30
May 2015
Mi Casa, Su Casa – Persianas!
Mi Casa Su Casa

Sábado é dia de deixar a casa linda e dar boar risadas com os posts do Lelo! Vamos com o tio aprender um pouquinho sobre persianas?

¨Hey Fufulétes!!!

Que delícia vocês sugerindo tópicos! Não parem, please =D Os dois mais pedidos foram: Como combinar madeiras e outros acabamentos, e cortinas e persianas.

Para a combinação de materiais eu preciso me preparar melhor, fazer uma pesquisa mais elaborada pra não fazer um post blé, vocês não merecem coisas feitas das coxas.  Não que este seja feito de forma precoce , mas para mim ele é mais natural de se explicar. Já tenho os detalhes técnicos na cuca.

Cortinas e persianas é um tópico eterno e vou esquartejá-los, dividir em duas partes, começando hoje com: Persianas. Agora pega um suco refrescante e #vemkotio .

Primeiro um recado pra você que vai construir, e já decidiu que quer uma parede de vidro imensa… Me responda, a vista do seu terreno é comparável a uma dessas?

Vista 1 Vista 2 Vista 3

Se não tem essa visão minha filha, esquece essa parada porque você não tem motivo, razão NEM circunstância pra viver do poliedro de vidro da titia Diane Von Furstemberg:

HOUSE DVF

Agora, pode ser pior: o arquiteto/engenheiro/construtora que você contratou projetou uma casa cheeeeeeeeeeeia de vidro e alegou que você vai economizar HORRORES, em energia elétrica, pois não vai precisar ligar looooooooooz tipo nunca e é tão maravilhosamente econômico que vai ser possível ir pra Disney com os dinheirinhos que sua família não gastará com a energia elétrica.

Pausa.para.não.digitar.palavras.de.baixo.calão.

Vou te contar uma coisa: vivemos num país tropical – abençoado por Deus e bonito por natureza – e o verão é quente, mas é muito quente… quente pra caramba.

Agora uma historinha legal: o sol emite ondas de luz e calor curtas, tipo os cachos definidos e invejáveis de Taís Araújo:

Tais Araujo

Mas quando essa onda esquenta o teu vidro a temperaturas desumanas e por fim o calor atravessa o vidro, ela se transforma em ondas longas como os cachos soltos e maravilhosos do picumã de Gisele Bündchen:

Gisele Bundchen

E aí as ondas longas de calor não são mais capazes de sair de dentro da sua casa, e o que elas fazem? Pedem licença e abrem a porta pra se retirar? NÃO! Elas ficam chicoteando seu corpo pra você se sentir aquele franguinho grelhado da sua dieta.

DAE se realmente não liga sua luz de LED ultra moderna que economiza energia, você liga a angelical invenção chamada AR CONDICIONADO, que gasta tubos de dinheiro, e sua economia foi pro brejo.

DAE no inverno você pensa: ! Mas então no inverno aquele solzinho simpático e sorridente do mundo dos telettubies vai deixar minha casa quentinha… Sim, só que somente durante o dia, porque a noite o calor vai se dissipar rapidinho com a fina espessura do vidro que vai gelar rapidinho.

E tem outros pontos a serem levados em consideração:

  • Vidro é mais caro que tijolo.
  • Ar condicionado gasta mais que lâmpada
  • Cortina é caro pra K C T .

 

Eu não estou dizendo que não é pra fazer janelas e anular o ar condicionado, eu estou falando que vidro aquece mais do que tijolo. E sim, existem vidros especiais, duplos, triplos, que tem propriedades acústicas e térmicas, existem vidros que vibram com o calor do sol e “se limpam sozinhos” mas, eu tô falando aqui do que é mais comum e, meu bem, se você tem dinheiro pra um vidro duplo, com tratamento de caviar beluga da Bélgica, você também tá pouco se lixando pra conta de luz (e se tiver esse budget ilimitado meu email tá no fim do post pra você me contratar #meencoxarykeza)
OKEY! Acho que vocês entenderam que eu sou a favor de janelas sim, porém, dentro da moral e dos bons costumes dos limites de se ter conforto sem gastar uma fortuna tanto gerando aberturas quanto cobrindo elas depois com cortinas e persianas. Se possível, coloque fechamento opaco (vulgo veneziana) nas janelas e/ou portas dos dormitórios. No RS amado isso já é lei #pontoprosgauchos !

(Percebam que eu nem falei da falta de privacidade que muito vidro irá resultar. Nada daquela corridinha do quarto até a cozinha com os peitos livres pra tomar um copo d’água depois de um XaXo gostoso.)

FECHAMENTO OPACO
Agora voltaremos com a programação normal.

Foi-se o tempo que persiana era aquela coisa de metal que amassava tudo e fazia um barulho que enlouquecia a gente. Hoje ela às vezes nem é de alumínio. Temos versões também de madeira, PVC e tecido. Sim, tem uma “persiana” de tecido.

Persianas Horizontais

PERSIANO HORIZONTAL
As de alumínio tem diferentes espessuras, como 16mm, 25mm, 35mm, 50 ou 70mm. Estas são as medidas mais padrão, pode ser que alguma marca tenha alguma diferencinha. As de 35mm da marca Hunter Douglas por exemplo, podem criar desenhos.

PERSIANA METAL

As de madeira seguem essas diretrizes de 35mm, 50mm e 63mm. Estas eu gosto do aconchego que trazem, porém elas podem entortar se forem expostas a muito calor… por isso gosto de trabalhar com peças não muito largas. As de PVC também ficam boas, e além de brancas alguns fabricantes tem algumas que imitam madeira.

PERSIANA MADEIRA

Notaram que na imagem da persiana de madeira foi usada uma fita decorativa? Fica super elegante, e também pode ser usada nas de metal.

Agora, sejamos francos, é um martírio limpar essas lâminas uma por uma. Tem uma “ferramenta” de limpeza que eu vi em alguns mercados, mas não testei pra ver se realmente faz “A” diferença.

LIMPA PERSIANA

Eu tenho comigo a eterna sensação de que persiana é um produto para ambiente comercial. Então eu até consigo conviver com ela em um escritório em casa, uma lavanderia, quiçá uma cozinha (lembra que é ruim de limpar?).

Nenhuma delas, por mais que o fabricante deseje e que o vendedor prometa, presta como blackout tá. Se te disserem isso pode gritar TRUCO! É uma cilada Bino.

Escurece um cadinho, mas não vai te garantir um sono de Duquesa de Cambridge.

Persianas Verticais

PERSIANA VERTICAL

Me recuso a falar de persiana vertical por motivos de: É UMA BOSTA! Cái, quebra, desencaixa, bate nas crianças, despenca no cachorro, maltrata o gato. Se é pra usar persiana vertical, prefiro colar papel alumínio no vidro.

Varanda coberta com papel alumínio

Daqui por diante, a coisa já meio que deixa de ser persiana e meio que começa a ser cortina, a prima geek, da cortina de tecido falando de uma forma mais informal.
A Silhouette da Hunter Douglas por exemplo, (ela tem outros nomes conforme fabricante) tem o formato de lâminas de tecido entre dois tecidos, permite controle de luz e de privacidade. Tem várias espessuras também, e apesar de ser um pouco chatinha pra limpar, o efeito da desgraçada é incrível:

Silhouette Detalhe

Silhouette

DAE temos varias primas mais RYKAS (multimilionárias pra falar a verdade), como a Pirouette , que faz uma volta tipo uma pirueta e também tem essa cara de riqueza.

PIROUETTE

Tem a Luminette, que é a versão dicumprido, verticalizada da Silhouette.

LUMINETTE

Já a Duette eu preciso explicar melhor… Lembrando que eu estou usando os produtos da Hunter Douglas por familiaridade, alguns estão disponíveis com outros fabricantes, com nomes diferentes, outros são exclusividades, mas é o material que eu represento e que eu tenho acesso. PLIM PLIM!

Então a Duette tem esse formato de “casinha de abelha” e se você já construiu ou comprou um imóvel com móóóóóinto vidro, ela tem algumas coleções de tecido que diminuem o calor em mais de 60% e o barulho em mais de 40%! Essa donzela não é exatamente barata, mas também não está nas nuvens. Por seu formato de casulo, ela também tem um blackout poderoso:

DUETTE DETALHE

E o efeito da bonita, é lindo:

DUETTE
Então pessoas, eu vou parar por aqui na metade das persianas metidas a besta e semana que vem – caso a CasaCor SP que eu visitarei dia 31/05 não renda uma postagem maravilhenta – continuamos com as Romanas, Rolô, Painel e os tecidos, pode ser?

Muito bem, já sabem, se vocês precisarem de algum serviço tipo combinar lençol com colcha, derrubar uma parede (no auto cad), uma receita de pão de batata doce, uma dica de viagem, pode falar comigo! Só não pede dinheiro que não tô conseguindo resolver essa ainda.

#bença!

assilelo