23
Dec 2016
Chora Que Eu Te Escuto!
Chora Que Eu Te Escuto

Correndo para acabar com essa leva antes do final do ano!

Chora 01 – Alice

segue abaixo meu chora, vou tentar resumir um pouco pra não ficar hiper comprido!

apenas pra contextualizar, tenho quase 28 anos, sou uma mulher mega independente, dona do meu próprio negócio e to no meu quarto namoro. algo em comum entre meus últimos namoros é que todos terminaram pq fui corna, o que me leva ao meu namoro atual!! 

faz um ano que eu conheci meu atual namorado. começamos a ficar em novembro e assumimos nosso namoro em abril desse ano. ele é um cara mais velho, muito inteligente, super bom de papo, enfim, um cara nota 10 (bem diferente dos meus relacionamentos anteriores).

ia tudo certo, tudo muito bem, quando em agosto ele teve um curso em sp e acabou passando o fds por lá. eu sempre dei liberdade pros meus namorados porque prezo muito por isso também e confiei que tudo certo. porém, acabei dando uma fuxicada no facebook dele na época e descobri que ele tomou café e chamou umas gurias pra tomar cerveja e tal. deixei pra lá porque não vi tantooooo problema mas aquilo me incomodou um pouco. segui o baile sem falar nada.

só que nesse feriado acabei mexendo no whatsapp dele (nunca tinha mexido) e acabei descobrindo umas coisas não muito legais sobre essa viagem de agosto.

em uma conversa ele contava para uma pessoa que quase fez uma cagada em SP, que foi tomar cerveja com uma ex colega de trabalho casada e quase ficaram, mas ele acabou barrando porque ela não teria como voltar e etc.

e em outra conversa ele falava com uma outra amiga que mora lá combinando de se encontrarem em agosto. aí ela perguntou, “ué, mas tu não é fiel?”, aí ele disse “sou, mas nem tanto”. aí ele mandou um NUDE pra ela. e quando foi pra sp chamou ela pra sair e ela tava com conjuntivite e nada aconteceu.

enfim, depois de ver isso acabei conversando com ele, e aí ele pediu desculpas, que errou, mas que nada aconteceu, que não me traiu, que não ficou com ninguém e etc etc.

eu gosto muito dele, falamos sempre de ter filhos e etc, ele disse que quer uma chance, que não vai mais fazer isso. e eu to confusa porque acredito que nada rolou, que é coisa de “homem”, mas ao mesmo tempo minhas experiências anteriores me mostraram sempre que eu acabo dando chance e sempre me dou mal. 

o que fazer? 🙁 

Putz, nem sei o que te falar. No fundo, acho que algo deve ter acontecido sim… mas acredito que o que deveria ser feito, você já fez, que foi chamar ele na conversa e abrir o jogo. Imagino seu medo de ser novamente traída e não quero te incentivar a pensar que TODO HOMEM é assim, mas se você gosta realmente dele, acha que ele vai mudar, acredita nas palavras que ele te disse, respira fundo e vai em frente. MAS olhos bem abertos e pés firmes na terra!

 

Chora 02 – Ariel

Tenho 26 anos e meu marido tem 31 anos. Somos casados há 01 ano e meio. Conheci o meu marido quando tinha 20 e ele 24 anos. Eu tinha acabado de sair de um relacionamento de 3 anos quando o conheci. Estava no 2º ano da faculdade e morava na capital. Meu marido já era formado e morava no interior, na cidade em que nasci e fui criada e onde nos conhecemos. Ele tinha acabado de ingressar em uma grande empresa de porte nacional e já tinha aproveitado bem a vida. Tinha se formado com louvor em uma universidade federal, fez estágio e morou no exterior, frequentou tantas festas quanto pode e tudo o que tinha direito. Quando o conheci, o seu foco era o profissional e amoroso, queria viver tranquilo e constituir família. Já eu, tinha ido morar na capital para estudar, entrei na faculdade namorando e emendei um namoro no outro. Assim que me formei, voltei para o interior onde tinha perspectivas profissionais na minha área e logo me casei. Meu marido não tem defeitos, sempre foi maravilhoso comigo, tanto no namoro quanto agora no casamento. É generoso, carinhoso, equilibrado, sempre me respeitou, me trata muitíssimo bem e me provê uma vida boa. Esta no auge da sua carreira, cresceu na empresa, ganha muito bem e tem uma boa perspectiva de futuro. O grande problema é que eu odeio ter voltado para o interior e trabalho com algo que, apesar de me dar um retorno razoável, não gosto. Voltei para me casar e acabei abrindo mão de vários sonhos, como o de morar um tempo no exterior, me especializar em uma boa faculdade, deixei amigos e uma cidade que me fazia feliz. Acabei me precipitando e me casando muito rápido, sem pensar direito no passo que estava dando. Não posso reclamar do meu marido, me sinto extremamente culpada por ter estes pensamentos, mas estou muito infeliz e ele vê isso. Me diz para ter paciência, que vou encontrar o meu caminho, mas o tempo está passando e estou acomodada em um vidinha provinciana, a qual eu sempre reneguei. A cidade não possui nenhum tipo de vida cultural, não tenho afinidade com as pessoas, todas com o pensamento muito fechado. Também não me dou muito bem como a família do meu marido. Sinto-me triste, vazia, infeliz, sem expectativas, fazendo algo do qual não gosto, sem chances de mudança em uma cidade tão pequena. Amo meu marido imensamente, é o homem que sempre quis, meu maior companheiro e que sempre me imaginei envelhecendo junto, mas o amor ultimamente não está me bastando. Não sei o que fazer. Muitas vezes penso em largar tudo, enquanto ainda sou nova e não tenho filhos, e ir à busca dos meus sonhos, morar um tempo fora, fazer um mestrado, me descobrir profissionalmente, mas tenho muito medo de perder o meu marido. Me ajudem!

Incrível como NINGUÉM está satisfeito com a vida que tem né? Mulher, você tem carreira e marido TOP, mas tem seus sonhos também e não irei menosprezá-los mas deixa eu te perguntar uma coisa… O que te impede de ir fazer um curso no exterior? Se seu marido é esse poço de apoio e companheirismo, ele vai te ajudar e incentivar! Tudo o que você quer fazer (exceto morar em outra cidade) você PODE fazer! Na vida a gente tem que ceder algumas coisas em prol de outras, tente repensar seus desejos, seus sonhos, por na balança e achar uma saída que seja boa para os dois lados. Você tem a sorte de ter um marido compreensível, então não se desespere tanto. Morar um tempo fora você pode, se especializar em uma boa faculdade você também pode, os amigos da cidade que te fazia feliz você pode ir visitar e vice versa. Calma, respira fundo e sempre tente achar uma saída para suas aflições.

Chora 03 – Amanda

Sou casada há 5 anos, estamos juntos há 10. Temos uma filhá de 1 ano e meio. Vivemos super bem,  temos nosuas diferenças como todo casal e ultimamente estamos passando por uma parte financeira difícil,  e um momento profissional muito delicado na vida do meu marido…sinto que a relação esfriou um pouco.
 
Ultimamente ele não tem muita paciência comigo, me deixa falando sozinha, não tem assunto…Não “ajuda” nada com as tarefas em casa e com a nossa filha, sempre me sinto sobrecarregada e cansada. Ah, sim. Eu dei uma “pausa” na carreira para cuidar da bebê,  achamos mais apropriado.
Pra você ter idéia,  ele chega em casa do trabalho sempre falando que está com fome, o que tem pra comer, acha um absurdo se eu não tiver feito nada e ainda espera ser servido.
 
Enfim…
 
Além disso que tem abalado,  aconteceu algo esses dias. Sei que posso ter errado, mas um ex de cerca de 14 anos atrás me add no Facebook e óbvio que recusei (temos muitos amigos em comum, acho que por isso que me achou). Aí outro dia, por curiosidade mesmo,  fui “fuçar” o Facebook dele. Meu marido foi mexer no meu Facebook pelo tablet e viu a pesquisa recente. Pronto. Falou que eu o traí, que sou uma mentirosa, esta me tratando igual uma qualquer desde então.  Eu não sei o QUE FAZER!
 
No dia da briga, conversamos, admiti o erro e pedi perdão. Ele disse que perdoou, ficamos bem, ele quis transar. Ok. Mas me incomodou mto pois ele me tratou igual uma puta, só falava palavras de baixo calão,  fiquei com nojo, irritada. Uma hora me machucou e eu tive que pedir muitas vezes para parar.
 
No dia seguinte,  acordou falando que eu era mentirosa, que tinha mentido pra ele, traído ele na minha mente. Falou que eu posso ir fazer o que quiser da vida, mas que a nossa filha vai ficar com ele (falou tudo isso na frente da nossa filha).
 
Me humilhou muito, e ao meu ver, esta fazendo uma tempestade em copo d’água.
 
Detalhe, quando começamos nosso relacionamento, ele tinha curiosidade de saber do meu passado, e eu contei. Mas ele nunca contou uma vírgula do dele. Depois de casados fui descobrir que ele estava ficando com outra moça quando começamos a namorar,  mas não sei nem o nome da pessoa. Ele tem tanta mulher no Facebook dele que não faço idéia quem sejam, pode ser mto bem uma ex que eu nunca vou saber.
 
Não tenho com quem desabafar pois me senti envergonhada e realmente não sei o que fazer! Queria sua opinião….

Vejo um homem stressado pelos problemas financeiros descontando em você. O lance do Facebook foi uma fatalidade… que mulher não faz isso! Você só deu azar dele descobrir e saiba que muitas das pessoas que descobrem ou desconfiam de traição, tem essa vontade imediata de fazer sexo com o parceiro. Li isso em algum lugar, até tentei procurar o link mas não achei. Você não fez NADA de errado, e sim, é uma tempestade num copo d’água. Problemas financeiros e profissionais afetam muito os homens então você está no olho do furacão. Seja paciente e sábia, espere as coisas melhorarem, converse com ele em bom tom, fale que as atitudes dele não estão sendo legais com você, mostre apoio, incentivo, trate isso como uma má fase. Uma hora as coisas se ajeitam, mas se tudo começar a sair dos trilhos e começar a tomar outras proporções, procurem ajuda psicologica, os dois!

  • Mais um chora e começamos TUDO DE NOVO! Ain gente, que 2017 seja bom pra nós que o bicho tá pegando em 2016 viu hahahahahaha
23
Dec 2016
PomPom Mania!
Fashion News

Todo mundo tem recente na memória os pomponms que viraram chaveiro de bolsa em 2016 né? Pois é, alguém jogou água neles e se reproduziram!

Primeiro, os chaveiros. Depois, os pompons nos sapatos (aquela famosa rasteira grega e as sandálias Aquazurra), timidamente, viraram brincos e sabem qual é a nova aposta pompomaníaca??

Nas blusas de inverno, moletons, tricôs e afins.

A Zara já lançou sua versão e preparem-se, pois sinto que será aquela peça super usada pelas fashionistas!

Eis o tricozão cheio de pompom da Zara. Já viu isso antes? Provavelmente… Naquele laboratório fashionista que se chama Street Style de Fashion Weeks.

Ousadas!

Gosto de pompom pequeno, mas ainda assim, não sei…

Ou 8 ou 80. Mini pompom ou taca-lhe logo um vestido de pompomzão!

Acha too much para blusas? Ok, pode continuar na vibe nas sandálias ou bolsas.

Colorir com pompom é uma ótima ideia! Olha que lindo na batinha azul e que CHIQUE na sandália com vestido amarelo!

Na barra da calça achei interessante também…

Pontos de pompom nas bolsas, brincos e sapatos.

E na decoração da casa! PIREI com esses marcadores de livros!

  • Se você deixou passar essa moda em 2016, ainda dá tempo! Confesso que prefiro mais em acessórios do que nas roupas, ou até mesmo na decoração da casa! O que vocês acham?
23
Dec 2016
Dica de Restaurante no Chile – Ambrosia
Dicas de Viagem

Hoje fui conhecer um restaurante super charmoso aqui em Santiago, o Ambrosia!

Foi indicado por uma amiga e marcamos um almoço lá. E bem que ela me avisou: fica escondidinho numa ruazinha. E é mesmo. Fica no bairro de Vitacura, um pouco longe da badalada Providência mas é um bairro tão gostoso e arborizado que vale a pena a visita.

Vem ver como o Ambrosia é:

Não tem placa com o nome do restaurante nem nada, é apenas uma portinha de uma casa cheia de verde. Fica na Calle Pamplona 78.

É um dos 50 MELHORES RESTAURANTES DA AMERICA LATINA! Está no 20º lugar, ou seja, MUITO BOM!

A chef é Carolina Bazan, filha de diplomatas e morou em vários países. Fez cursos de gastronomia na França e o Ambrosia tem um quê de comida francesa com chilena.

Os jardins são maravilhosos e muito bem cuidados.

É algo meio Pinterest. Não sei se dá para ver na foto mas tem aquelas lampadinhas que a noite deve ficar uma lindeza.

A decoração é diferente. Cool e chique ao mesmo tempo. Como é numa casa, são vários ¨comedores¨, mas seguindo um mesmo estilo.

Vamos ao menu

Saladas e entradas para dividir. Sobre os preços, uma salada de $ 8.500 corresponde a cerca de R$ 40.

Fomos de menu com vinho. Por $ 19.000 (uns R$ 90), está incluída uma taça de vinho ou espumante, entrada, prato principal, sobremesa e café.

E eu escolhi assim:

Entrada: ceviche (DOS DEUSES, muito bom mesmo!)

Prato principal: nhoque (massa caseira) com gorgonzola e prosciutto. Muito bom e bem leve.

Minha sobremesa foi um mousse de chocolate.

E a sobremesa da minha amiga foi um Tarte Citrón, algo como um creme brulee.

  • Gostei muito de ter escolhido a opção MENU, com todos os pratos e bebida. Achei o preço bem bom para o nível dos pratos. Tudo estava muito gostoso e o lugar é MEGA tranquilo para comer e conversar. Recomendo! Ah, para o jantar não tem a opção de MENU e é bom fazer reserva. O site é www.ambrosia.cl e dá para reservar online!