09
May 2015
Mi Casa, Su Casa – Tintas!
Mi Casa Su Casa

Gente, foi SUCESSO a nova coluna do Futilish, a Mi Casa, Su Casa! O Lelo escreve maravilhosamente bem e faz da Arquitetura e Design de Interiores ser um assunto super divertido e leve. Fico feliz que tenham gostado, feliz pela excelente receptividade ao nosso novo colaborador e mais feliz ainda que ele vestiu a camisa e cá está novamente com mais um tema super importante para quem está construindo ou reformado sua casinha!

Hoje o Lelo vai falar sobre TINTAS e preparem-se para muito bom humor e sacadas inteligentíssimas (eu soltei altas gargalhadas quando li o post HAHAHA).

“Oi gente! Muito obrigado pelo carinho no primeiro post do Mi casa, su casa! Eu estava realmente empolgado e, com um certo receio de as pessoas me acharem meio abilolado. HAHAHA Como eu disse pra Cony essa semana, em projeto e execução de obra, temos que levar as coisas de uma forma mais descontraída, senão a gente briga.

Mas agora do fundo do meu coração peludo, eu estou muito lisonjeado com a aceitação das fufulétez.

Eu falei pra patroa que neste segundo post eu queria falar de tintas para paredes e que o próximo vai ser X e que neste terceiro post eu vou contar um segredo. E como bom canceriano que sou estou mantendo o segredo e deixando ela (quiçá vocês agora) com coceira de curiosidade.

Então pega a prancheta e #vemkotio que nós vamos entender as diferenças dos tipos de tintas:

Tinta a Óleo

Quando eu era criança pequena lá em Três Coqueiros

Pausa dramática para as pessoas encontrarem essa vila na geografia do Brasil:

unnamed (1)

Então, retomando: … quando eu era mini-humano em Three Palm trees… eu sempre ouvia Xuxa 3… digo, falar de tinta óleo, tinta óleo, tipo: “Vamos reformar e usar tinta óleo.”

Porque tinta óleo?

A tinta óleo tem acabamento fosco ou brilhante, é altamente lavável, de excelente acabamento, tem uma durabilidade enorme e pode ser utilizada tanto para o interior quanto exterior do imóvel. Como sua base é com óleos, ela tem um certo poder de impermeabilização… De leve tá? Não dá pra usar para construir uma piscina. É muito utilizada em paredes de alvenaria, gesso madeira e ferro.

Posso falar? Então, eu acho ela uma coisa meio… gosmenta, não sei eu olho para a parede e tenho impressão de que foi pintada com giz de cera. Me dá uma certa agonia e eu catalogo o efeito dela – tanto no fosco quanto no brilhante como: pobre.

Tinta Esmalte

A tinta esmalte já tem uma irmã rica! Pois ela pode ser comum ou siliconada, sintética. Tipo uma tinta que fez cirurgia plástica. Ela é indicada para quando se quer um acabamento de qualidade superior. Essas tintas supremas devem ser diluídas em aguarrás caso seja comum e as novas, que são sintéticas podem ser diluídas em água.

O detalhe dessa tinta é que, como todo produto de frescura, qualidade superior, ela tem uma série de particularidades:

  • Cheiro forte;
  • Secagem lenta;
  • Excelente resistência à luz (incidência solar);
  • Resistência à chuva;
  • Mão de obra especializada.

Devido estes detalhes próprios, acaba que na maior parte do tempo limitamos a especificação da tinta esmalte para uso em madeiras, metais e sobre azulejos.

Epóxi

Diz a lenda que essa tinta é quase a cura do câncer. Mas antes de eu fornecer minha opinião vamos aos detalhes da Épókiceee:

Mega resistente à chuva e ao sol, também não é facilmente danificada por produtos químicos. Impreterivelmente deve ser aplicada por mão de obra profissional. Ela tem propriedades de impermeabilização, e é resistente ao atrito – pode dar uns pega no seu amô – contra a parede sem medo.

Comumente empregada sobre azulejos, ela é a salvação dos banheiros vintage porque né, ninguém quer ficar nu com a mão no bolso, ou relaxar num trono que tem décadas de uso. Então essa tinta cria uma falsa impressão de que a coisa toda é novinha.

Tem sido muito usada em pisos comerciais e garagens.

Eu, particularmente, nunca vi uma tinta epóxi que não tenha vindo a óbito depois de um ano. Sério gente, solta o canto, cria bolha, dá varizes, um terror. Sabe aquela brincadeira de passar cola branca na mão e depois ir movimentando pra descolar do jeito mais improvável… esse é o comportamento dessa tinta. Só que a parede não mexe… ou não deveria pelo menos.

Tinta latex, ou PVA.

Se a luva de látex, pode te proteger da louça suja da casa da sogra você já deve imaginar que maravilha ela deve ser pra sua parede né?

Só que não. Apesar do látex proteger nosso corpinho até de DSTs, não é dessa composição que estamos falando. Essa tinta tem um valor muito atrativo, mas a durabilidade não é das maiores e, apesar de ser de rápida e fácil aplicação, a manutenção é bem delicada. Não pode ser lavada, nem limpa com produtos químicos. A frequência de limpeza deve ser baixa e apenas feita com pano úmido. Não pode ser usada em exteriores.

Solúvel em água, de acabamento fosco e aveludado, pode ser aplicada sobre paredes e outras superfícies, dentre elas gesso, fibrocimento e reboco.

Eu guardei minha queridinha para o final.

Tinta acrílica

A tinta acrílica oferece um alto padrão de acabamento. Pode ser usada em ambientes internos ou externos. Essa querida, tem um caminhão de vantagens: diluem-se e limpam-se com água, são altamente laváveis, pouco cheiro, secam rápido, e de aplicação facílima.

E eu digo isso orgulhosamente, porque a pessoa besta aqui resolveu pintar uma parede e estava tão afobado que não leu o #modusoperanti e tacou tinta na parede… Tinha umas gosmas, umas coisas estranhas…

Rendeu tão pouco no final… Daí quando eu acabei descobri que eu deveria ter diluído a tinta. Hahahahhahaahahahah muito bocó que eu sou gente! Usei a tinta grossa ser diluir dava pra triplicar os 900ml.

As tintas acrílicas tem uma extensa lista de possibilidades de acabamentos: brilho, semi brilho, fosco, acetinado… E efeitos como linho, mármore, camurça…

O fosco é meu preferido, mas para cores escuras ele é meio chatinho de limpar, tem que limpar a parede inteira senão fica perceptível o local onde “passou-se um paninho” ou seja: não dá pra fazer uma limpeza só em um pedaço.

A tinta acrílica produzida à base de resinas acrílicas e foi criada para uso externo, e ela dificilmente amarela e tem uma certa propriedade impermeabilizante, então tem sido usada em banheiros e cozinhas comumente hoje em dia.

Colorful paint splashing isolated on white

O blá blá blá de hoje foi mais chatinho, mas as diferenças entre as tintas nem sempre são esclarecidas o pintor apenas pede o que ele gosta de usar e o cliente compra. Os vendedores sempre te sugerem a mais cara, ou a que está pagando uma melhor comissão. Então é importante saber um pouquinho. Na dúvida, vai na tinta acrílica, ela seria como a calça jeans de uma produção – segura, de bom gosto e resistente.

Na verdade eu queria falar de PAREDES, mas se fosse esmiuçar isso, escreveria o novo-testamento de novo, teria que separar em livros, capítulos e versículos… então resolvi começar pelo que é mais comum.

Deixem suas sugestões que eu já estou preparando as respostas dos comentários anteriores.

#bença!

10710679_10154910630115094_4240489316816290288_n

  • Tem como não amar? Adorei o post e com certeza será de muita valia para mim e para quem mais estiver passando por esse processo chatinho de obra. Até mesmo quem não tiver nada a ver com isso, por enquanto, deve salvar bem este post, certeza que em algum momento da vida será necessário. 
  • E quem perdeu o primeiro Mi Casa, Su Casa, aqui está o LINK para se atualizar. Curtiu o trabalho do Lelo e quer fazer sua obra com bom humor e alto astral, além de muito bom gosto? Segue o email de contato  azuosexclusive@gmail.com.
47 Comentários
  1. #1
    Helô Valliatti
    09.05.2015 - 12:23

    Não acrediiiiiiito que o Lelo é daqui de perto! hahahah Moro em Torres 😀

    • #2
      11.05.2015 - 12:17

      Oi Helô,
      Na verdade eu já não moro mais em SC. Mas a minha vó ainda vive nessa região linda!
      Agora eu moro em Foz do Iguaçu, fronteira com Paraguay e Argentina, pra atormentar logo três cidades de uma vez. Hahaha

      abraço

    • #3
      11.05.2015 - 12:27

      Oi Helô,
      Na verdade eu já não moro mais em SC. Mas a minha vó ainda vive nessa região linda!
      Agora eu moro em Foz do Iguaçu, fronteira com Paraguay e Argentina, pra atormentar logo três cidades de uma vez. Hahaha
      abraço

  2. #4
    Fran
    09.05.2015 - 12:36

    Muito esclarecedor, não vejo a hora do próximo post!
    Impressionante como uma parede bem pintada e com uma cor bacana faz A diferença em uma casa/apto/cafofo!

    • #5
      18.05.2015 - 14:59

      Poizé Fran!

      Uma boa tinta reaviva a alma!

      abraço!

  3. #6
    Clarissa
    09.05.2015 - 16:41

    Adorei o novo quadro!!! kkk… Sou aloka da reforma… Agora moda e arquitetura no mesmo canal!! SHOW!

    • #7
      18.05.2015 - 15:04

      Clarissa,

      Minha casa é uma obra eterna!
      Porque quando eu ACHO que algo tá lindo e perfeito, lançam algo lindo.

      DAE eu começo de novo.

      hahaha

      abraço

  4. #8
    Andréia
    09.05.2015 - 17:55

    Já adorava o fufu, agora com estes posts ficou perfeito!
    O Lelo também tem o blog Paraguai Pink? Adoro as dicas!
    Lelo no próximo post você poderia falar sobre papel de parede. E dicas de onde comprar no Paraguai, please!
    Bjs

    • #9
      11.05.2015 - 12:38

      Oi Andréia,
      Acabo de voltar de um seminário de Papel de Parede e tenho umas novidades pra contar pra vocês em breve. Acredito que seja o quarto post, pois tem muita gente pedindo, e outras solicitações onde ele se encaixa também.
      obrigado pelo carinho!
      abraço

  5. #10
    Sabrina
    09.05.2015 - 19:39

    Adorei o Lelo.
    Como já foi sugerido em comentário do post anterior, também gostaria de dicas para quem mora em casa alugada. É complicado deixar as coisas do nosso jeito, já que nem um prego se pode por na parede, rsrsrsss…
    #Deusbençoe… kkkkkkkkkk

    • #11
      11.05.2015 - 12:40

      Oi Sabrina,

      Já estou separando material, em breve publicamos sobre aluguel.
      Obrigado pelo carinho!
      abraço

  6. #12
    Deise
    09.05.2015 - 21:26

    Geente.. ele é daqui de Foz?? Adorei!! Ele expõe o trabalho dele em algum lugar (site, blog, rede social..)? Queria muito acompanhar!!

    • #13
      11.05.2015 - 12:42

      Oi Deise,
      Eu ainda estou organizando minhas redes pro trabalho de designer, mas misturado com outros zilhões de assuntos, sempre tem algo no intagram @tiolelofoz

      abraço

  7. #14
    Carla Dani
    09.05.2015 - 22:25

    Gaúcho inteligente, divertido, esperituoso e o principal, classificou as tintas… Das ricas as pobres….
    muito esclarecedoras as dicas.
    Parabéns.

  8. #15
    Daniele
    09.05.2015 - 22:31

    Cony! Parceria perfeita! Post Top!

  9. #16
    Jane
    09.05.2015 - 23:12

    Descobri que amo ainda mais esse blog.
    Fiquei a semana inteira procurando informações sobre a tinta epóxi… ufa!!! Vou mudar de tinta depois de saber que ela morre em um ano, hahaha.

  10. #17
    Simone Lorentz
    10.05.2015 - 01:19

    Não, não tem como não amar!!! Adorei o post e vc resumiu tudo Cony, leve e de fácil entendimento para nós… Parabéns Lelo! Já amo E já quero de seguir no ig!

    • #18
      11.05.2015 - 12:45

      Oi Simone,

      Obrigado pelo carinho, viu! É essa resposta linda de vocês que faz a gente querer compartilhar mais e mais!
      O meu instagram é uma terra alucinante, fala de tudo e mais um pouco, então prepare-se pra qq tipo de postagem, é o @tiolelofoz.

      abraço

  11. #19
    Heloisa
    10.05.2015 - 02:10

    Kkk Ele é incrível. Devo confessar que não tenho muito interesse em coisas de casa,, decoração, etc., mas o jeito que ele escreve é legar demais. É como se fosse vc na versão masculina. Bjos aos dois

    • #20
      11.05.2015 - 12:48

      Oi Heloisa,
      Assim vc mata o véio! MIM comparando com a Cony, assim vou ficar me achando.
      Melhor elogio EVER!
      Obrigado de S2
      abraço

  12. #21
    10.05.2015 - 09:04

    Post massa! Adorei saber que ele vive na fronteira. Nossa Foz!
    Beijos

    • #22
      11.05.2015 - 12:54

      Oi Pô! (pq eu sou bairrista e já viro íntimo)
      obrigado pelo carinho!

      abraço

  13. #23
    Bruna
    10.05.2015 - 09:17

    Estou AMANDO esses post. E o jeito de escrever é muito parecido com o da Cony. #queromais

  14. #24
    Flavia
    10.05.2015 - 10:03

    Otimo post,pois fica na mão dos pintores ou dos vendedoreS!

  15. #25
    Cris
    10.05.2015 - 11:24

    Oi Lelo!! Acabamos de construir nossa casa,por isso tenho uma dica para quem está na etapa das tintas; quanto a cor, por mais próximo que o mostruário esteja da cor “real” da tinta, sugiro que vocês comprem um potinho pequeno e testem em uma parte da parede. NA maioria das vezes (pra não dizer TODAS) tem diferença na cor. Eu escolhi a cor das paredes externas da minha casa achando que a tinta tinha um tom mais para o marrom/terroso…quando pintei ficou num tom de rosa ‘queimado’, o bom foi que eu amei…mas imagina se tivesse sido o contrário?!! Bjo

    • #26
      11.05.2015 - 12:59

      Oi Cris!!!

      Fosse está mais correta do que o relógio Big-Ben!
      É muito importante fazer o teste no local, com aquela latinha de tinta pequena, pois a luz muda muito de um local para outro, e externamente então, a cada hora do dia você tem uma cor diferente.
      Gastar uns dinheirinhos antes, economiza pintar um cômodo, ou uma casa inteira depois,

      abraço

  16. #27
    Carla
    10.05.2015 - 12:33

    Ameeeeeeiiii!!!
    Informação de primeira necessidade (nada muda a cara de uma casa sem quebradeira, claro, como trocar a cor das paredes!), muito bem escrita e com muito bom humor!
    Fufu cada dia melhor!

  17. #28
    Ale
    10.05.2015 - 13:20

    Lelo, vc é óteeeeemoooo!!! 🙂

    Bom, preciso de uma orientação: estou reformando meu apê (pequenino 60m2), e quero pintar tudo de acrílico acetinado cinza médio (teto branco, rodapé branco, piso vinilico castanho claro). Você acha que devo pintar tudinho de cinza ou deveria jogar outra tonalidade em algum cômodo (quarto, por exemplo)? Meu apê corre o risco de parecer um presídio? Bjs, obrigada.

    • #29
      11.05.2015 - 13:15

      Oi Ale!

      Eu gosto muito de cinza, e tomo cuidado pra não acabar num local muito gélido. Presídio foi um ótimo termo, vou agregar ao meu vocabulário.

      O castanho claro vai trazer um pouco de aconchego, mas temos que atentar pro fundo desse laminado castanho… de qualquer forma pro teu ninho não ficar impessoal e parecendo um showroom, vc pode agregar detalhes mais “quentinhos” veja: http://www.portobello.com.br/blog/wp-content/uploads/2013/11/cinza5.jpg tem um pouco de vermelho, um amarelo… e naquela parede pelada do fundo, eu colocaria dois quadros grandões com bastante branco e a mistura dessas outras cores (amarelo e vermelho)
      😀

      obrigado pelo carinho, abraço!

  18. #30
    Ligia
    10.05.2015 - 15:01

    Muito legal o post, mas aqui vai uma pequena correção de uma quase-arquiteta: paredes se movem, sim! Dilatam e contraem no calor/frio, aguentam cargas das vigas/pilares… Então, se resolverem usar epoxi, apenas usem em paredes não estruturais que não passem por muitas variações de temperatura 😉

    • #31
      11.05.2015 - 13:27

      Corretíssima Ligia!
      As paredes se movem sim, porém, eu estava me referindo ao fato delas não se moverem o suficiente para que a tinta pule feito bungue jump da superfície.
      especificarei melhor nos próximos posts.
      obrigado pela dica!

      abraço

  19. #32
    Vandréia Schmitz Sassá
    10.05.2015 - 17:35

    É o tio leo do Paraguai pink?

    • #33
      11.05.2015 - 13:35

      Oi Vandréia!

      Sou eu, em carne-osso e tecido adiposo!Este último em profusão! #chateado

      • #34
        Pri
        11.05.2015 - 16:55

        Beem que achei familiar! rsrs..

        Tô amando a coluna no Fufu. A gente aprende de uma maneira facil e não é mais enganada pelos vendedores de loja de material de construção 🙂

        Obs: Quando for a Foz/Paraguai quero Tio Lelo cmg pra achar as boas!!! (Lembro que lá tinha lojas ótimas pra decoração de casa!)

        • #35
          18.05.2015 - 19:54

          Oi Pri!!! Pra ir pro Paraguai tem que ser um feriado no BRaseeeeel porque o tio é escravo assalariado e bate cartão.
          Mas se não der a gente sái comer algo e bater papo!

          abraço

  20. #36
    11.05.2015 - 00:10

    Tô amando essa nova coluna… nunca me canso desse assunto! Vc vai ver o qto esse “mundo” é viciante… desde que casei e mudei, minha vida se direcionou pra essa área de forma quase iluminada! Tenho um blog que mostro várias ideias pra decorar, incrementar e dar personalidade pros cantinhos amados da casa!
    Boa sorte nessa nova etapa e obrigada ao Lelo pelas dicas!!!

    http://www.eudouadica.com

  21. #37
    Roberta Vieira
    11.05.2015 - 11:59

    Cony simplesmente AMEI essa nova coluna! Sou a louca da reforma e tenho sempre milhoes de duvidas a respeito dos materiais a serem usados! Mto util!!!! E o Lelo é uma simpatia só! Queria ser amiga dele hahahaha

    bjao

    • #38
      18.05.2015 - 19:58

      Oi Roberta!
      #tmj na reforma eterna!
      O sol não pode raiar que eu já tô querendo derrubar uma parede!
      No AutoCad, mas não deixa de ser derrubar uma parede, né?

      =D

      abraço

  22. #39
    Gabriela
    11.05.2015 - 20:50

    Tio Lelo muso da decor S2, não te conheço mas te curto pacas já! Sigo aguardando seu blog próprio!
    Também classifico acabamentos em pobres e ricos, e meu noivo briga dizendo que eu sou fresca até com rejunte! Mas eu odeio parede que fica com aquele brilho de gloss da avon, ninguém merece.
    Lelo vc podia falar um pouco mais sobre o cimento queimado? Eu queria jogar em algumas paredes da sala, a minha sala é em L e bem ampla, sabe dizer se essas tintas novas, salvo engano da Suvinil, que imitam essa acabamento prestam?? Fiquei tentada pela praticidade mas não sei se vai ficar com cara de cimento queimado versão ebay.
    Beijos e boa sorte!!

    • #40
      18.05.2015 - 20:03

      Gabriela meu amô,
      Fale pro seu noivo que vc sabendo qualificar as coisas em Rycas e pobres vcs vão gastar um pouquinho mais inicialmente, mas não vão ter de refazer! E re trabalho é a pior coisa que pode acontecer em qualquer sentido da vida.
      Eu já usei a suvinil de cimento queimado numa bancada de lavabo e te garanto, não é ebay fia, é WESTWING!
      Depende do palicador porque assim, na primeira demão vc vai pensar:
      Minha-Nossa-Senhora-do-Rolo-deLã-de-Carneiro, essa coisa não vai dar certo!
      Mas na segunda demão da tinta, quando manchar tudo lindamente vc vai relaxar e tomar um dry martini.
      ela não vai muito bem em na área molhada, porque ela molha e fica verde-ardósia-varanda-da-casa-da-tia-do-interior mas, qdo seca é tipo novela das 20h.
      Pode ir com tudo!

      abraço!

  23. #42
    Mariana
    12.05.2015 - 10:53

    Parabéns pelo post Lelo!!! Muito esclarecedor!!!
    Gostaria de saber se existe algum tipo de tinta para pisos!! O da garagem da minha casa é um porcelanato cinza claro, aí você pode imaginar, né? Já está todo encardido!! RS! Abçs.

    • #43
      18.05.2015 - 20:12

      Oi Mariana!

      Piso de garagem é triste viu, eu sempre acho q optar pelos mais rústicos é mais sensato. mas nem sempre eles se encaixam no look que queremos. dificilmente terá como remover manchas então, caso vc resolva substituir (hoje em dia existe até a possibilidade de instalar um piso sobre o outro, sem quebradeira) procure um com “PEI” alto… 4 ou 5. Esse PEI éo numero que resistencia do piso, sendo 1 o mais fraco e 5 o mais resistente, indicado para locais com muuuuuuito tráfego de pessoas…

      abraço

  24. #44
    Ju
    12.05.2015 - 12:21

    hahahahahaha ele é demais!!!! Li todo o post dando risada sozinha!!! E ficou facinho de entender!!!! Mto bommmmm!!!!!!!!

    • #45
      18.05.2015 - 20:21

      Oi Ju!!!

      A ideia é que mesmo que vc não esteja construindo ou reformando, pelo menos se divirta lendo… né?

      Obrigado pelo carinho

  25. #46
    Rose
    12.05.2015 - 13:50

    Excelente post Lelo… Muito esclarecedor e assim como o anterior com uma linguagem divertida, simples, muito fácil de entender… Bjss

    • #47
      18.05.2015 - 20:24

      Oi Rose!!!
      Obrigado, se eu fizer algo de errado me avise!
      Quero vcs se divertindo 😀

      abraço

Comente