Beleza
Cabelo
04 out 2016, 20 comentários

Penteados com Long Bob!

Demorei tanto pra fazer este post que meu cabelo já cresceu e acho que já deixou de ser long bob!

Cresce igual mato! Só que agora começa de novo o dilema de se corto ou não corto hahahaha. Gente, sério mesmo, nunca imaginei que fosse crescer TÃO rápido! Mas enfim, fica valendo as dicas para quem tem o cabelo nesse comprimento e passou (ou passa) pelo mesmo problema que eu: que tipos de penteados dá para fazer num long bob?

Foi uma das minhas maiores dificuldades, não sabia como pentear o cabelo! A coisa que aprendi mais rápido foi que o cabelo, quando mais curto, precisa de mais volume. Agora, como chegar nesse volume também foi tenso. Dormia com ele úmido e acordava ótimo. Foi a maneira mais fácil que consegui pois não me acerto com mousses, pomadas, pózinhos… Acho que tudo deixa o cabelo com cara de sujo. Enfim… mas hoje não vou falar sobre volume e sim sobre penteados! Olha o DDA tirando meu foco…

Vejamos o que dá pra fazer num long bob para deixar ele diferente?

penteado-long-bob2

O long bob cool e atual fica legal texturizado mesmo. Isso é efeito daquele pózinho que se aplica cuidadosamente para ¨armar¨ o cabelo. Um babyliss também faz TODA a diferença e confesso que não tentei fazer nada com babyliss com carinho! Digo eu mesma, porque já fizeram em mim e ficou lindo mas infelizmente não consegui o mesmo resultado em casa e desisti de tentar.

penteado-long-bob-4

Meio preso também é interessante mas sempre com volume no alto da cabeça.

penteado-long-bob-3

Tranças e mais tranças… Amei essa da segunda foto, meio de lado!

longbob4

Tipo isso! Mas acho que fica meio angelical demais, talvez não combine com minha pessoa, mas que é lindo isso é!

Agora alguns tutoriais, vejamos?

longbob1

Olha que esse acho que eu consigo fazer em mim mesma hein!

longbob7

O tal do pozinho e o tal do volume no topo da cabeça. É… tem que tentar mesmo…

longbob9

Esse vai precisar da ajuda da melhor amiga.

longbob11

O babyliss para o long bob tem que ser esse grosso, para os ¨cachos¨ ficarem BEM largos e o penteado ficar com cara de bagunçado, nada certinho. Meu problema com o babyliss é que só consigo fazer ele para um lado, daí no final fica esquisito…

  • Olhando assim tudo parece fácil, mas quem estava acostumada com cabelão vai me entender… É dificil de pegar o cabelo para fazer essas coisas! Mas vamos tentando que a gente consegue, inspirações já temos!
BelezaConstanza
Cabelo
02 ago 2016, 99 comentários

Diário do Long Bob

Muita gente tem me perguntado como está a vida com o cabelo curto, afinal, foi praticamente um parto até eu resolver cortar a juba! Bom, deixa eu contar…

NÃO LEMBRO MAIS DE MIM DE CABELÃO!

Sério, parece que eu sempre tive o cabelo curto e quando vejo minhas fotos antigas acho bonito e tal, mas agora parece que me identifico mais! Não teve UMA pessoa que achou feio, claro teve quem disse que gostava mais do meu cabelo comprido, mas falar que estava feio, ninguém… muito pelo contrário, sou só elogios!!

conylongbob

Descobri algumas vantagens de ter o cabelo curto… vou listar:

  • É só lavar e deixar secar que já está pronto. Posso até dormir com ele meio úmido (não façam isso, faz mal, mas preciso contar) que mesmo assim acorda bom, às vezes até melhor porque dá um voluminho.
  • Seca muito, mas MUITO, mais rápido.
  • Quando quero modelar com a In Styler (meu apetrecho preferido da vida pra arrumar o cabelo), é coisa de 10 minutos e olhe lá.
  • Acordo fashion, quanto mais bagunçado, melhor fica… acho que é o corte!
  • O cabelo ficou MUITO mais saudável. Parece que cortou toda aquela parte podre. Tá parecendo cabelo de criança!
  • Não sei porque, mas algumas pessoas dizem que pareço mais magra…
  • E mais nova!!!!
  • Ficou muito mais estiloso e fashion, agora sim me sinto uma mulher moderna e das ¨moda¨. O cabelão não dizia muita coisa sobre minha personalidade.
  • Me sinto mais poderosa… e olha que eu tinha medo do meu poder ir embora com o cabelo, mas me deu uma segurança incrível. Parece que ¨cresci¨, amadureci hahahaha
  • Brincos grandes ficam LINDOS com este corte de cabelo. Eu não percebia mas parece que antes eles sumiam no meio da cabeleira. Agora tudo aparece e compõe o visual.

 

Contras (ou falta de habilidade ou cismas mesmo)

  • O cabelo curto precisa de volume. Se antes eu lutava para ficar sem volume, agora eu quero ele todo de volta rs. Em alguns momentos dá vontade de deixar ele baixinho, bem liso e escorrido mas no geral, ele fica mais bonito com volume e cheio.
  • Não sei usar produtos que dão volume. Como nunca lidei com eles, não sei usar mousse, não sei modelar com pomada, não sei usar pó texturizador. Além disso, acho que todos esses tipos de produtos deixam o cabelo sujo, ou pelo menos dão essa sensação. Preciso aprender a usar… me ensinem! Quero fazer um post sobre esse tipo de produto!
  • Não dá pra fazer rabo de cavalo. Acho que essa é a parte que mais sinto falta do cabelão. Sempre gostei de rabo alto, bagunçado mas agora não dá pra fazer isso e quando prendo, fica um cotoquinho de nada hahahahaha. Tenso…
  • Não sei fazer penteados diferentes… imagina uma vida inteira sabendo lidar com cabelo comprido, sabendo como gostava da escova, como usar o babyliss, fazendo rabo de cavalo, usando lisão e repartido no meio, tranças e agora… não sei como pentear para dar uma variada de vez em quando. Aliás, pesquisarei no Pinterest e farei um post sobre penteados para long bob.
  • Decote nas costas me inibem um pouco. Antes, com o cabelo comprido, eu ficava mais confortável para usar blusas decotadonas atrás. Acho que me sentia mais ¨coberta¨ e também minimizava qualquer gordurinha extra aparecendo. Agora fica tudo super exposto. Ou malho costas ou passo o decote pra frente rs.

 

Não me arrependi em nenhum momento, não chorei, nada nada e olha que eu pensava que iria sofrer muito. Só tive um pouco de vergonha de aparecer publicamente nos primeiros dias e acho que vocês perceberam, mas tinha a sensação que estava pelada, nua, toda à vista. Sério, é estranho, eu sei, mas me sentia exposta demais. Depois, aos poucos, lendo tantos elogios fui ficando mais solta até o momento que desencanei de vez.

Tinham me falado que cortar o cabelo viciava e eu achei que seria mulher de uma tesourada só mas… JÁ QUERO CORTAR DE NOVO! Sério, parece que o cabelo já cresceu e queria tentar este corte agora:

448c70835c823f4d0147560f636d795c

Deuso demais né? E acho a textura do cabelo da Kim super parecida com a minha, talvez seja só em fotos mas parece.

Enfim, é um processo deixar de ser Rapunzel. Não é drama, pensem em uma pessoa que NUNCA teve cabelo curto (na fase adulta) e que creditava todo o poder aos fios longos. Mas… tô amando!

Beleza
Cabelo
28 jun 2016, 263 comentários

O Dia Que Tomei Coragem

E cortei o cabelo!

Tô tomando ar pra começar este post rs. Bom, quem me segue há mais tempo sabe bem do meu pânico de cortar cabelo. Muita gente não entende, mas acho MESMO que é algo patológico. Sabe medo de viajar de avião? Aquela ansiedade, dor de barriga, mão suando frio, falta de ar? É exatamente isso que sinto quando o assunto é passar a tesoura nas madeixas. Aham, é sério assim e fico triste quando alguém minimiza esse medo. Pois então, eu sei que eu precisava mudar. Pra falar a verdade, há tempos não conseguia mais me olhar no espelho e ficava chateada em ver sempre a mesma cara, o mesmo estilo, fazer sempre as mesmas coisa no cabelo. Enquanto isso, no mundo, todo mundo aderindo aos mais variados tipos de corte e eu aqui, ainda de cabelão. Outra coisa que pesou muito foi o fato de eu trabalhar com moda e beleza. Poxa, precisava de algo mais moderno, mais fashion, mais atual! Por mais que meu cabelo fosse lindo (e era mesmo, nesse ponto sou bem convencida rs), por mais que toda a minha força e fotogenia viesse dele, eu não aguentava mais. Outro detalhe, cabelo muito bonito mas com as pontas bem estragadas. Arrumado, ele ficava bom, óbvio que tinha dias que ele acordava deuso mas em outras eu mesma tinha vontade de tesourar!

Referências para o corte é que não faltavam, eu já tinha postado alguns aqui e a cabeleireira escolhida me mostrou outros mais. Sobre quem cortou meu cabelo, foi algo muito do destino mesmo… Fui jantar num domingo a noite com umas amigas em um japa e no meio da turma tinha uma moça que eu não conhecia. Ok. Papo vai, papo vem, falei da minha vontade de cortar o cabelo (inclusive andava há semanas com uma foto da Letícia Spiller na bolsa, com um corte que era mais ou menos como queria) quando me apresentam: A Júlia aqui é visagista! Pois é, a moça ruiva do cabelo curto era visagista com cursos em Londres, Barcelona, Paris e outros tantos que esqueci. Ela olhou meu cabelo, analisou fotos e falou que um corte ficaria muito bom.

cabelo4

Pensei, pensei, perguntei pra um monte de gente se conhecia ela (tudo é desculpa pra desistir né?) e só ouvi elogios à Julia Astigarraga. Ok, ela foi a escolhida. Marquei num dia que tinha tudo para dar errado. Surgiram vários motivos para desmarcar mas bati o pé que se não fosse naquele dia, não seria nunca mais. 99% das pessoas apoiando e apenas 1% dizendo que eu iria me arrepender profundamente. Quem era esse 1%? Minha mãe. Sim, minha mãe só faltou jogar praga e tá aí um negócio que morro de medo, praga de mãe! Mesmo assim, fui em frente.

Cheguei no estudio da Julia com 2 horas de atraso (isso não se faz Conyyy) mas não teve jeito. Precisava reunir forçar (aka amigas e um vinho) para ir comigo e acabou atrasando tudo.

Chegando lá, fiquei maravilhada com o lugar, fofo fofo fofo!

cabelo5

O espaço da Júlia Astigarraga se chama Day In The Sky e oferece vários tipos de serviço: visagismo, massagem, design de sobrancelha, corte, maquiagem, dia da noiva… Tudo isso nesse lugar lindo das fotos acima!

Logo em seguida sentei com a Julia pra gente conversar um pouco. Esse lance de visagismo é muito legal. Ela olha sua personalidade, traços do rosto, e obviamente, o que eu queria passar, como eu queria que ficasse. Vi algumas fotos e combinamos um corte que era um pouco mais curto do que eu imaginava (se fosse do meu jeito, não daria taaaaanta diferença), com a franja de maneira que conseguisse prender atrás da orelha e manter a cor. No meu pertinho ninguém mexe kkkk.

cabelo3

Algo meio Kim de long bob. 

Foi engraçado, porque quando eu relutava um pouco, vinham as amigas com mais vinho pra eu relaxar hahaha. Que drama né? Mas como contei, é pânico mesmo!!

cabelo6

Minhas amigas amadas que estavam ao meu lado o tempo todo: Jeannine e Denise. Atrás, a Júlia!

Sentei na cadeira e começou o corte, A SECO! Posso falar? Achei mara, porque quando corta molhado, o cabelo encolhe quando seca e fica mais curto ainda. Ela tem muito cuidado, muita paciência (mas muita mesma hahahahaha) e lá se foi meu cabelón.

Quando passei a mão no – que restou – de cabelo, fiquei chocada por dois motivos: um que não tinha mais comprimento, e outra que estava absurdamente SEDOSO! Sabe cabelo de criança? Ficou assim!

cabelo2

Um dia antes de cortar, provoquei um bad hair day: lavei, não passei condicionador e dormi com ele molhado, só pra acordar bem feio e me dar mais coragem ainda rs. Tava enorme né?

Achei o corte rico, fino, de mulher chique e a Julia nem fez escova, apenas secou e aplicou um mousse de volume. Ainda estou tentando me acostumar, preciso descobrir ainda como arrumar o cabelo, de que lado fica melhor, que tipo de penteados posso fazer, mas ó, não me arrependi em nenhum minuto! Precisava demais desse corte e a sensação de leveza não tem preço.

cabelo1

  • Falei que cortaria né? Pois é, tomei coragem e cortei! Agora só falta saber lidar com essa nova Cony 🙂 Pronto, satisfeitas? hahaha
  • Ah o contato da Julia Astigarraga é (31) 98747 4124, instagram @dayintheskystudio