ConstanzaComportamento
Cotidiano
15 set 2015, 146 comentários

Dez Coisas Sobre a Vida de Blogueira

Sabe aqueles dias que você acorda com vontade de conversar? Pois é, acordei assim. Mas hoje não vou falar de relacionamentos, de viagens, de independência ou morte. Vou falar um pouco da minha rotina de blogueira.

resize_02 Samsung - Foto by LAHH

Antes de mais nada, nunca quis e nem pensei virar blogueira NA VIDA. Aliás, nem sabia que isso existia. Só queria escrever, falar bobagem, rir um pouco, desabafar… só que aí o povo foi gostando e eu tinha que escrever todos os dias pois a sensação de que alguém no mundo está te procurando para ¨te ler¨ é quase angustiante e obviamente eu não queria deixar ninguém na mão. E foi crescendo, crescendo, um dia me perguntaram quanto eu cobrava para por um banner no blog e eu quase caí pra trás. Como assim, cobrar??? Pois é, e ainda dava para tirar uns trocados.  Mas enfim, o que eu NÃO esperava era ter que me adaptar a uma nova vida BEM diferente da que eu tinha e que nem fazia ideia como funcionava.

Querem saber 10 coisas da vida de blogueira que pouca gente imagina?

1 – Jamais poder ir a um restaurante bacana e comer assim que o prato chegar. Tem que fazer a foto antes. Pode até ser que não seja publicada, mas a tentativa é SEMPRE válida. E não é só clicar e ir logo pra garfada, tem que montar o cenário, arrumar os talheres, os copos, o saleiro, o guardanapo, se a mão for aparecer, que esteja hidratada, unha feita (às vezes chuto o balde quanto a isso, ninguém é perfeito né) e o pior, pedir para quem está junto também não tocar no prato até a foto ser feita. É chato, mas é necessário e alimenta nossas redes sociais. E vocês amam fotos de comida rs.

2 – Depois de certa fama, não dá mais para sair desarrumada na rua. O dia que a gente menos espera, no lugar menos provável do mundo, alguém pode te reconhecer e vir falar com você. Eu AMO quando isso acontece, sério mesmo, mas de vez em quando pega a gente desprevenida e fico toda sem graça tentando esconder a espinha ou a olheira rs. Já vou logo pro abraço pra não dar tempo de reparar muito hahahaha. Teve uma vez que fui reconhecida bêbada (tinha saído para comemorar meu aniversário, relevem o estado etílico), de madrugada, num elevador de um hotel em LONDRES! Eu lembro de você viu leitora do nordeste que esqueci o nome…. rsrsrs hahahahaha, ai gzuis, a bebedeira passou na hora hahahahaha. Mas essa vez entrou pra história. Ou como numa vez que me estranhei com um atendente da TAM e uma leitora depois veio me perguntar se eu estava no vôo tal brigando com um comissário… Se querem saber o motivo do stress no vôo, foi porque ele não deixou entrar a mala de mão dizendo que não podia embarcar com dois volumes (bolsa e mala de mão). Eu viajo sempre e sei que pode, o motivo era que não tinha espaço pra guardar na aeronave, antes tivesse falado isso! Daí stressei.

3- Não dá pra brigar com o bofe ou ter DR forte em público. Chorar muito menos. Digam isso para uma canceriana que mal consegue ter uma conversa séria sem fazer biquinho de choro durante. E já aconteceu. Tava numa DR (no Chile ainda por cima rs) e depois uma leitora me disse que tinha me visto em tal lugar com o meu namorado. Ainda bem que ela foi discreta e só ficou nisso, mas eu quis morrer 🙁

4 – Ser magra não é mais uma questão de estética pessoal. Vou explicar, calma. A maioria das mulheres quer ser magra, eu sou uma delas. Sempre tenho 5 kgs pra perder, SEMPRE! Mesmo antes de virar blogueira já tinha essa neura. Acontece que, sendo blogueira, a gente fotografa muito, recebe muitas roupas de presente, e a maioria ainda são tamanho P ou 38. Eu sou uma mulher de 1,73, peso 65 kg (com os 5 kg a mais) e não sou modelo. É cruel, ainda mais porque AMO comer e tomar meu vinhozinho, mas quero ficar bonita na foto e ao lado das amigues secas (sim, são todas secas, magras e lindas). Tão achando bobagem né? Mas nem é… Sou muito fraca pra dietas e para exercícios. Já tive minha época de ouro quando acordava malucar pra malhar, mas hoje em dia nem tenho mais tempo e pique. Tem a idade também e com isso, ficar magra cada vez fica mais difícil. O que queria dizer é que ser blogueira e estar exposta o tempo todo mexe muito com esse ponto, de estar magra, da foto boa, da roupa vestir bem. Quantas meninas que acompanhamos há mais tempo, a gente já viu secar? Não é fácil gente, ainda mais na internet que é terra de ninguém e as pessoas podem ser cruéis nos comentários. Mas falo por mim, em cada foto tenho que ver o melhor ângulo para assim poder postar tranquilamente.

5 – Milhões de fotos para postar uma só. Se antes era apenas um click e pronto, foto postada no Face (quando não era blogueira), agora tenho que tirar váaaaarias em váaaaarias posições para escolher a melhor. E AMO quando peço para alguém tirar uma foto minha e a pessoa tira várias! Fora isso tem os ângulos: se antes era só olhar pra câmera e sorrir, agora só fico no lado esquerdo (descobri que fotografo melhor desse lado), penso em algo bacana para poder sorrir (a pose natural é a mais difícil de todas!), sei que braço na cintura afina e uma mão levemente sobre o quadril também emagrece. Ah, e uma perna levemente pra frente, alonga. Agora imaginem pensar nisso tudo em questão de segundos? Com o tempo, isso tudo fica automático, mas no começo era bem sofrido e o pior, não ficava natural rs. Agora o desafio é descobrir mais poses. E sim, aquela ¨famosa¨ pose de segurar o cabelo e olhar pro chão é uma das que mais dá certo. Testem e depois me contem. Coisas de blogueiras que ficam boas na vida rs.

6 – Eventos maravilhosos, comidas maravilhosas, BEBIDAS maravilhosas e não poder se jogar 100%. Se bem que as vezes eu me jogo hahahaha (mas é raro). Imaginem, é TRABALHO! Peço com todo carinho que assimilem isso pois tem muita gente acha que é frescura mas não é. Pensem que na maioria das vezes é uma marca que nos convidou, um cliente potencial, tem empresários olhando, imprensa analisando, fotógrafos que querem foto do look o tempo todo, entrevistas que aparecem de última hora… Como fazer isso um pouco ¨alta¨ ou sempre com a boca cheia? Tô falando que é cruel… rsrsrs Fora quando tem exposição do produto e a gente tem que testar ali mesmo, avaliar, fotografar AND postar.

7 – Estar sempre carregada de câmeras, celular com bateria, carregadores, bateria extra. E outra, câmera boa, celular bom, porque as pessoas gostam de ver fotos bonitas! E é nosso trabalho, tem que rolar um investimento mesmo! Além disso tudo tem que levar a make pra retocar e algum band aid para salvar os pés dos sapatos assassinos… E tudo isso numa CLUTCH! Será que só eu sofro com isso ou tem mais colegas assim também? É cabo saindo da bolsa, batom caindo, amiga blogueira pedindo pra tirar foto dela e ainda tenho que manter a pose e segurar a tacinha de espumante hahaha

8 – Não se enganem pela foto maravilhosa, num hotel chiquérrimo, num lugar paradisíaco. Nem tudo é glamour 100% do tempo! CLARO QUE ele existe, mas muitas vezes nem é aproveitado. Quantas vezes cheguei tão, mas tão cansada no hotel com 100 estrelas que nem reparei direito no lugar e fui direto pra cama? Ou fui na piscina fiz a foto e voltei pro quarto trabalhar? Sim, o que mais blogueira faz é isso, ficar no quarto com o computador no colo, digitando freneticamente e passando perrengue com a foto que não quer subir por causa da internet fraca. Aliás, internet fraca em hotel é um karma em nossas vidas.

9 – Quarto de casa sempre desarrumado, pelo menos o meu que tenho uma assistente só um dia por semana. Imaginem fazer uma mala, desfazer e fazer de novo, pensar numa roupa pra um evento, e depois emendar em outro… Gente, nunca mais tive meu quarto organizado. Fora as roupas novas que preciso usar e deixo pendurada nas portas para não esquecer da existência delas. E ainda o monte de roupa que tiro para doar, mandar pro bazar ou ajustar. É uma bagunça sem fim!

10 – Pele e cabelos judiados pelo excesso de make, escovas e babyliss… E quando junta com o cansaço, durmo de make mesmo e é a pior coisa da VIDA! E mais, às vezes o make ficou tão lindo que quero aproveitar no dia seguinte HAHAHAHAH (#abafa)

11 – Sem xingar e nem julgar hein? Uma das coisas mais gostosas de ser blogueira é receber jabás. Lembro bem quando comecei a bloggar e ficava pensando no dia que começaria a receber coisinhas (da mesma forma que pensava se algum dia eu iria para a SPFW, era meu sonho!). Ah, muita gente pergunta como isso funciona… Bom, as assessorias das marcas mandam email e pedem nosso endereço para envio de press kit! E pronto, começam a chegar as coisas. Recebo MUITA coisa bacana (esses dias mostrei algumas no Snapchat – futilish) mas às vezes junta tanta mas TANTA coisa que mal consigo testar e postar! Sabe quando um lançamento atropela o outro? Pois é. E é nessas horas que eu queria uma assistente jabazeira para me ajudar a ler todos os releases (um papel com as informações sobre o produto) e ver o que é mais bacana e poder testar. Inclusive, recebi um produto tão maravi da Maky Kay que vai virar post. E a pior parte: guardar tudo. Haja espaço! Obviamente dou muita coisa de presente pra minha mãe e amigas (e minhas leitoras de BH rs, já fiz encontrinho e dei vários presentes) mas queria mesmo era tempo para poder provar tudo…

12 – Daí que a blogueira recebe um produto bacana, acha legal mostrar, monta um post testando e aparecem as pessoas falando que é publi, que tem que sinalizar, que tá recebendo dinheiro por isso. Gente, nem sempre é assim. Pelo menos eu, quando é post pago, fica sinalizadinho lá em cima, logo abaixo do título. Quando é jabá (presente da marca) não tem porque sinalizar como publieditorial, afinal é propaganda espontânea! Isso chateia um bocado viu… colocar a honestidade em dúvida (de quem sempre foi honesta em relação a isso) é muito chato e desanimador.

13 – Nunca mais viajar se resumiu a colocar uma legging preta, um moletom, tênis e prender o cabelo num rabo de cavalo. O aerolook é um dos looks mais curtidos e esperados por todo mundo! E eu concordo com isso, pois geralmente são roupas confortáveis, fáceis de usar, que todo mundo tem mas a gente incrementa um pouquinho pra ficar fashion. Então, além de ter que se preocupar com os looks da viagem em si, o look do aero também vira uma preocupação extra, mesmo se o vôo for as 4 da manhã…

14 – Como já contei, somos observadas e avaliadas o tempo todo. Tem que ser muito desapegada da vida para não se preocupar com a aparência sendo que a maior parte de nosso trabalho pede que a gente apareça e claro, falamos de moda e beleza! Já viu dentista com dente feio? Personal trainer gordinho? Dermatologista com a pele ruim? Temos que tratar a pele, o cabelo, tentar estar sempre com a unha feita, cuidar da celulite, sumir com os vasinhos das pernas, dentes bonitos, manter a postura… Mas quer saber, acho isso fantástico em qualquer mulher, seja ela blogueira ou não! Claro que pra gente tem um fator extra que é a exposição, mas acho que se não fosse blogueira, faria isso tudo assim mesmo.

15 – Falta de tempo geral e muito jogo de cintura para cuidar da familia e do namorado/marido. Haja compreensão e conversa com os bofes viu? Como explicar que aquela viagem top, com hotel top, festa top é trabalho? Vocês estão rindo né? Mas é verdade, não dá tempo de aproveitar, curtir normalmente…  E olha que eu nem viajo muito, imagina as meninas que não param em casa e ainda mantêm relacionamentos? É tenso! E quem tem filho? Como lidar com um trabalho que te faz ausentar de sua casa e ter pessoas que acompanham sua vida, sabem da existência dos filhos e maridos e ainda te julgam isso? Gente, eu que não tenho filhos, fui duramente julgada, xingada e criticada quando tive que deixar o Nero com minha mãe porque não queria deixar ele sempre em hotelzinho quando eu fosse viajar, além que eu ficava o dia todo fora de casa e ele sozinho… Fizeram até perfil fake pra me xingar e isso durou MESES! E eu ainda tenho um agravante: minha família mora no exterior e quando eles vem me visitar eu mal tenho tempo para ficar com eles. Minha mãe veio agora, ficou um mês, e acho que só a vi durante alguns dias 🙁

16 – Tensão quando tem algum vídeo, entrevista ou foto em revista que a gente não consegue ver antes de ser publicada. Eu fico em pânico hahaha. ¨Será que falei direito?¨ ¨Será que pareci retardada?¨ ¨Será que vão publicar exatamente o que falei?¨ ¨Será que vão escolher a foto que tô mais magra?¨ ¨Será que fizeram photoshop e fiquei deformada?¨ Sobre esse último exemplo, já aconteceu comigo… Saí numa revista e fizeram TANTO photoshop que nem parecia eu. Fiquei com ódio e não comprei nenhum exemplar. Minha mãe comprou um monte, mas eu não quis nem ver direito rs.

17 – Não poder mais falar sobre tudo naturalmente é uma coisa que me irrita muito. Sempre fui muito de opinião, de falar o que penso, mas de uns tempos pra cá isso se tornou quase impossível. Tudo é mal interpretado, ou burramente interpretado diria eu. Não dá mais para usar ironia sem explicar que é ironia, fazer uma brincadeira, ser sarcástica… Daí que os blogs ficam chatos, tudo tem que ser certinho, politicamente correto, preciso pensar milhões de vezes antes de falar algo, ou então falar, apertar o ¨publicar¨ e sair correndo rs. Gostava mais quando eu era 100% eu e ninguém me podava.

18 – Blog virou uma empresa para cuidar. Outra coisa que nunca imaginei na vida é o quanto dá trabalho cuidar de um blog e olha que eu sou beeeeem… não é desleixada a palavra, mas tipo, eu poderia me dedicar mais. Pagamos impostos, emitimos NF, pagamos contador, servidor do blog (e não é barato… quanto mais acessos, mais caro fica, já cheguei a pagar R$ 2.500 por mês pra ter o blog no ar mas consegui otimizar), programadora, o layout novo (tem que renovar né, e o meu tá ficando LINDOOOOO! Só que… cadê tempo pra eu acabar de passar tudo o que quero pra moça?), cuidar do comercial, do financeiro, responder os emails de leitoras e clientes, aprovar os comentários (infelizmente… Se as pessoas fossem mais educadas na internet, isso seria um trabalho a menos), alimentar as redes sociais (Facebook, Instagram, Snapchat e por favor que não me apareça mais uma rede social rs)… E novamente eu tenho mais um agravante, faço tudo sozinha hahaha. Gente, eu tenho dificuldade IMENSA em delegar. Tem uma frase do Steve Jobs que eu queria tatuar na testa: Concentre-se naquilo que você é bom. Delegue o resto. E eu sou boa em escrever, em postar, mas não consigo delegar pois acabo conferindo o trabalho da pessoa e fazendo tudo duas vezes. Tenho que tratar isso rs. Fora o tanto de ideias que tenho, de projetos e não consigo por em prática justamente por ter que dar contar de todos os itens acima sozinha.

19 – E claro, postar sempre, que é o me trouxe a esta vida. Eu AMO AMO AMO postar, vocês não tem ideia do quanto gosto. Me inspiro no dia a dia (outra coisa que sempre me perguntam, de onde tiro tanto assunto), no cotidiano, nos problemas comuns, no olhar rotineiro. Vejo alguém na rua usando algo e quero pesquisar. Vejo na internet alguma micro trend bombando e quero saber mais. Acordo com uma olheira monstra e sinto vontade de falar sobre olheiras e pesquisar produtos. Cismo com uma calça que vi no shopping e quero contar pras pessoas. Vou a algum lugar bacana e quero mostrar pra vocês. Recebo algum email interessante e sinto vontade de compartilhar a dúvida, ou até mesmo o desabafo… Me contam de algum alimento novo, bom e que ainda emagrece e quero saber se vocês já testaram… Então imaginem como fica a cabeça da pessoa que vos escreve neste momento com esse turbilhão de afazeres e ideias?

Ia falar 10 coisas mas viraram 19 e poderia contar muito mais rsrs. Que fique BEM CLARO, amo o que faço, acho fascinante ser blogueira (ainda mais por ser algo relativamente novo e misterioso para a maioria), acho o máximo o espaço que a gente conquistou, o nosso olhar ¨real¨ para a moda e coisas de beleza (quando aplicável ao caso) mas confesso que ainda existe uma sensação de ter que aproveitar tudo enquanto dá para aproveitar. Hoje em dia muita gente quer ser blogueira mas não sabe dos perrengues, das despesas, do trabalho exaustivo 24 horas 7 dias por semana, das obrigações que nós mesmas nos atribuímos (eu tenho uma meta de postar todos os dias, 2 vezes por dia mas nem sempre dá), das cobranças (uma coisa que eu faço muito e me considero corajosa: viajo por prazer e sumo alguns dias. Muitas não fazem isso porque estão perdendo oportunidades mas eu ainda prezo um pouco pelo meu prazer. E a parte ruim? Receber comentários maldosos que o blog está parado e esse é meu trabalho e eu tenho que trabalhar mais 🙁 ), de não ter tempo para chegar em casa (isso quando se está em casa) e simplesmente assistir televisão…

  • É gente… nossa vida não é tão fácil nem glamourosa quanto parece. Não trocaria por nada, sou muito feliz e agradecida por eu ter seguido o fluxo da minha vida que me trouxe por este caminho, tão diferente e que eu nem imaginava existir. Só queria que vocês soubessem um pouquinho do backstage dessa loucura dos blogs e das fotos lindas do Instagram. Por trás disso, tem muito suor, dedicação e batom!
Escreva seu Comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui
146 comentários em “Dez Coisas Sobre a Vida de Blogueira”
  1. Gabriela15/09/15 • 13h34

    Cony,

    O jeito como você leva o teu trabalho é incrível! Obrigada por nos inspirar e divertir tanto!

    Beijo grande!

  2. gabriella15/09/15 • 13h43

    O fim da picada, falarem que vc tem que trabalhar mais kkkk

    • Andrea15/09/15 • 16h49

      Eu vi esse comentário e fiquei chocada com o abuso da leitora, que o futilish estava postando pouco pelo que ela recebia para trabalhar!!
      Mas pior do que quem não posta por falta de tempo, é leitora que fica cuidando da vida dos outros!!!

  3. Lais15/09/15 • 13h44

    Oi Conny,
    Leio seu blog a séculos rsrsrs, ADORO o Jeito que você “fala” and escreve, me identifico muito com você, adoro seu senso crítico, e sempre fico me perguntando como será a vida de uma pessoa como você, que correria master, deve ser complicado mesmo, principalmente relacionamentos, mas fico feliz de vc se manter firme! assim posso me entreter e me divertir com seus assuntos! bjo

  4. Mariliana15/09/15 • 13h44

    Cony, você é ótima pois escreve naturalmente como a maioria de suas leitoras. Estás no caminho certo e tudo que você recebe de bom é o universo conspirando a seu favor, pois vc espalha boas energias. E os comentários ruins existem pra provar que ninguém é perfeito e que seu sucesso pode “incomodar”. Parabéns pelo seu trabalho e profissionalismo e não se preocupe que nas suas férias estamos torcendo pra vc se divertir e nos contar as dicas dos passeios, pois viajamos com vc também!!!
    kisses

  5. Priscila15/09/15 • 13h47

    Cony adorei o post, mas queria saber se vc mantém só o blog, ou se ainda tem um outro trabalho. (A curiosa kkk) Beijo

    • Constanza15/09/15 • 13h50

      Com isso tudo rs… so o blog msm

      • Priscila15/09/15 • 13h54

        Ahhh bom rs. Já ia te perguntar como vc faz p multiplicar as horas do dia…

  6. Laisa15/09/15 • 13h51

    Cony, te acompanho há anos (nem sei qtos)e vi seu crescimento, crescimento do blog. Acho lindo!!! Vc está de parabéns por conseguir ir se adaptando à esse mundo novo para todos. É percetível o carinho que vc tem com o blog e conosco, consequentemente. O que não percebemos em outros blogs . Sucesso pra vc!! Bjooos

  7. Daniela F.15/09/15 • 13h53

    Post simplesmente fantástico e só me faz te admirar cada dia mais =) Mil beijos

  8. Ana15/09/15 • 13h55

    Amei o post!!!

    Com tantos blogs, o seu é o único que vejo TODO santo dia. Continua “real”, os textos são ótimos, faz as leitoras se sentirem suas amigas… É realmente fantástico!

    E pena que moro em outro estado, senão já ia me candidatar à vaga de ajudante do Fufu – especialmente na parte de testar os jabás kkkkkk

    Super beijo e parabéns pelo seu trabalho!!!

  9. camila15/09/15 • 13h56

    Muito legal seu relato, parece fácil seguir essa trajetória, mas sem o seu talento impossivel chegar onde chegou. Blogueiras ricas sem talento até que conseguem algum micro sucesso local, mas pra se destacar a nivel nacional só assim. Fiquei curiosa em relaçao a um antigo emprego que você tinha..precisou sair ne? Bjoo, fica com Deus! :*

  10. Kaa15/09/15 • 13h57

    Liga o foda-se pra gente cricri Conny! Eu sei… falar é fácil.
    Os seus textos são os meus favoritos da internet! Leio desde… deixa eu ver… 2010 acho. E quanto o blog cresceu de lá pra cá, né?! Tem + posts patrocinados, mas você continua integra e isso é o que importa… é por isso que estamos aqui!

    Quanto a falta de tempo, paciência… esse é o preço do sucesso, mas realmente delegar é necessário e a vida não espera!

    Parabéns pelo sucesso,
    mta paz e bjos!

  11. claudia rosa15/09/15 • 14h01

    Cony,como gosto do fufu!!!! Nem imagino essa loucura , mas oh se queres tirar uns dias de folga , faça, nao ligue para as reclamações , nao tenha pressa, pois assim fica chato. Acho que os dias de hoje as pessoas estao muito sedentas de informacoes e de opinioes e esquecem que isso leva tempo pra criar ….e oh se eu encontrasse voce na rua descabelada e sem maquigem iria aplaudir , por que as vezes acho um pouco surreal estar bela sempre … ai voce deixa de ser real e passa a ser uma capa de revista. … entonces … viva o seu momento , curta os prazeres e deveres sem grilo no blogesfera …. beijo …

  12. Anne15/09/15 • 14h06

    Quase nunca comento, mas sempre te amei! kkkk É a blogueira que mais leio e acho mais “completa”. Parabéns pela dedicação. Força na peruca! Adoro tua espontaneidade e sobre os pileques… kkkk tb adoro a Marina do 2beauty pq ela posta Snap mais pra lá do que pra cá…. gente como a gente, é amor eterno!

    • Gabi S.15/09/15 • 14h19

      Morro de rir com os snaps da Marina! aahahaha

    • Vanessa Maria15/09/15 • 14h27

      Também curto demais a Marina. Ela e a Cony são sempre as duas blogueiras que acesso diariamente.

      • Juliana15/09/15 • 16h34

        Amo a Marina também!!!!

  13. Ana Miranda15/09/15 • 14h12

    Ai Cony, da um abraço aqui…

  14. Sylvia15/09/15 • 14h13

    Vc é show,simples assim!!!!

  15. Nicole15/09/15 • 14h14

    Obrigada por um relato tão honesto sobre essa vida de blogueira!
    Divertido ver esse outro lado e sempre incrível a naturalidade que você tem pra falar sobre os mais diversos assuntos. Parabéns! 😉

  16. Jessica15/09/15 • 14h16

    Cony,

    Quase nunca escrevo, mas estou sempre por aqui lendo tudo!!! Adoro o blog e a leveza que ele tem, vc conduz tudo muito bem!!!

    No item 2, lembro do dia q te encontrei na savassi, tomando uma café na três corações, tive que te cumprimentar, mas percebi nitidamente que vc ficou sem graça..rsrs deve ser dificil lidar mesmo… Toda hora alguém por perto…rs

    Mas fica aqui os meus parabéns!! Bjsss

  17. Daiane15/09/15 • 14h16

    Meu Deus, muie como vc escreve bem assim.

    Adoraria um livro seu, podia ser no estilo daquele da Danuza sabe?

    Aqui minha dúvida/curiosidade você saiu do antigo trabalho? Agora é blogueira o dia todo?
    =]

  18. Daiane15/09/15 • 14h17

    O muie é zuação hahaha.
    Cony Parabéns o blog ta cada dia melhor, so não deixa ele virar site.
    Confesso que alguns blog que seguia tem tantos janelas que parei de seguir pq da trabalho.

  19. Gabi S.15/09/15 • 14h18

    Cony, te acompanho a taaaanto tempo (desde o flickr! rs) e sempre percebo que você mudou o jeito de dizer certas coisas por causa da chatice das pessoas!
    Acho engraçado que a pessoa fala o que bem entende e acha que você ainda tem que ser educada, pq afinal você é uma pessoa pública. Oi? Você é uma pessoa e é isso que as pessoas tem que entender!
    Duvido que alguém gostaria de ouvir de uma “amiga”: Como você engordou! Ou algo do tipo. Ou duvido mais ainda que essas pessoas te diriam esses desaforos cara a cara! ahahaha

    Mas enfim, siga adianta, seu caminho é lindo e com certeza cheio de sucesso! Fico feliz em ver o crescimento do seu blog e o quanto você se dedica.

    Beijo!!!

    PS: Tô disponível, me contrata como sua assistente! 😉

    • Karisse19/09/15 • 02h00

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Achei top o pedido para ser contratada!

      Contrata, Cony!!!

  20. daniela borghi15/09/15 • 14h19

    Conita, vc ja virou amiga íntima!!!! te admiro muito querida!!!
    e vou ser sincera e nem estou puxando o saco pq não sou dessas hahahaha
    seu blog é o único que entro diariamente!!! vc fala nossa língua!!
    bjus e muito sucesso!!!

  21. camille15/09/15 • 14h22

    Cony, você é demais!!! Escreve bem, passa as sensações como ninguém e sim, queria morar em BH e talvez ter certeza que iríamos ser amigas (juro que não sou obsessiva, sou normal!! Acho que outro tópico do post seria: ser considerada amiga de quem não conheço?!?!?!)
    Lindona, toda proteção de Deus sempre no seu caminho, força e foco em você e no que tu gostas de fazer e obrigada pelas conversas de viagens, amor, comportamento e até moda e beleza!!!
    Bjs

  22. Márcia15/09/15 • 14h24

    Cony, sigo seu blog desde 2010. Adooooro suas ideias, dicas, seu jeito de escrever, sua cara de brava, sua sinceridade, sua elegância e seu português impecável!!! Obrigada! Vc já me ajudou muito! É muito legal acompanhar a sua carreira. Torço por vc. Espero que vc tenha muito sucesso e seja sempre feliz! Estou na lista de espera do encontrinho em Brasília! Bjs

  23. Vanessa Maria15/09/15 • 14h24

    Menina!!!! Li todinho o post e adorei!
    Não deve ser fácil com certeza e acho que deve ser um exercício enorme de abstração quando se recebe duras criticas de quem você não conhece e que ainda te cobra coisas tão pessoais como algumas que você relatou no post.
    Parabéns Cony, por ter se colocado de forma tão bacana para suas leitoras. Já te admirava e agora a admiro mais ainda. Só posso desejar que esse espaço aqui prospere cada vez mais e que você seja cada vez mais feliz e realizada !
    Beijos

  24. Lívia15/09/15 • 14h24

    E pra gente é um prazer acompanhar seu trabalho! Sempre descontraída e cheia de conteúdo! Ahh…por favor nos ensine a usar as diferentes calças com barra dobrada!! 🙂

  25. Sarita15/09/15 • 14h27

    Não é à toa que o seu blog é o ÚNICO blog de “blogueira” (hahahah) que eu gosto de ler… todos os outros eu acho cansativos, terceirizados ou comerciais demais!
    Arrasou, as always! Sucesso!

  26. Renata15/09/15 • 14h29

    Cony…adoro seu trabalho, me inspiro muito em você!Tenho um “blogzin” pq sempre gostei muito de escrever e tal…com filha pequena que só vai à escola meio período, me virava vendendo roupas para as mais chegadas(tipo sacoleira msm) e então sentia necessidade de falar sobre o q eu vendia…então “publicava-me” kkk na minha page no face, no insta…até q um dia, eu msm desenvolvi meu blog no wordpress (sozinha, quase enlouqueci…não sei nd de programação)e nem tinha grana para contratar alguém pra fazer…enfim deu td certo…agora não vendo mais roupas…faço propagandas(postagens de looks) gratuitas no blog para obter conteúdo e consequentemente leitoras e boraaaaa! Não quero desistir…quero muito trabalhar com isso…Ah!Se quiser uma assistente para os Jabas tô aqui e meu blog tbem…kkk brincadeira querida!Continue nesse seu ritmo que estou aqui curtindo muito sempre!Grande Beijo!!!

  27. Isa15/09/15 • 14h29

    Não sei direito quando ou como comecei a acompanhar alguns blogs de moda ou beleza, só lembro que foi mais por produtos e dicas de maquiagem. Conheci marcas, acessórios, truques que nunca havia imaginado, e de certa forma fui moldando meu estilo, aprendendo e ‘me encontrando’. Achei o Futilish (assim como muita gente, tenho certeza), por causa das compras ching-ling e no site-que-não-pode-ser-nomeado (hehe). Mas confesso que em determinado momento as coisas ficaram meio chatas. Ando pouco consumista, meio desapegada. Deixei de acompanhar muita gente, deixei de me atrair tanto por ‘tendências’, deixei de admirar a ostentação que de certa forma permeia esse meio.
    Mas Cony, com você é diferente. Nós sentimos verdade no seu trabalho, honestidade, franqueza, sensibilidade. Pé no chão, carinho com o que faz e com quem te acompanha. Não é só um blog sobre roupa que tem que ter, lugar que tem que ir, cor que tem que usar… É sobre a vida, sobre sentimentos… mesmo num post sobre decoração tem sempre uma história por trás. Por isso que hoje tanta gente sai por aí classificando as onças pobres e ricas, querendo conhecer Minas, torcendo para o Chile e desejando férias em Mallorca.
    Que você continue tendo muito sucesso no trabalho, paciência para aguentar os pobres de espírito e saúde para aproveitar todas as recompensas do seu esforço! Beijão!

    • Constanza15/09/15 • 14h37

      Chorei

    • juliana15/09/15 • 14h48

      concordo planamente! Não leio mais nenhum blog de moda (além do fufu) cansei de todos, chatos, repetitivos, sem personalidade e espontaneidade! Adoro esse ambiente , a Cony esta tão próxima de nós leitoras que parece um papo entre amigas .
      Adoramos seu trabalho ! <3

    • Daiane15/09/15 • 17h52

      Concordo.

      Eu falo de você pra minhas amigas, pra minha mãe e pro momo, haha!
      Seu jeito de escrever faz um elo conosco sem explicação, passamos a te conhecer tão bem tão bem que por uma postagem de uma foto já sabemos o que vc tá sentindo, se ta feliz, se ta triste, se ligou o fodas, se ta sonhando ou se ta pé no chão.

      Ah te amamos

      • Jéssica16/09/15 • 11h42

        Gente, esse comentário definiu perfeitamente o que eu penso, e o que muita gente te acompanha Cony.

        Esse negócio de blog de MUÓDA ta começando a cansar…pelo menos pra mim…é tudo mais do mesmo. Mas o seu realmente diferente, e por isso entro todo dia escondida do chefe pra ver seu post novo haha

        Muito sucesso sempre pra você!

    • Nívia16/09/15 • 14h02

      Linda palavras…
      Por isso a Cony é minha blogueira favorita, a única que ainda leio com frequência.

      Cony, parabéns pelo trabalho maravilhoso e por dividir suas aventuras conosco.
      Sucesso, sucesso e sucesso!!!
      Beijão

  28. Gabriela15/09/15 • 14h35

    Cony, acho que td isso vale mto a pena, né? Atualmente vc é a única blogueira de moda que acompanho pq é a única que tem uma vida real. O resto pra mim ficou falsiane demais, intocável demais e principal: totalmente fora da minha realidade e de 99% das pessoas.

    Acho mto foda isso dos haters. A internet virou uma terra de ng e as pessoas acham que podem tudo sem consequencias. Sou dona de um mini canal de literatura e fizeram um canal fake só pra me ofender, isso pq tenho 1400 inscritos! Olha o absurdo!
    Muita gente fala ‘ah td bem releva’, mas é complicado. É mto difícil não se deixar levar e não se abater às vezes.

    Desejo todo sucesso pra vc e que vc continue ao máximo com suas opiniões fortes pq é um diferencial incrível!
    Bjos!

  29. Raissa15/09/15 • 14h52

    Cony, amei! Parece que ta conversando com a gente na mesa do bar, rs
    Mas, conta pra gente, antes você tinha o blog + outro trabalho, certo? lembro de uma vez voce ter comentado, que não sabia qual seguir, afinal, blog era incerto e o trabalho era certo… conta pra gente como foi essa mudança, se dedicar só ao blog! Sucesso 😀

  30. nayara gama15/09/15 • 15h04

    Conyyyy… Na explosão dos blogs uns dois anos atras lia váriosss!!! Todo dia entrava pontualmente em varios blogs!!! Achei o seu blog quando estava pesquisando dicas do Chile e amei a forma como vc explorou o assunto no blog. Passei a acompanhar o seu blog tbm. O tempo foi passando e varios outros blogs foram perdendo a graça, mas o seu é tão dinâmico, tão divertido, tem sempre uma novidade, algo que a gente queria saber ou algo que a gnt nem sonha que existe!!! Enfim… O unico blog que entro todos os dias até hj é o seu e amo!!! Parabéns pelo trabalho…. E poxa pensava que era so glamour a vida de blogueira, mas tem cada perrengue!!! bjooooo

  31. Mona15/09/15 • 15h08

    Conyta… hoje vc “falou” hein kkk… até parece né? tenho que segurar a lingua e os dedos (vide zap). Pois bem, algumas curiosidades sanadas vamos à mais conversinha. Se seguimos vc, não nos importamos com aquela espinha ou melasma mediterrâneo, não se preocupe. Onde eu me imaginaria usando sapatinhos com pêlo de onça? chapéu? que um macacão me deixa uma balzaquiana mais phyna? Desejando mergulhar em Marloca e beber aquele drink laranja. Ou perguntas do tipo? Como eu nunca pensei nisso até hoje? Pois bem, com vc descobrimos isso e muito mais. Pense em uma pessoa morando em Ouro Preto, deprimida pós chute na bunda (via internacional) e me vem o post da botinha da cuca e os comentários para responder, rir junto e salvar sua noite? Te seguia há um tempo já, mas depois da botinha, não teve como largar mais. Era F5 toda vez que vc sumia kkkk. É como a leitora Isa já resumiu acima, vc é verdadeira e franca (adoro). Sem mimimi…. morro de preguiça. E o quanto aprendemos a coprar, consumir o certo, dentro do possivel, são infindos os aprendizados.
    Sobre a testadora de jabás estou aqui gente!!! Gravo, fotografo, posto, dou o feedback e tudo mais. Aqui há uma jornalista que adora falar (como haveria de ser?), e ainda sou organizada #ficadica. Bem Conyta, é isso, e muito mais que não cabe em comentários mas sim em uma roda de conversa, samba e drinks. um abraço carinhoso. bjo bjo

    • Constanza15/09/15 • 15h23

      Ahhhh que linda Moninhaaa!!! Um dia farei um spritz bem especial pra vc ta!

      • Mona15/09/15 • 15h48

        Áhhhh “már” vou cobrar. kkkkk

  32. maria15/09/15 • 15h09

    voce é uma querida, Cony. Parece gente como a gente. Mas a vida é assim, com mais fama, mais responsabilidade. Nao deixa de ser um reconhecimento do seu empenho e sucesso ne?!
    As leitoras tbm ficam com saudade daquele inicinho do blog, daquela fase que tinha ddl e tals, mas nao podemos cobrar nada e temos é q ficar felizes que vc nao nos largou e nao ficou chata q nem outras blogueiras q mostram uma realidade mto acima da nossa (nao que vc ja nao esteja passos a frente, rssss, mas nao deixa de nos dar assistencia).
    e falando naquele tempinho pra descansar e tomar um vinho, qual vinho (chileno) voce me recomendaria?

  33. Soraia15/09/15 • 15h15

    Acompanho seu blog já tem tempo.
    Eu já imaginava toda essa parte onde o trabalho invade a vida pessoal.
    Quanto a delegar eu tenho dificuldades quanto a isso também.
    Tenho uma dúvida. Com esse ritmo de vida e esse trabalho caso fosse eu, com certeza PARA MIM teria prazo de validade, ou seja, eu já teria em mente que no futuro, em algum momento eu faria outra coisa.
    Você pensa assim também? Tipo pensa em parar no futuro? Em fazer outra coisa? Ou prefere nem pensar nisso por enquanto?
    Faço coro com uma comentarista ai acima. Ando mais desapegada, menos consumista e me interessando mais pela vida como um todo, e assim sendo, foram ficando para trás muuuitos blogs mas no seu eu continuo entrando sempre.

    Bjoooos

  34. Eliza15/09/15 • 15h15

    Cony, te acompanho já há muitos anos e o Fufu é o único blog que eu não perco nenhuma postagem… Quando volto de viagem faço questão de ler todos os posts que perdi quando estava fora, ahahahah!!!
    Beijos!!!!

  35. Paula Moreira15/09/15 • 15h23

    Cony
    Você é a única blogueira que eu acesso todos os dias!
    Não me lembro quando foi a primeira vez mas sei que foi há muito tempo. O que me cativou foi seu estilo democrático, muito gente como a gente kkk. Continue assim!
    Só temos que agradecer pelo seu empenho e dedicação.
    Beijos!!

  36. Mariana15/09/15 • 15h50

    Cony,

    Acompanho seu blog há muito tempo e foi o único que me manteve fiel até hoje, justamente pelo seu dinamismo, espontaneidade e por ser tão acessível às suas leitoras (tanto os posts como seu modo de escrever).
    Você sim parece ser uma pessoa de verdade…e é isso que nós queremos ver!! Nunca perca sua essência!!
    Beijos

  37. Karine15/09/15 • 15h57

    Nossa, parabens primeiro por conseguir escrever tudo isso, e fazer eu ler tudo rss…

    segundo… manda um f para as invejosas de plantão…

    e terceiro..parabens pela dedicação seu trabalho e otimo!

    http://www.achadochique.com

  38. Bethania15/09/15 • 16h02

    Cony querida,
    Adoramos o seu jeito de escrever e tenho certeza que 100% dos comentários serão ao seu favor e te pedindo para não ter papas na lingua!
    Me divirto muito com o seu blog e sou leitora assídua! Adoro quando você desabafa e conta um pouquinho da sua vida pessoal! Tenho medo de te encontrar e pagar de íntima de tanto achar que te conheço! hahhahahahaha!!!…
    Beijos!!!!

  39. Mariana15/09/15 • 16h04

    Adorei a sinceridade, como sempre! Sigo você há anos, e fui lendo os posts de trás pra frente até chegar na primeira página! Você e as meninas do Coisas de Diva são minhas blogueiras preferidas, pela sinceridade e pé no chão que demonstram. E esse sucesso todo é pra dar um olé naquelas linguarudas que falaram que você iria mudar depois do FHits! Mudou sim, graças a Deus por que não mudar é muito triste, mas mudou para melhor, com mais estrutura para você e seus sonhos. Muito sucesso e paciência sempre, por nós e por você! Parabéns :)))

  40. Maira15/09/15 • 16h14

    Ai Jesus, Cony do céu, cansei só de ler fiote…rs

    Olha; nem sei como cheguei até aqui e como comecei a me interessar pelas coisas que você mostrava, mas fico feliz por ter vindo e ficado, pq hoje, graças as suas dicas eu consigo adaptar a minha realidade e fazer compras mais inteligentes e não mais só pelo impulso de achar bonito.

    Engraçado pensar que algumas vezes entro numa loja e uma das primeiras coisas que penso é: Será que a Cony ia achar legal essa roupa? Ou quando estou naquele dia, meio desarrumada (a gente tem aqueles dias que não tá muito afim de se arrumar) e pensar: Affe, se a Cony me visse assim e eu a reconhecesse ia fingir que eu não a reconheci, não teria coragem de chegar perto e me apresentar…kkkkk (coisa de gente doida…rs).

    A gente não se conhece, mas a minha felicidade e orgulho é o mesmo que sinto de uma amiga íntima e próxima. Muito feliz por fazer parte do seu sucesso sem nem ao menos te conhecer; feliz por você estar com alguém que te ama e valoriza exatamente com todas as falhas e qualidades (snap conta tudo…rs); feliz pelo seu crescimento profissional; pelo seu gosto pela moda cada vez mais refinado e consciente; por estar feliz na posição mais que merecedora, a de vencedora.

    Muito sucesso, saúde, viagens, amor, unhas descascadas, pele sem base, cabelo desgrenhado, recomeços e descobertas.

    Bjocas

    • Constanza15/09/15 • 16h18

      Gente que lindoooo, poxa, nem esperava esse retorno rsrs. Obrigada pelo carinho!

      • Maira15/09/15 • 16h30

        Obrigada nada, estou aceitando doações dos jabas que você não quiser, carrego suas malas nas viagens e te faço companhia, ou seja; viro uma faz tudo…rs…zoeira viu, só pra descontrair.

        Bjocas

  41. Juliana15/09/15 • 16h32

    Cony, vc não imagina o quanto eu gosto de vc e te admiro. Adorei a sua sinceridade ao escrever o post. Eu, com toda certeza do mundo, não conseguiria ser blogueira nem por um dia… Bjs

  42. Bruna Costa15/09/15 • 16h44

    O povo é bem chato mesmo
    Chocada com esse negocio do Nero. Quando vc deixou ele com seus pais, te julguei de forma positiva: seu amor por ele foi maior que o egoismo de ter um bichinho em casa, mesmo sem poder cuidar. Tem muita gente que acha legal o bichinho trancado em casa, dando atenção pra ele quando bem quiser. Achei vc forte demais ao tomar essa atitude.

    No caso de viajar e nao postar, aconselho vc a, num post, deixar claro que vai descansar uns dias e a frequencia vai diminuir. Muitas vezes a viagem e de lazer, mas as pessoas acham que é de trabalho, ai enchem o saco (não que estejam certas. Só pra evitar chatice mesmo)

    No mais, parabens! Adoro muito seu blog
    Imagino como deve ser dificil separar sua vida pessoal da profissional. Te aconselho a fazer isso o maximo possivel. Enquanto tem dez pessoas elogiando seu namoro novo ou sua perda de peso, pode ter certeza que tem cem invejosos te desejando mal. Sad, but true.

    Beijinhos

  43. Irla15/09/15 • 16h57

    Em alguns momentos da leitura me veio à mente uma fala da Julia Roberts no filme Um Lugar Chamado Nothing Hill…
    Muito obrigada por compartilhar sua vida conosco!!!

  44. Raquel15/09/15 • 16h59

    Esse é o único blog que eu visito diariamente (e dou F5)
    hahahahhaha
    O que mais me mantém fiel aqui é o conteúdo. Você é bem versátil, conversa sobre vários assuntos e sempre escreve bastante.
    Por favor, não vire aquelas blogueiras que colocam no mesmo post 100 fotos do look do dia com várias cars e bocas mostrando até os detalhes da calcinha!hahaha
    Acredito que faz parte da publicidade mas é um saco, parece que estou vendo um catálogo de moda!
    Ps: adorei ver que você respondeu que não está mais no outro emprego,estou curiosa sobre isso há tempos, mas fiquei com medo de perguntar e ser invasiva!=)

  45. Milena Cardoso15/09/15 • 17h01

    Ai Conyyyy!!
    Seu blog é muitooo especial! Tem tantos assuntos legais, sou leitora de todo dia, mas não comento muito. Pode ter certeza que a maioria aqui valoriza muito o seu esforço!
    Ontem mesmo lembrei de vc,estava de blusa de linho creme com listras pretas, calça skinny barra virada,e scarpin nude), minha mãe disse: nossa você está simples mas está tão chique…
    É isso que eu procurava para mim, e foi você que me ensinou viu? Tudo culpa sua!!! Obrigada e um beijão!

  46. Marília Lib15/09/15 • 17h08

    Que post gostoso de ler. Assim como várias amigas, quando leio o que você escreve, parece que estou num gostoso bate-papo… Esse post só aproxima ainda mais você de suas leitoras, o que está acontecendo em sentido oposto com outros blogs famosos. Eu gosto de Thassia, Lalá´s, Estúpidas, Coelhos e afins, mas cansa tanta publicidade, e em alguns, você percebe que nem foi a própria blogueira que escreveu (em post assinado pela mesma, hein)… Quem acompanha blogs desde os pioneiros em estilo (Oficina de Estilo, Hoje vou assim, Glamour Paraguaio, Agora que sou rica) sente a diferença de conteúdo genuíno, e o seu é um dos poucos que se mantém autênticos. Eu quero saber do último sapato desejo, mas quero saber opiniões sinceronas, quero gente do outro lado da tela, quero saber do que você não gosta também. Ah, e vale dizer que apreciamos humanidade em blogs… seu post sobre fim de relacionamentos (de alguns tempos atrás), foi parar na minha barra de favoritos quando levei um pé na bunda depois de 7 anos de namoro… e você não tem idéia do quanto me ajudou, acho que li umas quinhentas vezes, sem exagero… lia o post, os comentários… aliás, agora estou namorando e feliz, e vou ler de novo… pra não perder aquele sentimento independente que senti tantas vezes. Obrigada Cony, por tudo e por aguentar tudo isso aí pela gente, suas leitoras. Beijo!

    Ah, eu também tenho um blog… depois do pé na bunda, perdi 25 quilos, recuperei a saúde e a auto estima: http://www.marilianaopodeparar.wordpress.com

  47. Rê Moraes15/09/15 • 17h09

    Cony sua linda!! Nossa..fiquei lembrando quanto tempo faz que eu vejo o Fufu todo dia..nem lembro! Só se que a primeira coisa que pensei quando soube que ia vir morar em BH foi: Vou conhecer a Cony!
    Parabéns pelo sucesso! Vc merece!
    Ah..e pode continuar com as piadas e sarcasmos que a gente adora! Nem liga pra patrulha do politicamente correto..preguiça desse povo!

    Bjsss

  48. Daiane15/09/15 • 17h09

    Muito bom o post. Adoro o jeito q escreve, colocou bem na realidade o q e ser bloguira, uma máximo! Parabéns.
    senhoritadoslacos.blogspot.com
    Bjos

  49. Flávia15/09/15 • 17h19

    hahaha, que legal! Amei esse post, super me identifiquei! <3

    Em geral, os blogs que mais gosto são esses que começaram meio por acaso e foram crescendo. E como lidar com isso tudo sozinhas né? Sempre quis saber se vc tb trabalhava só ou tinha uma equipe! Tb não sei delegar e apesar de ser uma loucura, é tb uma delícia ter autonomia pra tudo e saber cada detalhe de tudo que tá acontecendo no nosso trabalho.

    Beijo grande e muito mais sucesso!

  50. Hallini15/09/15 • 17h22

    Querida Cony!, você é realmente especial, e uma das poucas blogueiras que sigo; que continua sendo a mesma pessoa. Quando encontrei seu blog por acaso ele e você mudaram a minha vida! E assim, nem Jesus Cristo agradou a todos, rs… Mas este povo que entra aqui para criticas é no fundo aquela pessoa que não tem o que fazer! Você é dona do seu nariz!!!, e como humana você tem o direito de se afastar de vez em quando e viver a vida, porque oportunidades não passam duas vezes na nossa frente. Fique feliz com os bons comentários e ignore os recalques. Você me inspira muito, tanto que agora eu me permito comentar, rs…Continue assim!, dona do seu nariz e uma mulher de opnião. Bjs e vê se aparece mais no sul né. 😉

  51. Edna Maciel15/09/15 • 17h26

    Cony, acompanho teu blog desde 2010 (eu acho), acabamos sentindo como se fossemos amigas, muitas devem sentir isso.
    É engraçado, as vezes comento algo que li no seu blog ou facebook e parece que estou falando de uma amiga próxima: “a Cony está em Milão, a Cony vai ao show do Maroon 5 também…” kkkkkk
    Adorooo seu blog e todas as suas postagens. Continue firme nas publicações, na cabeça de cheia de idéias, de dicas, de opiniões, de verdades.
    Muito sucesso pra você e vida muito longa ao blog.
    Venha pra Floripa, vamos amar te conhecer.

    Beijos.

  52. Lia15/09/15 • 18h34

    Tu és muito original. Os demais blogs que vi crescerem e as gurias se tornarem blogueiras de fato, acabaram se tornando todos (os blogs e as blogueiras) muito semelhantes.

    E agora explica melhor essa pose de segurar o cabelo e olhar pro chão, que eu não me aguento de curiosidade (e ñ entendi, juro)!

  53. Carol Morsi15/09/15 • 18h41

    Eu sempre tentei imaginar como é a vida de blogueira, mas não passei nem perto do tanto de trabalho q isso dá. Vc tá de parabéns pq mantém o Fufu tão bem, q nem parece q Vc passa por tantos “perrengues”, mas consegui visualizar todas as situações q Vc descreveu. Acho q passa essa naturalidade justamente por Vc gostar tanto do q faz, pelo prazer, pela preocupação com a gnt 😀 … amo o Fufu e, como outras leitoras, é o único q mantive seguindo, pq é diferente, a gnt se sente em casa msm.
    Muito bom ter o Fufu como ele é, com Vc tomando conta de td tão bem. Não sei se o certo seria dar parabéns, não pq não merece, mas pq o Fufu não seria diferente, pq Vc é assim, pq não parece ser um esforço. Mas não sei como poderia expressar. Então, parabéns por ser como Vc é, por ser tão dedicada e amiga da gnt. E pelo jeito q Vc escreve, sendo irônica qdo dá pra ser, sempre sincera. Eu nunca me incomodei com as indicações, confio em Vc como amiga, de verdade.
    E sempre q vou a um shopping, restaurante,fico achando q vou te encontrar. Rsrsrs às vezes peço baixinho pra isso não acontecer, pq tô mto desleixada ultimamente… :/

  54. Maísa15/09/15 • 19h59

    Oi Cony.

    Primeira vez que comento aqui.
    Já faz alguns anos que acompanho o blog e te acompanho pelo insta tbm.
    Amo acompanhar suas viagens.
    Nessa sua viagem para a Europa eu ficava ansiosa esperando pelas fotos e para descobrir os seus novos destinos, hehe.
    Viajei para a Europa faz 1 ano (fiquei noiva em Bruges na Bélgica, foi lindo!! E por sinal, vc que gosta de dicas de viagens, Bruges é maravilhosa. Vc deveria conhecer!) e com as suas fotos matava um pouquinho da saudade.
    Me identifico muito com você. Nascemos no mesmo dia, será que é por isso? heheh
    Se começo a brigar com meu noivo já começo a chorar, não consigo delegar funções no trabalho, tenho que conferir meu trabalho 15x, sou perfeccionista…
    Adoro a forma que vc escreve, parece que estou conversando com uma amiga quando leio seus posts.
    Seguia várias blogueiras mas agora vc é uma das únicas que sobrou no meu insta, hehe.
    Parabéns pelo seu trabalho.
    Td de melhor para vc!!
    bjos

  55. Kele15/09/15 • 20h22

    Oi Cony! Que leveza de texto! Adorei! Nem marido, nem filhos me tiraram a atenção. Que giro, de 180 graus,deu sua vida! Muito legal ter compartilhado que nem tudo são flores. Que momentos preciosos com família e entes queridos tem perdido, perante tanto trabalho! Procure fazer o máximo pra conciliar esses momentos, pois família é o nosso bem mais precioso! Mas, saiba que o fruto de tanta dedicação você tem colhido com o reconhecimento de leitoras e fãs, que a cada dia aguarda um post novo e uma nova tendência a ser comentada pelo seu olhar clínico, que não deixa passar nada em branco! Fico nas ruas olhando pras oncinhas e analisando (rica ou pobre?).
    A saudade é grande da amiga de infância, adolescência e um pouquinho da mocidade. Mas, sinto sua proximidade em cada dica dada, com tanta excelência que realiza no que faz. Não me canso de parabenizá-la pelo brilhante trabalho e desejar-lhe mais e mais sucesso!
    Saudades e abraços!

  56. Camila costa15/09/15 • 20h25

    Não acompanhei os comentários das meninas, pra falar verdade…mas além de tudo que falou, acho extremamente difícil ” sorrir” o tempo todo, porque sim, você deve encontrar muita gente inconveniente… Uma vez a Le Turano veio aqui na minha cidade, teve uma evento na loja, mas tinha gente tão sem noção, puxava a menina, ficava tocando, passando a mão, alisando cabelo, convidado dizendo que ela tinha que provar tal roupa..pq tava lá pra isso…ser blogueira deve ser nadica fácil!!! Parabéns pelo trabalho.

  57. Daniella Limas15/09/15 • 20h29

    Se eu soubesse que vc não se incomodava em ser cumprimentada na rua, teria falado com vc em Congonhas. Um dia te vi no desembarque, esperando a mala e me segurei pra não ir falar com vc. Liguei pra minha irmã na mesma hora e disse: “Advinha quem tá aqui no aeroporto??? A Futilish!!!!!~ahahahah Ela disse pra ir falar com vc, mas fiquei sem jeito, primeiro pq achei que ia incomodar e também pq era super cedinho, imaginei que tava cansada. Ah, fiquei com um pouquinho de vergonha também, rs!

    Não costumo parar ninguém que gosto nos aeroportos por medo de incomodar, acho chato porque a pessoa é gente como a gente né.

    Adorooooo o blog!

    Beijos,

    Dani

  58. 15/09/15 • 20h59

    Coni, delegue mesmo, vai ficar mais leve e as coisas vão fluir mais. Post mais vezes sem tantos grilos, seja espontânea, deixa isso de ser politicamente correta de lado. Gostamos de vc na sua autenticidade. E uma dica: não faça tantas promessas de que vai postar sobre isso e aquilo. O tempo passa, vc não posta e fica chato. Sucesso!

  59. Camila Ferreira15/09/15 • 21h02

    Conyzinha!!!

    Que post gracinha, sensacional, inteligente e interessante!!! E não é puxação…. Rsrsrs… Não sou muito de comentar, mas depois dessa reunião amigável fiquei com muita vontade!
    Como muitas meninas disseram acima muitos blogs de moda ficaram meio fakes, fantasiosos.. Quase um “Fantástico Mundo de Bobby”. Lembra desse desenho?
    O seu blog continua autêntico, mas isso só é reflexo da sua personalidade!! E não poderia ser diferente, você é real. Trata suas leitoras como suas amigas. Seus posts são como se fossem bate papos com um café ou um chá ou em um buteco com uma cerveja gelada.
    Parabéns!!! Continue assim!!! Você já conquistou leitoras ou seriam amigas fiéis!!

    Ps: Caso abra as vagas pra assistente “jabazeira” vou enviar meu currículo, hein!!!

    Beijos!!!

  60. Marta Moraes15/09/15 • 21h23

    Ameei o post!

    Meu blog and blogueira preferidos! ♡
    Bjos

  61. Sandra nagayoshi15/09/15 • 21h30

    Constanza, leio absolutamente tudo q vc escreve! Já voltei o blog todo pra ler. Já indiquei textos pra amigas q estavam se separando (aquele famoso post sobre o “Fim”) o qual eu li chorando…rs. E tendo a “sorte” de ter as medidas muito parecidas com as suas, eu já fiz compras on line seguindo suas dicas e numeração e ficou ok! Adoraria te conhecer, meu marido se refere a vc como “minha blogueira”. Meu sonho é te contratar como personal stylist! Rsrs

  62. Camila15/09/15 • 21h55

    Excelente post Cony!
    Eu acompanho você e a maioria dos blogs que estouraram nos últimos anos,desde o comecinho,quando todas vocês escreviam por hobby.
    E posso falar?O sucesso é merecido porque apesar da profissionalização e de todas as mudanças que voc~e destacou no post,a sensação é de que nada mudou.
    A essência de escrever por prazer,de falar sobre o que toda garota/mulher gosta como em uma conversa de amigas é nítida em cada post de vocês,independente de ser publi,jabá ou qualquer outra coisa.
    E pode ter certeza que é isso que faz toda a diferença!

  63. celia15/09/15 • 22h23

    Que lindo e gostoso de ler Cony, nao quero ser repetitiva, mas muito bom ver vc assim, tao bem……
    Todo seu sucesso eh muito merecido.
    comento pouco pra nao te dar trabalho.. rsrsr
    beijoss…

  64. Bia15/09/15 • 22h58

    Sabe, Cony, me desanimei totalmente em seguir blogs, porque sinto que hoje as pessoas não os seguem os blogs, e sim os blogueiros. Sempre acessei blogs buscando conteúdo, mas hoje a grande maioria deles está completamente inundada com todos os detalhes da vida pessoal das blogueiras, o que não acrescenta nada à vida de ninguém. Por isso visito alguns blogs que ainda tem conteúdo com frequência, mas não sigo nenhuma blogueira em redes sociais. É uma pena que os blogs estejam tomando esse caminho, ao invés de divulgar conteúdo estão simplesmente criando imagem de pessoas com vida perfeita para as pessoas seguirem. (Pra que vou querer ler sobre viagens e experiencias incriveis se nao estao no meu alcance?) Acho isso potencialmente perigoso, expor essa imagem de perfeição, se já afeta a nós, adultos com pensamento crítico, imagino que seja devastador para adolescentes. Isso porque a grande parte das blogueiras não são exemplo de trabalho e superação, e sim de quem na maioria das vezes nasceu privilegiada. Bom, Cony, eu acompanhei a evolução do blog por todos esses anos e sei que essa exposição foi necessária para evoluir com seu trabalho, e imagino que não deve ser fácil pra vc. Esse é um dos poucos blogs que ainda visito porque tem conteúdo. Um dos poucos que se salva na blogosfera. So queria pedir para vc e suas amigas blogueiras pensarem um pouquinho no impacto que estao causando antes de sair postando todas essas coisas pessoais, pois existem adolescentes em formação do outro lado da tela desejando essa vida. Bom, desejo a vc muito força com o seu trabalho e discernimento, agora que vc é uma formadora de opinião. Um beijo!

    • Lívia Nunes16/09/15 • 11h47

      Concordo plenamente Bia! Os blogs passaram a ser muito mais sobre as blogueiras e seus estilos de vida muitas vezes utópico! É a viagem tal, o restaurante tal, o fim de semana na Ilha tal..

      Não podemos por a culpa toda nas blogueiras porque se elas fazem é porque isso VENDE. Não vê Gabriela Pugliesi (não é de moda, mas cabe a comparação), que agora está todos os dias no ego.com?
      Nós compramos essas idéias ao seguir blogs/blogueiras sem nenhum conteúdo apenas para alimentar esse nosso vício em ver a vida dos outros… E quando voltamos à realidade, percebemos que ficamos 50 minutos carregando o instagram e nos sentindo péssimas por não termos a bolsa x, o óculos y ou por estarmos em casa no sábado a noite, em vez de numa balada em Ibiza. Hoje eu tenho essa consciência porque me policiei para não me deixar iludir, mas acredito que uma adolescente realmente não tenha.

      Lendo isso, podem achar que sou cabeça fraca, mas me julgo até bem madura em relação a essa questão de redes sociais x realidade. Mas quando estamos expostas (porque seguimos) a uma enxurrada de fotos de 50 blogs diferentes, começamos a depreciar aquilo que temos, já que todo mundo PARECE estar vivendo/comendo/vendo coisas maravilhosas o tempo todo, enquanto nós… bom, estamos apenas vendo Netflix. Sem perceber, isso nos murcha. Daí, começa um ciclo vicioso: sempre que fazemos algo de bom (comemos em um restaurante legal, viajamos, vestimos a melhor roupa), também postamos. E nossas redes sociais viram uma vitrine de momentos maravilhosos, passando a equivocada idéia de que por aqui também está tudo maravilhoso.

      Enfim, me prolonguei demais, mas a idéia que eu quis passar é que nós é que proporcionamos essa mudança nas blogueiras… e elas, que não são bobas, vendem mais e mais essa imagem! É uma pena, pois uma hora essa imagem cansa e passamos a persistir apenas naqueles blogs de conteúdo! Hoje, por exemplo, eu só sigo o Futilish, o Fashionismo, o Pausa para Feminices e o 2 beauty. E o que eles têm em comum são autoras que não são deslumbradas e encaram o blog como trabalho, não como oportunidade de ostentar um padrão de vida absurdo!

      É isso!

      Beijosss

  65. Mariana15/09/15 • 23h21

    Cony!!! Te acompanho desde 2010, vi o blog crescer e te considero uma amiga, mesmo sem te conhecer! Nem lembro como cheguei até o blog, mas lembro que graças a você eu comecei a usar Moroccanoil na época (2011/2012, eu acho) rsrs! Sigo várias dicas suas!!! Adoro seu carinho com nós leitoras e diante de tantos blogs que já visitei, só continuo sendo fiel ao Futilish e ao 2beauty, que foram os primeiros que conheci! Me identifico muito com você, principalmente em relação a essa questão de filhos…Desejo tudo de maravilhoso para você, estarei sempre torcendo pela sua felicidade!

  66. Heloisa15/09/15 • 23h42

    ADORO a maneira ´desglamourizada´que vc escreve e encara a vida, apesar do sucesso cada vez mais crescente. Tão difícil hoje em dia encontrar blogs com conteúdo e até mesmo um português decente… Enfim, desejo ainda mais sucesso pra vc! Beijos

  67. Marcela16/09/15 • 00h08

    Putz, como eu adoro seus “tratados” rs vc escreve muito bem. Fora q é divertida demais e super Mulher, com M. Inspiradora, Cony. Desejo o melhor, hj e sempre. Beijão!!

  68. Max16/09/15 • 05h02

    Conny, você é linda, engraçada e ainda inteligente. Poderia te pedir em casamento mas o meu marido é ciumento, kkkkk!! Beijos, bençãos divinas, mais jabá e sucesso para você.

  69. Simone16/09/15 • 08h13

    Cony… Adoro o seu blog , te acompanho desde quando saiu sua reportagem na revista Mais em Betim. Acho suas dicas o máximo.
    Parabéns, continue assim. Beijoss…

  70. christiane16/09/15 • 08h27

    Adorei o post Cony. Muito bom saber do seu dia a dia. Agora tenho uma dúvida até pouco tempo atrás vc ainda tinha seu trabalho normal, agora não mais né? bjs

  71. Cláudia16/09/15 • 08h53

    Muito bacana esse post sinceridade! Muita gente, ingênua, acha que ser blogueira é viver no glamour, só usando roupitchas legais e curtindo eventos. Nop! É um trabalho que, como todo trabalho, tem prazeres e perrengues. É bom que as pessoas saibam disso antes de se aventurarem na área ou antes de criticarem.
    Parabéns, Cony! Adoro seu trabalho e seu jeito sincero de falar casamiga..rss. Keep up the great work 😉

  72. Fabs16/09/15 • 08h59

    Imagino que a vida de blogueira faz um paralelo com o de atriz global, um mundo glamourizado e fake.
    Definitivamente seu blog tem excelente conteudo e um toque pessoal na medida, com leitoras fieis e inteligentes. Nao entramos aqui buscando tudo perfeitinho e surreal. Gostamos da Cony mais real e acessivel.
    Adoro seus posts mas sera que se voce rendesse aos videos nao facilitaria sua vida? Assim poderia abranger mais conteudo de uma so vez. 😉
    Suerte!

    • Constanza16/09/15 • 18h31

      Adoraria fazer vídeos, mas penso que tenho que editar (coisa que não sei) e acabo desistindo 🙁

      • Mariana17/09/15 • 15h20

        Amo seus snaps !!!

      • Fabs18/09/15 • 04h25

        ai entraria a parte de delegar.. rsss um bom profissional pra editar os videos e vc iria ultra arrasar! sei q eh caro mas pode render bons frutos tb. besitos

  73. Bruna Filgueira16/09/15 • 09h04

    É muito bom ver gente do bem vencendo! É muito bom quando a gente vê que “aquela menina normal” foi lá e fez a diferença! Já foi dito tanto aqui, que seria redundante repetir todos os elogios feitos a você , mas concordo com tuuudo!
    Deus te abençoe sempre, e muito obrigada por tornar nossa vida mais divertida!

  74. Marcela Dohara16/09/15 • 09h11

    Eu sou mais uma das fãs do seu blog, Cony! É praxe ligar o o pc e antes de começar qualquer coisa, entrar no Fufu pra ler as novidades!
    Te “achei” pela resenha da resenha da base da Princesa há nem sei mais quanto tempo e me sinto “íntima”, estranha sensação!
    Parabéns, parabéns pela dedicação ao nosso querido blog! Amamos de coração!

  75. Julia16/09/15 • 09h26

    Cony, acompanho vc há muitos anos. É um blog q não cansa, q te envolve, q surpreende. Não tem aquela coisa fútil dos demais, plastificadas, pregando o consumismo desenfreado. Isso cansa. São novos tempos, do consumo consciente. E vc posta sendo “gente como a gente” e responde as seguidoras, coisa q não vemos mais. Só se responde as criticas. Parabéns e continue firme.

  76. Carol16/09/15 • 09h33

    Cony,
    De todos os blogs de moda o seu é o único que ainda me interessa acompanhar, muitos perderam a essência, alguns deixaram o clima de “blog” para virarem sites, outros são puro exibicionismo e ostentação.
    Enfim, seu conteúdo é autêntico, interessante e diversificado e, o grande de diferencial, te acho de verdade. E achar gente de verdade na internet hoje em dia é tarefa complicada. Não sei se você faz ideia de como ajuda muitas meninas aqui, seja com os textos ou dicas.

    E agora esse post contando o dia a dia da vida de blogueira e desfazendo a ideia que muitas tem do glamour! Outro diferencial.

    E amei saber da novidade do namoro e foi lindo dividir isso com a gente, pois me sinto como sua amiga hahaha

    beijos e muito mais sucesso!

  77. Gilvanda16/09/15 • 09h42

    Cony, sigo seu blog há muito tempo, não sei ao certo quanto. Mas não consigo deixar de entrar no seu blog 1 dia sequer. Adoro tudo, mas o que mais gosto é o “Dica da leitora” . Me identifico muito com você e quando vou me arrumar lembro de todos os truques e sugestões suas…Engraçado que leio suas matérias e parece que já te conheço há muito tempo sem nunca ter de visto pessoalmente. Mora em Itabira há 100 km de BH e sempre quando vou na Capital Mineira fico torcendo pra te ver, ainda mais que vou sempre no BH Shopping e principalmente na Zara, volto triste por não ter conseguido esta proeza..rsrsrsr. Dia 09 vou em BH, quem sabe tem essa sorte!!! Ahhhhhhhhhhh. Beijão enorme viu, parabéns pelo lindo trabalho.

  78. Joana16/09/15 • 09h56

    Cony, Adorei o post. Sou leitora assídua e é muito interessante saber sobre o backstage da vida de blogueira! Beijo!

  79. Amannda Ferreira16/09/15 • 10h25

    Cony, também tenho o mesmo defeito que você: não sei delegar! E puxa vida, como sofro com isso, pois tenho que fazer tudo por não confiar no trabalho dos outros! Isso é muito ruim… mas estou melhorando com o tempo, aos pouquinhos estou conseguindo delegar coisas mais fáceis e quem sabe com o tempo conseguirei delegar tarefas mais complexas né? Acho que você deveria pensar nisso com carinho, pois blogueiras que delegaram essas tarefas mais burocráticas como financeiro, comercial, emitir NF deram um boom na carreira fenomenal, caso da Camila Coutinho! Enfim, não sei se você também almeja mais trabalho, mais projetos e etc, afinal, cada um sabe dos seus sonhos, mas é um conselho! =)

  80. Iasmine16/09/15 • 10h31

    Aiii Conyzinha!!! Também estou aqui a anos e não largo vc por nada. Muito pelo fashionismo, muito pelas dicas, muito pela realidade financeira que eu vivo e vc saber que é essa a realidade da maioria. Mas especialmente por você! Sério, sou uma pessoa de poucos ídolos, e a maioria deles não tem nada de “futilish”. 🙂 Mas vc, sua honestidade, sua doce acidez, sua maneira de ser e viver realmente me encantam e inspiram. Ainda quando penso diferente de vc (a polêmica sobre ter ou não filhos). Você certamente é uma daquelas pessoas com a qual é delicious tomar um spritz e jogar conversa fora (e dentro) durante hooooooras e sempre querer mais… (aliás, essa é sempre a sensação de ler o blog, vici?) Enfim, li todos os elegios acima com a certeza de que todos são merecidíssimos, e verdadeiros, o que é mais importante. Enfim, né, Parabéns, luz, amor e spritz na sua vida!!!! E please, trabalhe muuuuito pela gente, mas mais ainda por você! Aproveite sua vida e tudo de bom que vc é! BJO

    • Constanza16/09/15 • 18h28

      Own lindeza, que delicia de comentários! Quero responder um por um mas não consigo hahahah, muito obrigada pelo carinho!

  81. Passis16/09/15 • 11h29

    Olá,

    Engraçado ler o item numero 2. Uma vez te vi no aeroporto em guarulhos, mas fiquei super sem graça de chegar para conversar e causar algum incomodo. E agora lendo a matéria vi que é exatamente ao contrário.

    sucesso.

  82. Laís16/09/15 • 11h41

    Conyy, você é incrível! Quando você não posta sinto a maior falta mesmo porque você é que nem uma amiga que a gente quer saber e conhecer mais! É estranho mas é uma proximidade que realmente as leitoras sentem, como se a gente se conhecesse a muito tempo! 😀
    Adoro a forma como você escreve, consigo ver sinceridade em tudo!

  83. Marília16/09/15 • 11h42

    Cony, muito embora você já tenha respondido láá em cima, pode me tirar uma dúvida?
    Você trabalhava em uma empresa, lembro disso lá do inicinho do blog, se não me engano de peças (!!). Teve todo um processo para ser “só” blogueira?
    E mais, a profissão (que você exercia anteriormente) está em stand-by?

    Bjos, adoro o blog, e você e todo o contexto em que consegue inserir todas suas leitoras. Glamurizando até o que faz parte da realidade da maioria, inclui-se ai dicas de peças “ricas” em fast fashion e ensinando-nos a escolher e montar looks possiveis, sem ter que vender o rim! 😉

  84. Laís16/09/15 • 11h46

    Cony, sem duvidas a melhor blogueira!
    Nunca comentei aqui, mas acompanho o blog desde que você era a louca dos corretivos e mostrava uma coleção de batons gigantesca.. eu ficava pasma! É muito legal perceber o quanto o blog cresceu e eu fico feliz a cada conquista nova. O Futilish é o unico blog que ainda faço questão de acompanhar e entro quase todo dia. Tenha certeza que toda essa sua dedicação vale pena e nós agradecemos muito!

  85. Amanda16/09/15 • 11h58

    Cony querida, eu também, assim como outras leitoras, não sei como entrei pela primeira vez no seu blog. Só sei que já faz uns 4 anos, e de cara me apaixonei!

    O seu diferencial, na minha opinião, é a forma como você se comunica com as suas leitoras. Não sinto disfarces, sinto VERDADE! Você, desde o início vem compartilhando seus gostos na moda de forma sincera e fundamentada, sempre mostrando que aquela combinação de roupa dá certo por isso e por aquele motivo.

    Destaco também que os temas pessoais sobre sua vida pessoal e comportamento são diferenciais que me prendem no blog. O espaço do “Fala que eu te escuto” foi genial e te aproximou das leitoras, assim como as dicas das próprias leitoras (DDL) sobre achados fashion são coisas que te fazem destacar em meio a tantas blogueiras que existem por aí. É algo mais personalizado e dá a impressão que não é uma terceira pessoa escrevendo por você.

    Ah, outra coisa que noto nos blogues por aí é o layout da página…SIM, pra mim faz diferença! Abrir o seu site e de cara já ler as publicações, me dá mais ânimo para saber tudo que você está dizendo. (Detesto aquela enxurrada de anúncios (claro que tem que existir!) em cada post. Penso que deve haver um TIME, e isso você tem! (Por favor cuidado com o novo layout!!!! rsrsrs)

    Adoro suas combinações de roupas, sempre alternando marcas famosas com fast fashion…Acho que a maioria das pessoas aqui não tem condições de comprar nas Chanel´s da vida…

    NUNCA perca a sua originalidade e nem deixe de falar algo com medo de desagradar, por que pra mim, é isso que te faz ser especial no mundo dos blogues.

    Te adoro, já até te convidei pra vir assistir ao jogo do Chile aqui em Cuiabá e vc disse que adoraria…De qualquer forma, com jogo ou sem jogo, minha casa está aberta pra vc vir conhecer o Pantanal!

    Bjos!!!!

  86. Érika16/09/15 • 12h27

    Parabéns Cony, seu blog é um dos poucos que ainda leio diariamente, os outros são blogueira-realidade também, como a Ana do Hoje Vou Assim Off e a Carol do Small Fashion Diary.
    Tá no caminho certo. Continue assim! Beijos

  87. debora regina reis16/09/15 • 12h39

    Ótimo post! Adoro seu blog.

  88. Eleonora16/09/15 • 13h07

    Oi Cony.

    Adorei seu texto. Bem franco, bem direto. E o Futilish é um dos poucos blogs que, como a maioria das meninas, continuo acompanhando.

    Poderia ficar rasgando seda mas vou dar uma dica: pare de se justificar. Não precisa, sério.
    Vejo você e muitas blogueiras tentando se explicar, dizendo que não é esse luxo todo, que é difícil, que isso, que aquilo. Não precisa, gata.
    Eu não me importo que você esteja num hotel 70 estrelas. Viajando de graça, comendo de graça. Não faz diferença pra mim. O que importa pra mim é o conteúdo que você produz. Todas as profissões tem as suas dificuldades. É o meu email que o outro setor não responde, é a recepcionista do PS que aguenta gente mal educada, é a médica que tem paciente desobediente, é a atendente de supermercado que lida o dia inteiro com cliente desaforado, é a blogueira com seus haters. Lembra quando vc entrou pro F*Hits e teve que ficar se explicando? Adiantou?
    Não se justifique. Continue fazendo as coisas do seu jeito. É exatamente isso que nos trouxe até aqui e nos mantém aqui todos os dias.
    Tem jabá siiiiiim, tem Adam Levine siiiiiiiiim, tem viagens siiiiiiiiim.
    E quem não gosta/não confia/não acredita/não concorda aperta o x lá no canto direito e seeeeeeeeeeeja feliz!
    =)

  89. Carol16/09/15 • 13h55

    Cony, acho que as meninas já disseram muitas coisas lindas e que você merece muito ouvir. Mas quero falar também. Conheci o blog há cerca de dois anos, quando meu casamento acabou. Estava muito mal. Você não tem noção de como me ajudou a superar a minha perda. Você me inspirou com a sua história, a sua playlist da felicidade me deu força muitas vezes pra levantar da cama e enfrentar a vida. Até fico emocionada pq vc nem imagina isso. Fui aprendendo a me cuidar, a me vestir, cuidar da pele, do cabelo e posso te dizer que voltei a me sentir bem comigo mesma. Vi que o mundo é bem maior que o meu bairro e estou aqui, cada dia melhor e com certeza você fez parte do meu recomeço, pq aqui eu encontrava várias dicas. Já apresentei o blog para várias amigas, super confio nas suas resenhas sobre os produtos e descobri vários que eu uso no meu dia a dia, tipo o Morroca <3
    Sucesso sempre, boas energias sempre, muita inspiração pra você!
    Ah…quando te vi no vídeo a primeira vez e ouvi sua voz, foi muito engraçado, pq eu te imaginava totalmente diferente, a sua voz na minha imaginação tb era diferente! E quando você me respondeu um comentário!? Fiquei toda boba! Até hoje eu rio disso! Ahahahha

    • Constanza16/09/15 • 18h23

      Pohan, vem cá dar um abraço AGORA!

  90. Mari16/09/15 • 14h13

    Eu juro que tenho muita preguiça quando leio comentários como o da Bia, dizendo “so queria pedir para vc e suas amigas blogueiras pensarem um pouquinho no impacto que estao causando antes de sair postando todas essas coisas pessoais, pois existem adolescentes em formação do outro lado da tela desejando essa vida.” Menos né? É a mesma coisa que culpar as novelas da Globo pelas desgraças do mundo. A questão não é ser adolescente, a questão é ter personalidade e saber aceitar seu corpo, suas limitações financeiras, culturais, sociais, etc. Me desculpem a sinceridade, mas eu que não sou milionária vou ficar me martirizando por não poder ter a vida da blogueira que já nasceu rica e cada semana está viajando para um país diferente? Não! Quando eu era adolescente graças a Deus já era muito bem resolvida e nunca fiquei sonhando com coisas completamente fora do meu alcance. O mesmo acontece com amigas. Tenho amigas com estilos de vida completamente diferentes dos meus em se tratando de dinheiro. Vou ficar me torturando pq uma tem uma Channel e eu não, a outra viaja todo mês para um destino diferente…? Não dá! Infelizmente temos que ter noção das coisas sim! Sonhar é muito bom, mas ficar se iludindo e sofrendo por não ter a vida igual da blogueira, do personagem da novela ou da onde quer que seja é O FIM! Deixei de seguir vários blogs pois não me acrescentavam nada e não me interessavam mais, mas qual o problema de ver um post sobre uma viagem que não fiz? Acho enriquecedor de certa forma. Temos que diferenciar a realidade do mundo “virtual quase perfeito”. Isso não acontece só em blogs, novelas, etc. Isso acontece no facebook e instagram, minha gente! Lá todo mundo é feliz, não há brigas familiares e de casais, ngm posta foto sem maquiagem…Eu mesma não fico postando coisas ruins nas minhas redes sociais. Vamos filtrar as coisas e parar de culpar os outros. Se cabe a alguém dar suporte para um adolescente, esse dever é dos pais. Parabéns pelo seu trabalho, Cony. Acompanho desde o início (evoluí muito nesse tempo também, graças a Deus…rsrs!). Beijos!

  91. Sandra Fernandes16/09/15 • 15h56

    Cony eu so sigo o “seu blog” so o seu porque vc e uma mulher real, igual a mim e outros zilhoes de mulheres deste Brasil

    Mas me irritou este negocio de “ter” que tirar foto de modelo, eu sigo o blog exatamente por isso , vc nao e modelo, e dai posso me espelhar em vc, com coisas bonitas ou nao, o que fica bem em uma mulher “normal” que tem barriga, olheira ,que teve cabelo destruido por algum procedimento, esta sempre acima do peso e sem tempo pra malhar, porque vamos combinar que quem tem corpo super malhado,nao trabalha,so malha. rss
    Nao fica na neurose com fotos lindas, se vc ficar com cara de modelo eu deixo de seguir porque termina a “indentificacao”

    Quanto a este tanto de rede sociais eu particularmente so sigo o blog,que e onde tem conteudo. Nao sigo nenhuma rede social, porque acho que dai a leitora esta seguindo “a pessoa”. Acho que ao contrario da blogueira que fica refem das leitoras eu fico escrava da bloqgueira, seguindo ela pra tudo quanto e canto.
    Acho que temos que achar um equilibrio.

    Ahh outra coisa, detesto foto de comida rss

  92. Gabi16/09/15 • 17h04

    Cony, amei esse seu post! Acho que tira muitas dúvidas porque, como você disse, a profissão blogueira ainda é um tanto misteriosa hahaha. Te admiro muito, viu? Você é uma grande inspiração! 🙂

    http://gabivasconcellos.com.br/

  93. Sabrina16/09/15 • 18h33

    Adorei o post e adoro muito o blog. Obrigada pelo aprendizado constante com você, Cony. Bj

  94. Fernanda16/09/15 • 20h38

    Oi Cony,
    Quando você entrou para o Fhits pensei… pronto, adeus ao Futilish, mas gostaria de parabenizar a forma que você aderiu a esta parceria sem perder seu conteúdo. Deixei de seguir muitas blogueiras e, como algumas meninas já disseram acima, hoje só sigo você, 2beauty e coisas de diva. Só estou triste de não saber mexer no snap chat…mas logo acho um tutorial para te seguir por lá também…problemas de mocinhas que já passaram dos 30 e poucos kkkk. Bjos e parabéns!

  95. Dálete17/09/15 • 08h23

    Oi Cony,
    Eu tbm não sei como vim parar nesse blog, mas hj é o único que ainda visito todos os dias.
    Vc escreve de uma forma tão leve que nos deixa próxima de vc. Dias atrás apareceu no face que vc estava em um relacionamento sério, eu tava em casa com o marido e falei : Ai que gracinha que eles voltaram, o marido perguntou quem era, eu disse: a blogueira chilena que mora em BH(já tinha falado de vc pra ele). Mesmo não te conhecendo pessoalmente, torço pela sua felicidade, sem falar que quase dei um troço quando te add no face e vc me aceitou, me senti, rsrs.
    Sério Cony, que Deus abençoe vc e seu trabalho.

    Sucesso, pq do jeito que vc mantém esse blog, vc vai muito longe…

    Beijos

    • Constanza17/09/15 • 15h14

      hahahahaha obrigada! rsrsrs Muito louco isso rsrs

  96. Cibele Porto17/09/15 • 08h40

    Cony, adorei o post “desabafo-pra-sua-informacao” heheheheh
    Realmente tem muita coisa envolvida ne?! muitas pressao, muita cobranca, muita gente sem nocao… . Nao eh facil, mas preciso dizer que fico mega feliz com o crescimento daquela moca do Flickr!

    Acho mega importante que vc mantenha a sua vida particular. Acho legal vc sumir de vez em quando. As pessoas precisam entender que blogueiras tambem precisam e merecem descanso. Que vcxs nao nao robos.

    e olha, se precisar de ajuda, de assistente e enfim, to aqui. Do outro lado do mundo, mas to aqui.

    XXX

    • Constanza17/09/15 • 15h13

      Cibs perdi seu telefone e to pra te agradecer o cartao de anversario desde que cheguei da Europa!! Depois me manda um oi no whats! Perdi todos os contatos qdo roubaram meu tel 🙁

  97. Nathalia17/09/15 • 09h30

    Fia….você arrasa! Você pira “nóis” leitoras com seus textos honestos e vivos!
    Fico feliz em ter pelo menos um pedacinho dessa sua vida lôka duas vezes ao ano coordenando os QG’s!
    Hahahaha…primeira vez que te abordei foi num desfile que fiz da Pat Pat’s na piscina do Hotel…hahaha fui em você tão nervosa (pois já te seguia antes de trabalhar aqui) que acho que fui muito rápida sem noção! Te desconsertei! Mil desculpas! No nervosismo nunca sei o que falar direito! Aquele dia só queria te falar que AMOOOO SEU BLOG! HAHAHAHA
    Estar rodeadas de vcs tão lindas, produzidas e ver a correria que é me fez ver o outro lado! Realmente vcs “labutam”!
    No QG passado, não quis perder a oportunidade de falar mais uma vez (agora mais calma) com minha top blogguer “gente como a gente”! Fiquei feliz em falar com você, receber elogio do meu colar, te achar ainda mais linda e estilosa que todos os QGs e ainda poder te ajudar com sua hospedagem!
    Buenos, já falei mil vezes que para mim você é a the best e to doida para te ver no proximo QG! Sou tiéti memo! E olha que vejo muita gente famosa aqui e finjo que elas não existem! hahahahahaha de verdade! Não posso tietar!

    Um beijo enoorme! Lóv U!

    Nathy

    • Constanza17/09/15 • 15h12

      Poooo Nath!! Que fofa! Do dia da Pat Pats nem me lembro kkkk, mas da segunda vez sim, tanto que ate sonhei que te pedia pra deixar eu usar a piscina do unique hahaha. Tá chegando SPFW! Vamos marcar uns drinks no Skie!

  98. Ni Fernandes17/09/15 • 10h02

    Eu imaginava o trabalhão que dá ter um blog, e acho que você se sai muito bem com isso, te admiro muito, você trabalha, tem o blog, vai pra academia, sai, viaja, é muita coisa, queria conseguir administrar metade disso com tanto bom humor e elegância…parabéns…bj

  99. Renata17/09/15 • 10h20

    Cony, não tenho mais o que falar além do que as outras pessoas comentaram.
    Você está de parabéns, por ser você!
    Sou de Bh, e sou louca para te ver por aqui! =D

    Tenho uma dúvida, antes de ser blogueira, o que você fazia?

    • Constanza17/09/15 • 15h09

      Trabalhava em industria de auto peças rs

  100. Samara17/09/15 • 13h18

    Post maraaaaaaaaa

    Parabéns pela dedicação!

  101. Glaucia17/09/15 • 14h42

    Oi Constanza!

    O teu blog e o Fashionismo para mim são os melhores e os unicos que entro diariamente. Voces tem o fashion, o luxo e a simplicidade caminhando lado a lado, zero forçação de barra, são autenticas e ainda estabelecem uma comunicação clara e amigavel com quem lê. Fora que já mandei email pras duas e ambas me responderam quase que na hora hahahahaha me achei dazamiga!

    Que o sucesso te acompanhe sempre em qualquer projeto, profissional e pessoal. E obrigada por permitir que eu viva um mundo tão diferente do meu, pelos teus “olhos”.
    Bjos guria!

  102. Mariana17/09/15 • 15h27

    Cony,

    Amei isso e li mais vezes ….

    Eu estou em um projeto e isso vai me ajudar.

    Amo quando você fala coisas pessoais e me identifico. Tenho o blog como amor e em casa você é conhecida, “vi no futi”

    Quanto adolescentes, não acho que o fufu seja para essas pessoas.

    Fiquei tão feliz quando você foi estudar, além de ser meu trabalho (sou agente ) esse curso é meu sonho ( sou publicitária e bacharel em moda ), fora que você podia estar sofrendo de <3, mas parece que conseguiu aproveitar …

    Torço por você e desculpa, mas se tiver eu vou te abraçar e ainda perguntar se não quer tomar algo.
    Beijos

    • Constanza17/09/15 • 15h57

      hahahahaha DEVE! Pode abraçar!!! Gosto é disso!

  103. Érica17/09/15 • 16h06

    Cony, se você quiser eu posso ser sua assistente “jabazeira”. Eu escrevo uma resenha falando do produto e te auxílio, não será nenhum desconforto, rs. Sucesso ! Beijinhos

  104. Silvia17/09/15 • 16h44

    Nossa amei o seu desabafo, realmente não é nada fácil ser blogueira, me sinto assim tbm que nem você, trabalho e estudo e ainda faço projetos de design de interiores final de semana, e fora a casa para arrumar, meu quarto tbm faz tempo que não vê uma organização, sentar e ver uma tv é luxo, e ninguém entende quando reclamo, bem na linha do que você falou, que quem vê de fora acha que é fácil. Parabéns pela transparência de sempre você é merecedora de tudo que conquistou e não foi a toa, o trabalho duro nunca será em vão. Beijos

  105. Scheyla17/09/15 • 17h11

    Cony, vc é uma querida! Acesso teu blog há uns 3 anos já, e naquela época de boom dos blogs acessava vários, mas ultimamente só vejo o seu, 2Beauty, Fashionismo e o Coisas de Diva. Adoro o jeito q vc escreve, e já comentei aqui o qto um post seu me ajudou ano passado qdo li que vc escreveu que era uma pessoa do “sim”. Isso fez com que me abrisse mais para outras coisas e pessoas e mta coisa boa apareceu. Sempre que fico meio pra baixo lá vou eu procurar esses posts para dar uma animada. Fora que esses dias atrás até minha mãe tava falando de onça rica e onça pobre kkkk
    Vc merece esse sucesso e mto mais! :*

  106. Rachel17/09/15 • 18h45

    Cony, você e Thereza Chammas são as únicas que continuam na minha barra de favoritos. A Thê eu já tive a felicidade de conhecer pessoalmente (somos as duas do Rio, facilita um pouco), mas agora falta você! Eu sempre te encho a paciência no Insta (sou @apenasumpalpite por lá) pra você vir pro Rio, você não deve ler, mas eu vou insistir até te encontrar por aqui! Kkkkk

  107. Renata17/09/15 • 19h54

    Aaaiin… Caiu um cisco no meu olho! hahahaha
    Cara, eu amo seu blog, posso ter o quanto de trabalho for, mas eu sempre dou um jeito de ler (leio 5x por dia mas é o primeiro ou segundo comentário). Único site salvo na barra de favoritos. O site é simples, navegação fácil (por favor, não mude isso no próximo layout, eu imploro) e o único que posta constantemente. E o melhor, posta coisas reais, não moda de passarela que ninguém mortal (nós) não vamos conseguir usar. Parabéns! Uma das melhores, mas nem posso te desejar mais sucesso se não vai parar de postar com tanta frequência, então só amor, dinheiro e reconhecimento pelo seu esforço será de bom tamanho! Vc é linda demais! Admiro tanto tanto tanto! ♥

  108. Amanda Medeiros17/09/15 • 20h09

    O importante é gostar do que se faz. E você gosta, por isso faz bem. Eu estabeleci muitos anos atrás que blog não era pra mim. Lembro direitinho quando meu blog começou a dar certo… postei uns looks e entre vários comentários uma menina acabou comigo. Eu fiquei arrasada. kkkk Talvez hoje eu teria outra reação. Mas de qq forma desde sempre não mudou meu horror a coquetéis e eventos de lançamento.

  109. Florence18/09/15 • 00h45

    Hahaha amei o post! Meu sonho é poder um dia ter todas essas tarefas, juro que ser blogueira é a minha profissão dos sonhos (não pelos bônus, mas por gostar de falar o que penso e o que gosto), mas tenho que ir com calma para ver se é isso mesmo e ver o que Deus quer de mim (ou como você disse, seguir o curso da vida).
    Bjobjo,
    Flor.
    http://viladafleur.blogspot.com.br/

  110. Karisse19/09/15 • 02h05

    VOCÊ É A MELHOR BLOGUEIRA DE TODO O UNIVERSO DE BLOGUEIRAS!

    Séculos que acompanho uma tuia de gente, mas a UNICA que me prende pela autenticidade em todos os aspectos é voce! Não perde a linha nunca! Os anos passaram, te acompanho faz tempão, e vc é extremamente fiel aos seus valores, suas diretrizes!

    Pode mudar o mundo e voce será sempre esse nível de excelência porque ser você, significa na verdade, o seu trunfo! E é tudo o que se busca em tudo!

    • Constanza19/09/15 • 08h22

      Ahhh que lindeza! Obrigada!!!

  111. Ana19/09/15 • 02h11

    Adoro o Futilish, ė o único blog com o qual me identifico.

    Precisando msm de uma assistente jabazeira, pode me contratar! 😉
    Hehehe.

    Boa sorte sempre!
    Bjos!

  112. Diene25/09/15 • 15h56

    Eu lembro bem de como cheguei aqui! Faz anos já, tinha um blog que eu seguia regularmente, e entre os blogs que a guria lia estava o seu!
    Entrei uma vez, te achei metida, hahahaha, achei que seu jeito de escrever passava isso. Não sei porque entrei outra vez, e assim foi, até o dia que vc postou sobre sua superação do antigo relacionamento… eu vi a mulher que eu queria ser projetada ali naquele post! Desde então, te sigo diariamente, parada obrigatória mesmo. E até hoje (pra vc ter noção de como influencia para o bem as pessoas), quando me sinto fraquejando, eu lembro daquele post seu, e ganho forças, pois me vejo ali, e vejo onde quero chegar! Beijo sua linda!

    • Constanza25/09/15 • 18h50

      Ah que delicia ler esse comentário! Sou metida não hahahah

  113. Laís04/10/15 • 22h11

    Cony, seu trabalho é impecável, feito com dedicação, bom gosto e carinho… Isso é certo e sabido, mas em terra de críticas, elogio é sempre bem vindo! Beijão!

  114. Priscila Karen05/10/15 • 14h03

    Sem mais, pq tudo já foi dito!
    Mas ainda sim: vc me faz rir, chorar, pensar, refletir, sonhar, viajar, querer, mudar, buscar, pesquisar e entre tantas outras coisas é por isso que todo santo dia venho aqui pra ver qual o assunto do dia. Sua escrita é clara, com muita informação, cheia de personalidade e com esse seu mineirismo que me faz rir sempre.
    Enfim, sou sua leitora de todos os dias, e mesmo que não haja post novo eu sempre releio um antiguinho mesmo.
    Bjs e muita saúde pra viver o que a vida tem a lhe oferecer.

    • Constanza05/10/15 • 22h01

      ôoooo genteeeeeeee, coisa már linda de se ler! obrigada pelo carinho!

  115. luanna06/01/16 • 13h27

    Aiii, Cony rs NUNCA comentei nadaaaa, mas sigo seu blog há muuuuito tempo. Você não sabe o quanto me inspira.. rsrs Você é tão real!
    Há dois dias venho (re)lendo váaaaarios post’s seus e só aprendi mais e mais .. Você me ajudou e ainda me ajuda muito, em todos os sentidos..Tenho 23 anos e depois de ler o que você escreve sempre penso : Eu vou conseguir realizar meus sonhos ( principalmente o de viajar pelo mundo rsrsr Obrigada, mais uma vez, por nós ajudar taaanto.. Muita saúde , sucesso e que 2016 seja um ano repleto de luz para você .. ah, e muuuitas ,muitas viagens rsrs Amo acompanhar suas viagens! me faz ter vontade de ir em busca de tudo que sonho( já falei isso rsrs) Enfim, obrigada, obrigada !!

    P.s Fiz a simpatia da mala rsrsrsrsrsrs (oremos!)

    • Constanza06/01/16 • 15h58

      Ai que tudooo! Pensamento positivo que tudo se ajeita e dá certo!