09
Apr 2018
Eu Testei – Paleta The Complexionista da Benefit
Eu Testei!

Um belo dia recebi um release que poderia ser apenas mais um na minha caixa de mail mas não… era um especial pois se tratava de uma das marcas que mais amo de makeup: Benefit. Gosto da Benefit especificamente por dois motivos: acho as embalagens fofas e eles tem o melhor produto para fazer contorno, o Hoola.

Daí vi que a marca tinha acabado de lançar uma paleta de corretivo, contorno e iluminador, edição limitada e nem quis pensar muito, dei logo um jeito de comprar a minha na Sephora com medo que ela acabasse (e realmente esgotou).

Chegou semana passada e hoje vou mostrar para vocês:

Como sempre, embalagens lindas.

São 6 produtos, dois corretivos (Boi Ing 1 e 2), dois bronzers (Hoola Lite e Hoola) e dois iluminadores (Watt’s Up – cremoso – e o Dandelion Twinkle – em pó).

As quantidades são reduzidas: 1,3 g de cada corretivo, 3 g de cada bronzer e 2,8 h do iluminador Watt’s Up e 1 g do Dandelion.

Considerando que a versão mini do Hoola (a que uso e rende bastante) tem 4 g e custa quase R$ 80 SÓ ELE, nem achei tão menos produto assim.

Ah, a paleta com todos esses produtos custou R$ 173 ou seja, super valeu a pena.

Vamos aos swatches?

Começando do começo, os dois corretivos Boi-Ing. O da esquerda é o número 1 e achei bem bom para iluminar. O da direita é o número 2, um tom de pêssego, bom para camuflar olheiras. A cobertura é mediana, mas dá para construir mais cobertura com camadas ou ainda misturar os dois para conseguir um terceiro tom.

Os bronzers! E uma decepção… Como sou mega fã do Hoola, tinha super curiosidade com o Hoola Lite mas ele simplesmente não apareceu na minha pele. Ele e nada é a mesma coisa então não rola de usar como contorno NO MEU CASO. Acredito que para as meninas beeeeeeeem branquinhas, pode ser uma boa. Para mim, serve apenas como pó mesmo.

Os iluminadores! São dois, um cremoso (Watt’s Up) e um em pó (Dandelion Twinkle)

O Watt’s Up tem um tom champanhe e aparece mais que a sua dupla em pó Dandelion. Dá para usar os dois para ficar mais “brilhosa”: primeiro aplica o iluminador em creme e por cima uma camada do iluminador em pó.

  • Conclusão: paletinha BEM BOA para viagens ou para quem está construindo um mini arsenal de maquiagem. Ótima para quem não tem nada de makes e quer matar vários coelhos com uma paulada só. Os corretivos atendem, o Hoola continua sendo o melhor contorno e os iluminadores são bem bons. E como falei acima, o preço dela está bem justo, afinal só um produto dessa paleta já custa quase metade dela. Compra feliz! Só falta agora a Sephora reestocar né Benefit?
26
Mar 2018
Produtos Que Acabam – Base Lock It Kat Von D
Beleza, Eu Testei!

Vamos falar mais sobre produtos que acabam? Esse é meu parâmetro para saber se realmente gostei de algo! Se acabou, no meio de tanta coisa que tenho, pode saber que foi porque gostei muito.

Da última vez falei sobre a base da Dior, a Airflash (LINK), que amo amo amo, já usei umas 3 e parei de comprar para dar chances às outras que tenho e claro, pelo preço, já que não é a das mais baratas.

Hoje, falarei de outra base de alta cobertura, afinal tenho melasma e o item de maquiagem que mais uso são bases que prometem cobrir tudo: a Lock It Foundation da Kat Von D.

Conheci essa base depois de ter ficado maravilhada com o delineador da marca, que é meu preferido de LONGE (esse AQUI). Pensei: se o delineador é bom desse jeito, as outras coisas também devem. E logo apostei na base.

Primeiro comprei a cor 52, ficou um pouco clara, e em seguida, comprei a 54 Medium, que serviu perfeitamente! Tão perfeitamente que acabou super rápido (de tanto eu usar viu?) e já comprei mais uma.

É essa aqui:

Coisas boas: ela realmente cobre bem, são várias tonalidades (então com certeza terá o tom exato de sua pele), é sequinha, transfere médio. TODAS as bases de alta cobertura transferem muito, por isso sempre aconselham usar pó fixador. Achei que a Lock It transferem menos que as outras. A embalagem é diferente. Tem um pump que vai subindo e “espremendo” o produto até que ele acabe. No caso da minha, tentei abrir para tirar o restinho e não consegui. Talvez isso seja um ponto negativo pois não dá para saber se usou a base até a úuuuuuultima gota.

Minha cor certeira é a Medium 54!

Achei swatches bem interessantes caso alguém queira ver mais cores:

Olha como cobre bem!!!

Ah e a embalagem mudou, agora está assim:

Onde vende? Na Sephora (LINK). Quem tiver uma loja perto pode ir e experimentar todas as cores. Quem não tem, pode se basear pelo meu tom!

  • Boa viu, como tudo o que tenho provado da Kat Von D. Quero testar o primer também!!!! 
  • Tem alguma base de alta cobertura que você ame? Conta aqui pra gente!
23
Jan 2018
Produtos Que Acabam – Base Dior Airflash
Eu Testei!, Maquiagem

Sabe como sei que eu REALMENTE amei um produto? Quando uso ele até o fim e fico doida querendo comprar mais. Só assim sei que foi algo que valeu a pena e que deu certo pra mim! Pensa bem… eu ganho muita coisa, compro demais (ok, comprava bem mais, agora dei uma bela diminuída) então é bem comum eu começar a usar um produto e depois começar a usar outro sem ter finalizado nenhum. Daí embolo tudo e começo outro, e outro, e outro, e fica um monte de coisa apenas testada ou usada poucas vezes. SÓ QUE, quando vejo que vou mais em uma determinada coisa, quando vejo que acabou e sinto falta de mais, pode saber, o negócio é bom mesmo.

Pensando nisso, resolvi criar essa série: PRODUTOS QUE ACABAM, e aqui mostrar algumas coisas que amei, usei até o final, e repeti a dose.

O primeiro deles, é a base da Dior, Airflash.

A primeira vez que comprei, foi quando era a maníaca da maquiagem e todo mundo só falava da Airflah. Acho que tinha aparecido num episódio de Gossip Girl também e era a base da vez.

Apenas isso, na bancada da Blair e pronto, todo mundo queria igual.

Comprei a cor 300 e confesso que ela ficou um tempo parada pois não sabia direito como usar. A Airflash é em spray e se for seguir as indicações do produto, a gente acaba passando base até no cabelo. Depois de um tempo, aprendi a borrifar numa paletinha ou então na esponja e pronto, foi tudo o que precisava para não parar mais de usar.

O acabamento é médio para cima, deixa a pele com viço e natural e não sei bem explicar o que é, mas nas fotos fica MARA. Resultado? Acabei com uma e em seguida comprei a outra. Agora vem a pegadinha. Nos duty free (que é onde geralmente compramos nossas makes) só tem 4 cores: a 100, a 200, a 300 e a 400 e dessas quatro pode saber que a 300 tá sempre esgotada. Porém, visitando uma Sephora na gringa e usando aquele serviço de descobrir a cor certa da base, soube que era a cor 301 – Sand, light to medium com fundo amarelado. Claro, comprei a 301. Duas dela! Bem corajosa eu, lembrando que se trata de uma base cara, cerca de US$ 62.

Final da história? Já “devorei” três Dior Airflash e não comprei mais porque… ô bicha cara!!! Mas tô me coçando para adquirir só mais uma e deixar para ocasiões especiais. Sabe base que não decepciona. É ela.

Onde comprar???

Pode ser na Sephora Brasil (tem só as quatro cores que falei) por R$ 299 ou na Sephora gringa, por US$ 62 e com uma gama de 9 cores com acabamento neutro e, SURPRISE, tem duas cores com acabamento mate. Indico a neutra, porque não testei a outra e não sei se é melhor…. Bom, uma das coisas que mais curti nessa base é justamente o acabamento natural, tipo, “minha pele é maravilhosa assim mesmo”.

Sephora Brasil, R$ 299 LINK

Sephora gringa, US$ 62 LINK

 

  • Quer uma base boa? Pode ir na Dior Airflash. Se puder comprar fora melhor ainda, pois aí acha sua cor certinha!
Página 2 de 3512345Última »