23
Mar 2016
Hola Argentina!
Constanza, Fashion News

Pois é, fui parar na Argentina semana passada!

Tudo aconteceu muito rápido, tanto o antes quanto o durante mas voltei com ouuuuutra impressão de lá viu… Cês sabem, existe aquela rivalidade com os hermanos, tanto pelo meu lado chileno (política) quanto pelo meu lado brasileiro (futebol). Mas vamos aos fatos.

Um belo dia recebi um mail de uma agência de Buenos Aires perguntando se eu toparia ir para lá, a convite do Mercado Livre, para falar sobre blogs, moda e tendências, já que o evento seria para divulgar a sessão de Moda do Mercado Livre. Achei meio estranho, porque eu? Logo me lembrei que falo espanhol e que sou PHD em compras online (eBay é meu maior case de sucesso rs). Ou seja, tinha que ser eu mesma. Além de mim iria uma blogueira do México e outra da Argentina mesmo.

Topei, achei a proposta interessante e vocês sabem né? Me chamou pra viajar eu topo na hora rsrs. Também tinha outro fator a favor: tô querendo divulgar o blog pro mercado hispano e seria uma excelente vitrine. Ah, e outro fator: o desafio de falar de moda em espanhol. Enfim, sem pensar muito nos perrengues, parti para a Argentina.

Um detalhe, antes de ir para lá tentei dar uma pesquisada nas blogueiras locais, nos eventos de moda para saber o que levar na mala. A agenda falava em almoços, jantares e eventos extras e obviamente eu queria fazer bonito. Pelo que vi, elas não se arrumam tanto mas mesmo assim, preferi garantir o meu e montei uma mala digna de Fashion Week. Ora bolas, se era pra falar de moda brasileira, eu teria que ir só de moda brazuca!

Preparem-se para uma surra de looks.

12818981_1027317874023276_1438439976_n

Aerolook de ida: a calça mais confortável do mundo by Renner (na volta tive que correr comprar uma pra minha mãe, de tanto que ela TAMBÉM desejou), tênis New Balance, blusinha Zara, colete Levi’s e bolsa Cavage. Não sei nem explicar o amor por essa bolsa… cabe tudo e é chique, mas TÃO chique, que me sinto milionária sempre que uso.

Chegando em Buenos Aires, num vôo maravilhoso, curto e direto (com um avião capenguinha da Aerolineas Argentinas, mas que fez seu serviço direitinho. Só me pergunto porque não tem vôo BH – Santiago direto… Toda santa vez tenho que baixar lá em SP pra pegar outro avião…) fui recebida por um senhor que era a CARA do meu pai. Ele me levou para o hotel onde ocorreu o episódio do gato que mostrei no Snapchat. Quem viu, viu. E riu hahaha. Enfim, o hotel se chama Esplendor e fica em Palermo Soho. Como não sabia NADA de Argentina (nunca tinha ido) perguntei para algumas leitoras que me falaram que eu estava no melhor bairro de Buenos Aires. Não demorou muito, uma moça que trabalha na agência que me convidou, foi me buscar no hotel pra gente almoçar. Tava um calor do cão e pensei: vou brasileirar. Taca-lhe estampa da Farm e tênis adidas.

1209523_581623698667325_589500890_n

Gente, vou falar muito neste post ok?

Então, meu vestido da Farm tem as costas todas abertas, o que acho super ok e normal. Como tenho silicone, nem uso sutiã e não aparecia nada indiscreto. Normal, já tinha usado esse vestido aqui sem maiores problemas. Encontrei com a moça, chamada Julia, e fomos almoçar lá perto, em Palermo mesmo.

1171082_1024502977620413_101218526_n

Amei essa esquina. Fofa, restaurantes fofos e escolhemos esse para nossa primeira conversar e approach. Como estou de dieta, pedi uma saladinha que virou minha preferida do mundo.

12819031_1147619261917373_224057849_n

Salmão, ovo, verdinhos e queijo. HUMMMMMMM.

Logo após o almoço, a Julia me levou pra conhecer as redondezas e realmente vi que o bairro era bem bacana! Várias lojas alternativas, ruas charmosas mas… tudo caro. Obrigada Real desvalorizado. Me assustava a cada preço que via!

12826194_249022322100985_1220757358_n

Palermo e seus grafittis!

Logo depois, fomos passear de carro e vi o Teatro Colon (chiquérrimo), o Obelisco, e paramos em Recoleta para conhecer uma loja de decoração.

A loja é LINDA! São 4 andares de peças vintage e dá vontade de ter tudo. Chama Landmark e fica na rua Arenales 1251.

12331354_498248290377186_915156001_n

Logo depois, a Julia me disse que tinha um evento de um lançamento de perfume, da marca de uma amiga e me perguntou se eu queria ir. Claro, topo tudo! Só fiquei meio preocupada com minha roupa, afinal já eram quase 7 da noite e eu direto na rua, suada e de vestidinho da Farm mega colorido e tênis. Ela também estava colorida e disse que estava tudo bem. Só que aí veio uma pergunta: você está sem sutiã? Falei que sim e ela me contou que estranhou MUITO meu decote aberto nas costas, que as argentinas são mais pudorosas com isso… Falou de boa, mas mesmo assim fiquei cismada. Caramba, será que virei o centro das atenções? E o tal do evento? Bom, chegando lá, TODO MUNDO ESTAVA DE PRETO E BRANCO. Sério, parecia jogo do Atlético. Daí murchei. Queria virar uma planta e ficar só observando. Sério, acho que tinha uma única pessoa usando cor e cor lisa. Se tinha alguma estampa, era de leve e preto e branca. E outra coisa, nunca vi tanta mulher magra, mas magra MESMO, na vida. Daí a Julia me contou, que a mulherada das modas e da sociedade argentina eram daquele jeito: ultra magras e ultra clássicas. E eu colorida, pelada e de tênis.

Ok, fomos embora pois fui surpreendida por uma terrível cólica (sério, nem era desculpa). Chegando no hotel, pensei em sair para jantar mas graças ao Itaú, fiquei sem nenhum dinheiro lá. Meus cartões (TODOS) foram clonados uma semana antes de eu viajar, e obviamente, bloqueados. Acontece que não daria tempo de eu receber os cartões novos mas a atendente do Itaú me garantiu que eles funcionariam no exterior. Garantiu que o bloqueio era apenas para compras online ou por telefone, mas presencial e digitando a senha eu não teria problemas. Hum… NÃO PASSOU NENHUM DIA. Briguei com Deus e o mundo do Itaú e ninguém conseguiu resolver meu problema. Pro exterior, o cartão estava bloqueado sim. Não tinha como sacar dinheiro (nem na própria agência do Itau em Buenos Aires) e muito menos comprar nada. Tinha um resquício de Euros na carteira que me salvou, a agencia me deu dinheiro para alguma eventualidade (que vergonha) e o que quis comprar passei com medo em um cartão que jamais uso. Fiquei na mão viu Itaú.

No segundo dia a blogueira mexicana chegou e fomos passear as três: Julia (que a essa altura eu já tinha agarrado amor), a mexicana e eu.

12797948_893408810779046_329578796_n

Fomos no Rosedal, Palermo Hollywood e tivemos uma reunião para acertar as informações do dia do evento. Comecei a ficar nervosa. Vi a lista com as possíveis perguntas, soube que teríamos microfone e o público seria composto de jornalistas, Mercado Livre dos três países, marcas e blogueiros locais. Gelei.

12826202_523589791153000_1169417088_n

Look de reunião com o pessoal da agência: blazer e calça Zara, blusa Forever 21, tênis New Balance.

Bom, a noite fomos jantar num restaurante super top, o Casa Cruz e me joguei num look ladylike que eu estava louca pra usar!

10632230_264998183831510_423250407_n

Lomo argentino com purê de batatas trufado!!!! No Casa Cruz, maravilhoso!

12446049_1522308001404921_2143238767_n

Saia e blusa da Maracujá, marca mineira que conheci há pouco e gostei de T U D O! E fiquei encantada com esse look! A qualidade nem se fala…

Bom, depois do jantar, voltamos pro hotel e os nervos ficando cada vez maiores.

No dia do evento passeamos durante a manhã e pedi para voltar pro hotel as 14h. O evento seria as 18:30 e iriam buscar a gente umas 16:30. Eu tinha que me maquiar, por cílios postiços, arrumar cabelo, etc e tal, precisava de tempo. Daí vi a diferença com as outras blogueiras… A mexicana queria sair pra passear, almoçar e de lá ir direto pro evento! Pra mim não teria a mínima condição… E sim, blogueira brasileira se produz bastante. Mas ó, pra evento ok! Sei lá… não vou falar se sou contra ou a favor, mas acho que ir de qualquer jeito não é legal. Talvez sejamos um pouco exagerada mas…

10547371_1567277526920494_653946033_n

Fiquei assim. Taca-lhe cor de novo e como era de se esperar, todo mundo de preto e branco. Mais um look MARAVIDEUSO da Maracujá! A princípio tinham falado que os temas sobre tendências seriam o boho, o geométrico, o romantico e o floral e que cada uma deveria escolher uma tendência para usar. Eu fui de geométrica, mas acho que só eu levei essa instrução a sério kkkk

Várias pessoas elogiaram meu vestido e falaram que as brasileiras eram muito ¨coquetas¨ (algo como atraentes, vaidosas). ¨Somo mermo.¨

Bom, como verão nas fotos a seguir o endento correu tudo bem. Fiquei um pouco nervosa no início, principalmente porque o banco era alto e de metal e eu não conseguia parar quieta nele! Estava escorregando muito e tinha que me concentrar em organizar os pensamentos, falar em espanhol, e tentar não cair do banco.

1172162_245017799173845_1244219379_n

Deu tudo certo, falei até mais do que deveria hahaha. Fiquei impressionada com os números do Mercado Livre… sabiam que na Argentina, 70% dos consumidores de moda do site são mulheres contra 50% do México e Brasil? E é verdade né? Aqui a gente tem mais a impressão de um site masculino, mas tem muita coisa pra mulher. Várias marcas tem suas lojas no Mercado Livre e eu nem sabia disso! Tá super forte na Argentina, as lojas que não tem espaço online próprio ou que querem alcançar um público maior, vão para o Mercado Livre, que aliás nasceu na Argentina, a Wikipédia também surgiu lá! Os hermanos são bem nerds rs.

PH. Gon De Fazio

Ana Torrejon da Harper’s Bazar, Mariela Censori, Gerente Comercial do Mercado Livre da Argentina, a blogueira Lulu Biaus da Argentina, eu e a blogueira Nuria, do México.

PH. Gon De Fazio

As bloggers

PH. Gon De Fazio

PH. Gon De Fazio

resize_IMG_8363

927561_133878720338674_1051754033_n

Nuria do México, Lulu Biaus da Argentina e euzinha pelo Brasil sil sil!

10914235_1088092821213251_2014575072_n

Eu e Julia… tão doce e prestativa. E companheira de roupas coloridas!

Acabou o evento, partiu hotel e no outro dia… de volta para o Brasil.

Tive algumas horas livres no último dia, na parte da manhã e corri num outlet perto do hotel (Distrito Arcos). Só que tudo continuava caro e eu continuava com os cartões bloqueados. Moral da história: comprei só uma jaqueta jeans e alguns alfajores!

12797603_831401066988499_319941665_n

Adorei minha ida rapidinha para a Argentina, queria conhecer muito mais mas não tive tempo. Queria agradecer a todo mundo que me deu dicas de lá, quem me dera ter conseguido aproveitar todos os restaurantes que vocês me falaram! Mas… hei de voltar e já sei que ficar em Palermo é legal e que preciso ir no Don Julio!

12819150_474899546038028_2074625405_n

  • Y por supuesto, gracias por la invitación Agencia Ninch y Mercado Libre de Argentina. Me encantó estar con ustedes!