Comportamento
Chora Que Eu Te Escuto
20 fev 2019, 50 comentários

Chora Que Eu Te Escuto!

Nossa, como as quartas feiras chegam rápido!

Chora 01 – Leticia

“A tal da justiça divina! Não sei quem acredita, pois eu não acredito mais. Mas mesmo assim opiniões são sempre válidas.

Sem entrar na história completa: conheci o cara, me apaixonei. Acreditava que estávamos na mesma sintonia, tudo era perfeito. Até aparecerem as primeiras dívidas dele. Altas. Altíssimas. Coisas de 140 mil, que só descobri depois.

Enfim, ele me pediu ajuda. O fiz. Emprestei dinheiro. 15 mil. Ajudei com outras contas do dia a dia. E nossa vida continuava ok. Saídas, jantares em casa para economizar, maratonas das nossas sérias….tudo ia bem.

Até que ele começou a ficar estranho e, logo após o ano novo de 2016 para 2017 um e-mail. Dizendo que não tinha condições psicológicas de continuar. Que eu estava fazendo por ele muito mais que ele conseguia fazer por mim e blábláblá.

Dois meses depois e bum: postou foto com outra VIAJANDO!

Nos reaproximamos e ele dizia coisas horríveis sobre ela: como ela era ruim pra ele, que destruiu sua vida e sua cabeça. (hoje imagino ele falando isso pensando em mim). Destruí tanto a vida dele que quitei o ipva daquele ano e ele foi viajar com o carro e com ela.

Ele sumiu em maio de 2018 e simplesmente não consigo aceitar. Ele mentiu e inventou tantas histórias: tumor na cabeça, internação em hospital psiquiátrico (crises de pânico e afins), abuso quando era criança, morte da avó, desavenças com o pai….e eu acreditei e me deixei levar pelas emoções. Mas confesso que o abuso foi a coisa que mais mexeu com meu psicológico. Não se inventa coisas desse tipo. E como eu sei que inventou? Todo o resto sempre foi mentira.

Quando da cirurgia, ele estava em Cancún. Desde que ele sumiu descobri muita coisa, mas o que mais me dói é que depois de tanto me maltratar e fazer mal, mexer com meu psicológico a vida dele está PERFEITA! Ele nunca terminou com ela, esse ano já foram 3 viagens ao exterior, vivem rodeados de amigos (que ele metia o pau por não o ajudarem), estão todos bem e felizes.

Eu? Nunca consegui me recuperar do trauma de te me apaixonado. De ter me permitido, pela primeira é última vez, me apaixonar. Só Deus sabe o quanto isso foi difícil pra mim. Mas eu me permiti pois acreditei nele. Era tudo bom demais pra ser verdade. E não, nunca mais vi a cor do dinheiro.

Meu maior pensamento hoje é que Deus apenas o premiou, mesmo depois de tanta coisa ruim. Ele não me pagou, e está viajando. Ponto pra ele! Me deixou destruída emocionalmente. E está vivendo a vida perfeita. Ponto pra ele!

Acho que no fundo, mesmo quando a pessoa nos machuca demais, Deus ainda assim acha que ela merece ser abençoada.

Eu não digo que desejo o mal, mas ele merece sim pagar pelas maldades que fez comigo.

E a tá justiça divina? O mal que você faz hoje não irá voltar pra você amanhã. Essa é a lição que carregou comigo. Não importa quão bom você tenha sido pra alguém, aquele que te machucou e humilhou, esse sim receberá tudo de melhor da vida. E você, irá amargar eternamente a dor de ser chamada de louca, maluca….que não sabe superar um relacionamento.

PAAAARAAAAAA COM ISSOOOOOOOOOOO! Existe a lei do retorno SIM, só não será quando você quiser! Não fique a sua vida esperando ele se ferrar… pra que? Vai acontecer mas enquanto isso não ocorre, cuida de você, MOVE ON! Sai dessa! GRAÇAS A DEUS ESSE HOMEM SUMIU DA SUA VIDA, ISSO É LIVRAMENTO MINHA FILHA! Bate o joelho no chão e agradece esse embuste ter mirado em outra. E coitada da outra, vai passar pelo que você passou também! Assiste uma série no Netflix chamada Dirty John para aprender a ler sinais e não cair mais em armadilhas como essa. É muito mais comum do que se imagina. Sério, agradeça ele ter sumido.

Chora 02 – Gabi

“Constanza vou tentar resumir meu chora que é bem grande, mas também porque pode servir de alerta para outras pessoas…

Eu terminei meu último relacionamento há 5 anos – e confesso que não sentia muita falta de namorar. Eu estou estudando fora do país neste período e tinha até então aproveitado muito minha solteirice por lá. Ou seja, tinha uma vida sexual bastante intensa porque sei lá. nunca gostei muito de namorar. Sempre achei chato, bobo, não sei. Às vezes fico pensando que estou sendo imatura, ou que estou achando que essa fase vai durar pra sempre mas é o que sinto.

Acontece que recentemente fui diagnosticada com uma lesão intraepitelial de alto grau no colo do útero, que provavelmente foi consequência do vírus do HPV. Isso me deixou bastante assustada porque eu sempre me cuidei, usando preservativos, nunca gostei de pílula. Mas quando fui estudar um pouco sobre o assunto vi como é fácil contrair esse vírus (cerca de 80% das mulheres do mundo já entraram em contato com ele) e como ele pode ser danoso para as mulheres – podendo até causar câncer.

Nem preciso dizer como isso me afetou não é? Vem mil culpas na cabeça, culpa por ter sido solteira por tanto tempo, ter me achado uma irresponsável, com paranóia de poder contraído HIV também. Mil coisas. No momento encontro aguardando o resultado de um exame específico sobre o grau de gravidade do tipo do vírus que possuo, mas confesso que estou tão ansiosa que não consigo pensar em fazer qualquer outro exame como o do HIV por exemplo. Na verdade meu medo é tanto que não sei nem se quero saber o que tenho. Não sei se alguma leitora já passou por isso, mas estou muito angustiada com toda essa situação, preciso de algum conselho.”

 

Ótimo alerta! Mas não se sinta culpada… Pelo que entendi você usa preservativo né? E li que até 80% das mulheres sexualmente ativas vão contrair HPV em algum momento:

“A transmissão sexual – HPV é transmitido através do contato sexual. O câncer cervical e seus precursores são quase inexistentes em mulheres que não tiveram nenhum relacionamento sexual.

O risco está correlacionado com o número de parceiros sexuais, mas é relativamente alta (4 a 20 por cento), mesmo naquelas com apenas um parceiro. Pelo menos 75 a 80 por cento das mulheres sexualmente ativas terão adquirido uma infecção genital por HPV aos 50 anos de idade.”

Faça seu tratamento certinho, faça TODOS os exames, e sem medo. Quem já tiver passado por algo semelhante, deixe seu depoimento nos comentários!

Chora 03 – Sara

“Oi Cony, tudo bem?! Acompanho o blog tem um tempo, sempre vejo os choras e sempre tive vontade de mandar o meu chora, mas sempre tive vergonha. Agora criei coragem e vai.
Bom, tenho 26 anos, sou advogada, BUTTT tenho um problema com o meu peso. Na verdade, o problema é mais o incômodo das pessoas do que eu. Me considero uma mulher bonita, adoro me arrumar, estar sempre impecável até mesmo por conta do meu trabalho e porque sou bastante vaidosa. Mas as pessoas se incomodam demais com o meu peso, do tipo “ahh, você é tão bonita pra estar gordinha” ou “nossa, você é tão nova para estar gordinha, parece que já casou e teve filho” ou “ahhh, você parece que tem 32 anos”. Por mais que eu tente não ligar e ser superior a isso, isso me magoa e muito.
E sabe o que eu faço? Desconto tudo na comida. Vou lá e como um monte de doce. As vezes eu acordo mega animada, me amando, vibes e tals dai vem alguém com um balde de água fria e fala do meu peso. No meu local de trabalho, tive que pedir para que as brincadeiras parassem com relação ao meu peso porque isso me deixava muito triste. Na igreja, já tive que ouvir coisas do tipo “se você quiser namorar alguém bonito, bem sucedido, você tem que emagrecer e ficar gostosa, porque desse jeito ngm vai te querer”. Na minha casa, brigo sempre com meu pai porque ele faz questão de sempre falar “você está gordinha, hein?!” Olha, eu escrevendo isso me sinto uma imbecil porque não deveria ligar, mas acabo ligando e me magoando.Pra ajudar faço academia, me alimento bem, mas não consigo emagrecer. A verdade é que eu estou escrevendo pra ver se alguém me dá uma boa palavra porque de coisas negativas tenho ouvido demais. Bom é isso, espero que você possa me ajudar. Beijos!!!”

 

Óbvio que ouvir esse tipo de comentário magoa, mas me diga a verdade, você se gosta como está? Porque quem tem que se gostar é você! E pelo que entendi você tem auto estima sim, se acha bonita, se arruma, é vaidosa. É muito difícil falar sobre algo que não vivo sabe… sou bem franca, imagino o quanto deve te chatear esse bulling mas não sei a dimensão disso na sua vida. Não sei se você faz terapia, mas talvez seja uma boa! E dá uma lidinha no blog Futilidades da Joana Cannabrava e da Carla, elas tem um grupo que se chama Papo Sobre Autoestima e tem relatos bem interessantes de meninas gordinhas que amam o seu corpo, se curtem e dão um banho de alto astral. Outra coisa, se for tentar emagrecer, não conte pra ninguém que está tentando pois daí vem a pressão e vai te deixar mais ansiosa ainda. Faça do seu projeto só seu, aos poucos, no seu tempo, obviamente se isso for seu objetivo! A principal questão é: VOCÊ SE GOSTA? A saúde tá ok? Se sim, toca o foda-se pra todo mundo. Responda a altura quando alguém vier te criticar, dá resposta atravessada mesmo porque aí param! Mas se você se olha no espelho e tem algo que não curte, mude, não é errado tentar mudar o que não te agrada! A gente tem que aceitar nosso corpo sim, mas desde que a gente GOSTE dele, desde que nos sintamos bem na própria pele! Mas faça sempre por VOCÊ ok? Agrade a si mesma e a ninguém mais.

 

 

  • Choras abertos! Mande seu desabafo, sua dúvida, sua angústia, seu problema para constanza@futilish.com e no assunto coloque CHORA QUE EU TE ESCUTO. Se tiver que puxar orelha eu puxo, se tiver que fazer carinho, eu faço. 
Moda
Como Usar, Fashion News
19 fev 2019, 20 comentários

Vestido E Calça

Já tem um tempinho que estou pra falar desta tendência que a princípio achei estranha, depois interessante, depois estilosa e agora tô amando hahahah. Como falei, o olhar acostuma!

Não se trata de uma super novidade, inclusive acho que já usei algo assim na minha adolescência mas não com calça e sim com short. Lembro que tinha um vestido longo branco, com botões na frente e eu usava ele aberto até a cintura com um shortinho jeans por baixo. Até me lembro que fui num show o Hanoi Hanoi assim e meu pai foi me buscar quando tinha acabado de tocar a primeira música hahahahaha. Ele não deixava eu ficar muito tempo na rua… enfim, lembranças a parte, o vestido sobre a calça está de volta e agora de váaaarias maneiras diferentes. Confesso que tenho minhas preferidas então vamos lá!

Gente, AMO os looks dessa moça! O insta dela é @stylepantry e o Pinterest é cheio de fotos dela! Enfim, a primeira maneira de usar vestido sobre a calça é justamente da maneira que usei anos atrás: longos, abertos da cintura para baixo. Como já é uma peça volumosa, é mais interessante usar com calças justas.

Viram? A Folake (a moça das fotos) sempre usa com skinny e para alongar bem, com salto alto.

Com cenas fica super estiloso e despojado. Não se preocupem com o comprimento do vestido, vocês vão ver no decorrer do posts que pode ser vestido curto ou bem comprido.

Quanto mais comprido for o vestido, mais aberto ele deve estar para mostrar a calça por baixo. E reparem; nada de calça estampada. Ou jeans ou de cor lisa.

É uma roupa com movimento, interessante, curiosa. Pode testar com qualquer vestido que tenha em casa! Os que tem fendas ou abotoamento são os melhores.

Até mesmo com vestidos mais elaborados dá para montar uma produção legal. 

O negócio é testar! Existem algumas blusas alongadas já prontas para esse uso e fica bem bacana também, só que aí é uma peça que só dá para usar com calça ou short por baixo, por isso sou a favor de usar com vestido, é mais versátil.

Com chemises fica lindo…

Com vestidos de moletom fica SHOW! 

Com chemise preta fica muito chique.

E com longas chemises brancas também.

E os que na minha opinião são os mais lindos… Vestidos listrados, de abotoamento frontal. MEO DEOS QUERO COPIAR ESSE LOOK DA CALÇA DOURADA! A calça já tenho, falta o camisão.

  • Tendência fácil e estilosa, pra aqueles dias que a gente quer atrair olhares curiosos e não se importar com opiniões de “mãe” (chamo opinião de mãe aquela que sempre acha tudo estranho kkkk). LEMBRANDO QUE: o ideal é que o vestido tenha fenda ou abotoamento para mostrar a calça ou então que seja mais curto e sequinho, sem demarcação na cintura ok?
  • Que tal? Usariam?
Moda
Estilo Magya
18 fev 2019, 16 comentários

Moda Masculina – Colete Esportivo

Não sei muito de moda masculina. Sei que é bem mais simples que a nossa e que não sofre grandes alterações nas temporadas. Os homens são mais atemporais, mas também tem bem menos opções do que a gente.

Gosto de algumas coisas, abomino outras (regatas por exemplo) e uso apenas do meu senso estético para dar alguns pitacos nas roupas do Leo. Ok, devo confessar que o estilo dele melhorou bastante e ele mesmo está aprendendo a comprar melhor. O olho vai treinando, sabe como é? E a gente acaba treinando também, testando, provando, vendo o que dá certo e o que não dá.

Uma peça que acho super bacana e que fica bem na maioria dos homens é o colete esportivo. Aquele de nylon, tipo matelassê, meio fofinho. Pode ser bem grosso pro inverno, mas pode ser mais fino também e ser usado no verão, com camisetas, apenas para compor o look. A terceira peça também é válida no universo masculino!

É fácil de achar na Zara. Geralmente tem bom preço e são bonitos. Melhor cores neutras como preto, azul marinho, marrom. E pelo nosso clima, os mais finos tem mais utilidade.

Vejamos algumas inspirações?

Colete azul marinho e calça cinza fica lindo!

AMO essa combinação! Camiseta branca, camisa jeans e colete!

O foco é o colete mas olha como fica lindo com jeans e mocassim camel?

No verão dá para usar com camiseta de manga curta! Fica estiloso.

E no inverno pode ser o colete mais grosso com tricô por baixo.

Dicas!

  • Esse colete aumenta o volume do corpo, então, fica melhor em magrinhos.
  • Se for para um homem mais cheio, melhor usar cores escuras e os mais finos.
  • Dica de styling: aberto fica mais bonito, além de alongar a silhueta.

E aí? Gostam desse tipo de post com dicas para deixar os boys estilosos?