ComprasComportamento
Becky Bloom Who?, Cotidiano
06 ago 2014, 124 comentários

Comprar Bolsa Grifada No Brasil Vale a Pena???

Dependendo da bolsa, vale a pena sim.

Eu comecei meu investimento na bolsa com uma Louis Vuitton, modelo Speedy tamanho 30 há uns 5 anos. Comprei por telefone na loja do Cidade Jardim em SP já que em BH não existe uma Vitónzinha sequer. Naquela época, já compensava comprar LV no Brasil pois a diferença era pouca e ainda dividia de 3 vezes no cartão, o que ameniza a dor de gastar muito. Depois comprei outra Vuitton, também aqui no Brasil. Ano passado estava passeando no Iguatemi de SP e entrei na Gucci só pra saber os preços e vi que era outra grife que valia a pena comprar aqui, já que a diferença não era tanta e o melhor, a Gucci divide de 5 vezes. Comprei uma bolsa. Semana passada passei por lá de novo e estava com aquela história da bolsa vermelha martelando na minha cabeça… Fiz as contas e novamente, ainda valia a pena comprar no Brasil! Voltei com uma Soho linda e vermelha pra casa.

É mais caro que nos USA? Claro que é. Mas a diferença é pouca e diluída nas parcelas fica menor ainda, nem dói! No caso da LV a diferença é menor ainda. Fiz uma mini apresentação para vocês verem que vale a pena gastar em dilmas e não em obamas em certos casos. Temos que considerar a tax americana (e eu fui boazinha na fórmula, considerei a de Miami que é uma das mais baratas, se for comprar em NY a tax é maior e vai compensar ainda mais comprar no Brasil) e o imposto do cartão de crédito. Se você anda com dólares na mão, talvez a diferença não seja tão tentadora assim, mas levei em conta que eu sempre compro tudo no cartão.

Vejamos.

Slide2 Slide3

(fiz o cálculo só com a Speedy, treinem fazendo as contas pra Neverfull)

Slide1

  • Até o momento percebi que Gucci e Louis Vuitton são as que mais valem a pena comprar por aqui mesmo. Em outras marcas, a diferença é maior, mas não pesquisei muito mais para ter outras comparações. Marcas não tão caras como Coach e Kate Spade ME PARECE que são muito mais caras por aqui e essas ainda compensa comprar fora. 
  • Se formos pensar com carinho, pagar 90 reais a mais por parcela não é nada. A gente gasta isso numa ida boba ao shopping e sem comprar nada que valha a pena. Uma bolsa dessas vai te acompanhar a vida TODA e ainda “agregar valor” ao seu look que pode ser todo de fast fashion. Pra pensar né?
  • VALORES PARA ESTADOS UNIDOS. Na Europa tem que avaliar pois tem o tax refund.
Escreva seu Comentário

Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui
124 comentários em “Comprar Bolsa Grifada No Brasil Vale a Pena???”
  1. Amanda06/08/14 • 16h30

    Oi Cony! E qual o preço da Givenchy antigona? Tenho o sonho de comprar!!! Você comprou na Europa né?

    • Constanza06/08/14 • 16h33

      Essa é cara. Paguei 1000 libras que da uns 4 mil e poucos reais (nos USA custa bem mais) e me falaram que aqui ela custa 8 mil.

  2. Thais06/08/14 • 16h33

    Mas se considerarmos o refund europeu vale muito mais a pena comprar na europa. Pelo menos todas as minhas valeram mais a pena comprar no exterior, que aqui no Brasil.

    • Constanza06/08/14 • 16h35

      Sim, mas no post estou falando de USA.

      • Thais06/08/14 • 16h45

        Mas fica como dica para quem for para a europa, para calcular se vale a pena.

        Como saio do Brasil com meu planejamento de compras “caras” já feito, sempre espero uma baixa da moeda e compro o valor desses produtos. Aí faço uma economiazinha aqui,outra ali e acaba compensando e não tenho surpresas. O negócio mesmo é não comprar no impulso…

        • Debora06/08/14 • 17h24

          Sim, comprar na Europa até vale a pena com o refund, mas fiquei com medo na ultima viagem internacional que fiz, em junho, porque pararam uma moça que estava na minha frente na fila do “nada a declarar” da Receita Federal e começaram a taxar tudo: bolsa, laptop e um monte de itens da mala despachada dela, que fizeram ela abrir. Não consegui ver tudo, porque levaram ela para outra fila, mas imagina a dor de cabeça que a moça não deve ter passado… A Receita ta pegando pesado. As vezes o barato (ou nem tão barato assim) sai caro.

          • Constanza06/08/14 • 17h27

            Ta TENSO. Tem q comprar a bolsa aqui é grampear a NF nela 🙁

    • Mariana06/08/14 • 19h01

      Ta tenso pq o povo eh bobo e se deixa taxar. A alfândega NÃO pode taxar itens de uso pessoal!!! A bolsa que vc está usando, objetos com sinais de uso, roupas sem etiqueta…

      • Constanza06/08/14 • 19h04

        Vai peitar um agente de alfândega vai…. Se não tiver os artigos na ponta da língua e mostrar que entende do assunto, eles passam por cima mesmo. Eu nem sei que argumento usar. Isso q é de uso pessoal nem ta convencendo mais

      • Talita06/08/14 • 19h52

        Hummm Mariana, não é bem assim. Minha amiga teve a bolsa taxada…Notebook não é considerado item de uso pessoal, filmadora tb nao……Enfim, tem q se informar bem..e levar notas fiscais se aquilo for muito importante pra vc !! Fora que é bem isso que a Cony falou, quem vai contrariar o fiscal lá na hora ???

      • Gabriela07/08/14 • 21h33

        Olha “uso pessoal” para não ser tributado tem que ser compatível com a viagem feita. Se vc for para a Groenlândia e voltar com um casacão de neve e botas, ok, mas ficar uma semana em Miami e voltar com 10 casacos, 20 calças e um monte de outras tranqueiras “pessoais” corre sim o risco de ter que pagar o imposto. Não é direto assim como a gente fica achando.

    • Livia07/08/14 • 15h24

      Gente, nao é questão de peitar, é ter segurança para argumentar. Uma vez viajei para os EUA e quiseram taxar um monte de coisa (inclusive shampoo etc), a sorte é que eu tinha meus argumentos na ponta da lingua e o meu marido, que é advogado estava comigo. No meu caso, quando perceberam que estavamos bem informados, o discurso mudou totalmente e não tive nenhum problema.

      Já ouvi histórias absurdas sobre a alfândega e na minha experiência, ajudou ter mostrado calma e segurança. Esse post aqui esclarece bastante coisa tb http://alegarattoni.com.br/viagens-internacionais-a-farmacia-no-topo-do-roteiro/

      • Mércia Nery08/08/14 • 19h27

        Concordo com a Livia, é questão de saber argumentar, não adianta fazer barraco nem aceitar ser taxado só pq ele disse que deve!

  3. Luana06/08/14 • 16h34

    Para mim não funcionou essa história de ‘pra vida toda’. Tenho uma Neverfull GM igual a da foto, comprada em Paris e morro de ódio da aquisição. Hj considerado-a horrível, baranga, uso para ir ao clube. Tenho birra dela, queria muito vendê-la. Quem quiser pagar R$ 1.000 nela já é dona!

    • Silvia06/08/14 • 23h13

      Luana, se voce quiser vender a bolsa mesmo, de repente me interessa.

      Sou do Rio de onde voce é?

      Meu email é rcahouse@gmail.com

      Beijos!

    • Carolina07/08/14 • 10h31

      Luana, tbm quero!! hehhe

  4. michelle rocha06/08/14 • 16h35

    a unica “grifada” q tenho comprei aqui na LV da ZS do Rio..uns 15 anos atrás rsrsrs naquela epoca a diferença era a mesma de hoje em dia. e foi em 3x tb

  5. Gabi S.06/08/14 • 16h35

    Sonho da VIDA ter uma neverfull..rs Acho que vou começar a pensar mais no assunto!

    Beijos!

  6. Biessa06/08/14 • 16h36

    Eu comprei uma LV depois que vi um post parecido com esse no fashionismo. http://www.fashionismo.com.br/2013/04/vale-pena-comprar-bolsa-importada-brasil/

    So de pensar em nao tomar susto com a cotação no cartão, em não pagar taxa qdo volto ao Brasil (pois é, amiga minha ja pagou taxa por bolsa antiga um dia desses, passei a viajar com a copia da notinha por receio…) ja vale a pena.

    Agora eu penso em comprar uma chanelzinha mas em Paris por causa da detaxe. essa achei que valia… http://www.fashionismo.com.br/2013/10/uma-chanel-para-todas/

    • Constanza06/08/14 • 16h38

      Muito bem lembrado Biessa!!!! Até bolsas tão taxando agora!

    • michelle rocha06/08/14 • 17h00

      eitaaaaaaaaaaaaa!!! taxando bolsa!?!!? PQP!! Tô com medo de trazer meu macbook agora!! nao vou declarar nem fu!

      • Constanza06/08/14 • 17h11

        Aham. Bolsa fia. Eu to viajando com meu laptop velho acredita?

        • Marcela06/08/14 • 17h29

          Pois é, lembram daquele post no Face da Beta Whately? :O

        • Cris06/08/14 • 17h39

          Eu vi uma moça contando no Facebook que taxaram uma Chanel dela, mas que havia sido comprada aqui, no shopping JK Iguatemi, e ela estava sem a nota. Muito cuidado ao viajar com as bolsas importadas, meninas! Levem a notinha!

      • Biessa15/08/14 • 19h52

        Mitcha, eu voltei com macbook e não fui taxada. Mas num mar de pessoas com 7, 8 malas, marido e eu com 2 malas médias nem demos na vista… rs

        Mas tb o dolar anda tão alto que nem tudo vale a pena. Um macbook valeu, mas se fosse uma marca menos cara de note o preço aqui estava melhor, acredita?

  7. Ana Paula Dmetriv06/08/14 • 16h41

    Tenho birra dessas bolsas Louis Vuitton, parecem bolsas de vovó rsrsrsr Mas os modelinhos da Gucci são lindos 😉

  8. thuane06/08/14 • 16h47

    Oi Cony!
    Acho a soho linda! Pensei várias vezes em comprar, mas sempre me batia a dúvida se não era bolsa da modinha.
    Acha que realmente vale a pena investir nela?
    Se vc falar que sim já corro pra Gucci mais proxima!!!
    hahahaha…

  9. Paula06/08/14 • 16h51

    Comprei 2 Lulus na Europa esse ano! Valeram muuuito a pena! Fiz as contas, e mesmo não considerando o tax refund, ficaram bem mais baratas!

    Já comprei no Brasil tb e, comparado ao preço dos EUA, realmente vale mais a pena comprar por aqui mesmo!

  10. Mel06/08/14 • 16h59

    Conyta,
    Miu Miu também vale a pena comprar por aqui.
    E por sinal, a Gucci da de SATANagem com a nossa cara, né? Paguei R$ 2.100 na Disco Soho ano passado, aqui no Brasil! Acabei de comprar uma Tote e já subiram o preço dela tmb.
    bjks,
    Mel

    • Ana Luisa06/08/14 • 17h13

      As marcas estão subindo os preços para não se popularizarem e pelo excesso de falsificações. Eu mesma paguei R$2000 na Speedy 30 em janeiro/13 e agora ela tá R$2860.

  11. Gabi Cavalcante06/08/14 • 17h01

    Legal o comparativo das blusinhas de fastfashion! hahahaha
    Fiquei feliz de saber que a Gucci vale a pena comprar aqui e que parcela de 5X, porque pagar isso tudo de uma cacetada só no cartão por uma única peça…dá dó porque com esse valor dá pra comprar um montão de outras coisas no lugar da bolsa: tênis, calças, cosméticos, make…e deixar a bolsa pra parcelar aqui!

  12. Ana Miranda06/08/14 • 17h10

    ÓÓÓÓtimo post Cony.

    <3 <3 <3 <3 neverfull

  13. Ana Luisa06/08/14 • 17h11

    Comprei a minha Speddy 30 ano passado, antes do aumento do preço. Na época paguei R$2000 nela. Sonho agora com uma Gucci, e esse post caiu muito bem, pois estava em dúvida se comprava ela no Brasil ou em NY.

    • Ana Luisa06/08/14 • 17h14

      Ops, me empolguei na hora de digitar. É Speedy*

  14. Lilian06/08/14 • 17h22

    Sorry, mas bolsa de R$ 3.000,00? R$ 7.000,00? É só pra quem tem sobrando mesmo…rs
    Porque tem tanta marca boa no Brasil (Schutz, Arezzo, Luz da Lua e outras), em média de R$ 900,00, lindas, chiquérrimas e sem o risco de parecer bolsa falsificada, porque como diz a Val Marchiori, Louis Vittoun até minha faxineira tem…
    Não estou criticando quem tem, longe de mim isso, se você tem pra gastar, ok…

    • Constanza06/08/14 • 17h23

      Tem público pra tudo!

      • Marcela06/08/14 • 17h34

        Prefiro dar R$ 3000 numa Gucci do que R$ 1.000, R$1.500 numa Victor Hugo (????), Capodarte, etc…

        • Marcinha06/08/14 • 17h57

          Concordo Marcela, outro dia mesmo estava pensando em comprar uma schutz de quase R$1.000 para trabalhar, e enquanto experimentava na própria loja notei que a bolsa estava com algumas costuras soltando e a ferragem descascando. Por isso não arrependo das minhas LV’s e Gucci. Já estou pensando na próxima grifada…

        • Ana Luisa06/08/14 • 18h21

          Eu tenho 2 VH compradas antes da marca subir os preços. Na época valia a pena ter uma bolsa melhor por um preço não tão alto, mas hoje a VH pirou, pois tem bolsas que se equiparam aos preços das grifes internacionais.

      • Lilian06/08/14 • 17h43

        Com certeza, aliás, tem bolsa que custa o valor de um carro zero…e tem gente que tem $$$ e compra…e tem mais de uma…mas para a minha filosofia de vida (e bolso) é muito surreal…
        Só queria deixar registrado que adoro o seu blog, nunca comentei, mas não deixo de visitar todos os dias!

    • Ana Miranda06/08/14 • 19h03

      Bolsa da Arezzo dura menos que bolsa da C&A…
      Se fossem tão duradouras quanto, compensavam.
      São caras e se usadas direto, duram um ano, dois no máximo.

      Vale mais a economia para garantir algo de qualidade e que pode durar a vida toda, ainda passar de geração à geração.

      • Luciana07/08/14 • 13h14

        Discordo com relação ao seu comentário sobre as bolsas da Arezzo. As de couro mesmo duram uma vida! Tenho várias bolsas de lá, de couro e couro ecológico. De fato, as de couro ecológico não duram muito, mas tbm nem é isso que esperamos de uma bolsa assim né…mas as de couro duram demais! Amo as bolsas da Arezzo!

    • Fernanda Francischinelli07/08/14 • 08h33

      Ai gente, desculpa, mas VH eu acho tão cafona! Muito feio! Prefiro pagar mais barato numa bolsa da Dumond ou Mr.Cat que tem modelos mais bonitos nem pela metade do preço.
      Gosto dos modelos da Kate Spade mas acho aqui no Brasil um absurdo. Enquanto isso, sigo sonhando com a minha amada Givenchy Antigona….rs

      • monica07/08/14 • 09h08

        Concordo!!! Tinha umas 30 VH…da época que não tinha imitação. Vendi todas!!!!

      • Flavinha07/08/14 • 10h46

        hahahah eu tb acho VH mto brega, mto cafona… Mto quero ser LV…

      • Marcela07/08/14 • 11h42

        VH é uóóó, nao sei como essa loja se mantém hoje em dia! Seus tempos já foram há muito tempo atrás!

    • monica07/08/14 • 09h05

      Olha não pago mais 900,00…mas já paguei sim!!! De uns tempos pra cá se eu gostar muito…eu espero a promoção e pago 400,00!!!As minhas duram muito, eu chego a passar pra outras pessoas…mas tb tenho várias, por isso não uso direto

    • Angela07/08/14 • 12h45

      Gurias
      posso dizer, com certeza, pois compro minhas bolsas de dia dia na Schutz, quee vários modelos deles vem com uma baita etiqueta: “FABRICADO NA CHINA”.
      Então vale a pena olhar bem o modelo, e se compensa você pagar 800,00 por uma etiqueta, porque design e matéria-prima diferenciada, isso não é oferecido.
      O mesmo vale para o sapatos, como sou do Sul conheço vários fabricantes da Serra Gaúcha que vendem o mesmíssimo produto pra Renner e pra Schutz.
      Quem conhece um pouquinho sobre os designers internacionais, como Giuseppe Zanotti, sabe que a Schutz copia praticamente todos os lançamentos dele. Então o que se cobra por este sapato é só a marca “SCHUTZ”, que muitas de nós ostentamos com muito orgulho por se tratar de produto “original”, mas na verdade é uma cópia tosca de algo desenvolvido por uma maison européia. As bolsas são em maioria idênticas a alguma Coach, Goyard, ou qualquer outra que esteja bombando lá fora. No fim várias peças “deusas” desta marca são tão originais e exclusivas quanto aquelas LV que vendem no camelô, só que mais caras e um pouco melhor acabadas.

      • Lilian07/08/14 • 13h50

        Nossa…coitada das pobres mortais que não podem ir ao exterior e não tem condição de comprar uma bolsa grifada no Brasil, porque pelo que a maioria disse aqui, não existe bolsa que preste feita no Brasil… #xatiada
        Mania de brasileiro: dizer que tudo que é de fora é bom, e tudo que é daqui não presta…

  15. Marcela06/08/14 • 17h36

    Cony, você fez uma excelente compra com a Soho vermelha! No final do ano fui para Portugal e comprei uma azul marinho, meu xodó, a bolsa que mais uso de longe, que tamanho perfeito! Cabe tranquilamente uma carteira grande, celular, batom, chave, tudo! Amo, pro dia a dia e para noite. Pensei em comprar aqui, vi que o preço praticamente dava na mesma, mas como ia viajar, quis fazer da compra da bolsa uma “experiencia” a mais na viagem, sabe como é né, kkkkkkkk

    • Constanza06/08/14 • 17h38

      E a metalizada roxa???? É LINDA!

      • Marcela07/08/14 • 11h43

        E a nude de verniz :O ??? kkkkkkkkk

        • Suzana12/08/14 • 23h42

          Tô louca na nude metalizada! Qro pra ontemmm!

  16. Isadora06/08/14 • 17h47

    Cony,

    Não tenho nenhuma bolsa grifada, mas penso em adquirir… então queria saber se a qualidade do material realmente compensa.. Ela realmente dura a vida toda sem quebrar ziper, descosturar, essas coisas?
    A qualidade da fabricação é muito superior às nacionais?

    Obrigada, vc é demais, beijão!

  17. Marcinha06/08/14 • 18h04

    Oi Cony,
    Tb sou doida por essa Gucci pequena e vermelha, só tenho medo de ser coisa de moda e parar de usar rápido…
    Queria uma ajuda: estou precisando de uma bolsa boa para trabalhar. Qual vc me sugere?
    Não posso ir com minhas grifadas pq tem gente que não entende que para comprar uma bolsa cara basta planejar e que algumas pessoas tem menos despesas que as outras (conhece esse tipo?).
    Estava pensando naquela kate spade beau 2 park avenue ou em alguma coach…o que vc acha? Tem que ser espaçosa…
    Será que essa kate spade é muito pesada?
    Adoro o blog.
    Bjo

    • Mariana06/08/14 • 19h37

      Marcinha (e todas as outras meninas que querem uma bolsa “grifada mas não tanto”), comprei uma Kate Spade de tamanho médio no embarque do Terminal 3, no aeroporto de Guarulhos -SP. Entrei no site, na hora e chequei o preço dos EUA. Era praticamente o mesmo!!! Uns 5% mais caro que nos EUA e 40% mais barato que na loja de SP. E tinha mais vantagens: pagar no débito ou crédito sem IOF e dividir em até 6x. O mesmo valia para as lojas internas da Coach (bons preços!!!) e Michael Kors (não tão bons e meio cafoninha).

      Bjs

  18. Ludmila Loyola06/08/14 • 18h25

    Taxando bolsa???? Jesus! Comprei uma bolsa de maternidade Coach por U$115,00 achei que valeu super a pena pq as feinhas (rosa e cheia de ursinhos)aqui no Brasil custam R$300,00 pra mais.

  19. Ione06/08/14 • 18h34

    Cony a gucci de corrente preta da montagem é esse preço é? Se for, realmente está valendo a pena! Vai abrir uma Gucci aqui em Recife, estou pensando em investir nessa, será presente de niver! Hehehe adorei as comparações!

  20. Marisa06/08/14 • 18h40

    Oi Cony, adorei a idéia que teve de comparar o preço entre as bolsas! Queria saber quanto custa a Gucci Soho na Europa, pois estou indo para lá em setembro, e queria saber se vale a pena esperar e comprar lá. Bjos!!!

    • Bianca06/08/14 • 22h29

      Oi querida! Custa 690 euros e vc ainda recebe 12% de volta (tex refund). To indo pra Paris e pretendo comprar tb! Dá uma olhada no site da Gucci.fr que tem os preços de todas as bolsas. Bjos!

      • Aline07/08/14 • 10h28

        Valeu pela dica, Bianca!
        Vou esperar para comprar nas férias do próximo ano.

        bjo!

  21. fernanda paiva06/08/14 • 18h47

    Cony, vc se lembra de ter olhado no Japão se valia a pena (mais que Brasil?). Vou pra lah via Dubai no final do ano e nao sei se compro aqui, na escala, lá… Ó duvida!!! Aaah, adouro o blog! Beijos

  22. Gabriela06/08/14 • 19h18

    Voltei mes passado de NY com duas bolsas minhas antigas, de 2 anos atras, fui parada na Receita e o filcal me cobrou imposto nas duas bolsas, pois eu nao tinha o Darf de importacao delas. E ainda disse que eles tem 5 anos para cobrar o imposto!!!! Por isso, se comprar a bolsa no Brasil e for viajar com ela, vc tera que carregar a NF por 5 anos para provar!
    Pais de absurdos…..

    • Constanza06/08/14 • 21h31

      Gente vou chorar! Nem sei onde coloquei as notas!

      • Michelle07/08/14 • 10h04

        Conyta, não chora não. Pede a 2° via da nota na loja que vc comprou. Fiz isso, levei na viagem e qndo voltei e fui parada, essssssfreguei a nota nas fuças da agente da receita.
        Muambeiro que é bom eles não param, né não?! Fico puttaaaa com isso!

      • Livia Britto07/08/14 • 11h25

        Uma dica, gente: Tirem cópia da NF impressa naquele papel amarelinho porque apaga rápido. Trabalho no Procon e sempre aparece gente pra reclamar de produtos comprados há 2 meses atrás com a NF completamente ilegível. Caso isso já tenha acontecido, ou em caso de perda da NF, podem pedir declaração de compra no estabelecimento onde foi comprada.

    • Ana Paula Pierre07/08/14 • 10h15

      Volta na loja, pede a 2ª via nf e entra pede o dinheiro de volta na RFB.

  23. Roberta06/08/14 • 19h48

    Cony, nao li todos os comentarios, mas a lepliage, da longchamp ta mais barata aqui no jk em sp do que em orlando!
    Quando descobri fiquei super feliz rsrsrs poderei aumentar minha coleçao sem viajar rrsrs!
    Bjo

    • Constanza06/08/14 • 21h28

      WHAAAAAT? Quero uma amarela!!!

      • Ilana medeiros07/08/14 • 12h36

        Meninas a le pliage no Outlet em Marnee Lá Vallee pertinho da Disneyland em Paris custa a miséria de 45 euros!

  24. Talita06/08/14 • 20h05

    É , realmente tem umas marcas que compensam comprar aqui ! Não só bolsas, algumas coisas como ipad por exemplo, acho que compensa comprar aqui… Tem o risco de ser taxada ainda e a Cony foi boazinha com a taxa do dólar, pq essa semana mesmo comprei por 2,43 !!! A preta da é Gucci linda !!!!

  25. Gabriela06/08/14 • 20h07

    Cony, e a Chanel Boy? Vale a pena comprar aqui?

  26. Mona Gomes06/08/14 • 20h47

    Bolsa… bolsa… bolsa… STOP! um minuto de silencio para o IOF tirado do suvaco do nosso governo. 🙁

  27. Marcela Flores06/08/14 • 21h45

    Cony, as Longchamp também valem muito a pena em comparação com os Eua e até Europa. Eu compro por telefone nas lojas de SP e também dividem. São quase o mesmo preço!! Bjs

  28. Barbara06/08/14 • 22h13

    A Soho é tudo de bom!!!
    Comprei uma pink com alça normal e depois uma preta com alca de corrente, ambas no Brasil por 2 mil… Antes da Gucci aumentar os precos…
    Pra quem tá querendo a Fendi 2jours acho que ainda vale a pena na Europa. Considerando os preços do ano passado, comprando em Paris a bolsa saiu R$4.000,00, enquanto no Brasil estava R$6.000,00. Sei pq uma amiga comprou aqui pq não tinha viagem prevista… A Fendi tb parcela em 5x.

  29. Alessandra06/08/14 • 22h16

    Cony, amei seu post!!! Como sempre trazendo informacao otima pras leitoras. Nao fazia ideia que a Gucci era viavel assim, ate comecei a cogitar uma (e uma longchamp tambem, pelo post acima! rs). Mas vale dizer, a Kate Spade no Brasil custa quase a mesma coisa que nos Estados Unidos, tambem vale a pena comprar e eles dividem em 6x (e no mes do aniversario tem 15% de desconto), ou seja, eh uma boa opcao de compra tambem. Bjss

  30. Barbara06/08/14 • 22h23

    A conclusão acho que é: bolsa européia em NY não vale a pena, pq sai quase o mesmo preço do Brasil e vc ainda corre o risco de ser taxada na volta.
    Já na Europa, sempre vai ser mais barato. No Brasil esses modelos que vc postou ainda compensam, mas só esses… Tô de olho na Noé, por exemplo. A Bb, de couro, amarela. Se fosse pra comprar hj em Paris, sairia R$ 3.100,00. aqui está R$ 5.150,00… Dois mil de economia…

  31. Marcinha06/08/14 • 22h56

    Na gucci e prada do Iguatemi Brasília dividem em até 6 vezes.

  32. Fernanda06/08/14 • 22h57

    Recentemente eu viajei pra Orlando e comprei uma bolsa Kate Spade no Outlet da International Dr. O preço original era U$ 355 e eu paguei U$ 170 (musiquinha da vitória, rs). Considerando IOF e taxa de 7%, o preço original ficou por volta de R$ 950 e o preço com desconto R$ 455.
    Dei uma olhada na loja do Shopping Higienopolis em SP e não encontrei o mesmo modelo, mas outras bolsas de tamanho similar e mesmo material estavam por volta de R$1300, R$1500. Achei que valeu MUITO a pena.

  33. Roseane07/08/14 • 01h59

    Na europa ainda tem as liquidacoes tb. A LV e a Gucci sempre entram, por volta de julho e janeiro. Por exemplo, essa soho na Gucci de Estocolmo tava saindo por volta de 4300kr, tipo 1500 reais. 🙂

    • Marcela07/08/14 • 11h45

      Jura que essas lojas entram em desconto? :O Choquei!

  34. Carol Mendes07/08/14 • 04h33

    oi Cony Blz? pois é menina concordo com vc, realmente tem marcas que estão realmente valendo a pena comprar no brasil. De bolsa grifada tenho uma LV neverfull comprada aqui em BSB .Nunca me arrependi da compra. 3x. hehe aqui em casa sou eu e mais 3 mulheres( mãe e irmãs). minha irmã tem 1 speedy 30 comprada no brasil e uma Dior( comprada por fone em samba e entregue aqui em Bsb) que saíram mais em conta que comprar fora. a Dior ela pesquisou em Montreal(quando ela estava morando la) e em NY. brasil ganhou! minha mami tem uma soho leather shoulder comprada na gucci aqui em bsb… e aqui divide em 6x. yey! em relação a kate spade realmente vc tem razão em dizer que la fora vale mais a pena. a minha que comprei em NY em um outlet foi 145 obamas, enquanto a mesma aqui no site custa mais de 1000 dilmas! Sim aproveitando para dizer que amei sua soho vermelha, fui esse FDS na gucci do iguatemi bsb e me apaixonei pela roxa metalizada… OMFG! E Cony? uma perguntinha se me for de direito: cade o post da compra de sua nova Gigi roxa? linda demaaaissss! bjs e adoro o blog!

  35. Flavinha07/08/14 • 09h05

    É, pra Kate Spade acho que não compensa mesmo. Qdo fui pros EUA da ultima vez queria uma bolsa boa e bonita, mas não queria gastar tb 4 dígitos. Ai peguei na Kate Spade: uma Alessa de couro preta bem linda e chique, uma pequenininha mais rígida de usar de ladinho e uma daquelas que é tipo carteira com uma alcinha de por no pulso (dessas pra ir na padaria heuhauh) e não gastei nem 300 dólares.

  36. Ju07/08/14 • 10h13

    Nossa Cony, receita tá bizarra mesmo!!! E fui declarar um macbook air. Sim, eu queria declarar, fiz tudo bonitinho! Queria poder viajar com ele sempre, por isso declarei. Acredita que o cara da receita em Brasília me tratou super mal, como se eu tivesse declarando uma coisa pra sonegar outras.
    Abriu a minha mala e revistaram absolutamente tudo. A empáfia do fiscal era tanta que ele disse bem assim: – nem vem com o papo de uso pessoal pq eu posso taxar o que eu quiser e depois vc que vá discutir na justiça(acredita???). Total abuso de autoridade. E fiquei qs duas horas nessa função.
    Como minha mala se resumia basicamente a lingeries e biquinis (era lua de mel kkkk) realmente não tinha nada pra taxar!!! Fiquei bem revoltada, pois queria exercer um direito/dever meu, de declarar, e ainda fui tão maltratada.
    Decidi que nunca mais declaro nada!!! Mas pra evitar incomodação já separei minha bolsinha da c&a pra ir comigo na próxima viagem hehehe as grifadas ficam descansando por aqui…
    bjoss

  37. Juliana07/08/14 • 10h22

    Acho que tudo depende. Se eu estivesse de viagem marcada e com $$ disponível pra comprar essas 3 bolsas que vc usou como exemplo, eu estaria economizando R$ 1.524,00, que pra mim, é uma excelente economia. Se vc converter essas 1.500 dilmas em obamas, vc fica com quase 700 dólares na mão. E com 700 dólares dá pra se divertir bastante nos EUA viu!! Eu prefiro economizar esses 700 dólares (e gastar nas farmácias americanas ou na Sephora) do que comprar aqui, e ficar pagando “divida” de bolsa grifada!!! Acho que só compensa comprar aqui se vc não consegue viajar pra fora de jeito nenhum (e neste caso ainda dá pra pedir pra qq amiga trazer pra vc), ou se vc não consegue aguentar a ansiedade da próxima viagem.

  38. Eliza07/08/14 • 10h22

    Na minha última viagem comprei uma Gucci preta igualzinha a essa da foto (foi na Europa) e achei que compensou… Comprei ela e uma Prada… Acho que não vou sair com elas do Brasil…
    Beijos

  39. Cy07/08/14 • 10h33

    Super curti este post, Cony! Estava em dúvidas, mas agora estou segura de comprar um LV aqui! S2

  40. Mariana07/08/14 • 10h52

    Sou louca por bolsas… definitivamente, meu ponto fraco. Comprava várias bolsas durante o ano, mas, de uns três anos pra cá, tenho investido na qualidade, comprando 1 ou 2 bolsas mais clássicas por ano em viagens internacionais. A compra da bolsa é quase um evento!!! Rsrsrs! Me programo, penso, pesquiso, analiso… E tem valido muito a pena! Financeiramente, acho até que economizei. Algumas bolsas de grifes internacionais têm excelente acabamento e altíssima durabilidade (vi uma Gucci da década de 80 em um brechó em excelente estado!Fiquei pasma!!!). Mas, não são todasss as marcas que duram uma eternidade em bom estado como todo mundo pensa… Fendi e Chloe são excelentes, perfeitas mesmo apesar de pesadas! Já com a LV, não tive sorte. ;-( Minha speedy 30 Bandouliere monogramada está acabadaaaaa após três anos! Em menos de dois meses de uso, o botãozinho dourado que prende a argola que segura a alça caiu… pouco tempo depois, começou a enferrujar. Uma tristeza! Rs! E é uma bolsa leve, prática, que adoro!!! Enfim… A gente tem que contar com uma boa dose de sorte também! Adorei o post!

  41. Amannda Ferreira07/08/14 • 11h00

    Acho que compensa comprar bolsa fora do Brasil se for viajar pra Europa. Se for pros EUA, como a Cony já exemplificou, não rola mesmoooo.
    Pensar q eu paguei na minha Speedy 30 445 euros (acho q foi isso, 400 e qualquer coisa) !! Foi em 2010 na LV da Champs-Élysées em Paris. Me senti uma princesa quando comprei, as vendedoras eram ótimas! E na época o euro estava 2,50, ou seja, paguei 1.200 reais. Teve o tax refund de 12%, no final da viagem peguei de volta 140 reais, ou seja, saiu quase por 1.000 reais! É de chorar q hoje ela custe quase 3.000,00 reais, um absurdo!
    Também tenho a Gucci Soho, a minha é marrom, uso até e cabe muita coisa, apesar dela ser pequena, otima compra Cony!

    Beijossss

  42. Ilana medeiros07/08/14 • 12h41

    Sobre a taxaçao na alfandega morro de medo. Tenho uma LV que ganhei do meu marido e foi comprada em Viena. Guardo a nota e tudo. Deixo de viajar com ela só por medo de quererem me taxar na volta. Fui pra miami agora em julho com uma bolsa Arezzo. Lá comprei uma Selma da MK. Voltei com ela virada pra ninguém ver o nome da marca. Já soube de casos que se eles vêem vc com uma bolsa de grife já te fazem abrir malas. Trouxe enxoval pro meu bebe pela alfandega de salvador e graças a deus foi tudo tranquilo, mas tive a preocupação de não “mostrar” grifes pra evitar esse tipo de coisa.

  43. Ana07/08/14 • 13h56

    A mágoa da vida foi meu marido ter ido na Victor Hugo e ter comprado uma bolsa de 4 mil pra me dar de presente de aniversário! Quase morro de pensar que poderia ter sido quase 2 LV né? Mas presente é presente e não dava pra pedir o dinheiro de volta! 🙁
    Agora Conyta vc tem razão, comprar lá fora só vale para bolsas Chanel, algumas Gucci, Givenchy… estive em Miami a pouco e o preço de LV tá páreo com o daqui, sem contar a dor de cabeça pra passar na alfândega. Todo mundo entra no raio X agora e estão sismando até com o sapato que a gente tá usando.
    Beijo

  44. Luiza07/08/14 • 15h38

    Não sei se sou pobre demais , mas não consigo encarar nem os preços importados! urgh!!

    http://www.estiloadois.com.br

    • Milena Cardoso07/08/14 • 16h13

      Eu tbm! Acho que somos pobres hahah
      Chorei para pagar R$ 300 em uma!

  45. Victoria Renner07/08/14 • 16h37

    Adorei esse estudinho!!! Realmente, para quem não viaja tanto vale muito!! Pra quem ta sempre viajando, ai pode ser que comprar fora ainda compense…E como as parcelas não são daquelas que parecem infinitas, não deixa ninguem perder o controle!! hehe!! Beijoss

    http://victoriarenner.com.br

  46. MICHELLE07/08/14 • 17h15

    Falando em bolsa grifada, tenho vontade de chorar… Depois de muito pensar, pesquisar, e-c-o-n-o-m-i-z-a-r, decidi comprar uma Prada ano passado em Milão, linda, cor burgundy. Cerca de 2 meses depois, comecei a perceber que as ferragens estão oxidando… Um verdadeiro absurdo, afinal não é qualidade que se espera quando adquirimos uma bol$$$a dessas??? Liguei na loja do Rio e me disseram que o conserto levará 120 dias. Já aconteceu isso com alguém??? Estou me sentindo a última das mortais…

    • Danielle07/08/14 • 20h50

      Oh no! E agora? Pensei que era uma bolsa pra vida inteira, um investimento, muita qualidade, blá blá blá…

    • Andrea07/08/14 • 21h57

      Michelle,
      Tenho uma carteira Prada, comprada fora, e depois de poucos meses a parte de dentro manchou do contato com o próprio couro (ela é preta por fora e nude dentro). Fui até a loja do JK e eles me disseram a mesma coisa, ou seja, que eu deveria deixar a minha carteira com eles para que eles mandassem para a sede para análise, o que obviamente demoraria muito.
      Depois dessa experiência me prometi não comprar mais nada da marca pois além da qualidade ruim, o serviço ao cliente está longe do esperado para uma marca do gênero. É claro que eles deveriam substituir o produto imediatamente, resolvendo o problema do cliente, e que façam a análise deles para verificar o defeito sem deixar que o cliente espere por isso.

    • Mariana07/08/14 • 22h07

      Passa WD40 numa flanela e esfrega SOMENTE na ferragem. Sai tudo e fica como nova. Só não pode passar o WD40 no couro pq resseca e mancha.

    • Livia08/08/14 • 11h06

      Michelle, eu comprei um sapato da Jimmy Choo nos EUA (só comprei nos EUA pq não tinha a cor que eu queria na loja de SP, o preço é uns 20-30% a mais alto, mas ao meu ver valeria a pena comprar aqui) e tive um problema com o salto. Entrei em contato com a loja de SP e eles falaram que não poderiam ajudar pois são uma franquia independente. Eu tive que mandar o sapato para análise via um amigo que estava indo para os EUA… Sei que na emoção da compra não pensamos que o produto pode necessitar de algum tipo de manutenção, mas da próxima vez prestarei mais atenção!

    • MICHELLE08/08/14 • 12h51

      Andrea, concordo integralmente com vc. Também me prometi nunca mais comprar nada da marca PRADA, me decepcionei com a qualidade e principalmente com o tratamento dado ao cliente. Sequer um pedido de desculpas foi dado, pelo contrário sequer me deixaram falar tudo o que eu queria, mesmo tentando ser educada… “É assim e pronto, quer quer, não quer tchau”. E mais, agora não me encanto mais com essa história de bolsa grifada = qualidade. Balela. Bolsas de 400,00 podem não oxidar e as de 7.000 sim. Se comprar de novo, vai ser muito ciente disso.
      Mariana, vou tentar! Obrigada pela dica.
      Beijos, Cony, amo seu blog.

    • MICHELLE08/08/14 • 15h22

      Tem razão, Lívia. Outro ponto a se considerar.

  47. Flaviaf07/08/14 • 18h09

    Cony,vc é a melhor blogueira disparada!

    • Constanza07/08/14 • 18h45

      opaaa, obrigada!

  48. Tici07/08/14 • 20h41

    Olá Cony e meninas, tbm adorei o post!
    Li alguém falando sobre liquidação na LV e infelizmente eles não fazem. Hoje é uma das pouquíssimas marcas que optam por não liquidar seus produtos.
    Sobre a manutenção das bolsas, tive problema com minha LV e mesmo sendo comprada fora do Brasil, levei na loja do Iguatemi SP e eles arrumaram. O prazo foi longo, acho que 3 meses,mas a recebi de volta perfeita (eles inclusive limparam o cadeado e trocaram o courinho do zíper sem eu pedir).
    Sem dúvidas, é um ótimo investimento!

  49. Melissa07/08/14 • 22h59

    Menina, excelente post. Estou namorando minha primeira grifada, LV, e simplesmente A M E I o tema!

  50. Maria08/08/14 • 10h48

    Cony,

    Oi Cony!!!
    Desculpa aí, mas fazendo conta percebo que a conclusão é o contrário daquilo que você concluiu.
    Das três opções que vc apresentou, a Prada é a que mais compensa comprar no Brasil (diferença de 13,27%) e a LV a que menos compensa (diferença de 24,47%) e a Gucci apresenta diferença de 17,75%. Cuidado que o valor nominal nos engana. Mão na calculadora!!!!

    • Constanza08/08/14 • 12h55

      Nao pense no valor final, pense nas parcelas 😉

  51. Silvia08/08/14 • 11h34

    Oi, Cony. Sou olheira e é a primeira vez que me manifesto. Eu e meu marido somos cultivadores de milhas e por causa disso conseguimos viajar todo ano 1 semana p EUA e 15 dias para Europa, mais especificamente, Italia. Nos EUA compramos roupa para trabalho, jeans, tenis, casacos, lingeries pra mim e minhas 2 filhas e algum eletronico que precisemos. Mas tirando Coach, nenhuma bolsa compensa comprar lá, e sapatos também não. Agora, na Italia, as bolsas tem um retorno de taxas de 12% LV e 14% Chanel. Sapatos 12% . Pra você fazer as contas, pagamos 3190,00 euros na Chanel 2.55 e 680,00 no Valentino Rockstud. No JK em SP ficaria 1/3 mais cara a bolsa, e o sapato, quase o dobro. E, cá entre nós, viajar pra Europa é muito mais rico em termos culturais, do que os EUA. Fica a dica. Beijos e vou voltar pra posição olheira em 3,2,1…

  52. Andreia08/08/14 • 14h00

    Gente, 500 reais (parcelado ou não) é pouca coisa AONDE??? Achei o post inteiro muito sem noção! E fiquei lembrando dos tempos em que o blog dava dicas de ebay… Q q tá acontecendo??

    • Constanza08/08/14 • 17h26

      Pontos de vista né?

  53. Michelle08/08/14 • 14h18

    Mulherada é o seguinte…o MPF já notificou a receita pelos casos de abuso dos agentes em vários processos. Não é questão de peitar um agente da receita, é questão de fazer valer os seus direitos. Bens de uso próprio não podem e não devem ser taxado, caso isso aconteça, tem sim que denunciar. Além disso, o instituto da propriedade presume-se da boa fé e, mesmo que os produtos eletrônicos, bolsas ou o que quer que seja,sejam de origem estrangeira,não se pode simplesmente presumir irregularidades em sua introdução no território nacional.
    O ato lesivo ao patrimônio de pessoa física ou jurídica, se praticada de modo abusivo por autoridade é qualificado pela legislação como ato de abuso de autoridade e pode levar os agentes a responderem por seus atos perante a Justiça, sim!!!

    • Michelle08/08/14 • 14h19

      *opssss, “taxados”. rs

  54. Cacá08/08/14 • 15h29

    To chocada com os preços. rs…

  55. Luiza08/08/14 • 20h18

    Meninas, vi muitos comentários de “pra quem não viaja, tá valendo a pena”, então aqui vai uma dica de amiga (e viciada em bolsas): nunca nunca nunca um item material deve se sobressair a uma experiência de vida! Viajar enriquece a alma, abre a cabeça e o coração. Entre comprar uma bolsa no Brasil e viajar, não hesitem em escolher a 2a opção 😉 Bjs!

    • Uli11/08/14 • 13h52

      Eu concordo plenamente com você, Luiza. E outra, eu acho que se você tem que ficar fazendo esse monte de conta e economias e parcelamentos pra poder ter qualquer uma dessas bolsas, fia, elas não são pra você, desencana! Por melhores que sejam os materiais que as grifes usam, eles não são a prova do tempo e do uso! E a gente vai enjoar, não tem jeito. Isso não é investimento, me desculpe.

      Tem muitas outras marcas brasileiras com bolsas bacanas e diferentes, não precisa ficar só no cirtuito Arezzo-Schutz-Santa Lolla (todas copionas, como já disseram nos comentários). Dêem uma olhada na Adô Atelier (de BH!), House of Caju, Kör Atelier, Studio Canna e por aí vai… Não são exatamente baratas, mas são trabalhos diferenciados e de qualidade.

  56. Priscila08/08/14 • 21h14

    Futi, vc podia fazer algo nessa linha com bolsas mais acessíveis. Como kate spade, michael kors e coach. Adoraria!!!
    Bjs

  57. Tatiane09/08/14 • 17h40

    Comprei uma Victor Hugo (tamanho médio) e amei. Não me arrependo! Uso todos os dias. É uma bolsa que tem um ótimo acabamento e super funcional. Fui à loja da Louis Vuitton e sinceramente não tive coragem de pagar 2.800 numa bolsa. Esperei a promoção da VH e comprei por 800,00. Vai durar uma vida…Ontem passei na schutz para olhar uma bolsa vermelha pequena…valor: 659,00.

  58. Gil09/08/14 • 19h06

    Mas Cony,esse post é de Utilidade Pública minha gente!!!Pobrinha que sou rs,só senti falta da “Maicocó” nas comparações dos valores kkkkk!!!

    Bjus

  59. Margareth09/08/14 • 19h51

    Olá Cony! Passei o mês de junho em Paris e no final do mês a cidade inteira entrou em promoção. Comprei uma Fendi-tamanho maior, com minha inicias gravadas em promoção( por aproximadamente 1.100 euros). Salvo engano ela estava com 30% de desconto. Na galeria Lafayette praticamente todas as marcas estavam em promoção. Era uma loucura as pessoas tirando foto e ligando para dizer o valor. Vale a pena se programar pra viajar nessa época. Fora o imposto q vc recebe de volta. Uma vez mandei um email pra vc falando q tinha marcas que valia a pena comprar aqui pelo parcelamento e pela receita federal.

  60. Maria11/08/14 • 09h47

    Cony,
    Em primeiro lugar, ainda que pensasse nas parcelas como você sugeriu, sua conclusão continuaria errada,pois a regra não muda, ou seja: das três opções que vc apresentou, a Prada é a que mais compensa comprar no Brasil (diferença de 13,27%) e a LV a que menos compensa (diferença de 24,47%) e a Gucci apresenta diferença de 17,75%.
    Ah, outra coisa, acho que você como formadora de opinião deveria pensar melhor ao fazer esse tipo de análise, pois além de errado, está orientando as pessoas a pensar nas parcelas (ou seja, pagar mais caro por isso). Temos que ensinar as pessoas a dar mais valor no tão suado dinheiro.

    • Constanza11/08/14 • 10h10

      Ah, eu acho que compensa. Essa pequena porcentagem a mais acho bem válida para comprar aqui, nao compensa o stress de comprar fora, só isso. Adoraria um blog com aulas de economia, já pensou em fazer um? realmente iria ajudar mt gente…

  61. Ana Paula Sanches08/12/14 • 09h04

    Olá, onde posso comprar com segurança a bolsa Soho da gucci?

  62. KATIA14/08/15 • 20h22

    ONDE ENCONTRAR NO BRASIL BOLSAS LANZETTI?
    SE SOUBER ME RESPONDA POR E-MAIL.
    ESTA PERGUNTA É A MESMA DE TODAS AS MUHERES DA MINHA FAMILIA.
    ATENCIOSAMENTE.

  63. Jussara30/10/17 • 11h04

    Qual a loja que vc viu que vale a pena comprar Cucci no Brasil?