ComportamentoEditorial
Chora Que Eu Te Escuto
12 set 2018, 77 comentários

Chora Que Eu Te Escuto!

Essa tag ainda vai virar um livro… me escutem…

Chora 01 – Cecília

“Querida Cony,

Tentando resumir: eu sempre tive namoros longos e intensos. Meu primeiro namoro durou 10 anos, sendo que 4 anos moramos juntos. Quando terminamos, demorou 6 meses e muita terapia para dar o ponto final. Mas consegui terminar e foi a melhor decisão que tomei. Passei 6 meses solteira, aproveitando tudo e todos. Dai engatei num outro relacionamento bem furado, que durou quase 2 anos. Ele era otimo mas sem perspectiva nenhuma, com filho etc. Por força do destino, ele terminou comigo. (eu mudei de pais) E fiquei bem mal, pois ainda gostava dele. A carência me pegou e por conta de todas as mudanças da minha vida, comecei a namorar um mês e meio depois que cheguei no lugar novo.Um parenteses: Ja tive meu caso com o gringo publicado aqui no chora.  Infelizmente ele terminou comigo tem 6 semanas, e eu estou tentando trabalhar em mim para melhorar. So que não esta sendo nada facil. Além do coração partido, estou me sentindo pressionada, solitaria e esta duro trabalhar na auto estima.

Elaborando melhor: eu tenho 32 anos, quase 33 e eu sou uma pessoa que sonha em achar o grande amor, casar, ter filhos…o pacote completo. Sinto que estou ficando velha para isso e esta cada vez mais dificil encontrar alguém com quem possa formar uma familia. Eu realmente achava que meu ultimo namoro iria dar certo. Que ele era o cara da minha vida. Enfim, nao foi o que aconteceu . Para conhecer pessoas novas, estou usando aplicativos de relacionamento pois aqui é muito dificil paquerar numa balada ou bares. Ja sai com algumas pessoas, mas ainda com a cabeça no meu ex. Eu sei que faz pouco tempo e blablabla, mas não quero ficar perdendo meu tempo chorando por uma pessoa que terminou comigo por mensagem de texto.

Sei que o tempo é o melhor aliado e que apesar de clichê, é verdade. Mas ja sinto na pele o peso da idade, muito preconceito por eu ja ter 32, os caras mais velhos, procuram mulheres bem mais jovens, mesmo eu sendo mais jovem que muitos deles. É dificil também encontrar um cara normal, sempre tem algum problema (filhos, problemas com compromissos, homens recém separados que so estão querendo pegar geral, os losers com empregos de subsistencia, sem nenhum objetivo na vida… a lista é infinita). E isso tem acabado com minha auto estima.  Cada vez que saio com um loser desses, tenho vontade de sair correndo e me sinto como se não fosse uma pessoa que merecesse ser amada. Tento atribuir esses encontros furados a minha falta de sorte. São varios questionamentos na minha cabeça. Gostaria de ajuda com conselhos de como viver bem sozinha? Como parar de me pressionar por conta da idade? Como superar um coração partido e recuperar a auto estima? Espero daqui alguns meses postar um sorria e seguir todos os conselhos maravilhosos que recebemos aqui!”

Enquanto você procurar, você NÃO VAI ACHAR! Deixa a vida rolar, para de pensar em arrumar homem, se preocupe com você, em estar linda, feliz, realizada com VOCÊ. E que neura é essa de idade… você mesma está se excluindo de ser “escolhida” quando seria VOCÊ que tem que escolher e isso independe de idade. Não procure um perfil perfeito, isso não existe. E sentir o peso da idade, aos TRINTA E DOIS ANOS, é muito vitimismo e desistência para uma pessoa. Se você acha que os caras que procuram mulheres mais novas são bacanas, já tá “escolhendo” errado. Os que se deixam levar pela idade ou aparência física são os mais furados da vida. Mude o foco, acabe com os preconceitos. Tá parecendo aquele povo que para na frente de loja chique mas não entra porque “ai tô mal vestida, sou pobre, tenho vergonha”. Enquanto você não se valorizar, ninguém vai te valorizar.

Chora 02 – Tati

“Oi, Cony! Ok, agora vai. Já rascunhei outro chora antes, mas acabei não enviando. Estava em um relacionamento abusivo, mas consegui me livrar! Acordei pra vida e terminei tudo uma semana antes do casamento! rsrs O Assunto agora é outro. Agora em julho fui viajar pela primeira vez na vida, teria sido a viagem de lua de mel, já havia pagado por tudo mesmo, fui sozinha para Buenos Aires. Melhor coisa que fiz na vida! Me diverti muito, bati perna, conheci muita gente, bebi tequila pela primeira vez e amei, beijei um gatinho por lá! Enfim, depois de um tempo sofrendo naquele relacionamento ruim, lembrei de quem eu era e voltei a viver. De volta à minha cidade, um ex entrou em contato (não o do relacionamento abusivo, outro)… Terminamos pois ele ia para outro estado fazer mestrado e não queríamos um relacionamento à distância. O mestrado dele está no fim e no fim do ano ele volta e gostaria de “nos dar mais uma chance”. Eu gostava muito dele, se não fosse essa mudança dele talvez ainda estivéssemos juntos e eu nem teria conhecido o boy lixo… Só que eu conheci outras pessoas nessa viagem, tem um cara muito legal que está me convidando para ir à cidade dele passar o fim de ano e eu estou super a fim! Mas esse tal ex parece querer voltar e retomar o relacionamento de onde parou, sabe? Só que, peraê né? Muita coisa aconteceu, estou voltando a “viver” agora, não sei se tô a fim de me comprometer e nem sei se quero realmente voltar com ele. Eu gosto dele, mesmo. Mas o mundo é tão grande, tem tantas coisas que quero fazer. E uma vez ele me deixou para ir embora, agora eu vou me prender a ele e ficar aqui? Acham que eu estou desperdiçando uma chance com ele? Que só estou perdida com a liberdade depois de um relacionamento abusivo? Eu sinto que estou perdida…”

Fia, você não gosta dele. Se gostasse, não teria colocado tantos obstáculos. Vai viver, vai ver o mundo… Já teve uma pequena amostra disso e achou a melhor coisa da vida.  Depois, quando estiver satisfeita de ter vivido coisas novas, e se AINDA quiser o boy, procure-o. Se for pra ser, ele estará te esperando ainda. Pense em você… nada te prende a ninguém neste momento, se aproveite e se transborde de novidades.

 

 

Chora 03 – Cora

“Oi Cony, tudo bem? Espero que sim. Minha mãe acompanha seu blog e sempre diz pra eu escrever minha história pro Chora Que Eu Te Escuto, e hoje li muitos “choras” e amei seus conselhos..espero que você possa me ajudar.
Bom, em 2013 conheci uma parte da família do meu pai que eu nem sabia da existência. Muitos tios e primos distantes, e dentre os primos um que eu achei muito gatinho(na época eu tinha 15 anos, então achei ele gatinho e só). Em 2015 eu voltei a vê-lo. Logo que ele me viu, ficou me olhando de um jeito diferente. Passamos um final de semana inteiro juntos, com o resto da família, mas conversamos bastante, nos divertimos, dançamos. Eu vi que ele é um cara super atencioso, carinhoso, fiquei admirada com o carinho dele com a mãe (minha tia/prima).
Quando voltei pra casa, fiquei pensando nos olhares dele pra mim, senti saudade dele e acabamos trocando mensagens como primos.
Só voltamos a nos ver em maio de 2016, que foi meu aniversário de 18 anos. E nessa pausa entre 2015 e 2016 começaram a surgir sentimentos inexplicáveis por ele. Nós nos falamos pouco hoje em dia. Mas toda vez que ele curte algo meu ou vem falar comigo, meu coração dispara. Tenho muitos textos e poesias escritos pra ele, mas nunca enviados. Sinto muita saudade dele, vontade de conhecer ele por inteiro, e o sentimento doido e inexplicável ainda está em mim, mas tenho medo de falar por ele ser meu primo. Só que não aguento mais ficar com isso preso aqui dentro. Pode me ajudar?
P.s: ele está namorando no momento 🙁
P.s2: pode me responder por aqui, se achar melhor..tentei resumir, mas ficou um pouco confuso. A história tem muito mais coisas, por isso enviei um anexo com uma das poesias que escrevi ano passado. Beijos”

Ele está namorando no momento. Respeita as mina.

  • Se as pessoas (homens e mulheres) respeitassem os relacionamentos alheios, não teria tanto Chora na vida. Insistir em alguém que está se relacionando com outra pessoa, é um desrespeito sem tamanho. Um dia, você será essa pessoa desrespeitada. Vai gostar? Não né. Portanto não faça com os outros o que não gostaria que fizessem com você. 
  • Choras ABERTOOOOOS! Mandem seus casos, suas angústias, suas dúvidas para constanza@futilish.com e no assunto coloque CHORA QUE EU TE ESCUTO. Vamos responder com todo carinho AND sinceridade necessária. 
Escreva seu Comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui
77 comentários em “Chora Que Eu Te Escuto!”
  1. Paola12/09/18 • 11h30

    Chora 03: paixão platônica típico de adolescente! Parte pra outra…

    • Constanza12/09/18 • 11h35

      Total.

    • Michele12/09/18 • 13h03

      Pensei isso enquanto estava lendo, achei que fosse uma adolescente até xD

      • Cristina12/09/18 • 16h44

        Gente, ela é uma adolescente! Pelo amor, 18 anos tem muita sonho e idealização, maioridade só no Código Civil mesmo!

        • Constanza12/09/18 • 17h10

          Pelas minhas contas tem 20 anos. Bem grandinha já.

          • Cora12/09/18 • 19h47

            Sim, tenho 20 anos. E ainda me acho imatura para o amor. Felizmente percebi que era uma coisa platônica. E como falei no outro comentário que deixei aqui, nunca fiz e nunca faria nada para desrespeitar. Escrevi para desabafar e deixar o “sentimento ir embora”.

          • Tata12/09/18 • 21h39

            Gente, eu com 20 já sabia muito bem que não deveria ficar com homem com namorada.

          • Cora13/09/18 • 00h06

            Meninas, em nenhum momento mencionei algo de ficar com homem com namorada. Até pq, se fosse pra isso eu não viria pedir ajuda pra Cony. Vim na expectativa de um help de como sair dessa, por eu estar há anos com esse sentimento. Mas enfim, escrevi o chora em julho, já tô até em outra. A vida segue e o amadurecimento vem.

  2. Re12/09/18 • 11h30

    O meu comentário é para TODOS OS 03 CHORAS.

    MENINAS, VAMOS PARAR DE CORRER ATRÁS DE MACHO!

    SIMPLES ASSIM!
    ACEITA QUE DÓI MENOS!

    Gente. vejo mulheres desesperadas para serem amadas, se apaixonam pelo primeiro que aparece…QUE QUE TA ACONTECENDO?

    Tá, tá, eu também já fui assim!

    Sabem o que me ajudou a sair do buraco?
    1. PSICÓLOGA (PARA A SAÚDE MENTAL)
    2. ACADEMIA (PARA A SAÚDE FÍSICA)
    3. FAZER PÓS GRADUAÇÃO (PARA A SAÚDE INTELECTUAL).

    VAMOS PARAR DE CORRER ATRÁS DE MACHO POR FAVOR!
    ELES QUE TEM QUE CORRER ATRÁS DA GENTE!
    SOMOS LINDAS, CARINHOSAS, AMOROSAS, EDUCADAS…
    PORQUE ESTAMOS CORRENDO ATRÁS DE UM MACHO PORCARIA MESMO?
    HEIN?
    HEIN?
    HEIN?

    Vamos cuidar de nós! Da nossa saúde! Da nossa vida! Da nossa auto-estima!

    • Cecília12/09/18 • 12h08

      Re,

      Concordo demais. E acrescento: nossa vida não se resume a um relacionamento(macho). Não teremos felicidade apenas se estivermos acompanhadas. Gente, isso é mentira. Quantos choras vemos por causa de pessoas infelizes em relacionamentos.

      E Cecília, xará, vc tem APENAS 32 anos. Aproveite este período aí fora do país (sonho) e viva tudo o que tiver que viver aí. Saia pra baladas, viaje, explore todos os passeios, faça uma atividade física, faça amigos (esses sim são essenciais). Vá sozinha mesmo(meu sonho tbm). Viva de forma leve. Esqueça esse peso de relacionamento perfeito que colocam em nossos ombros.
      Ah e leia aquele livro chamado A parte que falta. Vai te ajudar.

    • Maria12/09/18 • 13h44

      Concordo demais!!

    • Alice12/09/18 • 23h26

      Preach!

    • Aline15/09/18 • 12h46

      Aplaudindo seu comentário, Re!!!
      Também já fui assim e procurei as mesmas coisas que você para entender de uma vez por todas que a vida não gira em torno de homem e que ser/estar solteira NÃO É UM PROBLEMA!! Quase todo chora tem alguma mulher que está infeliz num relacionamento, mas que pelo q narra parece preferir ser namorada/esposa de alguém do que ter paz e uma vida equilibrada.
      Aliás, ninguém tem q correr atrás de ninguém! Tem muito cara bom partido, solteiro e bem resolvido que não acha q o sentido da vida é estar num relacionamento. E que só abrem mão da vida que tem se encontram uma mulher na mesma sintonia de equilíbrio e amor próprio.

  3. Nayara12/09/18 • 11h31

    Cecília, a primeira impressão que tive do seu Chora é que você é muito chata. Olha, ao mesmo tempo que temos que ficar com alguém que nos faça feliz e tenha as qualidades que consideramos essenciais, temos que ser pés no chão e saber que ninguém é perfeito. Voce tem 32 anos, obviamente qualquer pessoa que voce conheça já virá com bagagem (filhos, ex, emprego frustrado, empresa falida, familia complicada)… Todos temos bagagens…. Ao que parece, ao mesmo tempo que vc se coloca como vítima, vc espera por um principe encantado… Isso nao vai rolar…. Me lembrou o Chandler de friends que nao conseguia ser feliz com ninguem pq enxergava defeitos em todo mundo……

    • Constanza12/09/18 • 11h34

      Hahahahaha verdade! Lembro que ele deixou de ficar c uma mulher pq ela tinha um dedinho esquisito rs

    • Sandra12/09/18 • 12h05

      Concordo com seu comentário.
      Quando o conheci tive vários medos, mas esfriei a cabeça, abri o coração e me sinto extremamente privilegiada.
      Vida perfeita NÃO EXISTE.
      Meu esposo tem um filho, tem bagagem emocional. Tem histórias com a carreira.
      Mas sinceramente, é o melhor tipo de homem que uma mulher poderia querer.
      E principalmente. TUDO que eu considero essencial mesmo, ele tem.
      Parar de procurar + abrir o coração para a vida é a ÚNICA receita.
      E jamais ficar noiada com tempo, com idade.

    • Érika12/09/18 • 14h53

      Eu tive a mesmíssima impressão dessa Cecília, credo, me desculpe, mas você deve ser insuportável. Chama as pessoas de “loser”?????????? Quem é você para ACHAR que alguém é um perdedor na vida?????? Olhe para si mesma e pense se gostaria de namorar com alguém como você.

      • Debora12/09/18 • 22h44

        Concordo… quando li o “losers” fiquei ‘oi???’ Ok a pessoa não querer alguém que tenha um emprego “inferior” ao dela, que tenha um cultura diferente, etc… mas chamá-los de loser é ridículo. O problema desse país é a desigualdade social a ponto de nos acharmos melhores que os outros só vendo a renda ou o emprego da pessoa. Quantas pessoas vivem felizes em seus barracos e quantas choram nas mansões? Felicidade não tá no dinheiro e nem no status, tá em respeitar o próximo para que tenha suas escolhas respeitadas tbm.

    • Alice12/09/18 • 23h25

      Pensei o mesmo!Mulher desesperada afasta homem mesmo.

  4. Carolina12/09/18 • 11h37

    1) Não existe príncipe encantado. Cai na real. Obrigada. De nada. (tu tá se escondendo atrás dos homens. Que tal olhar pra si mesma?)
    2) Pega geral. Viaja. Pega um carinha em cada cidade. Um em cada festa. Salta de pára-quedas. Faça coisas livremente. Etc ( um dia vc vai estar casada e vai sentir saudade gostosa dessa época)
    3) o melhor amor é o platônico. O melhor relacionamento é o platônico. Fikadika (procure por pessoas reais fora da sua redoma)

  5. Re12/09/18 • 11h38

    O meu comentário é para TODOS OS 03 CHORAS.

    MENINAS, VAMOS PARAR DE CORRER ATRÁS DE MACHO!
    CHEGA DE CORRER ATRÁS DE MACHO!
    SIMPLES ASSIM!
    ACEITA QUE DÓI MENOS!

    Gente. vejo mulheres desesperadas para serem amadas, se apaixonam pelo primeiro que aparece…QUE QUE TA ACONTECENDO?

    Tá, tá, eu também já fui assim!

    Sabem o que me ajudou a sair do buraco?
    1. PSICÓLOGA (PARA A SAÚDE MENTAL)
    2. ACADEMIA (PARA A SAÚDE FÍSICA)
    3. FAZER PÓS GRADUAÇÃO (PARA A SAÚDE INTELECTUAL).

    VAMOS PARAR DE CORRER ATRÁS DE MACHO POR FAVOR!
    ELES QUE TEM QUE CORRER ATRÁS DA GENTE!
    SOMOS LINDAS, CARINHOSAS, AMOROSAS, EDUCADAS…
    PORQUE ESTAMOS CORRENDO ATRÁS DE UM MACHO PORCARIA MESMO?
    HEIN?
    HEIN?
    HEIN?

    Vamos cuidar de nós! Da nossa vida! Da nossa auto-estima!

    DICAS PRÁTICAS PARA VOCÊ SE AMAR MAIS:

    1. Em primeiro lugar, faça terapia. É caro, mas vale cada centavo. Somente na terapia vemos como somos ridículas por ficar correndo atrás de macho escroto que não estão nem ai pra gente. SIMPLES ASSIM!
    2. Faça academia. Cuide do seu corpo, cuide da saúde! Vejo mulheres ficando diabéticas de tanto correr atrás de macho! Ficam o tempo todo correndo atrás de homem e só comem porcaria e bebendo cerveja! QUE ISSO?
    3. Vá estudar. Faça um curso de inglês, espanhol, dança, cerâmica, pintura, o que se for! Tira a cabeça de macho, tira o foco! Leia livros, filmes, vá em shows ouvir música, ABRA A SUA MENTE MINHA FILHA. A VIDA NÃO É SÓ MACHO NÃO! VOCÊ TEM FAMÍLIA TAMBÉM!
    4. FAÇA AMIGOS. Amizade tá valendo mais a pena do que relacionamento. claro que quero namorar de novo, mas não vou namorar qualquer um que vai me humilhar, me fazer sofrer! Amigos nos tratam com carinho e amor e é disso que você precisa!
    5. Vá viajar! Foi isso o que eu fiz e olha que nem tenho muito dinheiro. Se você não tiver dinheiro, vá para cidades próximas a sua, vá em uma cachoeira, mar, rio, fazenda, que seja! Você verá como o mundo é grande demais para você ficar só pensando em homem. CHEGA DE SER HUMILHADA!

    Bom, eu fiz tudo isso por 1 ano e HOJE ESTOU RECUPERADA.
    CLARO QUE QUERO UM NOVO AMOR.
    MAS UM AMOR QUE ME RESPEITA, QUE NÃO ME HUMILHA, QUE ME ELOGIA, QUE ME AME!

    CHEGA DE SE APAIXONAR POR LIXO MENINAS!

    NUNCA UMA FRASE FEZ TANTO SENTIDO PARA MIM: ANTES DÓ DO QUE MAL ACOMPANHADA E SOFRENDO, CHORANDO, EM DEPRESSÃO E COMENDO SORVETE CHORANDO!

    BASTA!

    Um beijoooooooooooooooooooo

    • Andrea12/09/18 • 12h21

      Perfeito seu comentário!! Cuidar da nossa autoestima é o melhor caminho, sempre!!

  6. Psicóloga de boteco12/09/18 • 11h42

    Chora 1
    Nega, Meghan Markle virou princesa da Inglaterra com 36 anos. Precisa dizer mais? Faz tudo que a Cony disse que estará no bom caminho. Não se preocupe tanto em arranjar namorado, só cuide da sua vida e fique aberta. O tempo é cruel sim, o padrão de beleza reinante massacra, o mercado fica mais difícil com o passar do tempo, pode ser que você não tenha mesmo tempo para ter um filho biológico mas e daí? Nada disso é impeditivo para perseguir a felicidade.
    Chora 2
    Também acho que se vc gostasse taaaanto do mestrando não ia ficar pensando em viver aventura com boy novo em cidades diferentes. Também acho, por experiência própria, que mestrado em cidade diferente não é motivo para terminar relacionamento firme, afinal um mestrado dura só 2 anos em média. Estou há 16 anos com meu marido e enfrentamos um mestrado distante com viagem todo fim de semana no início do namoro e deu tudo certo. Gastamos tudo o que tínhamos e valeu super a pena. Beijos.
    Chora 3
    Que amor, você está apaixonadinha. Porém ele namora, pelo que entendi ele não está dando bola, então espere ele terminar – se terminar – para tentar alguma coisa. Não precisa ciscar no namorado das outras, pois tem muito homem no mundo, ainda mais pra quem é tão nova! Tem muito boy disponível. Você tem só 20 anos e vai descobrir tanta coisa nesse mundo! Por exemplo: paixão não alimentada acaba. Não se prenda a esse moço, procure outras possibilidades. Você é muito nova!!!!

  7. Andrea12/09/18 • 11h49

    Chora 1: muito dramático realmente seu chora, quantas justificativas para não encarar a vida! quem está obstruindo sua felicidade é vc mesma, criando milhares de coisas onde não existem, sonhando com príncipe no cavalo branco! aproveite a oportunidade de viver em outro país pra fazer cursos de culinária, se aprofundar no idioma participando de grupos de bate papo, indo ao teatro, sei lá, mas para de pensar só em arrumar alguém para casar, grande amor e homem perfeito só existem em filmes de romance e vc já está bem vivida pra continuar acreditando nessas histórias!! a vida não é só isso, tem um mundão aí do outro lado da janela te esperando, vc SÓ TEM 32 ANOS!! e casamento não é garantia de nada nessa vida: nem de felicidade, status social, companheirismo, segurança, construção de família, etc, etc!! a única garantia de felicidade nessa vida é vc mesma!! viva, viva e viva, somente isso!! boa sorte!!

  8. Izabela Grambela Ribeiro12/09/18 • 12h10

    “Ele está namorando no momento. Respeita as mina.”

    Onde que vai pra por isso em outdoor espalhado pela cidade?!?!?! É o mínimo que podemos fazer! Respeitarmos umas as outras!

    Chora 1 – Além do conselho da Cony, de dar um tempo (32 não eh 52) eu achei que vc ta muito exigente, no sentido de: Não existe homem perfeito. Cara lindo, amigo, com emprego ideal, da sua idade, disposto a relacionamento, com família 100% e por aí vai. O que é importante eh vc saber: Qual pacote completo que vc gostaria? Ok, agora.. desse pacote ou que que vc topa abrir mão e o que é característica primordial que sem essa não dá ? A partir daí, c vc conhecer alguém que não for perfeito, vc saberá o que está disposta a abrir mão e o que não dá. Só não pode ser tudo! Fora isso, faz igual a amiga do Chora 2 e vai ser feliz.

    Chora 2- Miga, se joga… e outra.. ja parou pra pensar que vc pode estar num relacionamento e isso não vai te impedir EM NADA de curtir o mundo e a vida? Relacionamento não é prisão, sofá e netflix só…pode ser viagem, pode ter balada, pode ter turma…pode ter viagem com a turma sem o boy, balada sem a turma com o boy e ainda assim ser relacionamento. Agora… se vc tá pensando mil vezes, vai ver é pq nao quer tanto assim ficar com o cara!

  9. Carla12/09/18 • 12h13

    “Se as pessoas (homens e mulheres) respeitassem os relacionamentos alheios, não teria tanto Chora na vida. Insistir em alguém que está se relacionando com outra pessoa, é um desrespeito sem tamanho. Um dia, você será essa pessoa desrespeitada. Vai gostar? Não né. Portanto não faça com os outros o que não gostaria que fizessem com você.”

    Cony, diva!
    Sem mais.

  10. Daiane Coutinho12/09/18 • 12h38

    Cora,

    A Cony disse tudo! Respeita as mina e só.

  11. Dani12/09/18 • 12h57

    Cony, amei seu último comentário kkkk! Pensei a mesma coisa! Se o chora tivesse começado com “ele tem namorada” ia ficar muito mais fácil!
    Sobre o chora1… Vc tá nova ainda, mulher! Para de sofrer e vai viver!!

  12. Letícia12/09/18 • 12h59

    Chora 1: Pare de culpar-se e preocupar-se com a idade. Ame-se mais e pense mais em vc. Pare de emendar um relacionamento em outro…

    Chora 2: Só o tempo dirá… Deixa as águas rolarem devagar, talvez os dois tenham mudado para melhor e agora o relacionamento funcione. Antes disso, permita-se viver!!!
    Conselho: não vá passar o fim de ano com o carinha que vc conheceu! Me parece meio furada…

    Chora 3: Estava tudo indo bem, ia perguntar o grau de parentesco desse primo, se era muito próximo ou não, até que li o PS. O cara é comprometido!!! Desencana!! Esquece seu amor platônico por alguém que está em outro relacionamento. Vc gostaria que fizessem isso com vc?

  13. Luanai12/09/18 • 13h10

    Essa Cecília é muito preconceituosa, isso sim!! “Loser com emprego de subsistência”… Tem muita gente dando duro por aí que não tem nada de loser! Respeita as pessoas!

    • DOM12/09/18 • 17h05

      Pensei a mesma coisa! Todo homem para ela é loser. Tem que avisar que príncipe só existe nos filmes da Disney hahaha.

    • Izabela13/09/18 • 13h17

      E ela ainda se esqueceu que loser com emprego de subsistência pode subir e melhorar de vida e o bem sucedido pode perder tudo e ficar pobre neh? Não dá pra achar que tudo se mantém igual pelo resto da vida!!

    • Poliana13/09/18 • 18h54

      Totaaalmente!! a pessoa é um porreee, desrespeitosa e preconceituosa.

    • Caroline14/09/18 • 17h04

      Concordo. Além de respeita as mina, tem que constar aí os “respeita as pessoas”. Afinal a pessoa LOOSER a quem ela se referiu, trabalha, não rouba, não faz nada de errado, ainda que seu salário infelizmente seja para subsistência. Ela ñ é obrigada a namorar ninguém, mas a respeitar, ao meu ver, é sim.

    • giovana18/09/18 • 14h24

      Também acho, me deu a impressão de ser uma pessoa com o ego lá em cima e que não respeita a história dos outros, ”loser” é que se acha superior..

  14. Laís12/09/18 • 13h31

    Chora 1: amiga, do jeito que vc falou parece que tem uns 90 anos! Eu tenho 30 e tb fico preocupada em não achar alguém, mas é como a Cony falou: ficar se preocupando e procurando não vai adiantar muito. Mentaliza que um dia você vai encontrar e vai buscar sonhos que não dependam de outras pessoas. No meu caso, eu tb sempre peço para Deus para que a pessoa certa apareça. Ele sabe o que é melhor para nós. Bjao

  15. Mel12/09/18 • 13h54

    Chora 1: Vamos parar de drama? Vamos parar de ser preconceituosa? Vamos parar de ser chata? Você fala como se as pessoas tivessem que ser perfeitas, com o emprego dos sonhos e problema nenhum. Tá na hora de parar de fantasiar um mundo perfeito. E você fala como se tivesse 92 anos… eu hein.

    Chora 2: Pra começo de conversa, se você gostasse dele namorar a distância não teria sido um problema. E voltar agora pra que?

    Chora 3: Se ele tem namorada já seria motivo suficiente pra você parar de ficar fantasiando, e motivo suficiente pra não escrever esse chora. Ponto final. E ele não te dá bola filha… Hora de cair na real.

    • Ca13/09/18 • 09h36

      hahaha… Adorei o seu pragmatismo! Super concordo!

  16. Renata12/09/18 • 14h09

    Gente, só eu fiquei incomodada quando a Cecília falou que filhos são defeitos e que se recusa a sair com “losers com empregos de subsistência”? Pelo amor de Deus, né? Uma pessoa assim não tem condições de se relacionar com ninguém! Cecília, amiga, conselho pra você: antes de procurar por alguém, tente evoluir, melhorar como pessoa. Na boa, sem querer ofender. Vá viajar, conhecer gente, fazer trabalho voluntário…
    Qualquer atividade que te ajude a ampliar seus horizontes e a deixar de lado todos esses preconceitos será muito bem-vinda! 🙂

    • Sandra13/09/18 • 10h07

      Pensei o mesmo. O que seria uma pessoa loser? o que ela está procurando exatamente? nossa!

    • Wanessa13/09/18 • 17h10

      Penso a mesma coisa, Renata! Sempre vejo aqui mulheres que acham que um homem já ser pai é defeito. Eu acho que o problema pode ser o tipo de relação que ele tem com os filhos ou com a ex, mas não os filhos em si. E, se ele tem filhos, vai ser até mais fácil de perceber problemas reais que podem atrapalhar de verdade uma relação. Semana passada mesmo, uma menina contou aqui uma história assustadora, de um pai que topou abandonar a filha para a avó criar, e isso quando ele ainda era casado. Para mim, isso seria um problema bem evidente, nem começaria a relação com uma pessoa que teve esse comportamento com a própria filha. Eu já estou longe dos 20 anos e espero sinceramente que um homem da minha faixa etária tenha um passado (do contrário, dá até medo… rsrsrs), e acredito que essas experiências farão bem à nossa relação.

  17. Sabrina12/09/18 • 14h21

    Chora 1: Além de tudo que já foi falado, se curtir, não procurar o cara perfeito, se amar etc etc, com relação ao lance de ter filhos, meu conselho é: vá à sua ginecologista, faça os exames necessários e veja suas opções. Hoje em dia está mais acessível fazer congelamento de óvulos, caso vc queira ter filhos “próprios” futuramente. De repente isso te tira um pouco da pressão da idade. Acho na verdade que é a única coisa com a qual vc deveria efetivamente se preocupar (pq realmente temos aí uma questão biológica), mas o resto é resto, 32 anos é nova demais pra tanta preocupação assim.

    Ah, outra coisa que a Cony já falou muito por aqui, a energia q vc manda pro universo volta na mesma medida… Pense nisso! Fique bem!

    Beijos!

  18. Vanessa12/09/18 • 14h49

    Gatona, eu também já passei por isso. E, enquanto eu tava procurando, só achei porqueira. Quando desencanei, cuidei de mim, parei de me preocupar, aprendi a ser feliz comigo mesma…eis que apareceu um abençoado. Você está jovem. E é bem melhor achar um homem que presta ao 40 que se encravar num lixo aos 20! Tenha certeza!

    • Taina14/09/18 • 14h30

      Adorei seu comentario, exatamente assim! Quando eu estava buscando só achava pessoas incompativeis comigo, quando parei de procurar e comecei a fazer trabalho voluntario e ser feliz sozinha é que apareceu uma pessoa maravilhosa no meu caminho!

  19. Jojo12/09/18 • 14h53

    Chora 1 – Ok, você até pode ter azar em sair justamente com uns caras meio nada a ver…. mas pelo seu relato, acho que talvez vc esteja escolhendo mal, ou pior, não está escolhendo determinada pessoa porque sente algum afeto, mas sim procurando vantagens… Você foi morar fora recentemente, não sei se foi para estudar, trabalhar… Está triste por estar sozinha e reclama que tem saído com caras que não satisfazem seus requisitos… E as suas qualidades, estão ajudando a atrair o tipo de cara que você procura? você está a altura deles? Poderia melhorar? Se concentra nisso, em melhorar você, como pessoa… Diz que seu ex namorado gringo parecia ser o homem da sua vida… será? Será que você não está romantizando um casamento com um gringo? Afinal, conheceu ele quando ainda estava sofrendo, apaixonada e distante do ex no Brasil, rapidamente engataram um namoro… Será que era mesmo para dar certo, ou foi um pouco “forçando a barra”? O seu tempo não tá acabando não, ainda tem uns 10 anos pra conhecer um bom homem e poder ter filhos. E se você acha que os bofes estão de olho nas mais novas, vai cuidar de você, amiga. Você é nova pra se achar velha. Vá pra uma academia, aplique um botox, pinte o cabelo! Tem muita mulher de 40 que dá um show nas meninas de 25!
    Para pensar….. Não acho que você seja velha e que necessite dessa pressa toda, mas a escolha de ter mudado de país, considerando que você demonstra interesse em construir família, pode te atrasar um pouco nesse objetivo. Morando longe da família (que seria um apoio caso você fosse ser mãe) e se relacionando com pessoas que são diferentes de nós (é, os gringos são beeeem diferentes dos nossos brasileiros), será que não vai atrasar ainda mais o seu plano? Certamente necessitará de mais tempo, e nesse início provavelmente seja mais difícil, então calma! Não fique se colocando pra baixo, e tenha pensamentos positivos. Larga esses aplicativos, e investe em algo que te traga novos amigos. Esses amigos, sim, podem te inserir entre pessoas interessantes.

  20. Jojo12/09/18 • 15h00

    Chora 2: esse seu amigo, de outra cidade, que te convidou pro final de ano…. pensa bem se vai ser legal mesmo. Porque pelo visto vocês não se conhecem muito bem, falta um tempão até lá – ele não quer te ver antes, não?
    E pelo jeito que você escreveu, acho que você não ama mais o ex… E com razão, afinal não precisavam ter terminado pra ele ir fazer mestrado, que é curto… pelo visto, esse te perdeu.
    Chora 3: menina, você está romantizando! Cuidado com isso…. Você gasta seu tempo pensando nesse primo, e alimentando um amor (porque amor a gente alimenta pensando na pessoa). E enquanto isso, ele nem deve pensar em você… Escrevendo poemas pra ele, legal, mas vale a pena ficar se concentrando em um cara, enquanto ele está traçando outra? Sei não… acho que você tá viajando… Poderia se declarar pra ele, mas acho que quando o homem quer, ele toma a iniciativa. Se ele não tomou, parte pra outra!

    • Alice12/09/18 • 23h32

      Concordo plenamente com o conselho para a segunda. mulherada se ilude com “amigos” em viagens, eu ficaria com dois pes atras e me hospedaria em hotel ou hostel.

  21. Raíssa12/09/18 • 15h43

    Cecília,
    Perceba que você mesma já coloca inúmeras barreiras para encontrar o cara ideal. Além disso, está se autossabotando quando se pressiona pela idade e se colocando para baixo. Quanto mais estiver no padrão da vitimização, mais “losers” vai atrair para sua vida. É bem clichê falar essas coisas de autoestima, mas para atrair o que deseja, você precisa SER o que deseja. Quer um cara legal, que te ame e cuide de você? Seja uma pessoa legal que se ama e cuida de você mesma! Quanto mais reclamar que os outros não prestam, nunca vai ter uma autoestima elevada e tampouco vai mudar essa vibração negativa que está. Sei que é difícil se responsabilizar pelas escolhas que faz e reclamar do outro é bem mais fácil. Mas é só praticando o autoconhecimento que você sai desse buraco que você mesma se colocou. Busque ajuda, faça terapia com psicóloga, faça thetahealing, assista vídeos no youtube sobre autoconhecimento (bons canais para seguir: Flávia Melissa, Gisela Valin, Cajuína e Frevo, Desprograme-se), invista seu tempo e sua energia em você!
    Só uma observação: Como você disse, é difícil encontrar um cara normal e a lista é infinita, sabe porquê? Porque caras normais não existem,flor. Cada ser humano tem medos e “problemas”, crenças e “defeitos”. Se o cara não tem nada disso, ele é um andróide. Não julgue, se permita conhecer primeiro.

  22. stefani12/09/18 • 16h04

    Chora 1 – E no dia do aniversário de Caio Fernando Abreu, achei esta frase que combina com seu chora “Quem procura não acha. É preciso estar distraído e não esperando absolutamente nada. Não há nada a ser esperado nem desesperado”

  23. Mari12/09/18 • 16h13

    Chora 1: que chatinha vc, mas, entendo que esta chatice possa ser um pedido por terapia, então, sugiro que faças com afinco ou mude de profissional se já estiveres há tempos com a mesma pessoa e com os mesmos resultados. Outro ponto: não existe idade para namorar e casar. Casei com 32 anos (hoje tenho 37) e não acho que foi tarde, não. Nos conhecemos na internet, um ano e meio antes de casar. Minha tia de 66 anos está master feliz com o cara da idade dela, com quem namora desde o inicio deste ano, conheceu em aplicativos. Minha prima de 42, separa, está para casar novamente com um cara que conheceu há um ano numa festa. E assim vai… por quê se prender em idade? A questão da maternidade vc não precisa casar para resolver, mas, na sua idade, eu ainda esperaria sem correr tanto. CONTUDO, não concordo em não procurar. Acho que temos que buscar tudo o que queremos, inclusive marido, se for o caso. Eu procurei mtoooooo, namorei mtoooooo, tentei mtooooooo e aos quase 31 consegui. Isso que namorei desde os 16… imagina quantos erros até vir o acerto?! Sempre é dia de procurar, MAS, com auto estima, orgulho na medida certa e sem dar pinta de pressa, pois isso põe homem legal para correr. Controle suas conversas e pensamentos e seja leve quando não rolar. O mais importante é não perder mais de meio ano num relacionamento cagada que se vê que não tem o futuro que VC almeja. Procure sim e troque quando não for promissor. Quando vc for deixada, seque as lágrimas e vá em frente. Com 33 ou 43, sempre terá alguém igual como vc, procurando o mesmo que vc. Questão de sorte e BUSCA. Assim como vc, também acho a vida mais linda e legal com amor e amor a gente procura, pq se não procurar, ele nem sempre virá ao acaso, especialmente para mim que nunca tive turma e não gostava de balada. Quem procura acha! Te desejo sorte e objetividade. 02 anos ou mais num namoro é perder tempo. Minha opinião se vc quer casar e engravidar nos próximos tempos. Bjx!

    Chora 2: zzz…

    Chora 3: meus votos que a maturidade ainda lapide seu caráter e lhe traga auto estima para escolher algo menos difícil ou sofrido. Bj!

  24. Cristina12/09/18 • 16h41

    ” Respeita as minas”, maravilhosaaa!

  25. Cora12/09/18 • 16h54

    Oi, meninas. Agradeço pelo comentário sincero de vocês. Nunca fiz e nunca faria nada para desrespeitar o relacionamento dele. Escrevi o chora pra desabafar e “mandar embora” esse sentimento que tinha dentro de mim. Escrevi o chora em julho, desde então me matriculei na auto escola, academia, conheci pessoas novas…tenho focado em outras coisas e consegui enxergar que era uma coisa platônica.

    • Cristina13/09/18 • 11h01

      Achei o comentário da Constanza maravilhoso para tudo na vida, mas não julgo você, como já falei lá em cima é muito novinha. Vi de longe que era amor platônico, nessa fase, apesar madura em muitos aspectos, eu era um pouco assim também, adorava fantasiar! Quem dera se tivesse qualidade de informação e debate sobre muitos temas relevantes como hoje. Um mundo de coisas boas para você, bebê!

      • Cora14/09/18 • 22h48

        Obrigada, Cristina! O mesmo pra ti!

  26. Tita12/09/18 • 17h25

    Cecília, assista os vídeos da Beth Russo no YouTube. Ela ensina como limpar as memórias negativas do inconsciente e atrair um grande amor atraves da prática de h’oponopono.

  27. Ci12/09/18 • 18h35

    Adoro a sinceridade da Cony! É por isso que leio os choras!

  28. Adriana12/09/18 • 18h50

    CHORA 3: Respeita as mina. Fim.
    TE AMO, CONY!

    • Tatiana13/09/18 • 18h06

      O comentário da Cony no chora 3 me fez rir sozinha… 🙂

  29. Tata12/09/18 • 21h36

    “É dificil também encontrar um cara normal, sempre tem algum problema (filhos, problemas com compromissos, homens recém separados que so estão querendo pegar geral, os losers com empregos de subsistencia, sem nenhum objetivo na vida… a lista é infinita). E isso tem acabado com minha auto estima. Cada vez que saio com um loser desses, tenho vontade de sair correndo e me sinto como se não fosse uma pessoa que merecesse ser amada”.

    Cara, que comentário tosco dessa pessoa do chora 1.

  30. Ana Paula13/09/18 • 08h16

    Cecilia,
    Morei na Austrália por 10 meses há uns anos atrás. Quando cheguei lá, tive que me virar pra me sustentar: trabalhei de vendedora numa padaria, faxineira, babá, bartender e de qualquer coisa que aparecesse. Isso fez com que qualquer preconceito que tivesse com “subsistência” caísse por terra.
    Faz isso por você, procure um empreso de “subsistência”, evolui tua cabeça e

  31. Renata13/09/18 • 09h26

    Tenho 33 anos. Fiquei solteira um tempo e a coisa mais desagradável que achei na vida de solteira eram as reclamações das amigas por faltar homem e estar ficando velha, sério, era insuportável! Eu saia super animada para curtir a vida e, quando encontrava com elas, o único assunto era homem! Pelo amor de Deus meninas, vamos falar de outras coisas! Quando eles saem com os amigos, não ficam se lamentando, se divertem!
    Por ser da área de TI, convivo com muitos homens e me divertia mais com eles por esse motivo. Era divertido e não triste!

    • Constanza14/09/18 • 10h46

      EXATOOOOOO! Sou assim tb! E na minha fase solteira eu era a que mais “pegava” e a que menos queria relacionamento hahahaha. Só queria dançar!

  32. Gi13/09/18 • 10h08

    Moça do primeiro Chora – ter família padrão margarina não é e nunca foi sinônimo de felicidade. O “viveram felizes para sempre” às vezes só existe em novela mesmo. Talvez se você parar de romantizar um pouco vc possa ver que dá pra ser feliz de várias formas….vc pode encontrar o amor da sua vida aos 45 e adotar um filho (quantas crianças vão passar a VIDA TODA sem algum lugar pra chamar de lar de verdade?), vc pode fazer a mesma coisa sendo apenas solteira…pode também ter um filho agora produção independente…ou pode ficar sozinha também. Essa coisa da gente procurar fórmulas de felicidade é a maior furada. É o maior fator gerador de frustração e infelicidade do ser humano. Seja feliz AGORA, não importa a situação. E pare de procurar. O que for pra ser seu vai chegar até você, nem que seja na fila da padaria. E se não tiver que ser, vc é um ser humano, único e nasceu sozinha. Não tem obrigação alguma de ter um parzinho. Seja feliz pra vc!

  33. Ana Luiza13/09/18 • 10h47

    Cora, eu ia super falar contigo antes do fim do chora, em que vc revelou esse “pequeno detalhe” de ele ter namorada… enfim. Vou falar contigo fingindo que ele não tem namorada, ok? 3 anos atrás eu encontrei uma parte da família da minha mãe que tenho super pouco contato, e conheci meu “primo” (que é primo bem distante). Na época eu namorava, ele me adicionou no Facebook, nem pensei em nada demais (pra mim ele era apenas meu primo mesmo e pronto) apesar de tê-lo achado gatíssimo kkkk. Terminei meu namoro por N motivos e segui a vida. Mais de um ano depois estava na cidade dele pra um treinamento, ele viu nos meus stories do Instagram que eu estava por lá e me chamou pra tomar uma cerveja. Fui super na boa, e ele tbm (ele nem sabia que eu estava solteira), aí no fim, depois de conversarmos sobre tooooooooodos os assuntos do mundo a gente acabou ficando rs. Estamos juntos há 1 ano e meio, ele se mudou da cidade dele para a minha, estamos super felizes e a família toda ama e apoia nosso relacionamento. Enfim, disse esse texto todo, pq no início eu achava super estranho e errado eu estar apaixonada pelo meu primo kkk conversei muito com a minha mãe antes de assumir qualquer coisa com ele (os pais dele são falecidos, mas ele conversou muito com a tia dele na época sobre isso tbm). O legal foi chegar na festa de Natal da família (dele, como namorada) e já conhecer todo mundo kkk.

    Enfim, SE ele não tivesse namorada eu diria pra vc conversar com ele, pq namorar “familiar” não é tão estranho quanto soa. BUT, ele tem namorada, então toca sua vida, menina. Fica com outros caras, pára de se iludir achando que os “olhares” que ele te lançou 3 anos atrás significam alguma coisa até hoje.

    • Cora14/09/18 • 22h54

      Ana Luiza, amei saber da sua história!!! Que vocês sejam muito felizes, viu!

      Foi muito bom sentir tudo que eu sentia, mas eu toquei minha vida, abri meus olhos. Passar por isso serviu pro meu amadurecimento.

      Adorei seu comentário! Vamos tomar um café, menina! Hahahha um beijão

  34. Maria13/09/18 • 15h10

    É dificil também encontrar um cara normal, sempre tem algum problema (filhos, problemas com compromissos, homens recém separados que so estão querendo pegar geral, os losers com empregos de subsistencia, sem nenhum objetivo na vida… a lista é infinita). E isso tem acabado com minha auto estima. Cada vez que saio com um loser desses, tenho vontade de sair correndo e me sinto como se não fosse uma pessoa que merecesse ser amada. – MEU DEUS, QUE PENTELHA.

  35. Jessica14/09/18 • 10h31

    Caso 1:
    Hoje em dia a mulher alcançou muitos dos seus sonhos, tem independencia financeira, consegue ter boa aparência, tem estudo, é educada, sabe ser dona de casa, sabe ser boa de cama. Aí que vem o “problema” : temos tantos predicados que queremos homens a nossa altura e infelizmente esses estão escassos no mercado dos solteiros e heteros, porém não significa que vamos buscar príncipes encantados!
    Amiga não procure pelo em ovo, e principalmente não caçe os bofes pra casar!!! Uma coisa eh caçar bofe na balada, outra coisa é correr atrás de bofe lixo achando que vai virar príncipe!
    Quando a gente entende que temos nossas qualidades e vivemos bem solteiras, os melhores partidos vão se interessar e VIR até nós!

    Caso 2:
    Amiga, o boy mal voltou e vc já está arrumando um problema que nem existe!? Se o problema eh achar que não vai conhecer o mundo pq não está com ele, chame-o e vá com ele! Mas eu estou achando que o problema eh vc não querer ficar com o boy, seja por orgulho ou pq simplesmente não da mais certo!

    Chora 03:
    vai assistir Netflix que já já acaba sua adolescência. Onde já se viu pegar parente e encarar a ex sogra o resto da vida?! daqui a pouco aparece alguém legal na sua vida, relaxa!

  36. Graci14/09/18 • 15h34

    Cony, PARABÉNS! Para o chora 03. Paixão Adolescente. Sua resposta foi a mais sensata possível….
    Ah se todos pensassem assim…eu sempre ouço que a pessoa solteira não está errada. Mas sempre achei um absurdo! Pra mim, a culpa é sempre dos dois. E você falou tudo! “Razô gata!

  37. Mari16/09/18 • 05h52

    Nossa, gente, vamos ter um pouco mais de empatia com as meninas do “chora”, também? rs Li uns comentários aqui bastante ríspidos, não tem necessidade. O interessante dessa experiência aqui do Chora que eu te escuto é compartilhar, absorver e evoluir. Se coloquem no lugar da pessoa que está lendo e sejam um tico mais gentis ao dar a opinião de vocês sobre o assunto… tem um ser humano sofrendo do outro lado da tela (no caso, quem escreveu o Chora).
    Chora 1: Você é JOVEM! Tem tanto o que viver ainda! Felizmente passamos da época em que casar e ter filhos acontecia na faixa dos 20 anos. Mas trabalhe essa sua visão do que é ser uma pessoa derrotada ou não. Da mesma forma que você tem uma bagagem quando chega num relacionamento novo, as pessoas também. Pense que poderia ser você a pessoa com filhos, não ia ser bacana ser excluída da possibilidade de viver um relacionamento só por isso, não é mesmo? E como uma das outras meninas comentou, pessoas com “emprego de subsistência” são… PESSOAS. Com ambições, com sentimentos. É muito diferente ser um cara encostado e sem perspectiva- tipo de homem que a gente tem que fugir mesmo – e ser uma pessoa com um trabalho honesto, mas não “glamuroso”. Pense nisso com carinho.
    Chora 2: Não pare no tempo esperando por um homem que TALVEZ volte pra sua vida, TALVEZ não. Não feche as portas se ainda existe algum interesse, mas viva a sua vida até lá. Continue conhecendo pessoas, aproveite sua solteirice, e se quando ele voltar você ainda estiver interessada, tentem de novo. Mas tente não se fechar para novas pessoas e novas experiências na expectativa de que esse velho relacionamento engate. Não pare sua vida por macho, eles não merecem rs
    Chora 3: Já vi nos comentários que você disse ter superado esse sentimento. Bom pra você! Mas se não fosse o caso, e você realmente sentisse algo forte por ele, não vejo problema em abrir o tema pro cara, pois quem sabe ele tivesse sentimentos por você também e por achar que jamais rolaria por serem parentes, deixou adormecer. Ficar com um cara enquanto ele ainda é comprometido, sendo a outra, jamais deveria ser cogitado, mas abrir seus sentimentos e deixar ele decidir se quer continuar o que tem ou investir em vocês dois, não vejo nada de errado nisso.

    • Jana17/09/18 • 18h12

      Menina, tbm acho isso,
      Nada de ruim em falar com ele, mas deixar claro que vc não aceita e não seja a segunda, não digo isso apenas pela parte moral, é quw como a colega falou, será um constrangimento ao ver seus parentes tbm
      Lembro quw tive umamor platônico de anos e anos mas não tinha nenhuma proximidade com ele, nunca sabia se aquilo daria certo.
      Numa festa uma amiga minha foi falar com ele, eleme deu um fora rsrsrs
      Ao invés de ficar triste fiquei ótima pq foi uma libertação por eu ter a certeza do sentimento dele finalmente após anos…
      Vida que segue,
      Quem sabe isso, uma amigona perguntar isso pra vc ou falar com ele.
      Coisa so tipo que vc disse que se ele não tivesse namorando vc ficaria com ele. Pra saber o que ele acharia sei lá.
      Depois qualquer coisa se faz de louca e vai se desculpar com ele pela amiga.
      Pelo menos sai da dúvida ou deixa pra ele definir isso, vai ter tentado pelo menos.
      Avalie o que considera o melhor pra vc.
      Mas não aceite ser a segunda opção menina, queira sempre o melhor. Besos

  38. angelica16/09/18 • 16h19

    “Ele está namorando no momento. Respeita as mina.” Cony, 2018.
    Melhor resposta de todas, quero ser sua amiga pra ontem.

    • Constanza17/09/18 • 10h58

      hahahahaha

  39. Livia M. Ghizzi18/09/18 • 11h39

    Constanza… Adorei a sua resposta para a Cora!!!!

  40. Giovana Virginio Cruz18/09/18 • 14h12

    Chora 01: Dá até sono de ler…
    Mulher, você está em outro país, tem 32 anos, tantas coisas podem ser conquistadas, podem ser feitas, vc pode estudar, fazer vários projetos, conhecer lugares, mas fica só falando em homem…
    Outra coisa, achei muito mimimi e muito procenceito da sua parte, vc, apesar de ter 32 anos está tendo um perfil idealizado das coisas, além de colocar defeito em tudo, qual é o problema da pessoa ter um emprego e não ganahr muito? ou ter um filho? ou ser recém separado? Cuidado, quem escolhe demais é escolhida.
    Não quero dizer com isso que vc deve aceitar qualquer coisa, mas vc precisa de mais leveza, precisa deixar as coisas fluirem e não ficar apenas classificando pessoas e excluindo as que não cabem na sua caixinha.

  41. giovana18/09/18 • 14h38

    Também acho, me deu a impressão de ser uma pessoa com o ego lá em cima e que não respeita a história dos outros, ”loser” é que se acha superior..

  42. Vivi18/09/18 • 22h05

    Por isso que te acompanho!!! Você é a blogueira mais sincera e humana. Se colocar no lugar das leitoras!! Ótimos conselhos hoje!!!!Adorei!!!

  43. Mari19/09/18 • 01h02

    Que pira louca achar q 32 anos é velha, sugiro terapia. Além claro de ficar de boa, curtir as amigas, o trabalho, masturbação tb. Parem de correr atrás de macho, coisa mais ultrapassada.