Lifestyle
Decoração, Mi Casa Su Casa
26 fev 2017, 37 comentários

Tem Jeito Decor 31 – Fernandinha com as amiguinhas.

Olá Fufu-liões!

Pleno Carnaval, Oscar daqui a pouco… e nóis tá como? Querendo casa bonita!

A Fernanda me escreveu no final de 2016 pois ela adquiriu um apartamento em planta e como ela gosta de receber gente, ela gostaria de ter espaço pra receber pelo menos 4 pessoas pra uma reunião, mas do fundo do coração, ela deseja uma mesa pra seis.

E agora Tio Lelo? Bom gente eu digo: Pega o guardanapo de abacaxi e #vemkotio!

” Lelo
Boa tarde

Já me sinto íntima pq adoro sua coluna no Futilish.

Te pedi um post sobre divisões de sala e cozinha, pois comprei um mini apartamento e estou em dúvida o que utilizo como divisão para “separar ambientes”, ou não devo separar? Não sei…

Segue a foto da planta, veja a divisão de cozinha/sala é aberto.

Obrigada

Daí pelas anotações que vieram na imagem que ela me mandou, já me meti no negócio… e fiz umas perguntinhas…

Oi Fernanda,

Que planta gostozinha! Apesar de pequena, é eficiente.
Desculpe me meter, mas eu li as anotações e eu vou te sugerir uma disposição pra cozinha assim:
Torre de fornos 70cm
Refrigerador 75cm
Pia 100cm
Cocktop com gaveteiro gourmet ( 2 gavetas e 1 gavetão ) 70cm
Qual a chance de você usar cooktop elétrico? (aqueles que não precisam de gás ) 
Vc quer mesa de jantar? pra quantas pessoas? 
Beijo! 
Lelo”
E teve resposta, claro:
“Oi Lelo
Muito obrigada pela resposta!
Nem sabia que existia cooktop elétrico (modernidades)…
Queria uma mesa para 6 pessoas mas acho meio impossível, então me contento com uma mesa de 4 cadeiras!
Mais uma vez agradeço muito sua atenção!!!
Bjs
Fê”
Bom, antes vamos falar dos Cooktops- aqueles fogões de embutir no móvel, sem forno- para quem nunca parou pra pensar nessas coisas que compramos poucas vezes na vyda.
Os três tipos mais comuns desse produto são:
1) A gás:
O mais usual em Terra Brasilis, ele é também o mais baratos. Tem a desvantagem de necessitar de um ponto de gás, e este que tem que seguir uma série de normas de segurança do corpo de bombeiros, pois realmente é um item perigoso. Funciona igual a um fogão convencional, sem a tampa, hehehe.
2) Elétrico simples:
Ele é – a grosso modo – um vidro especial com uma resistência por baixo, tipo a resistência do chuveiro mesmo, então ele gasta bastante energia elétrica e também demora pra esfriar. Geralmente vemos essas imagens dele vermelhinho quando está ligado e todo preto ( ou da cor do vidro que você escolher ) quando desligado.
3) Elétrico por indução:
Esse cooktop nerd usa energia e magnetismo para fazer um truque de mágica e preparar nossas comidinhas. Visualmente ele parece com o Elétrico das resistências, mas ele é muito mais moderno e só esquenta a panela mesmo, o tampo esfria praticamente de imediato quando de retira ela de cima. Dizem que isso é uma vantagem pra quem tem crianças. Já eu acredito que se teu filho anda por cima dos móveis da cozinha é falta de cintada, não culpa de um eletrodoméstico. Ah! esse modelo usa pouca energia e a desvantagem dele, além de ser o mais caro dos três, é que só pode ser usado com panelas de ferro ou aço inox magnético. Na Europa alguns países só permitem esse tipo de aparelho em moradias coletivas ( apartamentos, condomínios etc… )
Chega de aulinha, né?
Vamos pra uma opção super girlie pra nossa Fufu-Fê:
Como eu sugeri no email, torre de eletros (70cm), refrigerador (85cm) Pia (85cm) e gaveteiro com cooktop (70cm)  na parede do fundo.
E sim, cabe uma mesa pra 4 pessoas tranquilamente, essa tem 140x 90x 74cm.
Atrás da pia e do cooktop eu apliquei um espelho, pois eu odeio rejunte com gordura, vocês sabem. Sobre as cores, eu olhei pra foto que vem no perfil do email, uma morena toda lady, e sei lá, me veio rosa na cabeça. Então essa opção tem rosas variados – especialmente o rosa queimado na mesa, tem dourados e cinzas, porém…
…Tem uma bela parede azul petróleo, que confere profundidade e modernidade para seu cantinho. Para a TV não ficar parecendo um espermatozoide com o rabinho dos cabos aparentes, o ideal é fazer uma passagem por dentro da parede com um tubo.
coloquei cortinas do tipo romana na sala em toda a parede, pois as linhas elegantes dela visualmente alongam o espaço, na parede esquerda, a da porta de entrada, revesti com painéis de madeira pra dar vida, e a cozinha tem um mix de branco (nos módulos superiores) grafite alto brilho nos nichos, onde eu imagino morar taças, pratos e cerâmicas bem lindas, e a parte inferior é em preto fosco. O estofado segue a paleta de cinza e rosas. Espelhos redondos dão movimento e refletem luz.
Achou que eu tinha esquecido que o sonho eram 6 convidados? Cabem sim, usando os dois garden seats que estão na lateral do home, que podem ser usados como mesinhas para bebidas e pipoca num momento mais íntimo.
Cadeiras nas pontas atrapalhariam a rotina diária, então esses amados multipurpose stools são super bem vindos. E quando estacionados na sala eles são altamente decorativos.
Tão com tempo de mais uma?
Vamos pra segunda…
Tem gente reclamando que minhas colunas são muito grandes… eu acho simples, é só pular a postagem.
Na segunda opção, é pra quem gosta mais de cozinhar do que de receber:
Vai que você é menos romântica e mais moderna, né? Essa opção tem mais bancada de trabalho, dá de abrir uma massa, decorar um bolo, montar uns canapés, fazer um buffet de caipirinhas…
Eita coisa boa!
Essa versão é mais sóbria, a cozinha é toda branquinha, com os nichos amarelinhos, tapete grafite, estofado listradinho…
Contudo tem uma parede muito feliz, com flores. E u móvel pra TV com espaço de armazenagem.
Na parede de entrada uma composição com pratos de cerâmica e um relógio de parede em aço e vidro. só de olhar eu já ouço o tic-tac.
Nessa ilha temos bancada para três e no esquema do banquinho, cabe mais um na ponta.
Espero que tenha animado você Fernanda.
Agora me digam, vocês lembram do cantinho da Tatiane, aquele da Pintada Sinistra?
Que rufem os tambores meus amores, porque este é o PRIMEIRO AFTER do Tem jeito decor!
#habemusfotos
A Tati foi rápida no gatilho e eu adorei o resultado! acho que trouxe aconchego e vida… e vocês?
Não esqueçam que a Cony está deslumbrante (como se essa não fosse o estado natural dela) no Instagram @futilish diretamente da ilha do Trump.
Eu as vezes apareço no Instagram, entretanto é mais provável me verem no Snapchat: @Tiolelofoz em ambas as redes.

As fotos utilizadas nos posts são coletadas na internet, e só apareceram aqui porque eu gostei, então, parabéns pra você que fez. Respeito muito seu trabalho e os créditos são seus. Se te incomodar a divulgação aqui, mande um email e eu substituo. BêXos.

Lifestyle
Decoração, Mi Casa Su Casa
11 dez 2016, 19 comentários

Mi casa, su casa – O que eu faria? Contemporâneo.

E o final do ano já está na próxima curva Fufus!

Estou desenvolvendo projetos para um empreendimento aqui de Foz, o Dolce Vita Residenziale  que está em fase de finalização e assim que a construtora liberar já teremos gente linda, elegante e sincera procurando móveis pra mudar pra essa belezura:

dv

Então eu tive uma reunião com a diretoria da Construtora JN e resolvi fazer dois projetos para cada tipo de planta. Um contemporâneo e um clássico. Um belo apartamento decorado está disponível para visitação mas não foi feito pelo Titio e that´s sad.

Conforme as imagens da segunda opção foram ficando prontas eu pensei: Isso é um ótimo tema pro Futilish! As pessoas ficam meio que “presas” ao que viram no panfleto ou ao que estava exposto no apartamento decorado. Mostrar o mesmo em apartamento em dois estilos me pareceu uma ideia interessante.

Então pega os comprovante de renda pro financiamento e #vemkotio !

A planta de sugestão do empreendimento é exatamente a mesma que está disponível para os compradores conhecerem.

dvr-pb

Antes de mais nada, tenho que agradecer a arq. Monica Salvatti que desenvolveu partes do projeto junto comigo e o Thiago Sotello que é nosso técnico (& zigoto de engenheiro) que atesta a “possibilidade” das coisas que a gente inventa ficarem de pé e fez as imagens para nós.

Comecei já mudando a posição da sala de estar, porque eu não gosto de entrar e dar de cara com a mesa.

Lelo DSGN para FLRS

Logo na entrada essa peça de madeira é um Mancebo (vulgo cabideiro) da linha AWA da Florense que além de ter esse visual escultórico tem uma luminária em cima então além de ser lindo, criar um clima por causa da luz, ele ainda serve pra pendurar a bolsa da visita, um casaco para aquele dia que vc teve um revertério na rua e passou em casa só pra evaKOOar tranquilamente num banheiro próprio. #quemnunca ?

???????????

Essa é a visão de quem chega no apto. Sofá de três lugares, mais duas poltronas e tem dois seat garden ainda pra se tiver uma reunião comportar 7 pessoas só no living.

O espelho decorativo já serve pra jogar as urucas pra fora de casa. Estendemos a parede com painéis vazados pra amparar as costas do estofado que como eu já disse anteriormente, a parte de trás do sofá nem sempre é bonita. Temos mesas de apoio e como eu não gosto de tapete + tapete optei por deixar o piso livre nesta sala.

O espaço pro móvel da TV, em um laminado com textura muito realística de madeira com detalhes em vidros pretos, são leves e elegantes. Quem lê sempre aqui sabe que eu evito qualquer tipo de “excessos” próximos a tela da TV.  As mesas de centro e de apoio brancas também tem formas simples e evocam ao estilo contemporâneo. DAE eu enchi de bugiganga cobre em cima, porque eu posso, o projeto é meu.

Essa última vista da sala é para mostrar como a integração entre o estar e o jantar acontece, mesmo com o painel que esticou a parede 🙂 e como podem notar as circulações são amplas e confortáveis. Esse sofá verde baby´s diarreah era um cinza azulado, mas não teve Jesus Cristo que descesse do céu e fizesse ele ficar da cor certa. Acredite, tentamos.

Fica, vai ter Sala de Jantar!

???????????

A sala de jantar fica nessa opção estrategicamente posicionada de frente pra cozinha e ao lado da Sacada Gourmet.

Ampla comporta uma mesa para seis humanos tranquilamente e ainda criamos um balcão suspenso, que faz as vezes de buffet (obra de mrs. Salvatti) eu achei incrível. O tapete delimita de forma ryca o espaço destinado para o ambiente das refeições.

???????????

Olha esse buffet que coisa linda! =D Essa é a visão de quem está na sala de estar, adentrando o apto.

Cadeiras Square estofadas e com estrutura branca e tecido escuro fazem a ligação do estar e jantar.

???????????

Essa mesa é uma das minhas queridinhas. O tampo de vidro incolor deixa ela super leve, e evidencia o belo desenho da estrutura. Aqui a proposta é com a base em alumínio polido, entretanto existe em acabamento escovado e também se pode mudar o tampo e brincar com vidros coloridos, mármore ou lâminas de madeira natural.

E onde está a borboletinha?

♫♫… tá na cozinha, fazendo chocolate pra fufuzinha!.. Poti, poti, perna de pau, olho de vidro, nariz de pica-pau! ♪♪

Leitoras e leitores, não me internem.

???????????

Essa cozinha apesar de “parecer” pequena tem um layout incrível. Integrada com a área social, tem uma bancada alta que comporta 4 pessoas confortavelmente e pode ser usada para as refeições em família, além de ser um tremendo apoio de bancada pra quem gosta de cozinhar.

???????????

Sempre tento deixar o refrigerador livre para caso uma pessoa esteja cozinhando o resto da humanidade possa servir-se de bebidas, pegar um pudim, aquela mamadeira da cria, ou abrir a geladeira pra pensar (eu sempre). Contudo – anotem aí – A geladeira não deve ficar colada na parede. Antigamente as portas das geladeiras eram reversíveis, ké dizÊ: a gente podia escolher o lado para onde ela abria. Agora a indústria preguiçosa convencionou e todas as que tem uma porta só abrem para a direita. E as que tem duas abrem, obviamente, uma para cada lado… E o que isso influencia da sua vida: O lado para onde a porta da geladeira abre precisa estar afastado 30 CM no mínimo. Por que? Porque para acessar as gavetas internas a porta precisa abrir mais do que 90 graus se tiver uma porta abrindo pra direita e ela estiver encostada na direita, você nunca mais vai poder comprar sorvete porque não vai abrir o congelador – veja que desgraça.

???????????

???????????

A cozinha é de um tamanho super eficiente e eu digo isso porque a ilha (que na verdade é um península, visto que está encostada em uma parede) tem mais de dois metros de balcão pra armazenagem. Eu sempre gosto de ter um relógio por perto na hora de cozinhar – e também considero um elemento decorativo/útil e que tem uma variedade incrível pra escolher.

O uso do tom grafite, cinza + o bordô resultou numa atmosfera ousada, porém sofisticada. O que você acha?

???????????

Na parte da parede temos: Torre de eletros, refrigerador, pia, lava louças, cooktop com gaveteiro gourmet e porta temperos.

Um módulo superior com portas em vidro pra abrigar a louça e uma coifa diferentona. Também ADORO espelho na parede, lembram que é mais fácil de limpar?

Agora todo mundo tirando a calcinha bege que a gente vai pro quarto.

Aliás, podem ficar confortáveis porque a suíte ainda não foi finalizada, então essa eu vou fazer um post depois comparando apenas esse ambiente nos dois estilos.

Vamos ver o Dormitório 1:

???????????

Todo apartamento tem um quarto menor – que eu adoro transformar em escritório/biblioteca. Mas quando se produz para uma uma família que não se sabe como é, é sempre mais eficiente fazer o quarto, porque entende-se que se cabe um quarto, também cabe um home office.

???????????

E este quarto, apesar de pequeno atende super bem: Com uma cama de solteiro, duas mesas de cabeceira – mesmo sendo quarto de solteiro, gosto de deixar a cama livre da parede – bancada de estudos e um armário de mais de dois metros.

???????????

A porta Moby da Florense tem um painel central mais estreito e eu AMO as possibilidades que ela permite. É possível, por exemplo, usar um vidro transparente e dentro exibir item como sapatos ou bolsas, criando uma aura de boutique de luxo.

???????????

Vocês que sabem que eu sou contra os “apertamentos” fiquei muito feliz que no Dolce Vita menos no quarto menor ainda tem um espaço para um canto de leitura.

Bora pro outro quartíneo?

???????????

Este ambiente é mais quadrado e tem dimensões excelentes. Esta proposta é pra um humano mais adulto, possivelmente na faculdade, então priorizamos um bom espaço de bancada de estudos a circulação livre em ambos os lados da cama. Poderia ter um painel com televisor na frente mas eu sou meio avesso à esse aparelho no quarto.

???????????

Vejam que aconchegante =D as listras horizontais dão ilusão de amplitude, demarcando ainda mais o espaço confortável que se tem.

???????????

Outro armário lindo esse não dá pra perceber no render, mas ele tem um tom dourado – a cor no laminado é Brass – que seria latão aquele dourado super chique. junto com marrom e um bege que é uma fórmula pronta pra uma decoração elegante.

Semana que vem vamos ver o mesmo apartamento com uma cara completamente diferente!

Obrigado pelo carinho, pelos email e por todo mundo que lê e em especial pra quem comenta. É por vocês que a gente tá aqui.

Esse post não é publieditorial tá, eu só citei itens que são do meu agrado, desde o edifício até os detalhes decorativos.

Sigam minha patroa maravilhosa no Instagram e no Snap como @Futilish e euzinho também estou em ambas as redes como TioLeloFoz.

E como ontem eu bebi no Baile da Associação de Arquiteos, Engenheiros e Agrônomos de Foz do Iguaçu, o drink do dia vai ser água mesmo!

ag

#ressaca

Beijão!

assilelo

As fotos utilizadas nos posts são coletadas na internet, e só apareceram aqui porque eu gostei, então, parabéns pra você que fez. Respeito muito seu trabalho e os créditos são seus. Se te incomodar a divulgação aqui, mande um email e eu substituo. BêXos.

Lifestyle
Mi Casa Su Casa
13 mar 2016, 118 comentários

Mi Casa, su casa – Nosso Cantinho-inho-inho

bowa Fufu?

Acho digno que estejam, porque olha, vai ter surra de post hoje. Pega uma trena e #vemkotio !

Mas vamos falar de coisa sofrida, coisa apertada, coisa desnecessária.

casinha

Vivemos em um mundo em que não é mais possível – pelo menos para a maior parte da humanidade- vivermos em imensos castelos ou casarões. Imagine guardar aquela armação de vestido de ” E o vento levou…”

O mundo globalizado pede: Praticidade, rapidez na locomoção e o máximo de facilidades logo ao abrir a porta do elevador.

Aí todo mundo prefere morar no centro, pertinho do trabalho. Só que no centro das cidades, não tem mais tantos terrenos disponíveis. E o que acontece? Qualquer tripa de terra, que não serviria pra estacionar um bode, vira um mega empreendimento com 22 andares e a “oportunidade” de se viver em um “studio”  na região central, com excelente vista e toda a infra estrutura necessária para o seu conforto.

cabra-usando-roupa-SouVegetariano

E para desespero dos filósofos, o capitalismo – provavelmente – vai continuar na moda um bom tempo e então essa tripa de terreno vai ter que comportar o máximo de humanos empilhados possível, então porque fazer um belo studio se podemos ter quatro por andar?

Studio, pra quem está se perguntando, é a trend word do momento pro antigo loft – que de um antigo e imenso galpão comercial na região menos interessante de Nova Iorque encolheu até virar um (recém construído) quadrado com banheiro e teto bem alto. O Studio tão oferecido ultimamente, que tem o teto baixo, nada mais é do que uma kitinete virgem… com o preço do casarão.

Me lembro que em Joinville moramos em um apartamento que o banheiro social era tão pequeno que papys dizia que se fosse fazer número 1, entrava de frente, mas se fosse número 2 já tinha que entrar de costas, porque não era possível girar lá dentro.

Esse tema foi motivado por uma Fufu que perguntou nos comentários sobre um empreendimento que ela pretendia adquirir, mas que ela se incomodava muito com o fato da cozinha e a lavanderia serem integradas.

Acabamos trocando alguns e-mails e ela me fez lembrar de um estudo que eu li – e graças ao Skype eu achei a matéria do O GLOBO pra quem quiser ver.

O fato é que sim, as famílias encolheram, temos filhos “melhor programados” e, consequentemente mais tarde, porém a análise do imóvel de dois dormitórios não deixa dúvidas: Dos 100m2 que desfrutávamos em 1970 hoje nos restou 58m2. E esse restou é culpa do povo. Aceitar viver em um espaço tão reduzido foi um comportamento nosso. se não consumirmos, os construtores não fariam essas células de sobrevivência.

Esta semana recebi três plantas de diferentes edifícios pra desenvolver mobiliário, onde a cozinha é praticamente nula.

Será que vale mesmo a pena economizar distância (e tempo) pra viver enlatado? Claro que, os imóveis muitas vezes são comprados em planta. E este é outro câncer imobiliário que precisamos combater. Grandes investidores costumam ter um ” modelo” em escala real pros compradores conhecerem. Mas isso é uma pratica “menos incomum” em grandes cidades. Mas porque esse modelo é tão desagradável pra quem constrói? Porque o potencial comprador vê o tamanho da cagada que tá fazendo. Ver isso aqui:

planta

Não é o mesmo que entrar num lugar como esse:

Vidro

Tenho visto verdadeiras atrocidades contra o conforto. Visitei uma obra recentemente, fiz até uns snaps, mostrando a vista lindíssima do apto no 17º andar do prédio. Mas aquele imóvel, oferecido para uma família de três ou quatro humanos, comumente não é habitado mais do que um casal. Mas assim, nem dois humanos e um calopsita seriam confortavelmente acomodados ali .

clubedascalopsitas44-2

A pergunta da Fufu, era sobre a integração da Lavanderia e da cozinha… Quanto a isso, eu só posso ver pelo lado positivo, atualmente temos a opção centrifugar os talheres e deixar a roupa de molho no microondas. Não porque é prático, é porque escorredor de louças e balde simplesmente não cabem dentro de um apartamento.

O propósito de falar dos micro imóveis é conscientizar quem não conhece desenho técnico, a visitar a obra. Mesmo que você tenha comprado no início da construção, corre lá. Surgem colunas e outras coisas absurdas em apartamentos. Mas se você aproveitou pra adquirir um imóvel em planta, peça pro corretor te levar em um parecido, ou até desenhar no chão. O melhor amigo de quem decora ou constrói é a trena, e logo depois é a fita crepe.

Marca no chão o tamanho da cozinha, marca no chão o tamanho do quarto. aí você consegue imaginar a pia, o fogão e a geladeira efetivamente no local.

vazio

Uma cliente chegou com a planta do apartamento que ela estava negociando, pra fazer uma prévia do projeto da cozinha, pois ela não gostou do decorado, e gostaria de ter uma ideia de quanto ela gastaria para fazer os móveis. Isso sim, é uma ótima forma de se ter um estudo de móveis. Se for um local onde você irá morar pelo menos 5 anos, vale a pena pedir uma consultoria de um profissional, seja arquiteto ou designer.

As vezes a visão do profissional é menos ortodoxa que a sua, e gastando a mesma quantia nos móveis você tem uma decoração mais funcional e atraente.

O programa minha casa minha vida por exemplo, ajudou muita gente a ter a casa própria e pelo que eu notei, todas as construções tem o mesmo formato:

Sala de estar e jantar integradas com a cozinha, e ao lado um corredorzinho com o banheiro no meio e um quarto pra cada lado.

 

50m2

Pessoas que nunca se defrontaram com um desenho, olham a planta e identificam tudo que elas querem.

um banheiro, 2 quartos… a cozinha tem pia, geladeira, fogão e até uma mesa. E isso aparece às vezes em plantas que chamamos de “humanizadas” que são coloridinhas e mais fáceis de entender, como essa:

plantas-de-casas-2-quartos-235407_235407

Mas aí entram as artimanhas de alguns “vendedores” que podem ser o investidor que construiu, ou o profissional de engenharia / arquitetura ou o corretor de imóveis que não explica que o desenho não é realista. na primeira planta, aquela mesa não permite que ninguém abra a geladeira, ou que alguém use a pia.

Na sala, um sofá de 3 lugares precisa ter – pelo menos 2,60m…. Uma mesa retangular pra 6 pessoas, tem 1,80m os espaços pra uso das cadeiras da ponta – sofridos tem que ser 0,70m então nun cálculo rápido, sabemos que :

260+180+140 = 5,80 mas a medida escrita ao lado é 5,10m. Não vai caber sofá de três, não vai caber mesa pra 6 e com toda certeza do mundo não vai sobrar aquele espaço do ladinho do sofá pra colocar uma samambaia exibida na janela. Nem uma avenca pra monitorar o relacionamento. E nesse aperto, vamos sacrificando qualidade de vida, chamando o dedinho do pé de descobridor de móveis e reclamando que as coisas não são como antigamente.

A segunda planta ali em cima é um pouco mais safadinha. Ela indica medidas mas veja bem: o banheiro tem 1,00×2,00 agora assim, de cara eu digo, pelas normas de ergonomia:

Box: 80cm

Largura pro vaso sanitário: 80cm

Sobra 40cm pra uma pia? você deve ter uma régua em algum lugar aí perto de você, dá uma olhada e conta pra mim: dá de cuspir a pasta de dente em 40cm?

Mas aproveita que vc está com a regua na mão, porque se o BWC tem 1,00m de largura e um cagadô com caixa acoplada tem 65cm de profundidade, entre o vaso e a parede sobra 35cm

TRIN-TA e CIN-CO centímetros pra você relaxar seus joelhos e abrir a passagem do seu loló para que as suas necessidades fisiológicas possam partir.

Os quartos até que estão desenhados com uma boa proporção, mas vamos olhar pra sala agora… Olha a cadeira e o sofá de 2 lugares? Já viu uma cadeira maior que um sofá?

Eu já tô começando a fervilhar de raiva, o que é normal quando eu analiso estes desenhos.

Tive um cliente, que no desenho da planta da casa dele, tinha uma sala de jantar com uma mesa quadrada de 8 lugares, ao lado da escada, num pé direito duplo, uma casa que custou alguns bons milhões.

Sabe o que coube na vida real?

duas-poltronas-marrons-clássicas-com-mesa-de-centro-14960890

Exatamente, duas cadeiras e uma mesinha de apoio.

O post de hoje é pra quem ainda não comprou, verificar o tamanho das coisas, e não acreditar no desenho.

Pra quem comprou – correr desenhar no chão, ou visitar a obra.

Não quero vocês tendo que ler o Futilish no celular porque não coube o notebook no banheiro.

MAndem mais dúvidas pro Tem Jeito Decor no email e deixem seus comentários, dicas e sugestões aqui.

Agradeço o amor de vcs no Instagram e no SnapChat, adoro quando vocês falam comigo =*

Eu estou lá sempre reclamando e a Cony embelezando nossas vidas. Somos @Futilish e @tiolelofoz em ambas as redes.

assilelo-1

As fotos utilizadas nos posts são coletadas na internet, e só apareceram aqui porque eu gostei, então, parabéns pra você que fez. Respeito muito seu trabalho e os créditos são seus. Se te incomodar a divulgação aqui, mande um email e eu substituo. BêXos.