25
Oct 2015
Mi casa, su casa -A Gourmetização da reforma
Mi Casa Su Casa

Olá Fufus!

Tô aqui com meu coração peludo em fúria, pois três dias  atrás eu estava serelepeando pela internet, e encontrei um canal de vídeos mó bonitinho de uma arquiteta ( reconhecimento #1 ) que também é designer ( reconhecimento  #2 ) com uma estética moderninha ( reconhecimento #3 )  toda preocupada com valores de obras na atualidade ( reconhecimento #4 ) com um formato de atendimento virtual para clientes que querem poder controlar seus investimentos e gastos durante uma obra ( reconhecimento #5) .

moderno

Tá! Aí a pessoa aqui tem alguns T.O.C…. por exemplo, eu TENHO que ver as coisas em ordem cronológica. Assim como tenho que ver revista na ordem que ela foi editada. Esse povo todo que vê revista de trás pra frente me EN-LO-U-QUE-CE!

Ok, aí o canal em si tem várias picas, dicas de como cobrir revestimentos, modernizar superfícies, decorar paredes… até que eu cheguei numa palestra que aconteceu em ambiente fechado, que foi um evento online super famuóso e esse povo deste canal disponibilizou o tre-le-lê deles, contando os passos de como se organizar para uma obra, como fazer reciclagem do máximo de coisas. Explicando sobre o lixo, e o devido cuidado pra se ter com os entulhosZZZZzzzz (birrinha #1).

Também fizeram as simulações de como separar tudo que sai de uma obra porque senão essa matéria não pode ser reciclada ( birrinha #2) porque temos que ser consumidores conscientes e pensar nos detritos que estamos acumulando no planeta. E lá se foram 59 minutos de vídeo pra no final os dois sócios deixarem claro que:

  1. É mais caro separar os lixos,
  2. É caro reaproveitar materiais,
  3. Trabalho esse que necessita de uma empresa especializada,
  4. Reciclar entulho de obra é trabalho especializado,
  5. Empresas especializadas só existem em São Paulo (capital) e em Belo Horizonte.

serio

Mas esse spoiler do final é pra você não morrer de ódio como eu porque…

#acompanhemos um resumo da palestra sobre a reforma “correta”, que (segundo eles) se baseia na análise, planejamento e execução:

Reforma de um apto da década de 80:

Conceito: Substituição do piso cerâmico. Piso de porcelanato de R$ 39,90 não podemos usar porque vai criar entulho pra tirar o piso velho, mais ou menos 2 caçambas (R$ 500,00) . Então vamos usar um piso cimentício porque não cria lixo.

Definição: Ah não, não dá porque o piso cimentício custa R$ 150,00 o m2 que totaliza R$ 13.500,00 e o porcelanato fica R$ 3,960,00.

Head in Hands

Conceito: Não gosto do granito da cozinha antiga mas o granito custa caro então vamos reaproveitar em outro lugar da casa:

Definição: Esse granito é muito feio mesmo, joga fora e troca tudo.

cute-cat-funny-facepalm-memes-pics

Conceito: móveis de cozinha são muito caros, então vou construir prateleiras e bancadas em alvenaria mesmo e depois eu decoro sem necessidade de móveis.

flintstones

Definição: A cozinha ficou parecendo que saiu da casa dos Flintstones, uma desgraça só, vamos pendurar umas cortininhas nas bancadas inferiores pra sumir com a bagunça.

PANINHO

OK. Essas foram as Birrinhas de #2 até #7

Conceito: As portas são de madeira antiga, estão feias, mas podem ser reaproveitadas como um painel, um cachepô, mesa de centro, mesa lateral…

Definição: Custa caro pra transformar as portas, como eu não tenho uma personalidade marceneiro, vamos arrancar e jogar fora.

door

Conceito: Piso de taco. Esse piso é lindo e se eu tivesse eu não tiraria, a não ser que tivesse cupim. Podem virar uma mesa de jantar ou um painel pra televisão, ou quem sabe, cabeceira de cama.

Definição: Custa caro pra transformar o piso, como eu não tenho uma personalidade marceneiro, vamos lixar e passar sinteco que é mais barato.

Bunny_facepalm_by_shlj23-d4s3yaj

Conceito: Na lavanderia vamos apenas pintar o azulejo antigo. assim evitamos quebradeira, pagar caçamba e geral lixo no planeta.

Definição: A coisa tá feia, o rejunte tem que ser refeito, mas antes precisa de uma preparação da parede com um produto abrasivo específico pra parede voltar a ser porosa e aderir bem a tinta. O rejunte também terá que ser escovado e reaplicado. (Ignore aqui o valor do trabalho todo destas aplicações, mais o gasto com água AND a poluição que esse abrasivo vai causar VERSUS pagar uma caçamba de entulho)

Jesus_facepalm

#uncontable birrinhas.

Entendam, eu não sou contra o reaproveitamento, nem contra a reciclagem. Eu só acho que elas tem de ser viáveis pra serem realmente a favor da natureza.

Então se pra mim é caro pagar um bom marceneiro pra transformar uma porta em um painel pra TV,

Ou o piso de taco numa cabeceira de cama,

Ou aquele armário antigo de cozinha em uma despensa linda.

DOE!

Desapega, libera geral, distribui!

Você se preocupa com as 24 mil toneladas de entulho que a cidade de São Paulo cria todos os dias, mas gasta 30 ou 40% a mais de dinheiro pra deixar sua casa bonita, ótimo.

Mas se você não tem essa grana sobrando, porque não doou pra um catador? Eu passei a porcaria da palestra toda esperando a hora que um dos dois iam dizer:

“Aquele granito feio da cozinha, que vale uma fortuna foi doado”.

Entenda, a pessoa tirou leite de pedra, nadou sete mares sem molhar o Sonrisal mas não doou as portas. Não deixou o granito encostadinho no muro com um cartaz “doação”.

Eu não sou a pessoa mais econômica, ecológica e sustentável que existe. Eu adoro um churrasco, tomo banho quente no verão e tenho casaco de couro.

O que eu não tenho é uma roupa que não me serve mais, um quinto cobertor, sendo que temos duas camas em casa. Eu não tenho uma TV em cada cômodo (nem ar condicionado) , raramente jogamos comida fora e separamos sim o lixo reciclável do orgânico.

Mais importante do que pensar nessa junção de economizar na obra e não poluir, pra mim, é compartilhar o que pra mim já não está bom, mas que pra alguns está ótimo.

E por fim, eu continuei olhando os vídeos do canal em questão e vendo projetos que cada vez menos usavam materiais “reaproveitados“. Porque você ensina a fazer uma coisa horrenda com lata velha e garrafa pet, você não vai salvar o mundo. Porque economiza 120 reais de piso, mas rodou 250km queimando combustível pra chegar na décima primeira loja onde tomou o sétimo cafezinho num copo plástico que vai levar 50 anos pra se dissolver no ecossistema não te faz um vencedor.

Ponderem leitores e leitoras, ponderem porque de eco-chatos o mundo tá cheio. Cheio de selos verdes e de bandeiras eco-friendly, baseadas em planos de ações que não são colocados em prática, apenas escritos.

face,facepalm,king,medieval,stupidity-b1badcf6cf972649a362a4f98c4d2cca_h

Sim, esse é mais um post desabafo do tio. Mas é que eu fervilho de ódio com facilidade, coisa de cancerianos.

E quando eu falo em reciclagem, especialmente das caseiras eu quero ver transformação.

Reciclagem, quer dizer transformar uma coisa velha, ou usada, em uma nova. Então não me apareçam com  uma garrafa pet colada no muro dizendo que é um vaso-di-frô. ISSAE é lixo prástico.

Aliás a minha birra com a tal da garrafa pet é longa. Meus professores de arquitetura tudo me marcam em publicações desses monstrinhos no facebook, porque eu simplesmente tenho ojeriza deles. Não, não e não. Garrafa furadinha, garrafa cortadinha, garrafa cortadinha e coladinha continua sendo lixo, vlw, ? flw?

Garrafa pet cheia de areia e vestida de crochê não é uma bonequinha peso de porta. É um lixo pRástico disfarçado de exu dando alegres saudações aos transeuntes.

Quer reciclar transforme o treco que seja, em algo melhor, combinado? Pior não vale.

Olha como tem jeito de deixar uma garrafa pet reciclada como algo do bem:

ArvorePet2

Legal né? Mas, pra cada uma boa, tem dez terríveis :

 

arvore-de-natal-garrafas-pet-no-peru

Agora vão pra vyda, mas continuem lendo o Futilish, o Paraguai Pink, e vendo eu e a Cony no Instagram e no Snapchat. Somos @futilish e @tiolelofoz nas redes.

#bença!

As fotos utilizadas nos posts são coletadas na internet, e só apareceram aqui porque eu gostei, então, parabéns pra você que fez. Respeito muito seu trabalho e os créditos são seus. Se te incomodar a divulgação aqui, mande um email e eu substituo. BêXos.

assilelo.jpg

18
Oct 2015
Mi casa, su casa – Cimento Queimado
Mi Casa Su Casa

Olárrrrr Fufus!

Tive um pedido de MAYDAY nos últimos comentários de uma fufu em obras, então vamos falar do modernético-fofuxo-coisa-linda-do-titio : Cimento Queimado.

08-concreto-e-tendencia-e-ganha-imitacoes-perfeitas

Então pega a querosene e #vemkotio!

Rá! Já já eu explico que o cimento queimado não envolve pirofagia.

Esse piso é considerado monolítico (não é formado em peças como um porcelanato) mas ele tem sim, pequenas juntas de dilatação, que podem ser na mesma cor dele, “desaparecendo” e deixando a visualização super limpa.

A junta de dilatação acontece em praticamente tudo que construímos, pois com o calor e o frio, tanto concreto, alvenaria, madeira, ferro, gesso expandem e contraem nem sempre nós cerezumanos percebemos essa movimentação. no gesso, as juntas são aquele “friso” de uns 2 cm que vemos em algum lugares, os rejuntes também funcionam como dilatação e em grandes paredes, você com certeza já viu em shopping centers, que as vezes tem uma “borracha” nas paredes. isso evita que o piso estoure e levante, ou que a parede trinque e em casos estremos (caguei) eXtremos, que o gesso rache.

O piso também se move, e eu não estou falando daquela sensação pós caipirinha, aliás, bora beber uma?

keep-calm-and-drink-caipirinha-58

Caipirinha, clima tropical e cimento queimado tem tudo a ver.

Ele é um piso frio, muito comum no nosso Brazeeeel, porque, bem, porque ele é verdadeiramente bom, bonito e barato. MAS tem seus truques.

Primeiramente, ele é barato, mas ele precisa de alguém que conheça as técnicas. Descobri nas pesquisas para este post que existe uma ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CIMENTO PORTLAND  e no hot site Massa Cinzenta (AMAY o nome) do Cimento Itambé, a receita com passo a passo do cimento queimado.

Pra quem não quer saber como é tim-tim-por-tim-tim, uma visão dinâmica é:

Contra piso feito, colocasse as juntas de dilatação com 30mm de altura, joga a massa de cimento, água e areia até nivelar nos 30mm deixa bem lisinho com a desempenadeira.

Se deixar secar assim, vira aquela calçada simples que tem em todo canto no nosso país onde eu sei que você já ralou o joelho, ou o cotovelo, se for uma pessoa sem joelho, #fufufalapratodos.

Então pra ficar a coisa da moda, precisa “queimar” o cimento e pra isso não é necessário tacar fogo no cabaré. O processo de queima é simplesmente cobrir a massa ainda molhadinha (ui!) e mole (epa!) com o pó do cimento.

Depois usa-se um impermeabilizante e fim.

Por quê chama queimado? Não sei. Mas eu sei que mexer muito com o pó do cimento puro dá uma impressão de que a pele afinou, queimou mesmo. E como esse piso é muito comum em fazendas (onde ele frequentemente é tingido de vermelho e chamado de vermelhão) eu imagino que a mão de obra antigamente não usava proteção e daí veio o nome “queimado”. Mas essa é a história que eu criei pra mim, tá? Mente criativa as vezes te salva de crises existenciais, a prova viva disso é a autora E. L. James.

fifty-shades-of-grey-book-cover

Safadgeeeenha

Então, as juntas de dilatação podem ficar escondidinhas deixando tudo muito limpo.

e3ccebdd0570367ca9a28910744e9e66

As juntas mais comuns, são: madeira de lei, mármore, granito ou material plástico. Mas eu vi uma dilatação em perfil de alumínio que acelerou meu coração, de tão lindo.

Essas juntas podem formar desenhos conforme seu gosto, podem ser bem grandes, como 1m por 1m até 2m por 2m em regiões com menor variação climática (isso existe?)

Eu gosto do 1m x 1m mas eu também gosto de umas coisas loucas. então, tem que estudar cada caso.

Apesar se ser escravizado por nós designers existem cuidados pra se tomar com essa superfície.

Ela é lisa, geralmente usa-se cera, e quando molhado a probabilidades de beijar o chão é grande.

Eu gosto de evitar ele em locais externos por causa de chuva ou piscinas. Ele é resistente, ok, mas depois que você morrer de traumatismo craniano na calçada do jardim dos sonhos, não adianta nada o piso durar mais 100 anos.

No banheiro – especialmente no box – ele reage com BONS PRODUTO ( e maus também ) manchando, trincando e descamando. Ou seja: do box pra fora #pfvr.

mr-cryl-4-gran

Rodapé lindo né?

Na parede esse moço fica lindo-lindo-lindo! Mas fazer uma massa mole que leva de 3 a 10 dias pra secar numa superfície vertical é tão fácil quanto aguentar um salto do MCQueen pelo mesmo período.

Mas aí entra a feitiçaria tecnologia, em prol da facilidade, e hoje já existem tintas de diversas marcas que imitam o cimento queimado perfeitamente. Vc passa uma camada, fica uma merda, vc quer se matar. DAE quando passa a segunda fica lindo, perfeito e você não vê a hora de secar pra dar uns amasso no seu bem contra essa parede tesuda.

cimento-queimado-4 (1)

É um estilo meio industrial, meio rústico, mas que com a adição de pigmentos pode ficar mais homogêneo e até integrar ambientes mais clássicos.

cimento-queimado-19

Que mais… trincas, ele vai apresentar pequenas trincas, não tem jeito, mas também é o que deixa ele único. É da característica dele e não se preocupem, fica charmoso.

Agora um porém: Ele não é “remendável” até por isso eu gosto da junta aparecendo, pois caso haja algum acidente (na casa de um cliente derrubaram um andaime e o cimento queimado quebrou) você tem que remover uma parte considerável dele e refazer toda. E a cor NUNCA vai ficar igual.

Por ser assim, tão “frio” eu gosto da combinação dele com madeira, pois a madeira traz o aconchego que falta.

cimento-queimado-quarto-4

Cimento+madeira+miles de travesseiros+esquadria preta+ Chaise Le Corbusier = EU CASO!

Uma opinião que eu vou dar, porque não dou a vocês a opção de des-ler : Cuidado com o exagero.

É muito fácil perder a mão e defecar no décor. Como aprendemos anteriormente, Piso+parede+teto são a tríade que formam um fundo muito expressivo na composição de um ambiente.

suite-arui

Pode encher de amarelo, rosa e taco de madeira. continua parecendo uma caverna. Ou a cripta do Che.

Tem um passo a passo com fotos aqui de uma aplicação na parede. Cansei só de olhar as fotos e a alergia de pó mandou lembranças ao ver o tiozinho lixando a coisa.

E também existem uns produtos prontos, eu ví um balde de cimento queimado à venda na Leroy Merlin.

Acho que é um bom panorama pra vocês opinarem e decidirem se esse acabamento é o certo pro seu lar.

Por mais simples que seja, existem regiões na Terra Brasilis que simplesmente ninguém faz o cimento queimado. Os mestres de obras tem receio do cliente não gostar das trincas, e reclamar, falar, bla-bla-blá. Em São Paulo mesmo, um amigo teve que usar um porcelanato com efeito de cimento queimado, porque ninguém assumiu a bronca. Falei inclusive com um arquiteto amigo de lá e ele também não tinha indicação que fizesse uma casa toda assim. #chateado Aqui em Foz, um arquiteto amigo contratou uma construtora de posto de combustível pra fazer o piso do escritório dele. Então, quem sabe seja uma luz no final do túnel pra quem estiver desejando.

Agora, vamos pra vyda e continuem comigo que com a Cony no Insta e no Snap.

Somos @futilish e @tiolelofoz em ambas as redes.

E pra quem quer ler mais besteiras coisas que eu escrevo, num blog sobre a região onde eu moro e consumismo (saudável) corre no www.paraguaipink.com.br.

#bença!

As fotos utilizadas nos posts são coletadas na internet, e só apareceram aqui porque eu gostei, então, parabéns pra você que fez. Respeito muito seu trabalho e os créditos são seus. Se te incomodar a divulgação aqui, mande um email e eu substituo. BêXos.

11
Oct 2015
Mi casa, Su casa – Entra e senta, no sofá!
Mi Casa Su Casa

“Sente-se e fica à vontade.”

Quantas vezes você já ouviu e falou isso?

modula

É tão clássico quanto o brasileiríssmo: “Não repara na bagunça.”

Eu queria falar de salas, mas vamos com calma, porque o sofá, esse item merece um post sozinho.

Ele é o rei (Momo) da sala, já que, tudo basicamente depende dele.

Precisamos adequar o tamanho dele ao da sala, e depois seguimos feito satélites “adereçando” o restante conforme esse item, somos o Joãozinho Trinta, e o sofá é o enredo.

Independentemente dele ser clássico, moderno, retrô, moderno, “cujuntin”… Precisamos entender da construção dele pra comprar algo durável.

Basicamente sofá é um monte de espuma coberto com um tecido que vc achou legalzão onde vc deposita as ancas que mamãe enfarinhou com talquinho né?

Não mi querido espécime Fufu-busanfudus, não é.

Dentro dele tem muita coisa aKon-teSeno e é pra lá que eu vou levar você. Pega sua fantasia de ácaro e #vemkotio!

destruido

Sobre uma base, tipo uma armação de – geralmente – OSB ( que conhecemos aqui ) se constrói um sofá.

Na parte onde sentamos é onde se faz necessário a maior resistência, então ali utiliza-se cintas elásticas trançadas e tensionadas eletronicamente,ou molas bem loucas que parecem um “S”

molas

ou zig-zag, ou ainda, uma combinação das cintas e molas ( comuns ou ensacadas ) .

molas e cintas

 

E é isso que vai dar o molejão pra podermos desfrutar do nosso móvis. E seguindo acima disso, precisaremos de uma boa espuma estruturada, o POBLEMA, é que essa espuma, não deixa o sofá gostoso, ela deixa ele com o formato que queremos, então é uma espuma densa, encorpada, firme mesmo. Algo como a densidade D28, a espessura disso vai variar conforme o modelo, mas seria algo entre 6 e 8 cm num desses modelos mais retos e mordernos. Sobre essa camada, o ideal é ter uma espuma menos resistente, como a D26, num espessura de uns 4 ou 6 cm. Legal né? Mas vamos tomar um smoothie porque o verão tá batendo na portinha, pois a nossa jornada do sofá não tá NEM NA METADE!

smoothies.jpg

 

Vamos deixar o primeiro pra patroa porque ela tá apegada, e linda no verdim.

Aí, pro sofá ficar bem gostoso, vamos envolver isso tudo com uma camadinha de 2cm de espuma bem fofa, pra ficar agradável quando formos dormir babando elegantemente assistindo filme com o mozão. Acha que já tá bom? Fico muito feliz em dizer que pra um BOM produto, ainda vai mais uma camada de manta acrílica, que vai evitar que as costuras da peça incorporem a Valeria Valenssa e resolva sambar pros lados deixando aquele sofá lindo e moderno (num espaço de poucos meses) parecendo protagonista de um quadro do Salvador Dalí.

ploft

Existem uns detalhes que pra muitos não fazem diferença, mas um produto de excelente qualidade se preocupa com: Fechamentos laterais e das costas. Você com certeza já viu um sofá que rasgou do lado, ou nas costas, porque tava desprotegido. Então certifique-se de que essas laterais e traseira do produto tem algo que não faça dele uma toca Gugu. O mercado oferece desde nada, passando por papelão até o fechamento com triplac – que é aquela madeirinha que faz prancheta – uma das melhores matérias primas pra esse fechamento.

Outra coisa que já teve na sua casa , ou na de algum parente, é aquele sofá que a parte debaixo era fechada com aquela trama plástica, que parece saco de soja, e vai se desfazendo, terrível, parece que o móvel foi possuído pelo capitão Caverna.

Os sofás mais novos tem esse fechamento inferior em tecido, desde TNT nos mais pobrinhos até tecidos de algodão cru nos rycos.

O Encosto do sofá, quando não é moldado da mesma forma, tem sido feito com fibra siliconada, que é um produto excelente, que não prolifera fungos, e que é altamente resiliente ( ou seja volta ao formato depois de ser encoxada/amassa/esmagada ).

siliconada

Claro que essa fibra mora dentro de um tecido, que por sua vez mora dentro de uma capa.

Agora que a gente já sabe #comofaz vamos falar brevemente do que tá na moda.

Grandes sofás, de linhas puras, não muito altos, numa horizontalidade convidativa.

 

loft

Pés altos e metálicos são mais masculinos e modernos,

modula 02

Enquanto os com pés mais baixos dão impressão de ambientes mais acolhedores.

Falando em acolhedores, eu tenho meio que preguiça daqueles sofás-erótico-extensíveis que vc fica alisando para crescer. Geralmente são empregados no Home Theater, mas olha, um sofá BEM profundo, como o Astor Home da Florense é muito, mas MUITO mais confortável.

astor

Agora, um ícone, feito pretinho básico, é o Chesterfield. Ele é uma peça eterna, não interessa se você mudar de cidade, de opinião, de partido político ou de sexo, suas almofadas lisas e profundas, com encosto em capitonê são não só elegantes e belos, ele é sexy, ele exala prosperidade.

chesterfield

Ai ai…

Talvez esteja se perguntando: Mas essa coisa velha tio ?

Eu digo que ele não precisa ser velho:

chesterfield-sofa22.jpg

429316-Sofás-Chesterfield-fotos-dicas.jpg

sofa-chesterfield-rosa-vermelho-amarelo-ou-preto-843001-MLB20257043463_032015-O.jpg

Manta pro sofá nunca vai sair de moda, almofadas lindas – não saiam comprando ainda, falarei disso muito em breve- e apoios como pufes são excelentes aquisições.

pufe

e podem, como esse amarelo, ser peças bastante decorativas.

Agora, com o preço no imóvel no Brasil chegando aos patamares de Emirados Árabes, você pergunta: Sofá cama pode?

Pode Fufu!

domino

Se você não em espaço pra um quarto de hóspedes, você pode te um escritório com sofá cama (igual eu), ou até um sofá cama na sala. Mas tenha o cuidado que eleger um que não tenha muitas costuras, dobras ou tecido muito sintético. A não ser que seja pra sogra, ou pro enteado pentelho #fikdik.

Uma outra  situação muito comum é a integração de ambientes, e já existe uma saída pra isso, um estofado que já é um divisor de ambientes.

soho

Adorando a interação com vocês aqui sempre, assim como no Instagram e no SnapChat. O usuário é Tiolelofoz em ambos. E a Cony está lá sendo linda, phyna e elegante como Futilish.

Qualquer coisa me gritem!

assilelo.jpg

 

Vão pra vyda, e não comportem-se!

 

#bença!

 

As fotos utilizadas nos posts são coletadas na internet, e só apareceram aqui porque eu gostei, então, parabéns pra você que fez. Respeito muito seu trabalho e os créditos são seus. Se te incomodar a divulgação aqui, mande um email e eu substituo. BêXos.

Página 27 de 35« Primeira2526272829Última »