e tinha as mesmas coisas na loja (sim, vacilei, mas na foto do site estavam mais atraentes). Eles me mandaram um mail falando que em 5 dias entrariam em contato, mas NÃO entraram! Além disso, fui ver no Reclame Aqui e estava CHEIO de gente falando que eles demoram em devolver o dinheiro e às vezes nem devolvem! Pensei em reclamar no Instagram deles, mas inteligentemente (ou não) eles não tem insta! Resolvi trocar na loja física, mas a loja física alegou que não troca as peças compradas online. Preferi não arriscar devolver e ficar sem as peças e sem o dinheiro, e vou mandar apertar tudo.

Ok, essa foi a parte 1 da compra. A segunda parte, uma camisa, veio ok. E serviu, ufa.

A terceira parte, foi mais uma surpresa. Era para ser as duas peças faltantes, mas mandaram só uma porque a outra não tinha mais e me deram um crédito no site. MAS EU NÃO QUERO CRÉDITO, QUERO MEU DINHEIRO DE VOLTA. Lá fui eu ligar pra lá e mais de 50 minutos no telefone sem ser atendida por ninguém. Mandei mail, falando que não queria crédito e sim o estorno e depois de um tempo retornaram falando que fariam o estorno. Se farão mesmo, só Deus sabe.

Foi stress demais, mas foi nesse site viu gente? Eu compro muito na Westwing, na AMARO, no OQVestir, Shop2Gether, Farfetch e NUNCA tive problemas nem com estorno nem com devolução ou troca! Infelizmente, existem alguns sites tretados e para estar preparados como agir nesses casos, eu entrei em contato com duas advogadas, Marina e Joana, especialistas em Direito do Consumidor e elas fizeram um texto super interessante e informativo pra gente!

Dá uma lida para fazer sua compra online em paz!

“As compras online se tornaram um hábito dos consumidores. No Brasil, por exemplo, o comércio eletrônico está em constante ascensão. As pessoas possuem mais acesso à web e, em virtude disso, compram pelo computador, pelo smartphone, em casa, no serviço, na rua e até mesmo no ônibus. O que antes era difícil e demorado, agora é possível com poucos cliques.

Mas, mesmo diante de todas as vantagens, muitas pessoas nos perguntam se realmente vale a pena comprar pela internet. E nós, advogadas de direito do consumidor e adeptas às compras online, sempre respondemos que sim. E não seria diferente! Afinal, nada mais prático e confortável do que adquirir um produto de onde estiver, sem enfrentar o trânsito e perder tempo!

De todos os aspectos positivos, a comodidade é, sem dúvida, uma das características que mais atrai o consumidor a comprar pela internet. Pesquisar pelos produtos online, enquanto está em casa ou no serviço, não economiza apenas o seu dinheiro, mas o seu tempo e a sua energia. 

O consumidor também conta com maior privacidade, variedade de produtos e de pagamento, além de comércio em horário integral e melhores preços, na maioria das vezes praticados com cupons de descontos e promoções exclusivas. Quem navega por aí sabe muito bem que o mesmo produto pode ser encontrado por valores diferentes e adquirido em qualquer horário, por mais de uma forma de pagamento.

No entanto, ainda que sejam inúmeros os aspectos positivos, é normal o surgimento de alguns probleminhas. E para quem tem o costume de comprar online, sabe que nada mais importante do que estar preparado. Nesse caso, como proceder? A seguir, algumas dicas de como agir em situações rotineiras das compras online.

Se arrependeu da compra? Relaxa!

Uma compra não precisa ser um casamento! Se você adquiriu um produto ou serviço fora de um estabelecimento comercial (internet ou telefone, por exemplo) e desistiu de ficar com ele, saiba que, por lei, você tem direito ao arrependimento, para tanto, basta entrar em contato com o fornecedor.

A desistência deverá ocorrer no prazo de 7 (sete) dias, a contar da data da assinatura do serviço ou do recebimento do produto. O produto é devolvido e o valor pago ressarcido em sua totalidade, de modo que ninguém fique em prejuízo. Portanto, fique atento às regrinhas. Todo mundo tem o direito de se arrepender. Quem nunca, não é mesmo?

E segue a dica: o direito ao arrependimento vale para todo tipo de compra fora do estabelecimento (quando realizada online ou por telefone), incluindo passagens aéreas, ingressos de eventos, teatro, shows e demais produtos, desde que respeitado o prazo previsto em lei.

Comprou maçã e veio laranja? Não se preocupe!

Nem tudo está perdido quando o fornecedor entrega o produto incompleto ou diferente do que foi pedido. Apesar de ser uma situação chata e completamente desgastante, ninguém é obrigado a aceitar algo diferente daquilo que comprou. E nem deve. Afinal, é de responsabilidade do estabelecimento transmitir as informações corretas sobre as características de cada produto ou serviço, bem como de fornecer o produto exatamente igual as especificações informadas.

Havendo qualquer divergência entre o produto/serviço adquirido e o que foi de fato entregue, é do consumidor o direito de solucionar o problema da forma que melhor lhe atender, através das seguintes opções:

  1. Exigir o cumprimento da obrigação, ou seja, a entrega do produto correto;
  2. A substituição do produto por outro equivalente;
  3. A rescisão do contrato, com a devolução da quantia paga, devidamente corrigida. Nesse caso, o consumidor pode exigir ainda o pagamento de perdas e danos, caso tenha sofrido algum prejuízo.

Essas opções estão no Código de Defesa do Consumidor e também se aplicam às hipóteses em que o produto não é entregue pela loja.

Ah! E apesar de estarmos falando sobre compras online, é bom esclarecer que essa regrinha vale também para quando realizamos a compra diretamente no estabelecimento. Vale, por exemplo, para quando compramos diretamente na loja um móvel maravilhoso e ele é entregue de forma diferente da adquirida (seja pela existência de vício/defeito ou por tamanho, cor, forma e qualquer outra característica que seja diferente da encomendada). 

E se eu quiser cancelar a compra, posso?

Essa é uma das dúvidas que mais encontramos nos consumidores. Quando posso cancelar? Há alguma situação em que tenho o direito?

Fique tranquilo, de acordo com o nosso Código de Defesa do Consumidor, em determinadas situações você pode sim cancelar a compra após os 7 (sete) dias mencionados acima:

 

  1. Quando for constatado, ainda no prazo de garantia, que o produto adquirido apresentou defeito e/ou vício e, após 30 dias, o fornecedor não conseguiu solucioná-lo;
  2. Quando a quantidade do produto for diferente daquela especificada em sua embalagem;
  3. Quando o fornecedor não cumprir a oferta, como por exemplo, atrasar a entrega do produto ou entregá-lo de forma diversa daquela contratada;

Nas situações que o produto foi entregue dentro do prazo e exatamente da forma contratada, o cancelamento da compra vai depender do fornecedor.

De toda forma, em se tratando de relação de consumo, entendemos que o diálogo é a melhor maneira de encontrar solução para as mais diversas situações apresentadas, de forma a manter um bom relacionamento entre loja e cliente, garantindo a satisfação de todos os envolvidos na negociação. 

Sofreu prejuízos ou algum tipo de constrangimento com o atraso na entrega ou por falha na prestação/fornecimento dos serviços/produtos? Saiba que o ressarcimento do prejuízo é de responsabilidade do fornecedor também!

Como toda relação da nossa vida em sociedade, existem situações que podem ser desagradáveis e que temos que enfrentar. Contudo, existem situações que causam transtornos na nossa vida que vão muito além de um mero incomodo cotidiano.

Já pensou comprar pela internet, com a antecedência necessária, uma bicicleta para presentear o seu filho e ela não chegar a tempo do aniversário dele? Ou comprar toda a decoração para uma festa de princesa e, no dia do evento, entregarem materiais para uma festa adulta?

Situações mais sérias ainda, como um produto de beleza com defeito de fabricação, que causou irritação e lesões na pele ou um brinquedo que não obedece aos padrões de segurança e acaba machucando alguma criança.

Enfrentar situações como as acima exemplificadas vão muito além do que solucionar um problema de atraso na entrega ou vício no produto. São situações que causam, além de grande estresse, prejuízos materiais e por vezes danos corporais, que devem ser integralmente reparados pela empresa fornecedora.

Portanto, muito além de fornecer o produto adquirido em total conformidade, é dever das empresas zelar pela correta prestação dos serviços, garantindo um padrão de qualidade que não viole o consumidor de nenhuma maneira, principalmente em sua esfera física, psíquica e patrimonial, sob pena de arcar com todos os prejuízos que o consumidor suportar.

No mais, fiquem sempre atentos. Sabe aquele velho ditado, quando a esmola é demais o santo desconfia? Desconfie você também!

Por mais atraente que sejam algumas promoções online, com preços bem abaixo do valor de mercado, temos que ter consciência que infelizmente ainda existem no mundo pessoas que tentam obter vantagem através da boa-fé de terceiros.

Sendo assim, para evitar situações constrangedoras e com maior dificuldade de solução, é importante sempre termos cuidado e pesquisar bastante o site e fornecedor na hora de realizar uma compra fora do estabelecimento.

Utilizar um antivírus adequado, pesquisar a reputação do fornecedor em sites como o reclame aqui (www.reclameaqui.com.br) e em fóruns de discussões, verificar os comentários sobre a loja em redes sociais, garantir que o pagamento será feito através de empresas reconhecidas no mercado, verificar os e-mails e sites que direcionam para outros locais de rede e não clicar em todo tipo de promoção que aparece quando estamos navegando em outra página, são algumas medidas de segurança básicas que garantem o sucesso da compra.

O Código de Defesa do Consumidor é uma lei de fácil leitura e compreensão que estabelece todas as regras que o fornecedor deve cumprir ao colocar seu produto em circulação no mercado, sempre que se sentir lesado, vai lá e dá uma lida (http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8078.htm), quem sabe você já não encontra a resposta para o seu questionamento?

De toda forma, não deixe de exigir seus direitos! O direito do consumidor é um direito da coletividade, exigir o cumprimento das obrigações e coibir práticas abusivas pela empresa fornecedora garante uma maior qualidade na prestação dos serviços para todos.

Qualquer dúvida e dificuldade na solução de um conflito, procure o Procon da sua cidade e um advogado da sua confiança!

Estamos disponíveis para dúvidas. Se precisarem, fiquem à vontade para entrar em conosco através dos e-mails marina@tozzoenery.com ou joana@tozzoenery.com e aproveitem para seguir a gente no nosso instagram @tozzoenery, que é cheio de dicas e informações sobre conflitos do dia-a-dia.

Um abraço, Marina e Joana.

 

  • Sempre é bom a gente saber nossos direitos e no que se diz ao mundo virtual, hoje em dia, é imprescendível! E eu, tanto como consumidora e como loja online, procuro sempre me informar para estar dentro da lei. Tomara que a Estoque veja este post e melhore o atendimento com seus consumidores! 
Escreva seu Comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui
35 comentários em “Comprando Online e com Segurança!”
  1. Georgia12/08/19 • 18h28

    Cony, nem acredito que você escreveu esse post, pois estou passando pelo mesmíssimo problema, com a mesmíssima loja. 90% das minhas compras de vestuário são online, porque não gosto de shopping e sempre encontro preços melhores no comércio virtual.

    Nunca tive problemas, e por isso me acostumei a comprar mais peças do que realmente quero ficar (comprar a mesma calça em dois tamanhos pra ver qual fica melhor e devolver a outra, por exemplo). O único cuidado que eu tomo é fazer a compra logo quando vira o cartão de crédito, para dar tempo de receber o estorno antes da fatura fechar.

    Pois bem, comprei 3 calças pretas nessa loja Estoque, com o intuito de ficar com apenas uma. Infelizmente NENHUMA das três serviu, razão pela qual pedi o estorno integral há semanas… e até agora nada. Resultado: vou ter que pagar pelas três peças, sem poder =( Graças a Deus não é um problema grave, pois consigo pagar a fatura, mas vou ter que me apertar durante o mês, e ainda por cima não tenho mais $$$ sobrando para comprar a calça preta que preciso. Enfim, fiquei super triste com o acontecido.

  2. Izabela Augusta de Brito Ribeir12/08/19 • 18h32

    Isso é chato mesmo Cony!

    Já tive alguns problemas também, por isso gosto muito de comprar em sies como mercado livre ou amazon, pq o serviço deles também funciona como um mediador da compra em caso de problemas!
    Eu no seu lugar teria devolvido tudo só por desaforo, pq loja assim não merece meu suado dinheirinho hahaha

    As dicas da Marina e da Joana são ótimas!!! Muito bom esse post!

    • Rafa Moreira14/08/19 • 12h51

      Mas isso e uma imensa sacanagem com a loja, ja pensou nos custos envolvidos de correio para devolução? Acho sua atitude horrivel. Faz uma coisa sabendo que e errado, e que prejudica a outra parte inclusive financeiramente. Mesmo sendo uma loja.

      • Daniela14/08/19 • 16h35

        Rafa Moreira, concordo com você!!

        E sobre problemas de estorno no cartão, um dia fiz uma compra e não recebi o produto, tampouco estornaram o valor, então entrei em contato diretamente com a administradora do meu cartão e resolvi o problema.

        Georgia, faz isso não, imagine se você fosse dona de uma lojinha e fizessem isso que você faz? Seu lucro ia ficar para pagar despesas com envio das peças de roupas e devoluções!

        • Georgia14/08/19 • 17h46

          Gente, eu não compro a mais de “sacanagem”, eu compro a mais porque não estou em uma loja física, e portanto não posso provar as peças. Exemplo: tenho um macaquinho tamanho 40 da AMARO, uma calça 36 e outra 38. As peças lá voam – se eu gostei de uma calça “chuto” meu tamanho errado, até receber a peça e experimentar, o tamanho correto já acabou.

          A AMARO é apenas um exemplo, e nem é o mais complicado de todos: multimarcas como Oqvestir e Shop2gether vendem marcas de vários estados, que não tenho como conhecer a modelagem porque não tem filial no RJ, por exemplo.

          É óbvio que se eu sei o tamanho certo na hora de comprar, compro uma peça só, até porque dá trabalho devolver, e meu tempo também é dinheiro.

          Por fim, sugiro que pensem por outro lado: consumidoras com o meu perfil simplesmente não comprariam, se não pudessem devolver as peças. Ademais, eu não tenho tempo pra comprar 10x e devolver até acertar meu tamanho, isso seria tão pouco prático que eu compensaria ir ao shopping experimentar. O comércio online oferece essa vantagem de poder EXPERIMENTAR em casa, com calma, e devolver o que não deu certo. O lojista já calcula esse custo na hora de definir o preço final das peças!

          Enfim, não estou fazendo nada de errado: o comércio online tem vantagens e desvantagens, e parte do apelo ao consumidor é justamente poder experimentar peças em casa. O que é melhor: vender menos e não arcar com custos de devolução, ou vender mais e embutir o preço desse “serviço” nos produtos?

          Abs.

  3. Ana Luiza12/08/19 • 19h29

    Eu namorei por semanas um vestido da ale Lis na estoque, e acabei comprando também nessa super promo. Mas de qualquer forma o vestido custou quase R$ 300,00 e detestei, é mega transparente e não veste nada bem, além de ser enorme… fiz o contato no site solicitando a devolução e o sistema deles eu acho que tava bugado, pq não processou minha solicitação de troca. Aí mandei email e não tive resposta. Achei que era só comigo e que logo resolveriam. Agora, lendo seu relato, acho melhor ligar lá mesmo…

  4. Bruna13/08/19 • 09h56

    A questão de direito de arrependimento de passagens aéreas ainda não é tão pacificada.
    As normas da ANAC estabelecem 24 horas para arrependimento. Isso é certo.
    Porém:
    – Quando você compra em sites de agência de turismo (decolar, submarino, etc), os sete dias se aplicam
    – Quando vc compra direto na companhia aérea, a questão é mais polêmica e pode ser que vc não consiga cancelar nos sete dias de forma administrativa, fazendo-se necessário ajuizar uma ação judicial.

    No mais, é muito bom mesmo saber nossos direitos! Ótimo post, Cony!

  5. Leila Braga13/08/19 • 10h04

    Cony,

    Acabei de ter problema com esse site. Eu também já tinha comprado com eles, sem problemas, já fiz compra que fiquei com tudo (tava tudo ok) e já devolvi um vestido da Bôbô que ficou enorme e me fizeram o estorno. Dessa mês passado fiz uma compra deu 450,00 por 3 produtos (um achado), e duas peças ficaram grandes, ao tentar devolver foi a novela: o telefone não atende (se aconteceu com você tb, então é enganação) liguei em horários diferentes e dps de 1h de espera não consegui ser atendida em nenhuma ocasião. No site não davam opção de estorno só de vale (também não tinha interesse de vale), e mandei e-mail e falaram que iriam retornar em 5 dias e NUNCA mais entraram em contato. Pelo mesmo receio que o seu, fiquei com as peças! Mas NUNCA mais compro lá! Absurdo! Que bom que vc divulgou, porque não sei o que aconteceu mas não dá mais para comprar lá! Entrou pra minha listinha negra! Beijos!

    • Constanza13/08/19 • 10h21

      Menina, igual eu!!!! Nunca mais compro lá tb!

      • Helena24/08/19 • 12h27

        Cony, esse site da estoque é uma fraude!!! Tem 4 meses que estou brigando com eles para eles me restituirem no cartão e eles só metem. Um total desrespeito!!! Olha q compro muito in line: Amaro, o q vestir, Gallerist, shop2together, dafiti, e eles sempre foram corretos!!! Estou em choque com a estoque!!!

        • Constanza26/08/19 • 12h00

          Tb, nunca mais compro la.

  6. Maira13/08/19 • 11h02

    Certíssima em divulgar o ocorrido Cony.

    Normalmente quando nunca comprei num site específico, eu dou uma consultada primeiro nas reclamações, se vejo que tem muita gente reclamando, pode estar com preço ótimo, que não compro.
    Tem uma loja que sempre vejo roupas legais e fico doida pra comprar, mas não tem ela aqui em BH, então a única opção é comprar pelo site, mas infelizmente as normas deles é muito sem noção, a troca é feita só na loja, pelo site só aceitam devolução, resultado, nunca comprei, preferi não arriscar e passar raiva.

  7. Gislaine Silveira13/08/19 • 11h18

    Comprar online é gostoso mas às vezes dá tanto stress que a gente acaba desencantando. Eu comprei há um tempo atrás umas coisas legais no site Enjoei, sabe? Peças novas até com etiqueta por preço incrível de barato. Até o belo dia em que uma trambiqueira de uma lojinha chamada a gerente ficou malucaaaa de balneário camboriú, sc vendeu uma blusa da Zara que perguntei se tinha bolinhas e ela afirmou que não. A foto parecia uma blusa perfeita, então comprei. Para meu ódio mortal, a peça veio com um BURACO no meio. Para atiçar ainda minha ira, a vendedora 171 colocou o endereço errado no cadastro, sendo assim impossível a devolução. A Enjoei simplesmente ignorou minhas mensagens, não estornou o valor, não resolveu o problema e a vigarista continua lá com a lojinha pra enganar outras pessoas.

  8. Tata13/08/19 • 11h23

    Uma vez eu ia comprar na loja online da Estoque, mas antes entrei no Reclame Aqui e vi vááárias reclamações, acabei não comprando. Prefiro ir na loja física que tem em um outlet aqui perto (raramento encontro algo bom lá).
    Uma dica é SEMPRE antes de comprar ir no Reclame Aqui. Já deixei de fazer muitas compras depois de ver reclamações lá.

    Ultimamente tenho preferido comprar pessoalmente. Morro de preguiça do processo de troca, filas enormes no Correio, espera da encomenda chegar (moro em POA, demora uma semana para chegar em SP)…

  9. Rafaella Ferreira Guimarães13/08/19 • 11h51

    Bom dia Coni,

    Estou com o mesmo problema com o site ESTOQUE.
    Minha compra foi dividida em 4 pacotes, a solicitação de troca/devolução, que era referente a apenas 1 dos produtos que comprei, pude fazer somente quando todos os pacotes foram entregues.
    Agora estou aguardando o envio do código do correios, mas até o momento nada. Estou na luta!
    Também sou advogada, minha dica é: guarde todos os e-mails, ” dê print” das telas das solicitações e dos comprovantes das solicitações que foram realizadas, produza provas a seu favor.
    Caso tenha que tomar alguma providência via judicial, são estes os documentos que serão apresentados.
    E o mais importante, NUNCA DEIXE PRA LÁ, RECLAME, CORRA ATRÁS, as lojas contam com nosso conformismo, só reclamando e lutando por seus direitos como consumidores que este tipo de pratica deixará de existir.

  10. Taynara13/08/19 • 13h24

    Gente, vale lembrar que a loja pode colocar a regra que quiser no site em relação à devolução, que de nada vale se contrariar o Código de Defesa do Consumidor, que é uma lei federal e, portanto, vale para todo o país.
    Como exemplo, cito uma situação que vivenciei com uma loja que se negou a realizar a devolução, pois a “política da empresa” disponibilizada no site não a permitia.
    Eu só lembrei a atendente no telefone que pagar a diligência de um advogado para fazer audiência de um futuro processo sairia mais caro que o produto a ser devolvido. Rapidinho a conversa mudou e consegui fazer a devolução sem problemas!

  11. juliana13/08/19 • 13h26

    Oi Cony, compro há bastante tempo na Estoque, é minha loja preferida. Nunca tive problemas, já devolvi várias peças, sempre foi tranquilo. Mas nas últimas 2 devoluções tb estou amargando, nunca atendem o telefone, ou confirmam o estorno. Bem tenso. A penúltima consegui resolver via reclame aqui, mas a última devolução nem o reclame aqui eles estão respondendo. Atendimento pós compra mais que horrível.

  12. Aline13/08/19 • 17h45

    Nossa, mais uma passando por perrengue com a loja virtual da Le Lis Blanc…
    Eu fiz uma compra e pedi devolução. Aí começou a saga! Enviava e-mails e nada de resposta! Ligava e os telefones estavam ocupados. Até q um dia, depois de duas tentativas e quase 50 minutos de espera, finalmente falei com um atendente e expliquei que queria código de postagem e estorno. Bom, fiz o envio das peças e até hoje não devolveram meu dinheiro!! E agora também não respondem meus pedidos de informação sobre cadê meu estorno no cartão.
    Sigo na luta para reaver meu dinheiro e com uma certeza: nunca mais compro nada das marcas do grupo. Uma tremenda falta de respeito! Não são peças baratas e vc não imagina passar tanto sufoco ao lidar com uma loja desse porte.

  13. Ju13/08/19 • 17h49

    Já comprei na Sephora e me incomodei HORRORES para eles devolverem meu dinheiro. Só para terem ideia, foi um produto que comprei na black Friday e estava para vencer. Assim que recebi o e-mail de confirmação da compra veio a data de validade (menos de 1 mês) e em seguida solicitei o cancelamento! O estorno só veio em FEVEREIRO do ano seguinte!!
    Comprei um tapete na Westing e na campanha seguinte (3 dias depois) o mesmo modelo estava R$ 200,00 mais barato. Reclamei, pediram para eu optar entre comprar outro tapete pelo valor mais baixo e eles cancelariam a primeira compra ou voucher. Acabei optando pelo voucher.

  14. Adriene13/08/19 • 18h18

    Não tenho hábito de comprar online. Fico com preguiça desses contatos pós venda e de ir ao correio pra devolver. Comprei nesta loja pela primeira vez este final de semana. Estou esperando chegar amanhã às peças, mas já fiquei com medo agora. Sempre consulto e reclamo pelo Reclame Aqui, mas desta vez não olhei. Tomara que dê tudo certo.

  15. Juli13/08/19 • 19h52

    Do grupo restoque já comprei no site da john john uma calça e uma blusa de seda le lis blanc mas direto no site deles e chegou super rápido pois veio de uma cidade próxima a minha. Eu peguei tamanho maior do que eu uso pois caso não servisse eu mandaria apertar pois comprei na promoção de inverno. A calça ficou ótima mas a blusa larga mas vou usar igual. Eu queria muito comprar na estoque outlet mas não comprei ainda com receio.

  16. Carla13/08/19 • 20h32

    Deve estar acontecendo algum problema específico com essa loja! Costumava comprar nela, mas notei que a quantidade de reclamações aumentou MUITO de uns tempos pra cá, sem contar que antes permitiam a troca nas lojas físicas e possuíam um perfil super ativo no Instagram…

  17. Luciana13/08/19 • 22h01

    Matéria sensacional!!!

  18. Jaciara Martins13/08/19 • 23h15

    Cony, passei por algo muito parecido na Le Lis Blanc.
    Comprei uma calça de couro na promoção por singelos 2735,00 e a mesma não me serviu. Até aí tudo bem, só que não.
    Para ter meu direito básico respeitado fiz barracos enormes no Instagram, eles apagavam e eu colei e copiei a mensagem em todas as fotos que eu consegui, até ativei as notificações para colar meu comentário – nada educado – em TODAS. Isso fora Facebook, Reclame aqui, mil e-mails, etc. Fiz um verdadeiro inferno com eles, afinal eles fizeram da minha vida um inferno primeiro. Por fim, estornaram no meu cartão, porém quero cobrar o que eles fizeram comigo. Lembrando que isso foi online, na loja física sempre sou bem atendida.

    • Constanza14/08/19 • 10h09

      A Le Lis Blanc tem sérios problemas com sua parte online! Na Privalia quando seu problema, foi com peças da Le Lis tb!

  19. Alda14/08/19 • 16h15

    Excelente esse post! Dicas muito valiosas! E, falando em compras online, estou aguardando ansiosamente o “Onde Comprar” das calças jogger. Beijo, Cony!

  20. Márcia casemiro14/08/19 • 21h28

    Muito bom! Me decepcionei muito com a Lelis Blanc, tb faço igual vc Cony compro em promoção. Esse último saldão de inverno que teve agora no site da Lelis, fiquei um tempão entrando para ver se entrava no saldo uma saia que queria muiitooooo, enfim entrou consegui comprar rapidamente, de mil e pouco por 260 em 6 x, e se esgotou rapidamente, pagamento confirmado, imagina minha alegria. Mas não durou muito, uma semana e nada de enviarem , não tinha nenhum canal para contato , apenas um telefone que fiquei 30 min na espera no viva voz e nada de atenderem , nenhum email para contato absurdo, liguei a semana toda não atendiam de jeito nenhum , para minha surpresa recebi um email de cancelamento da minha compra, informando que não tinha a peça em estoque, fiquei tão triste, queria tanto aquela saia. Pq colocaram à venda uma saia que não tinha em estoque . Chatiada no dia seguinte entrei no site e lá estava o meu número único tamanho a venda , entrei rápido e comprei novamente , pensei deve ser erro , como colocaram a minha única peça novamente em estoque, só que agora só parcelavam em 3x, para minha surpresa a saia foi enviada. Fiquei feliz de recebe lá ? Sim, mas se não tivesse entrado no site, outra pessoa teria comprado , ou seja , mentiram p mim quando cancelaram dizendo que n tinha em estoque . Fiquei tão decepcionada com a loja. Será que não queriam mais fazer em 6x? Bom não sei , mas me senti enganada .

  21. Lânia Sangy14/08/19 • 22h16

    Muito chato o que aconteceu… Tenho comprado muito on-line também, pra mim, meus filhos e marido!! Sempre tento verificar o tamanho certo pra facilitar a minha vida, mesmo a primeira troca sendo grátis! Excelente texto! Parabéns pela ajuda! Obrigada e beijos

  22. Priscila15/08/19 • 09h07

    Cony, No caso da devolução do produto, a loja é obrigada a ressarcir o frete também? Já aconteceu comigo uma vez, me devolveram o valor do produto, mas não ressarciram o frete, que foi de 25,00 reais.

  23. Mariane15/08/19 • 09h53

    Cony, eu não compro mais no site da Estoque! A última compra foi um pesadelo! Eu até te mandei um direct informando na época! Fiz um compra em outubro do ano passado. Um item ficou grande, e outro item eles mandaram a numeração errada! Devolvi dentro do prazo e solicitei o estorno do valor pago. Mandei vários emails, liguei várias vezes, escrevi na página do Face deles, e no insta da Le Lis Blanc! Só após postar no Reclame Aqui é que eles me estornaram! Após 2 meses de estresse! Foi uma falta de respeito com cliente tão grande, que não tenho vontade de comprar mais nada da Le Lis Blanc e das outras marcas do grupo….

  24. Mariana16/08/19 • 08h57

    Comprei uma bota da John John nesse site e só não devolvi por pura preguiça de ir até os Correios.
    Veio sem caixa, sem proteção alguma, embalada apenas em plástico daqueles de colocar em fichário.
    O material da bota é couro, mas um beem ruinzinho, dá para perceber que logo vai começar a descascar, é muito fino e mole.

  25. Hellen16/08/19 • 12h49

    Cony, amo comprar na MOB On line… Esta semana eu descobri que eles tem um modelo de atendimento super eficiente, que serve de case para muitas lojas.
    O sistema de troca é todo on line, sem atendentes, sem espera… não serviu ou quer trocar, entra no site, faz a solicitação de estorno ou troca, recebe o codigo para devolução nos correios (quase na hora) e tudo funciona perfeitamente bem! além do que os preços das promos são preços de promo mesmo!!!

    • Constanza17/08/19 • 08h51

      Bom saber! Gosto muito das coisas de lá!

  26. Veronica fozatto20/08/19 • 23h21

    Também já tive problema com esse site. Comprei um blazer e ficou grande. Me informaram que não faziam troca, então optei por devolver e comprar novamente no tamanho certo. Resumindo, nunca me devolveram o $$$, apesar das horas com p SAC. O tamanho correto chegou direitinho mas acho que passei tanta raiva que nunca usei o bendito. Vendi num desapego com etiqueta e tudo. Isso aconteceu há uns 6 anos atrás, ou seja, até hj tá a mesma zona.

  27. Ana01/11/19 • 08h39

    Li esse post há um tempo atrás e queria deixar meu depoimento agora. Passei pelos mesmos problemas que todas vcs, mas a Estoque mudou o atendimento pós-venda. Creio que terceirizaram a logística de troca/devolução. Pelo site, tb percebemos que o sistema mudou. Tinha duas devoluções pendentes qdo li este post (uma há 5 meses e, outra, há 6 meses). Estava disposta a ir ao Procon, mas sem tempo pra isso, e fiquei surpresa com a devolução. Eles me ressarciram mesmo sem um novo contato recente da minha parte. Aí percebi que eles haviam mudado a forma de atender aos clientes. Fiz uma compra recente, devolvi, e as tratativas são através de um e-mail com login “Troque Fácil” (seria uma empresa terceirizada?). Eles avisam qdo o código dos Correios está prestes a expirar, qdo o produto foi postado e qdo foi recebido pela loja. Que mudança radical! Foram tantos aborrecimentos que eu tive… Então, deixo aqui um incentivo pra quem tem estorno pendente: tentem contato com a loja de novo! Não é justo a gente perder um real sequer, é um desrespeito muito grande com o consumidor.