16
May 2018
Chora Que Eu Te Escuto!
Chora Que Eu Te Escuto

Quarta feira e tem Chora, a melhor terapia em grupo da internê!

Chora 01 – Elza

“Cony, depois de tanto tempo lendo os choras alheios e empurrando com a barriga o meu, decidi enviá-lo como um pedido de ajuda, porque realmente não sei o que fazer diante dessa situação na qual me encontro.

Namoro há quase 6 anos e desde o começo da relação temos esse problema, que foi crescendo conforme o tempo foi passando. Meu cunhado é mais novo que nós dois, namora uma menina há bastante tempo, cheguei na família e ela já estava lá.. e desde o dia que fui apresentada, sinto a inveja dela por mim. No começo ela me recebia sempre retraída, não falava direito, ficava me olhando. Depois percebi que passou a me imitar. Imitava o que eu falava, o que eu fazia. Sempre de olho em tudo. As coisas foram piorando. Eu tentava viver minha vida e ignorar o problema, mas não me sentia bem. Pra família ela é uma simpática, querida e eu acabo ficando quieta, no meu canto, com raiva de ver aquilo. Várias vezes tentei conversar com ela e meu cunhado (que me tratava bem, mas tentava defender a namorada), mas era impossível conversar com os dois, eles começavam a dar escândalo!

Eu tentava pensar que isso acontecia por imaturidade, por ela ter problemas na família dela.. só que isso foi causando problemas no meu namoro e eu já não suportava mais. Já tinha conversado com meus sogros também.. mas eles e meu namorado são do tipo que preferem evitar um confronto e fingir que estava tudo bem. Todo mundo tem defeito, o do meu namorado é esse.. ele é fraco. Não enfrenta os pais, o irmão, finge que não vê as coisas, finge que nada tá acontecendo.

Antes de mim, ela nunca teve uma relação legal com meu namorado, comparando o jeito que ela fala com os outros, ela quase não falava com ele.. Até que um dia, explodi e conversamos nós 6, nós 4 e meus sogros. Foi uma conversa boa, botei quase tudo pra fora.. não foi tudo, porque eu não queria pegar tão pesado, mas foi o suficiente pra conseguir viver e continuar namorando.

Eu e meu namorado fomos viajar pra fora do país, levamos uma lista de coisas que ela pediu. E além de ter pedido mais coisas lá, não recebemos um obrigada, não fomos bem recebidos na volta da viagem e voltou a ser uma merda. Me senti uma idiota. Sinto que depois da conversa, quem mais tentou ter uma relação boa, quem ficava puxando assunto, tentando entreter.. era eu! Me sinto cansada. Ela fica o tempo inteiro de cara amarrada pra nós dois e voltou a me imitar em tudo.

Sabe Cony, eu peço ajuda pras pessoas que já passaram por esse tipo de situação com cunhadas. Gosto de resolver as coisas e isso me faz mal.. me faz mal diariamente. Tanto pelo fato deu viver com isso dentro de mim, tanto pelo meu namoro. Cobro do meu namorado uma postura em relação a isso e quando ele tem, é reprimido pelos pais. Eles são uma família muito família. São juntos demais além da conta do que eu estava acostumada. Todos os finais de semana estão todos lá reunidos, ela está lá todo santo dia e isso tem me afastado do meu namorado..um cara que realmente amo. A minha vontade de socar a cara deles dois aumenta. Tenho medo de perder a cabeça.”

Você não está dando muita atenção pra ela não? Serei advogada do diabo ok? No início do texto você diz: “desde o dia que fui apresentada, sinto a inveja dela por mim” Logo de cara, ninguém sente inveja. No primeiro dia, ao ser apresentada, você tratou ela bem? Outra dúvida: como assim ela te imita? Nas roupas? No jeito? Para a família do seu namorado, ela é gente boa, e você sente raiva disso? Será que você não armou uma disputa com ela, inconscientemente? Você foi conversar com seu cunhado e com ela, e eles deram escândalo. Como assim? A troco de quê? Que desequilíbrio é esse? Você foi reclamar da sua concunhada para seus SOGROS, que gostam dela? Mais uma coisa, você diz que seu namorado é fraco, o que você quer dele? Que ele compre sua birra com a menina? Pensa comigo, você pôs todo mundo pra conversar sobre a “inveja” dessa menina, você disse que explodiu. Já parou para pensar na imagem que eles tem (ou fizeram) de você??? Cobrar postura do seu namorado não é adulto nem inteligente. A birra é entre vocês duas. Ela se dá bem com a família dele e ponto, isso pra ELES basta. Não se meta no relacionamento DELES com ela, não cobre atitude DELES para com ela, nem do seu namorado. Já percebeu que todo mundo está de boa, vivendo, convivendo e só você que está “rangendo os dentes”? Se você quiser falar com alguém, fale com ELA, diretamente, mas poupe os outros disso, pode queimar seu filme. Meu conselho? Faça a egípcia e curta seu bofe. O resto que se exploda. Não é da sua conta e nem vai mudar sua vida. Só se você permitir.

 

 

Chora 02 – Holly

“Oi, Cony! Já te acompanho há uns 5 ou 6 anos e adoro seu blog e seu jeito de ser. Por várias vezes pensei em enviar meu chora (diferentes situações), mas sempre tinha preguiça de relatar meus problemas. Mas não dessa vez! 

Minha história é a seguinte: namoro um cara há 3 anos e é uma relação estável, verdadeira, respeitosa e de bastante sintonia e honestidade. Éramos amigos já antes de começarmos a namorar e antes dele, estava num relacionamento de idas e vindas com um outro cara, que foi bem babaca comigo no fim da nossa relação. O que me fez pensar em mudar, iria aproveitar a vida e já não manter hábitos que não tinham mais significado pra mim.
 
Nessa, passei um ano novo com meu então amigo (atual namorado) e resolvi me entregar numa noite que rolou um super clima e deixei a pegação fluir, culminando na minha primeira vez! Sim, eu era virgem (tinha 20 anos). A ideia era aproveitar que finalmente tinha deixado acontecer e seguir curtindo, mas fui me apaixonando e acabamos namorando.
 
O problema chega agora. Nosso namoro caiu bastante na rotina. Muitas vezes não sinto desejo sexual por ele, apesar de amá-lo. E sempre penso que não quero passar toda a vida tendo experiência com um único cara. (sim, visualizo nossa relação à longo prazo). Daí que várias vezes já me peguei sentindo desejo por outros caras. Tenho muuuita vontade de transar com outras pessoas e consigo separar na minha cabeça o sentimento de tesão e o de amor. Já comentei com meu namorado sobre a possibilidade de mantermos um relacionamento aberto, pelo menos por um tempo, mas pra ele não rola. Não cogito traição pois de fato prezo muito pela honestidade que temos. Também já pensei em pedir um tempo pra ficar solteira e ver no que dá, mas sinto medo de perdê-lo.”

 

Sossega a periquita. Normal isso do namoro cair na rotina e não pense que vou te dar o aval da libertação sexual nem do relacionamento aberto. Pode ser que funcione para algumas pessoas mas eu não acredito que um namoro possa sobreviver a traições e sexo casual com terceiros. Ou termina, ou dá um jeito de apimentar a relação. Filminhos, lingerie, viagens românticas. Eu, do FUNDO DO CORAÇÃO, acho péssimo ter dado certo de cara com o primeiro cara que transou. Sério. É bom mas é ruim. Bom porque é difícil dar certo com alguém, ruim porque eu super acho que a gente tem que conhecer outras pessoas para ter o poder escolher e saber do que gosta e o que não gosta. Mas a vida é assim, cada escolha, uma renúncia. Se você o ama de verdade, peite sua escolha. Se a vontade de conhecer outros for maior e não conseguir parar de pensar nisso, termine, mas esteja ciente que seu bofe não ficará a vida toda te esperando.

 

 

Chora 03 – Moana

Oioi Cony, tudo bem? Primeiro queria chover no molhado e dizer que AMO o teu trabalho! Sou tua seguidora voraz ha anooooos e amo o jeito que tu passa o teu conteudo e a tua personalidade. Queria ser tua amiga hahahaha!

Então, vamos ao meu chora. Não vi ainda algo similar por aqui então acho pertinente e gostaria de saber a opinião:

Namoro há 2 anos um cara super bacana, recentemente resolvemos ir morar juntos e tem sido uma experiência pra um chora a parte hahaha. Mas enfim, sei que esse período inicial é complicado mesmo, nem é isso que quero falar. O que tá pegando é um assunto fora de casa: trabalho.

Eu sou uma mulher bem independente. Tenho minha própria empresa, trabalho demais e ganho bem mais que ele (detalhe: isso no salário mesmo, porque no fim ele tem algumas rendas diferentes com imóveis e tal que fazem a soma ser diferente). Amo meu trabalho, fico até tarde sempre e adoro o que eu faço! Sou super bem resolvida nesse ponto.

Já o meu namorado não é assim. A família dele tem uma empresa gigsntesca, uma das maiores indústrias do Brasil e ele trabalha lá. Ele voltou de São Paulo fazem uns 4 anos e começou a trabalhar nessa empresa em um setor que tem afinidade com a formação dele. Mas sabe quando a pessoa nunca tá “feliz”? Ele não vai pra frente no trabalho, não se dedica, vive reclamando. Como ele tem uma posição confortável – o pai dele é o presidente da empresa, ele acaba tendo umas atitudes bem estranhas e anti profissionais – já comentei com ele que demitiria ele se fosse meu funcionário haahaha. Porém sei que empresa familiar é complicado, mas pra mim ele não aproveita a oportunidade que tem.

Aí ele tem um sonho de escrever, mas também não se dedica tanto pra isso. No ano passado ele pediu demissão mas depois foi ficando, ficando. E tá lá até hoje. No início do ano ele pediu demissão de novo e o pai dele pediu pra ele ficar e ele segue lá, empurrando com a barriga. Agora essa semana ele disse pra mim que vai sair de lá. Mas a minha admiração por ele nesse aspecto tá indo pro ralo. Ele não tem resiliência, não sabe o que quer (ele tem 36 anos), não tem um plano. Só sabe reclamar. Não sei o que falar porque sou muito diferente dele nesse aspecto e sempre quando ele vai falar disso eu acabo dando razão pras outras pessoas e isso tem deixado nosso relacionamento bem conturbado. Fico me perguntando se quero viver com uma pessoa que não sabe muito bem o que quer fazer da vida e vai levando.

Ah, ele e o pai dele estão fazendo “terapia” toda semana pra tentar resolver a situação entre eles mas isso tá só piorando também.

Já disse pra ele sair, mas também fico me perguntando o que diabos ele vai fazer?? Ele tem muita grana guardada então poderia fazer qualquer coisa, mas não vejo ele tendo o perfil pra isso. Cada hora ele diz`uma coisa e isso tá me deixando LOUCAAAAAA!

Ele tem vocação pra ser playboy? Rico, quase 40ão, sem saber o que fazer… sei lá. Se não for um bon vivant, pode ser que ele esteja perdido mesmo e precise de uma terapia mais firme para descobrir o que quer. OU, fale para ele tirar um ano sabático! Um ano sem trabalhar, pensando, longe de tudo e de todos. Ele tem grana, pode fazer isso!

 

 

  • Choras abertos! Mande suas angústias, seu problema sem solução, seu desabafo para constanza@futilish.com e no assunto coloque CHORA QUE EU TE ESCUTO. Nós te escutamos!
15
May 2018
Brasília!
Constanza, Diario de Viagem

Esses últimos meses tem sido bem agitados para mim. Quem me acompanha nas redes sociais (e por aqui também), percebeu isso né? Uma semana inteira de Minas Trend, depois QG Fhits durante o SPFW, depois Brasília e depois Fortaleza. É… a simpatia da mala continua fazendo efeito rs. Se não sabe do que se trata essa simpatia que já levou muita gente pro aeroporto, clique AQUI.

Hoje quero conta o que aconteceu em Brasília… e nem sei por onde começar.

Vamos do início né? Meu cunhado mora em Brasília e nos convidou para o aniversário da filhinha dele. Ok, até aí tudo normal. Eu e Leo compramos as passagens para passar 4 dias na cidade, seria a minha primeira vez lá. Procurei hotéis parceiros e tive um rápido retorno do Meliá Brasil 21. Perfeito, tudo certo.

Falei no Stories do Instagram que iria a Brasília pela primeira vez e logo algumas leitoras pediram encontrinho. Eu não sou de fazer esse tipo de evento, não sei organizar, não tenho muito tempo para pensar nisso e imaginei reunir algumas meninas num bar para beber algo, petiscar, bater papo, enfim, uma tarde de boteco, como fazemos aqui em BH. Pedi para se adicionarem no grupo do Facebook (se chama Amigas do Futilish) e confirmar a participação no encontro para eu ter ideia de quantas pessoas mais ou menos e procurar um lugar legal.

Quase caí da cadeira quando vi mais de 70 pessoas confirmadas em poucos dias e antes do evento, mais de 100 nomes na lista! Fiquei maluca né? Pedi ajuda para a Mel (do extinto blog Deveria Estar Estudando) que mora em BSB e ela foi um anjo: reservou o lugar, conseguiu uma fotógrafa, alguns jabás e ainda foi minha assistente de palco no momento do sorteio rsrs. Mel, gratidão ETERNA!

Mas calma, antes do encontro, preciso contar da minha chegada a Brasília. A Mel foi nos buscar no aero e fez um mini tour pela cidade, de madrugada, passamos por vários lugares que eu via apenas pela televisão. Como era minha primeira vez não sabia direito os nomes e o que funcionava ali (depois até recebi uma mensagem de uma leitora dizendo que eu era influenciadora e DEVERIA saber o nome dos lugares. Miga, a gente sabe falar do que conhece, o que não conhece, aprende durante a vida tá? Parabéns para você que já nasceu sabendo. Gênia.). Enfim, como boa amante do rock nacional, logo assimilei várias músicas do Legião Urbana com o que via. Passei pela Rodoviária e imaginei João de Santo Cristo chegando. Vi as luzes e a arquitetura incrível e imaginei ele bestificado com a cidade. O parque da cidade, o ponto de encontro de Eduardo e Mônica! Ah para, foi demais!

Seguimos para o hotel, o Melia Brasil 21, super bem localizado, lindo, e o presidente do Chile tinha ficado lá na noite anterior. Imagina eu esbarrando com ele no elevador? rsrs. Quando fomos pro quarto, quase caí pra trás. Fizeram um agrado e fiquei numa suíte maravilhosa! Se não era a presidencial, era a da Rainha kkkk. Ficamos na Royal Suite The Level, com decoração de inspiração francesa (cada abajur de murano com ouro que eu tinha até medo de passar perto e derrubar), uma sala de jantar digna do núcleo rico de novela das 9, sala e varanda com uma linda vista. Só agradecimentos ao Meliá, especialmente ao Percio e a Juliana que foram impecáveis no recebimento e durante toda nossa estada.

Quando chegamos, uma garrafa de vinho – chileno, claro – docinhos e um bilhete da Ju. Amei!

Cony Rainha. Bem isso rsrsrs.

Olha minha copa gente!

No lobby, poltronas amarelas. Queria uma na minha casa rs.

Até no heliponto fui tirar foto. E que vista!

Agora vamos a parte mais emocionante da visita a Brasília. O encontrinho que virou encontrão, foi no restaurante Fausto e Manoel do Pontão (amei esse lugar! Um complexo de restaurantes beirando o lago Paranoá). Antes de ir, marquei umas fotos no hotel com a Monique (insta @damasiofotografia), e depois ela nos acompanhou até o evento. Quando chegamos no Fausto e Manoel não consegui acreditar na quantidade de pessoas que estava lá. Era MUITA gente! E fui cumprimentar uma a uma… era uma mistura de nervoso com emoção. Cara, como tenho leitoras em Brasília!

O encontro foi uma delícia, uma vibe boa, energia leve, todas as meninas entrosaram! Me dividi em pequenos grupos para conseguir conversar um pouquinho com cada turma. Brindamos e depois fiz um sorteio com alguns mimos que consegui! Tudo foi tão em cima da hora que eu queria levar presentes para todas mas não deu 🙁

Fica aqui meu agradecimento às marcas que cederam presentes, vocês fizeram o dia ainda mais incrível!!!

Oh My Lingerie @oh.mylingerie

Milla Faccin @millafaccin

Ju Ramos @juramosmakeup

Matz Store @matz.store

Maria Batom Makeup @mariabatommakeup

Agua da Ilha @aguadailhaoficial

Romênia Campos Brand @romeniacamposbrand

Uni Bijoux @unibijoux

Rice And Beans @riceandbeansbrasil

Um Meia Dois @ummeiadois

Maria Barbosa Calçados @mbcalcados

Papoularia @papoularia

Espaço Zen Spa @espacozenspa

Elaine Costa Brand @elainecosta_brand

Retro 33 Salão @retro33bsb

Mumbo Store @mumbostore

Foi INCRÍVEL!

Obrigada a todas que foram, vocês me emocionaram de verdade! Obrigada mais uma vez a Mel que me ajudou muito, a Monique pelas fotos lindas, ao Leo pela paciência (fez fotos e ainda gravou uns depoimentos… muito amor!), a Elaine pela hospitalidade, e ao Meliá por ter sido minha casa nessa inesquecível viagem.

Amei Brasilia. Quero voltar muitas vezes ainda!

14
May 2018
Dica da Leitora!
Dica da Leitora

Vamos começar esta segunda feira com um DDL BEM caprichado? Parabéns a todas as envolvidas que não deixaram a tag morrer! Ela pode demorar a aparecer, mas enquanto houver dicas, aqui ela estará.

Vamos às compras alheias?

Dica 01 – Ana Carolina

A Ana Carolina foi na Riachuelo e achou este maxi cardigã com brilhinhos (quase um lurex) por R$ 99!

Amei! Sou fã desse modelo! Ótimo para dias que começam frios, esquentam e depois faz frio de novo.

Dica 02 – Eveny

Oi Cony! Passeando no Pátio Belém dei de cara com essa jaquetinha maaaara na C&A. Ela piscou pra mim e não resisti. Achei a lavagem digna, o bordado bem feito e o preço convidativo! Beijinhos, Eveny

LINDAAAAA! Fala sério! R$ 79?? Arrasou!
Dica 03 – Isabel
Oi Cony! Amo seu blog e estou aqui diariamente. Você é referência de estilo, bom gosto e senso moral a todas suas seguidoras. Tenho que enaltecer o mulherão que você é! Esse achadinho é da Zara de Brasília, quis compartilhar porque acabei de passar por uma mastectomia em decorrência de um câncer e estou em busca de roupas que cubram/protejam o colo nesse momento. Achei esse vestidinho, vestiu super bem, além de ter custado 89 reais, um precinho bem amigo! Beijos!!
Ei Isabel! Espero que você esteja bem!!! Você foi no encontro de Brasília??? E ótima compra, principalmente porque eu também comprei esse vestido rs. Achei lindo e super barato!
Dica 04 – Taty
Cony, lindona, fui à Zara e achei um vestido de suede mais encorpado por 169,00. Achei o preço bem amigo! O tecido é mais grosso e não marca as gordurinhas kkkk um básico bonito e chique pra usar com bota, né!
Beijos!
Essa modelagem é MARAAAA! Dá para usar com colete preto, coletão jeans, jaqueta jeans amarrada na cintura, se for look de night usa com casaco de paetês… enfim, tudo de bom!
Dica 05 – Emily
Saia lápis da C&A!
Sou mega chata com estampas mas achei essa bem legal! E o preço mara! Pode usar com camisa branca amarrada na cintura, blusa preta de gola alta, camisa jeans. Versátil e chique, realmente um achado!
Dica 06 – Pamela
Oi, Cony! Mandando um dica da leitora para enaltecer a tag mais amada do Brasel. Parece que minhas dicas nunca são boas o suficiente, mas tô tão apaixonada neste suéter que decidi mandar. Ele é da C&A, foi R$ 99 e é compridinho, tampando o bumbum. Muuuuito confortável, quentinho, acho que vou usar muito! Inclusive bem aerolooks de inverno, rsrsrs. Falando em aerolook, vou pro Chile mês que vem e CLARO que o Fufu foi o primeiro lugar onde procurei dicas!!! ♥️ Parabéns pelo excelente trabalho! Bjs, Pam
Achado bem bom esse!! Adoro usar no inverno com mini saia e bota. Fica zékzi sem ser vulgar, sabe como é? Arrasou!
Dica 07 – Heloise
Cony, eu amo seu blog!! E estava atrás de uma bota meia, há algum tempo, mas não queria gastar muito, com receio da moda passar e ficar com o sapato encalhado. Hoje, fui dar uma volta no shopping Pátio Mix, em Itaguaí, Rio de Janeiro, na hora do almoço e achei essa botinha na Marisa, estava remarcada por R$ 59,99, mas quando fui pagar no caixa saiu pela bagatela de R$ 45,99!! Chocada com o  meu achado, super cumpri a meta de gastar pouco!! Beijinhos, Heloise.
Menina, como assim uma bota meia por R$ 45??? PREPAREM OS OUVIDOS: TÃ NÃ NÃAAAAAMMMMM TÃ NÃ NÃAAAMMMMM. Ganhou musiquinha da vitória! Merecedora!
Dica 08 – Marina

Oi Cony, Estou enviando essa dica porque além de ter amado, fui 100% influenciada digitalmente por você rs Estava já a umas 3 semanas procurando um casaco quentinho porém mais arrumadinho, cheguei a ir em algumas lojas, procurar pelo insta e nada me agradava muito. Queria algo bem específico – no comprimento, cor e amarração na cintura pra dar aquela valorizada 🙂 – e não encontrava nada que atendesse todos os requisitos juntos. Até que vi você divaaaa em um vestido preto, e fui – como quem não quer nada – dar uma olhada no insta da loja e conheci a FAB! Sou de Vitória-ES e fiz minha compra pelo whats mesmo. As meninas foram super solicitas, me atenderam rápido e enviaram minha peça em 1 dia! Superei o medo de comprar sem conhecer, de errar no tamanho, e encontrei meu casaco do jeito que eu queria. Ele é todo em lã com forro interno, bolsos, e o melhor, 239 reais. Sério, nem consigo acreditar porque eu procurei bem, e o preço deles (observando modelos semelhantes) ganhou até da Renner, C&A e etc! Enfim, obrigada pela dica. Fiquei muito satisfeita e agora quero ir em BH só pra comprar roupaaaaaaaa rs obs.: a cor real dele corresponde a foto fora do corpo!! Bjs

Ah fia, gruda em mim que aqui só tem dica boa! A FAB é uma loja suuuuper conhecida em BH, muita coisa boa e com ótimos preços! Sou cliente lá desde que era Jey! Quem não conhece, acesse o insta @lojafab. Boa boa boa REAL.

Dica 09 – Daniela

Olá Cony, tudo bem? Adoro suas dicas e te sigo desde o Flickr! Aprendi a amar a Zara através de você, recentemente estive na loja da Zara do Shopping Passeio das Águas em Goiânia e comprei essas peças. A calça jeans skinny custou R$ 199,00 e o suéter manga curta com paetês saiu por R$ 189,00. O colete em matelassê foi a peça mais salgada, custou R$ 259,00. O suéter de manga longa e a calça montaria, R$ 99,00 e R$ 139,00, respectivamente. Adorei minhas comprinhas e hj amo/sou Zara.

E quem não ama a Zara? Não é a toa que me chamo ConstanZARA. rsrsrs.

Dica 10 – Lucia

Oi, Cony. Achei este tênis da Moleca de R$129,00 por R$59,00 na Renner. Comprei na loja do Plaza Shopping, em Niterói. É super confortável! Usei pela primeira vez em um plantão e mal parecia que estava calçada. Recomendo muito! Beijos

Que lindo! E realmente tem cara de muito confortável! Arrasou no achado!

  • Arrasando nas dicas hein meninas?? Quem quiser participar com seu super achado e ajudar as migues a comprar bem e barato, mande sua dica para constanza@futilish.com e no assunto coloque DICA DA LEITORA. Lembrem-se: foto boa, nome da loja, preço que pagou ok?? Vamos todas ficar lindas, bem vestidas e pagando pouco???
Página 4 de 1,169« Primeira23456Última »