26
Apr 2015
Dica da Leitora Trip – Curaçao!!
Dica da Leitora Trip

Sou LOUCA para conhecer esse lugar! Depois que fui para Aruba e vi o mar caribenho pela primeira vez, me apaixonei. Agora só quero Caribe em minha vida rsrs. A dica de hoje é da Rafaela.

¨Oi Cony! Antes de dar a dica, queria dizer que AMO o Fufu! Sou leitora há anos e indico pra todo mundo! Ahh, amei essa tag de viagens! Pretendo participar muito dividindo minhas experiências por aqui 🙂

Então, minha dica (ou guia, de tão grande rs) de viagem vai pra quem ama praia, sol e paisagens incríveis! Fui em maio de 2014  com meu namorado para Curaçao, um destino do caribe até então pouco procurado por brasileiros. A ilha é a maior das Antilhas Holandesas, fica logo ali em cima da Venezuela e é um destino perfeito para uma viagem romântica (vi muitos casais em lua de mel por lá!)

Para chegar: tem como ir do Brasil até a Venezuela e de lá pegar um pequeno avião e chegar até a ilha. Mas a Copa faz vôos (baratos) pra lá com conexão no Panamá – que é ótimo para quem também quer fazer umas comprinhas. Acabei escolhendo a segunda opção e valeu muito a pena pela comprinhas! Rs

Moeda: a moeda local é o florim, mas a ilha inteeeira aceita dólar americano!

Clima: sol o dia inteiro mas venta bastante, o que é ótimo porque não fica aquele calorão abafado! Um guia local me contou que a menor temperatura registrada na ilha foi 23°C! Daí vocês tiram como é o clima do lugar… Rs 

O que fazer: As praias são as maiores atrações da ilha. Não deixe de conhecer as praias Kenepa Grandi, Kenepa Chiki, Jan Thiel (a mais badaladinha), Port Marie e Cas Abao. Nas 3 últimas você paga pra entrar, mas é super baratinho, cerca de 3 dólares e você tem direito a usar as cadeiras e toalhas. De balada tem a Mambo Beach e a Wet’n’Wild. Ambas são baladinhas que começam “despretensiosamente” na praia e se estendem até a madrugada. Elas ficam na beira da praia e uma ao lado da outra (a primeira toca música latina e a segunda toca pop, hip hop e house), você não paga para entrar (apenas o que consumir) e fica com o pé na areia mesmo. Então nada de salto ou sapatilha! Outro passeio imperdível é conhecer o centrinho com as lojas coloridas (Punta e Otrabanda). Lá eles tem um costume de ter todas as casas bem coloridas numa mesma rua. Nesse centrinho você vai ver muitas lojas bacanas, barzinhos e cafés, além de navios que param por ali e uma ponte flutuante para pedestres atravessarem de um lado a outro.

Onde ficar: Existem várias opções de hospedagem. Pela praticidade, optei por um resort all inclusive (só existe um all inclusive em Curaçao) chamado Sunscape Hotel. Recomendo a todos! Quartos grandes, comida bem gostosa, drinks deliciosos, equipamento de snorkeling, prancha de SUP e caiaques já inclusos na diária. Só os serviços de spa, cassino, mergulho profissional e wi-fi que não estão inclusos. Mas as coisas são baratas e só de ter a alimentação inclusa já faz valer muito a pena!

$$$: Com passagens, hospedagem para 8 noites e taxas (embarque/emissão), pagamos R$3.680 por pessoa. Isso mesmo, em REAIS!

Seguem algumas fotos para vocês sentirem o que é esse lugar… 

Espero que suas leitoras gostem da dica, Cony! Se elas tiverem alguma dúvida é só comentar que eu respondo embaixo 🙂 Beijo!¨

unnamed2 unnamed1 unnamed 3 unnamed4

  • Ah, como eu queria estar num lugar desses agora viu? Acho que todo ser humano deveria ir pelo menos uma vez por ano para um paraíso desses! Amei sua dica de viagem Rafaela, e quem tiver mais informações sobre Curaçao e quiser complementar o post, é só deixar seu comentário!