30
Oct 2012
Dez Coisas Que Odeio Em: Viagens!
Cotidiano, Diário de Viagem

Viajar é sempre divertido e gostoso não é? Mas pequenas coisas podem ser stressantes e acontecem na maioria das vezes, ainda mais com nós mulheres. Quebrar a unha é uma delas, não me lembro de uma viagem que isso não tenha acontecido comigo, seja na hora de fechar a mala, ajeitar no compartimento do avião ou na hora de retirar a bagagem da esteira.

Ah, falarei sobre viagens de avião… e são taaaaaaaaaantas coisinhas, que terei que fazer depois a parte II, com os demais tipos de viagens ;-)

Vamos lá, as 10 coisas que odeio em viagens!

viagens

  • A mala de mão que não cabe no compartimento do avião. Meu sonho é viajar só com a bolsa mas nunca consigo! Além disso, rola aquele stress quando você é uma das últimas a entrar e não tem mais espaço. E a bichinha pesada com as compras que você acabou de fazer no Free Shop e ninguém aparece para te dar uma ajuda e colocar a mala no único espaço que você conseguiu, 5 fileiras longe do seu assento. Você levantando a mala, a blusa subindo, a barriga aparecendo, o cabelo atrapalhando, as pulseiras agarrando na mala e a unha, pluft, se foi. Isso é para aprender a não carregar muita coisa na mala de mão.
  • Ficar planejando 1000 peripécias para driblar o excesso de bagagem. O da mala de mão é o pior de todos (que tem q pesar até 8 kg – na classe econômica claro, em algumas apenas 5 kg sendo que só a mala, vazia, pesa 3 kg) que te faz vestir a jaqueta, a pashmina, pendurar a câmera fotográfica, carregar a In Style na mão (como pesam essas revistas gringas!) e o iPad na outra. Uma coisa linda de se ver. Depois volta tudo pra mala e ainda assim se perguntar por que raios ela está tão pesada se só está levando o “básico”. Ah e claro, você fica toda suada com essa trabalheira toda e antes mesmo de entrar no avião, sua dignidade já vai sumindo.
  • Fazer UMA mala de 23 kg (dependendo do destino, duas de 23, mas na volta nem uma nem outra vai atender mesmo…). Deveriam fazer uma tabela com peso de malas diferenciados para mulheres, considerando o destino, clima e tempo de viagem. Claro, tabela feita por uma mulher também.
  • Aeromoça com memória falhada que sempre esquece o que você pediu. E quando atende é com aqueeeeeeeela boa vontade.
  • Antes do avião levantar vôo a pessoa da frente já reclina toda a poltrona, espremendo suas pernas te travando toda. O pior é a semi olhadinha para trás que a pessoa dá, como se dissesse “sinto muito“. Além disso, você se lembra daquela tia/amiga/conhecida que teve trombose numa viagem porque ficou muito tempo na mesma posição e de repente você começa a sentir coisas estranhas nas pernas.
  • O avião nem começou a se mexer e enquanto você procura seu fone de ouvido na bolsa para ouvir sua música preferida e relaxar, seu vizinho de poltrona começa a puxar papo. Ele foi mais rápido que você. Ou o papo dele é bom e você faz amizade, ou o papo é terrível e você pensa numa tática de por o fone rápido ou cair no sono subitamente. Sem querer querendo.
  • O avião já está no ar e toda aquela água com gás que você bebeu pede para sair. Está tudo tranquilo, o avião nem se mexe e você aproveita a calmaria para correr ao banheiro. Nisso, de calça abaixada, agachada naquela posição que só nós mulheres sabemos como é sofrida, tentando se equilibrar e segurar em algum lugar que esteja seco e limpo, sem espaço para nada, o cabelo no rosto impedindo a visão e pimba, o que mais você temia acontece: acende o aviso de apertar o cinto de segurança junto com a aeromoça pedindo para todo mundo retornar aos seus assentos pois vem turbulência. Como odeio quando isso acontece, nem dá para fazer o xixi completo e a pressa para sair é tanta que mal dá tempo de se ajeitar. Dignidade? Zero. Além disso, ter que superar o pânico do barulho da descarga que parece que vai te sugar junto (eu morro de medo!).
  • Nem se passaram 2 horas de vôo e você já está toda destruída, sem make, roupa amassada, toda torta e descabelada quando passa a perua fina, elegante, perfumada, maquiada, sem um fio de cabelo fora do lugar! Como é possível?
  • Você conseguiu se livrar do vizinho chato e pega um livro para ler. Você abre Cinquenta Tons de Cinza bem naquelas partes “calientes” e percebe que seu colega estica a cabeça para ver o que você está lendo
  • Além disso, a viagem inteira ficar naquela guerra fria com o vizinho para ver quem vai ganhar o território no apoio de braço. Eu já desisti deles, não encaro mais essa guerra.
  • Finalmente acabou a viagem e sempre tem o apressadinho que se levanta antes do avião parar completamente. Impossível não dar uma risadinha quando a aeromoça, toda nervosa, pede para a pessoa se sentar “imediatamente” hehehe. Assim que apagam o aviso do cinto de segurança, é aquela loucura! Todo mundo levantando rápido, pegando seus pertences para sair mais rápido ainda e você tem que ficar lá sentadinha (escolheu janela né?) esperando todo mundo sair, afinal sua mala de mão ficou láaaaaaaaa atrás, lembra? Conforme-se.
  • Hora de pegar a mala na esteira. Não tem um espacinho para você pegar sua bagagem e de longe você vê que ela está se aproximando. Hora de pedir milhões de “com licença“, afastar as crianças do caminho que não param de perguntar “É essa mãe? É essa?” e tentar chegar perto dos seus pertences. Você consegue chegar na hora e agarrar a mala pela rodinha! Puxa com toda a força que lhe resta e a outra unha acaba de dar adeus. Não chore, não ainda. Guarde forças para passar no raio X, se você for sorteada, e carregar novamente sua mala. Ao ver o sinal de SAÍDA, um alívio toma conta do seu corpo e só então percebe o quanto está cansada e desmontada.

E só então você se lembra que o monte de “boa viagem” que ouviu antes de partir, só começam a valer depois de sair do aeroporto.

E sim, são mais de 10 coisas que odeio em viagens. Mas amo viajar! :-)

  • E você? O que odeia em viagens de avião???
189 Comentários
  1. #1
    Renata
    30 de October de 2012 - 12:56

    achei um pouco dramatico demais, mas engraçado! ahahah

    • #2
      fernanda
      30 de October de 2012 - 14:27

      muita preguiça de nós brasileiro e nossos excessos de peso e malas absurdas. A gente já sabe q tá próximo do terminal da TAM qdo começa a ver as malas gigantes dos brasileiros, afffff.

      Sem contar q mala grande te limita demais na viagem, tem q pegar táxi pq não dá pra pegar metrô/trem, tem q reservar um quarto grande, pois tipo em Paris tem hotéis q são cubículos e por aí vai….

      sem contar q tem companhias como Copa e GOL q só garantem despachar em voos internacionais a 1ª mala, caso o avião esteja cheio, pois são aqueles aviões menores.

      ou seja, já percebi a muito tempo q não dá pra viajar com mala grande. Já fui várias vezes só com mala de mão (em SP nunca pesam), tudo bem q super pesada.

      • #3
        Briza
        30 de October de 2012 - 16:44

        Fale por você, Fernanda, porque eu já arrastei muita mala em metrô viu. Com boa vontade dá pra encarar! Tirando os momentos tensos do tipo a escada rolante tá quebrada! Mas é só esperar uns segundos que sempre aparece uma boa alma masculina para ajudar.
        O melhor nesses casos é ir com pouca bagagem e deixar pra exagerar só na volta. Acho paia esse preconceito com os brasileiros do excesso de bagagem (eu!), aqui é tudo tão caro, precisamos fazer a festa nas viagens internacionais mesmo.

        • #4
          Ilana Kohl
          31 de October de 2012 - 23:11

          Concordo com a Briza, viajo e compro mesmo!! 2 malas de 32 no limite e mais a de mão. Já fui p/ o aeroporto JFK de metro com 2 de 32 e mochila de boa. Basta a mala ser boa de empurrar e as ruas da cidade também serem decentes e o metro tb que dá tudo certo!!

  2. #5
    Mariana
    30 de October de 2012 - 13:00

    #ClasseMédiaSofre

  3. #6
    Saris
    30 de October de 2012 - 13:00

    Conny…meu Deus….tbm amo viajar….mas se vc reclamou disso tudo em avião, imagina de onibus?hahahaha
    Minha ultima viagem foi de onibus e na hora que vi sua parte falando do livro, me vi exatamente nessa situação.
    Estava lendo mega empolgada o livro Cinquenta Tons de Cinza, e o @#@@#%&# do vizinho todo o tempo falando do meu livro…Quase dei o livro pra ele ler…Tiozão querendo me chavecar….aff

  4. #7
    30 de October de 2012 - 13:00

    [...] na hora de fechar a mala, ajeitar no compartimento do avião [...] Leia diretamente na fonte: Futilish window.location = [...]

  5. #8
    30 de October de 2012 - 13:01

    Pensei que no post ia sair o que acontece no decorrer da viagem. Odeio tudo que você falou, e concordo com a história de quem gosta de puxar papo. Um saco =P
    Agora quando estamos viajando, principalmente em grupo, tem coisa pior do que aquela indecisão de onde todos devem comer? E se você escolhe um canto diferente e cria aquele climão? Não que eu seja antissocial, mas dificilmente viajarei em grupo. Posso listar no mínimo dez motivos se vc quiser rsrsr

    beijos

    • #9
      Loli
      30 de October de 2012 - 14:01

      Não só onde vão comer, mas onde vão se hospedar, que programa vão fazer.. viajei uma vez com meu noivo e um casal de amigos dele, pra nunca mais. Imagine um grupo grande. Deixei de fazer várias coisas que eu queria porque era voto vencido. Sem falar que muitas vezes nem todo mundo tem a mesma liberdade de gastar e aí tem que todo mundo ir no mais barato. Ah, passei dessa idade.

  6. #10
    Leninha Lopes
    30 de October de 2012 - 13:06

    Ai ai ai, Cony,…tô aqui tendo ataque de pelanca,…Essas peripécias todas estão muito fresquinhas na minha cabeça. O peso da mala realmente tira qualquer uma do sério…Pior ainda viajar dentro da Europa, pela Easy Jet…os caras são muiitooo rigorosos, e faltou pouco eu ter que ir deixando as comprinhas pelo caminho…Agora a gente rí, mas na hora, dá vontade de pular no pescoço de quem ditou essas regras de peso. Beijoooooooo e continue com esses posts.

  7. #11
    Lydiane
    30 de October de 2012 - 13:09

    kkkkkkkkkkkk… perfeito! Exatamente assim! =)

  8. #12
    Marcela González
    30 de October de 2012 - 13:09

    HAHAHAHAHHA morri com a parte do livro! ODEIO quando alguém estica o pescoço pra ler o que estou lendo, ou ver fotos que estou vendo…meu deus!

    Besos!

  9. #13
    30 de October de 2012 - 13:10

    Hahahahahahaa ‘Antes do avião levantar vôo a pessoa da frente já reclina toda a poltrona, espremendo suas pernas te travando toda’.
    Que ÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓDIOOO, pra que reclinar a poltrona se qndo o avião decolar tu vai ter que reclina-la pra posição original novamente? Não é possivel que tu estejas tão cansado que não consegue esperar 10 minutos, neam? Que óóódio, reclina só depois que decolar xente.

  10. #14
    Paula
    30 de October de 2012 - 13:11

    Hahahaha

    Ri muito!!! Concordo com todos os pontos!!!!

    Bjs!

  11. #15
    Karen Baez
    30 de October de 2012 - 13:11

    Cony,vc esqueceu de colocar sobre o destino da viajem!!! E quando vc chega lá e não gosta do lugar ou ele não corresponde as suas expectativas ou com as fotos q vc viu na internet!?Já aconteceu comigo e foi terrível!! E gente que puxa assunto e não para de falar um só instante?E quando vc tá lá,lendo e vem a pessoa do seu lado dar sua “impressão” sobre o tema,assunto etc do livro ou revista?? Sempre volto lendo,porq o tempo passa mais rápido e na grande maioria das vezes é algum livro infantil(sim,sou dessas!)bem engraçadinho e a pessoa do lado fica te olhando com cara de “ela tem problemas?!”.Acho q vc vai ter de fazer umas 5 partes do “dez coisas que odeio em viagens”!!!!!Bjus!

  12. #16
    angela
    30 de October de 2012 - 13:14

    nossa, fui lendo, me empolgando e no final, ainda tive a visão do inferno que é pra mim qdo chego no Rio de Janeiro e a luta pra pegar um taxi que a gente tenha sorte de pegar um filho de Deus, rezo sempre p não ser bandido.
    Infelizmente viajar de avião perdeu todo o glamour.
    Atualmente tenho viajado mto de ônibus, já foi pior, leia-se: aquela figura q ouve música sem fone de ouvido, mas hj em dia, se o destino não for tão longe, compensa mais, vc tem a certeza q não vai haver atraso(voo cancelado é outra aporrinhação) e ter que chegar em Confins dá uma preguiiiiça! Agora pra arrasar com aviação, empresas de ônibus qdo disponibilizarem internet wi-fi pros passageiros, ainda não são todas.
    bjs, adorei o post

    • #17
      Lara Alexandre
      30 de October de 2012 - 22:46

      Ri muito do rezo pra ser um filho de Deus e não bandido!! KKKKKKK! Dá medo mesmo.
      Agora o que me dá raiva é quando tá o maior solzão na sua cara e o seu colegue que tá sentado na janela não fecha a cortininha (não sei como chama aquilo) pra ficar admirando as nuvens! Pra que isso, gente?

  13. #18
    Paula
    30 de October de 2012 - 13:17

    Hahahaha

    Ri muito!!! Concordo com todos os pontos!!!!

    Mas eu ainda odeio as criancinhas mal-educadas que chutam a sua poltrona e mais ainda, as mães dessas criancinhas que te olham cheia de surpresa quando você reclama que o anjinho delas está te bicando. Elas dizem que é impossivel, que o anjinho delas não faz isso.

    E você reclama, a 2a, a 3a e na 4a vez perde um pouco da sua paciencia e olha feio para a criancinha, de modo que o medo de você faça a criança pelo menos, ficar um pouco mais quieta…

    hahaha

    Odeio!

    Deveria ter área separada pra crianças e mães sem-noção!

    Bjs!

    • #19
      Loli
      30 de October de 2012 - 14:06

      Ai eu ODEIOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO que chutem minha cadeira, que balancem, que batuquem, que sapateiem no chão (já aconteceu, a pessoa acha que bater o pé no chão não faz tudo ao redor balançar junto). Eu sempre tento me controlar, principalmente quando é criança, porque sinto que olhar feio pra criança não é coisa de Deus, rsrsrs. Mas acabo sempre olhando. Até que tenho sorte, a pessoa pára ou a mãe da criança a repreende (mas 3 minutos depois ela recomeça).

    • #20
      luciana
      30 de October de 2012 - 14:20

      concordo! hahaha o pior é qdo o pai ou mãe ainda “acham graça” das coisas q a criança faz..

    • #21
      Fabi Silva
      30 de October de 2012 - 14:45

      Hahaha, muito bom!

    • #22
      30 de October de 2012 - 21:08

      Paula, acho que vc vai se identificar com esse meu post: http://www.pattylyca.com/2012/10/sem-titulo.html

      Cony, desculpa divulgar um post meu aqui, mas tá muito dentro do assunto. Fique à vontade para ler tmb! Super concordo com tudo o que escreveu! Ri muito!

      Bjos

    • #23
      Olívia Roder
      01 de November de 2012 - 09:29

      Socorro!! Como fazer mães entenderem que gritos e choro de crianças são só gritos e choro de crianças e não manifestação de pequenos deuses??!!Tb acho que deveria haver lugar separado, assim os fofinhos poderiam brincar com outros fofinhos sem incomodar ninguém.Só seus pais.Ps. Uma vez peguei um vôo no qual 2 “fofinhos”vomitaram sem parar.Nenhuma comissária nem passageiro conseguiu dormir, um trânsito a noite inteira para limpar a sujeira, os próprios choravam, os pais enlouquecidos… Até na fila da alfândega sentia-se o cheiro de queijo podre… tinha que ver a “cara” que as pessoas faziam na fila. De arrepiar!!!

  14. #24
    Aline de Castro Alves
    30 de October de 2012 - 13:18

    Nada pior que chegar no aeroporto e ver que seu voo está atrasado ou cancelado. Uma vez, voltando de um carnaval em Santa Catarina, meu voo foi cancelado devido à forte tempestade que caía. Ficamos horas aguardando no aeroporto qdo resolveram nos levar, debaixo da tempestade, de ônibus para Curitiba. Lá, nos colocaram em um hotel super luxuoso, mas por pouquíssimas horas, já que demoramos a chegar e logo fomos transferidos para o aeroporto de lá. Fui chegando e praticamente me empurraram pra dentro de um voo pra Guarulhos, separando toda minha turma. De lá peguei o voo pra BH, mas tive que passar pelo Embarque Internacional. Como não estava preparada, minha necessarie continha mtosss cremes novinhos e carinhos nos seus vidrinhos originais, com mais de 100ml. TODOS ficaram de presente para eles ou eu não embarcava, pois o voo já ia sair )nessa hr não atrasa, não!). Conclusão, cheguei em BH 24 hrs depois de sair do hotel em Bombinhas, sem nenhuma dignidade e arrasada por ter perdido meus creminhos. Maior prejú. Nunca vou esquecer desse dia!!! afff Bjos, Cony.

    • #25
      Andrea Duarte
      30 de October de 2012 - 14:55

      Nossa, sua história foi campeã até agora!!! Demorar 24 de SC até BH e ainda ter que deixar suas coisas, absurdo total!!
      Eu tb acabei de passar por uma situação de ter q deixar todos os meus cremes, sabonetes VS, perfumes, na esteira do raio-X. tudo novinho pras férias, chorei horrores!!

    • #26
      Camila
      30 de October de 2012 - 16:02

      Nossa, isso ja aconteceu comigo, fiquei com tanto odio pois as funcionarias se olhavam com uma cara, que quando ja ia abrir e espremer todo conteudo na lixeira em forma de protesto(aloka), vi a faxineira e doei para ela que ficou muito grata… Fiquei mais feliz por nao ter ido pro lixo.

      • #27
        Aline de Castro Alves
        31 de October de 2012 - 12:06

        Pois é, meninas, foi horrível mesmo!!! Dá mta raiva, né?! Chorei horrores tb, Andrea! É um sentimento péssimo que bate na gente. Agora, pra evitar essas surpresas desagradáveis, coloco tudo em potinhos de até 100 ml, mesmo em voos nacionais. É até melhor que eu ainda economizo espaço e deixo minha necessarie mais leve!!! :p

  15. #28
    30 de October de 2012 - 13:19

    Cony, sou ninja, mega ninja em viagens longas. Tenho mil truques. Acho que só pra isso eu sou virginiana.
    Tudo dá certo.
    Mas a parte do banheiro é um pesadelo.
    E o lance de todo mundo ficar pertinho da esteira de malas é coisa de brasileiro. Não vi isso em voos internacionais (sem brasileiros) dentro do Canadá ou da Europa.
    Mas eu tenho meus truques pra tudo. E meu marido é tãoooo mega simpático que faz amizade com comissários (geralmente com os mais velhos) e consegue tudo! Até comidinhas e kits da primeira classe ele já conseguiu.
    Mas ainda odeio avião, aeroporto, e a maledeta classe econômica.
    Mas AMO viajar, passo por tudo sorrindo.
    bjks,
    Mel

    • #29
      Laila
      31 de October de 2012 - 13:36

      Compartilha os truques aí, fia, faça sua boa ação do mês, rsrs

  16. #30
    Raquel Coelho
    30 de October de 2012 - 13:23

    Muiiiiiiiito bom!!!

  17. #31
    Dry di Moraes
    30 de October de 2012 - 13:23

    Além do divertido e interessante tema, uma coisa me chamou a atenção…. vc escreve muito bem!!
    Me senti presa, atenta ao próximo detalhes, me vi sentada e acabada com 1h de viagem, com o rosto oleoso e o cabelo com nós (como eles ficam assim?). Me envolvi totalmente e me identifiquei… e claro, impossível não lembrar do meu lindo momento na academia… correndo na esteira, cabelo preso (tentando ficar preso) num rabo, franja soltando, roxa (tem gente que fica com um belíssimo rubor… eu fico roxa), suada, bufando, cabelo na nuca molhado, e a loira ao lado… flutuando, maquiada, com brinco de argolas que nem se move, cabelo seco, liso e voando para trás, e ela sorri conversando comigo (eu não consigo falar.. só bufando), com batom perfeito, pele de pêssego, rubor leve (ela não fica roxa)…..flutuando… COMO PODE????
    É o mesmo caso da mulher fina, que com 3hs de vôo permanece linda, com maquiagem e cabelo perfeitos. Gente… pq a gente “embaranga” e elas não?? hahahahahahaha
    Vc deveria escrever um livro!
    Quero abrir um fã clube seu! Sou fã!! Adoro!
    Beijos!

    • #32
      Leninha Lopes
      30 de October de 2012 - 17:22

      kkkkkkkkkkkkkk, agora me vi nessa mesma situação !
      Como é que elas conseguem essa proeza ! Saio da academia parecendo um estivador saindo do porto, suada, descabelada,…e elas lá…lindas !!

    • #33
      Mak
      01 de November de 2012 - 00:40

      Pq Deus? Pq? A gente embaranga e tem sempre uma impecável pra esfregar na sua cara o tanto que vc tá fubá??? kkkkk, pra mim, esse é mais um dos “mistérios da humanidade”. Bju

  18. #34
    Iraci Messias
    30 de October de 2012 - 13:25

    “É essa, mãe? É essa?” Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk você é ótima, Cony!

  19. #35
    Grazielle Torquetti
    30 de October de 2012 - 13:25

    Odeeeeio os preços abusivos dos sanduiches…

    Acho uô a periguete de shortinho/sainha micro …

    Odeio o look das colegas indo para Porto Seguro.. huahuahauhauha (cada coisa..)

    • #36
      Camila
      30 de October de 2012 - 14:29

      E gente de SALTO no aeroporto??? Não me conformo!

      • #37
        Juliana
        30 de October de 2012 - 15:56

        Verdade. E no meio do voo vc ve a criatura indo ao banheiro descalça, pq o pé inchou e nao aguentou mais o sapato. Qro morrer!

      • #38
        Camila Spina
        30 de October de 2012 - 19:42

        KKKKKKKK!! Eu tb sempre reparo nisso! É td gente da classe C,D e E que agora viaja pra Nova York e pra Disney…

        • #39
          Tati
          04 de November de 2012 - 20:32

          Ê preconceitozinho. Passa aí sua renda pra gente ver se vc não se encaixa na classe C. :)

  20. #40
    Sofia
    30 de October de 2012 - 13:32

    Hahaha Muito bom o post, Cony! A pessoa reclinando o acento antes de começar o vôo é de matar, a descrição da ida ao banheiro está perfeita! A sensação de medo de ser sugada pela descarga é irracional mas sempre aparece, incrível! Morri de rir.

  21. #41
    Caroline Petelin
    30 de October de 2012 - 13:32

    Cony…eu odeio essas pessoas desesperadas tanto para entrar…aquelas que estão no grupo E e nem começou a chamar o A e já estão lá atrapalhando a passagem…sem contar qdo o avião para, todo esse povo desesperado pra sair…Sempre espero todo mundo sair…

    • #42
      Loli
      30 de October de 2012 - 14:10

      Faltou isso mesmo, a fila pra embarcar quando a companhia NEM FALOU AINDA que o embarque será e breve. Sim, porque pra mim, se não abriu ainda o embarque fazer fila é idiotice, mas é de lei, sempre forma quando falam que EM BREVE o embarque será iniciado pelo portão 3. Mas imagina quando nem falam nada. E é pá-pum, se um infeliz vai pra fila, ela cresce em 10 segundos.

      • #43
        Loli
        30 de October de 2012 - 14:12

        Ah esqueci mais uma coisa! Tô falando muito mas são 3 anos voando 4 trechos por mês, tem é história! A GOL tem aquela paradinha de dividir o embarque pelo número da poltrona, embarcam primeiro os da poltrona 15 a 29. Aí forma duas filas. ODEIO quando tô em poltrona de 1 a 15, parada na fila, e aí o pessoal vai chegando, vê duas filas, mas CLARO, entra na fila que tá andando, mesmo que sejam da poltrona 1 a 15. E o pessoal da companhia deixa. No fim das contas os gatos pingados que obedeceram a divisão embarcam por último depois de todos da fileira 15 a 29 e de 2/3 das fileiras 1 a 15.

  22. #44
    Amanda Castro
    30 de October de 2012 - 13:33

    Cony eu tb morro de medo do barulho da descarga shuasha.
    Sério parece ki vai engolir agente.

    Bj

  23. #45
    Livia
    30 de October de 2012 - 13:39

    Eu adicionaria mais alguns pontos:
    1) IOF: Absurdo!!!! Me revolto quando vejo essa taxa no meu cartao!
    2) Cartao de credito que “rouba” na cotacao: Sempre rola uma surpresinha quando a fatura chega, fico louca!
    3) Falta de praticidade na hora de fazer a mala: nunca na vida consegui fazer uma mala compacta, sempre volto de viagem brava porque nao usei 1/3 do que coloquei na mala e ainda por cima senti falta de algo muito especifico que deixei em casa
    4) Pessoas que se desesperam pra entrar no aviao. As atendentes estao chamando passageiros da primeira classe e o povo sai desesperado empurrando todo mundo como se fosse faltar lugar no aviao (se ja fez check in, o lugar ja esta garantido!)

    Morri de rir da parte do povo que da aquela “pescocada” pra ver o que vc ta lendo! Em um voo tive a brilhante ideia de ler um dos livros da Bruna Surfistinha. Quando cheguei no meu destino, o cara que estava na poltrona atras da minha veio me perguntar que livro era aquele que eu tava lendo! Cara de pau!!

  24. #46
    luciana
    30 de October de 2012 - 13:39

    cony, como eu amo esses posts!!! rio horrores! definitivamente, a coisa mais irritante no avião é o seu colega de poltrona puxar papo. meu deus, que situação! e eu nao consigo ser grosseira ou antipática, e acabo dando atenção…rsrsrs…uma vez, voltando de milão, sozinha, o cara do meu lado começou a puxar assunto, e nao parava de falar! a sorte é q pelo menos só ele q falava praticamente, eu fiquei de ouvinte. mas teve uma hora que pedi licença e coloquei o fone, fingindo que iria assistir um filme, pq tava chato demais aquilo! tem gente que nao se manca né!

    outra coisa irritante é qdo senta uma criança sem noção no banco de trás, com pais mais sem noção ainda, e a criança não pára! chuta o banco, puxa o seu cabelo, etc, etc, e os pais simplesmente ignoram! q raiva!

    ah, outra coisa tbm muito irritante em avião, é qdo vc finalmente se levanta para ir ao banheiro, e qdo sai, pega bem na sua frente a aeromoça com o carrinho de comida passando pelo corredor, e seu lugar está lá no fundo…e vc não tem como dar a volta, pq o outro corredor está na mesma situação. ou seja, daí vc tem que esperar a aeromoça passar com o carrinho de fileira em fileira, e vc vai seguindo atrás, se achando a maior idiota do avião, com aquela sensação de que tá todo mundo olhando pra vc, dando risadinhas internas! essa é terrível tbm! hahaha

    • #47
      Karen Baez
      30 de October de 2012 - 16:12

      Já aconteceu o mesmo com o meu marido,voltando de PoA…Acabamos sentando separados no voo para o Rio e a moça que veio sentada do lado dele falou por 2 HORAS CONSECUTIVAS E SEM PARAR.Cada vez q eu olhava pra trás,meu marido me olhava pedindo ajuda….deu até pena!E o pior era q estava um silêncio dentro do avião(se é q isso é possível),e só dava pra escutar a mulher falando…Tudo bem q tem gente que tem pânico de avião,mas poxa,toma um calmante,faz alguma coisa pra se distrair enquanto tá lá!

      • #48
        luciana
        30 de October de 2012 - 17:39

        hahahaha q dó do seu marido!

    • #49
      Rafaela
      30 de October de 2012 - 21:09

      Eu sempre digo: OU VC ADESTRA SUA CRIANÇA OU DEIXA EM UMA JAULA!!!
      Isso é um horror! E os pais acham linnnndo!

    • #50
      Michele
      31 de October de 2012 - 08:18

      Meninas, eu tenho muitas experiências bizarras em viagens, mas a pior de todas foi com uma criança!! Eu estava em um vôo de Zurique para Madrid e havia uma senhora espanhola sentada ao meu lado, com uma criança no colo. Eu abri a janelinha pra acompanhar a decolagem e quando veio a claridade a criança começou a berrar, e berrar e berrar… E não parava mais! E então a mãe começou a gritar comigo pra eu fechar a janela. Assustadíssima com aquilo, e pensando que a criança poderia ter algum problema, fechei imediatamente. O problema é que a criança de 10 em 10 minutos recomeçava a gritaria e a mulher passou o vôo todo me olhando feio. Cheguei acabada ao meu destino! Ahahahahahahhaah

  25. #51
    30 de October de 2012 - 13:40

    E quando você saiu correndo para pegar o voo e nao deu para fazer um lanchinho? aí vc fica esperando aquela comida terrível do avião mas que cairá como um filé na sua barriga, vem a aeromoça e fala:
    - A tralalá linhas aéreas, pensando na sua saúde, traz um jantar diferente hoje, uma salada de alface, tomate e queijo branco!

    oi?! eu tô com fomeeee…ahahaha

  26. #52
    Rejane
    30 de October de 2012 - 13:41

    Cony, Cony… você pode escrever um livro a la Bridget Jones; Comer, Rezar, Amar; é ótima com as palavras! ;) Eu também odeio isso tudo aí e nunca tive coragem de pensar em entrar em um banheiro de avião. Ahh… e odeio ter que carregar a mala até o meu carro, que em Confins fica sempre nos Confins do Judas… é muito tenso!

    • #53
      fernanda
      30 de October de 2012 - 14:29

      ué, usa o carrinho. Aproveita q aqui carrinho de mala é grátis! Pelo menos nisso ganhamos dos americanos.

      • #54
        Rejane
        30 de October de 2012 - 18:12

        Fernanda, a última vez que estive em Confins o estacionamento estava em obras, por causa da Copa do Mundo. Sendo assim, consegui parar a um km de distância, onde não existia nem cheiro de carrinhos e, na hora de ir embora, finalmente com um carrinho, são vários obstáculos a serem vencidos durante o percurso. Não é fácil não, menina!

  27. #55
    Daniele Sanvido
    30 de October de 2012 - 13:41

    Putz, Conny! muito bom!!! Ri litros porque já vivi vários destes relatos! Seu blog é demais!!!! sou fã. bjs

  28. #56
    Laila
    30 de October de 2012 - 13:42

    Gata, quanto drama, hein? Roupa confortável resolve metade do que vc falou e bom senso na hora de fazer a mala (e de fazer compras) resolve a outra metade.

    • #57
      fernanda
      30 de October de 2012 - 14:32

      CONCORDO !!!!
      Só não resolve a mania q a galera tá de levar bebê de colo pra viajar. Ai ficam naqueles bercinhos chorando a noite toda !!!!
      Agora já tô reservando meus assentos bem longe da área dos berços e rezando para q não tenha nenhum bebê de colo por perto. Pq ultimamente tem mais bebês no voo do q berços disponíveis no avião.

  29. #58
    Ana Paula
    30 de October de 2012 - 13:42

    Com certeza pra mim as 2 primeiras coisas ruins na viagem de avião são:

    * A pessoa que logo reclina a poltrona da frente, até msm antes do avião decolar…

    *Na hora de pegar na esteira é péssimo, muita bagunça, emprurra empurra…péssimo péssimo!!!

    Mais tbem amoooo viajar!!!

  30. #59
    Nathalia
    30 de October de 2012 - 13:46

    kkkkkk pior que é bem assim mesmo, e quando o pessoal começa a fazer a maior bagunça durante o voo, você ja esta cansada, irritada porque esta la apertada e a pessoa atras de você cantando alto que nem uma louca!! rsrsrs

  31. #60
    Loli
    30 de October de 2012 - 13:47

    Viajo todo mês e passo pelas mesmas coisas. Ah, odeio aquele povo que leva como mala de mão aquelas malas de tamanho médio que deveriam ser despachadas. E aquelas que levam mil sacolas, a muambada toda. Saem ocupando o bagageiro com as tralhas e quem tem UMA mísera malinha fica sem espaço.
    E nunca vou entender como minha mini malinha fica pesadona mesmo quando a única coisa que coloco dentro dela é uma necessaire.
    Ah, e isso de inclinar a cadeira, não se irrite com a pessoa da frente não, ela está apenas exercendo um direito dela. Se a cadeira reclina, é porque é pra reclinar. Eu reclino mesmo e sinto muito, só olho antes pra ver se a pessoa de trás tá com um computador, porque quase quebram o meu uma vez assim. E quando reclinam na minha frente não afeta em nada minha perna, só o espaço na frente do meu tronco que eu não ia usar mesmo.
    Ir no banheiro do avião e manter a dignidade é impossível, mas não sei como eu consigo me equilibrar agachada mesmo com as sacudidas, sem encostar em nada. Mas não adianta pq depois vc vai lavar a mão (às vezes nem sabão tem) e encosta na trava com os germes todos.
    “Finalmente acabou a viagem e sempre tem o apressadinho que se levanta antes do avião parar completamente.” – COMO EU ODEIO ISSO. Um monte de Mané em pé 10 minutos até a porta abrir. Dããã. E o pior é quando vc tá no corredor e a pessoa do meio e/ou da janela quer porque quer levantar e passar por vc! Já tentaram até pegar a mala no bagageiro sendo que eu estava no corredor, praticamente ficaram no meu colo. Eu não saio mesmo.
    A parte da esteira eu passo, como minhas viagens são terra natal-terra atual, levo só mala de mão mesmo, e saio toda glamourosa e pimpona direto pro portão de desembarque enquanto os mortais morrem esperando na esteira. *risada maligna*

    • #61
      Thalita
      30 de October de 2012 - 14:22

      Eu olho quem senta atrás de mim pra decidir se reclino ou não a cadeira antes do avião levantar vôo… Explico: por duas vezes, dois caras altos e espaçosos sentaram atrás de mim e ocuparam o espaço que a poltrona tem pra descer com suas pernas… Conclusão: a poltrona simplesmente não descia! Batia no joelho deles e ficava lá, no mesmo lugar!
      Depois dessas, olho o colega da poltrona de trás e se for o caso, reclino a poltrona mesmo! Depois volto ela pro lugar e assim que liberada, reclino de novo! haha

  32. #62
    DANIELA CABADAS
    30 de October de 2012 - 13:50

    é assim mesmo…eu sempre fico toda desengonçada cheia de coisas na mão…e na tensão para as malas a despachar não ultrapassarem o peso permitido!!Eu sempre tento viajar de uma maneira digna, mas todas as coisas que eu quero levar não me permitem!

  33. #63
    Jordana Crippa
    30 de October de 2012 - 13:51

    Cony, nada a ver com o post…mas ja viu essa???
    http://www.sonhosdecrepom.com.br/2012/10/casa-do-adam-levine/
    #sonhoodeconsumoacasaeoadam.

  34. #64
    AMANDA LUNARDI
    30 de October de 2012 - 13:53

    Momento: ISSO JÁ ACONTECEU COMIGO! HAHAHA
    Parabéns por mais um post maravilhoso que consegue prender as leitoras até o fim!

  35. #65
    Olga
    30 de October de 2012 - 13:56

    Acrescente a tudo isso dois ítens meus: filhos menores de cinco anos. Dois? Aham, dois.

    • #66
      Renata medeiros
      30 de October de 2012 - 16:53

      E voltar Dos EUA levando 2 filhos menores de 5 anos mais aquele milhão de malas pós Disney…

      • #67
        Renata medeiros
        30 de October de 2012 - 16:56

        Ah, e com os dois dormindo no colo ainda…

  36. #68
    luciana
    30 de October de 2012 - 14:01

    outra coisa que me lembrei! o ar condicionado do pólo norte em viagens longas. na minha última, peguei uma dor de garganta tão forte que mal conseguia abrir a boca pra falar, tão logo saí do avião…passei 15 dias sem ver minha filhota, e finalmente qdo volto, só conseguia me comunicar por mímica! kkkkkk maledeto ar condicionado!

  37. #69
    Pati P Lisboa
    30 de October de 2012 - 14:04

    hahahahahaha, muito bom Cony!
    Eu tb tenho medo da descarga do avião! Só aperto o botão quando tô pronta pra sair…kkkkkk
    Odeio povo que no meio da noite começa a conversar alto, dando gargalhadas com amigos que estão há poltronas de distância acordando todo mundo (típico vôo Orlando ou Miami para Rio/SP).
    Outra coisa é quando tem uma pessoa bem grande (para não dizer bem gorda) atrás de você e na hora da janta pede p/ aeromoça reclinar a sua poltrona, mas a querida aeromoça não faz a mesma gentileza para vc com a pessoa que está na sua frente, ou seja, bandeja espremendo vc…já me aconteceu várias vezes…afeee
    Odeio quando vc vai no meio da noite esticar as pernas e ir até a “cozinha” pedir uma água, e as queridas aeromoças demoram para parar o papo e te atender…
    E por fim, odeio quando chega no aeroporto, antes de chegar até a esteira, e vê que não existe mais carrinhos disponíveis ou cobram U$ 5,00 por um carrinho.
    Mas enfim…viajar é a melhor coisa da vida!

    • #70
      Loli
      30 de October de 2012 - 16:26

      É, dá pra fazer um “vinte coisas…”. Gente que fala alto em voo noturno deve entrar, povo mal educado da &%$#. Parece que nunca viaja de avião, então agora que tá viajando é um EVENTO e têm que ficar comemorando o tempo todo com a galera.

  38. #71
    30 de October de 2012 - 14:12

    Sim,sim de longe um dos seus melhores POSTS!!!
    Parabéns,sempre me surpeendendo
    bejuzz
    Gi Almeida
    http://www.todas-amam.blogspot.com.br

  39. #72
    Juliana Cunha
    30 de October de 2012 - 14:16

    Ai, Cony, você é uma comédia!! Chorei de rir agora!! Realmente….. dignidade zero antes de duras horas de viagem!!!! kkkkkkkk
    Acabei de fazer uma viagem para a Europa e sofri demais com a lata de sardinha!!! Pra mim, a parte mais torturante é ver a primeira classe e classe executiva na hora de entrar!
    Putz, bate uma MEGAAAAA inveja!!!
    Eu sempre penso: na próxima vez eu pago executiva.
    Aí chega a próxima vez e eu sempre penso no tanto de coisas que posso comprar com a diferença entre a executiva e a econômica. hehehehe…….
    Mesmo assim, viajar é uma das melhores coisas da vida!!!!
    Beijão,
    Juliana.

  40. #73
    Mayra
    30 de October de 2012 - 14:17

    A perua arrumada, penteada e maquiada SÓ pode estar vindo da primeira classe…hahahaha

    • #74
      Constanza
      30 de October de 2012 - 14:56

      Nãaaaaaao, esse caso eu conto pq tinha uma moça num voo meu pro Chile que estava IMPECAVEL, usando sabe o que? BLAZER BRANCO! Ela estava linda, loira, cabelo liso, oclao, blazer branco (nao lembro do resto) e ela passou por mim (classe economica obvio) e continuava de revista. Ao chegar no chile, eu doida para ver o blazer todo amarrotado, ela mulambenta e nada, contnuava fina. Traumatizei kkkk

      • #75
        Pati P Lisboa
        30 de October de 2012 - 16:33

        kkkkkkkkkkk, queria a marca do blazer e os produtos de cabelo que ela usa! Nossa, pra mim é quase missão impossível chegar de viagem internacional dignamente! O cabelo então….coitado!
        rsssssss

  41. #76
    Mariana
    30 de October de 2012 - 14:17

    Rindo alto da calça caindo a barriga aparecendo as pulseiras agarrando. Exatamente assim… OOOH GOD

  42. #77
    Mariana
    30 de October de 2012 - 14:18

    aproveitando, rola de pedir um Duty Free melhor em BH????TAQUEPARIUUUU DE RUIM

  43. #78
    Etiene
    30 de October de 2012 - 14:21

    Alem disso tudo, vc esperar sua mala na esteira e ela nao chegar!!!!
    Viajei agora para Las Vegas e a Copa sumiu com a minha mala que continha todas as minhas roupas e compras da viagem… estou com um prejuizo de mais de 10 mil reais e eles simplismente nao me deram nenhuma satisfacao!!!
    Eh pra lascar… nao eh???

  44. #79
    Lu
    30 de October de 2012 - 14:21

    Pra mim, a única coisa ruim de viajar é ter que desfazer a mala… Odeio!

  45. #80
    Lorena
    30 de October de 2012 - 14:26

    Vc esqueceu da pior de todas… Vc chega lá, mulambenta, suada, dignidade zero, mas chega. E aí, na esteira…. CADE AS MALAS???????
    A pior coisa é ter uma mala extraviada… Na minha primeira viagem internacional (tinha que ser a primeira pra ser tudo mais tenso) depois de me acontecer tudo isso aí que vc falou, e de eu ainda me perder dentro do aeroporto da conexão em Paris (não existe aeroporto mais mal sinalizado que o Charles de Gaulle, todo mundo se perde lá na primeira vez…) cheguei ao Japão. UFA! Mas quando saí pra pegar as malas, nada. As duas extraviaram, com 32 kg de tudo dentro! Minhas coisas, encomendas, presentes.. Fiquei três dias com quase nada de roupa, acessórios, etc.. tive que sair comprando calcinha, blusa, foi horrivel. Pelo menos as malas chegaram depois. Mas e aqueles casos em que a mala some pra sempre???????? Imagina perder TUDO?

  46. #81
    Fernanda Plentz de Andrade
    30 de October de 2012 - 14:26

    Morri de rir!!!! “descarga que parece que vai te sugar junto” é muito verdade kkkk beijos Cony e mto sucesso pra vc!

  47. #82
    30 de October de 2012 - 14:27

    [...] Futilish.com [...]

  48. #83
    Camila
    30 de October de 2012 - 14:31

    Vc já leu Marian Keyes? Tem essa pegada pra escrever, AMEI o post, concordo e como já comentei lá pra cima, SALTO ALTO, deveria ser proibido, crime ediondo, eu não consigo entender isso…BJK.

  49. #84
    Briza
    30 de October de 2012 - 14:39

    Ameeei o post, acho que todo mundo já passou por essas situações. Mas o melhor foi a ida ao banheiro, impagável, gargalhei aqui! Eu ia lendo e já sabia exatamente o que vinha em seguida, conheço bem a sensação haha

    Ai, pra Europa costuma ser 2 malas de 32kg , já melhora um pouco, mas na volta sempre falta espaço, ainda mais no inverno!

  50. #85
    Leila
    30 de October de 2012 - 14:42

    Ri muito com a Dry de Moraes!!!! Vc é massa Cony!!!!

  51. #86
    Neyla
    30 de October de 2012 - 14:44

    kkkkkkkkkkkkkkkkk………exatamente assim….e eu com problemasssss d coluna e ainda gordinha…odeio o tamanho da poltrona da classe econômica…ninguém merece…

  52. #87
    Juliana N
    30 de October de 2012 - 14:45

    Me vi nesse post, e o pior é vc ser sorteada na alfandega e revirarem a mala k vc levou horas p conseguir colocar tdo dentro, e nem te ajudam a colocar tdo p dentro.

  53. #88
    Livia
    30 de October de 2012 - 14:46

    Oie! Vc viu o novo livro da gloria kalil, viajante chic? Parece q começa a vender dia 08/11, segue o link http://chic.ig.com.br/alo-chics/noticia/viajante-chic

    Bjs!

  54. #89
    Fabi Silva
    30 de October de 2012 - 14:50

    Chorei de rir! Sério!
    Também tenho “meda” da descarga do avião, rsrsrs! Aliás, odeio quem vai ao banheiro e não tranca a porta, daí vc abre a porta e e pessoa se desespera lá dentro pra tentar fechar a porta a qualquer custo, nem que seja com um pontapé, kkkkk!! Em busão isso é ainda mais frequente, afemaria!!

    • #90
      Loli
      30 de October de 2012 - 16:30

      Isso nunca aconteceu comigo em avião, mas sim algumas vezes em banheiro público tipo de shopping, aeroporto.. a pessoa deixa a porta aberta e quando vc empurra pra entrar acha ruim, dá logo um berrão! Tranca a porta cacete!

  55. #91
    Su
    30 de October de 2012 - 14:50

    Acho q vc esqueceu do ponto alto da viagem: atrasos,

    Aúltima vez q fui viajar, fui exatamente para sua terra adorável – q continua em meus planos…Bem, vou direto ao ponto: viajei pela Aerolíneas Argentinas. Saí da querida Santiago na hora marcada : acho que teve um pouco de atraso, mas não me lembro. Escala em Buenos Aires : nos mandaram para a salinha, ficamos no aguardo…não havia voo confirmado para aquele horário. Entrei em pânico…e eu e meu marido aguardando na salinha…Depois de 1h entre uma ligação e outra, nos liberaram para a sala de embarque, sem direito a saidinha pra dar um rolê pela cidade…Me conformei, afinal seriam “apenas” 2 h de sala de embarque até o voo. Saquei meu ipad, digitei a senha do aeroporto…nada…Falei com algum agente do aeroporto, sugeriu alguns passos pra acessar a net…nada…Fui a um café, pedi orientação ao garçom…nada…Finalmente, guardei meu ipad. Já estava quase na hora do voo, sugeri mais um café ao meu marido…olhamos os horários…atrasado meia hora. Saí do café, fui à lanchonete…hora do almoço…almoçamos…mais um letreiro, mais meia hora de atraso…Acabei de almoçar, voltei às confortáveis cadeirinhas…Atraso: sem previsão de horário…Fui ao free shopping…andei, vi, experimentei…abri a gaveta dos esmaltes…de repente plaft: caiu tudo no chão…a atendente argentina me olhou com aquela fisionomia tão peculiar aos argentinos…arrumei…voltei a procurar…escolhi…peguei meus obamas, passei pelo caixa…troco em pesos argentinos…fui reclamar…abri a boca…lembrei a minha condição de imigrante sem permissão…fechei minha boca…voltei à cadeirinha…contei indignada a história ao meu marido…Bem…resumo da ópera: totalizadas 9horas de atraso!!!!!! Confusão, muita confusão no balcão da cia e a promessa de q iríamos pulverizar essa história na net….para q nenhum brasileiro mais caia no nosso erro de comprar passagem pela Aerolíneas Argentinas….Promessa cumprida! ;)
    veriz

  56. #92
    elaine Lobo
    30 de October de 2012 - 14:51

    Amei o post!!!!!!Estava sentido falta dessa Tag no blog!

  57. #93
    Andrea Duarte
    30 de October de 2012 - 15:04

    Fora quando a nossa bagagem não chega!!!
    Aí sim é pirambeira total!!

  58. #94
    Juliana
    30 de October de 2012 - 15:06

    kkkkkk…Adorei. Só que o drama fica ainda maior quando você ainda está com criança, e de colo ainda por cima! A dignidade fica na porta de embarque! Pra começar não existe espaço pra revista ou Ipad. No máximo paninhos, biscoitos e brinquedinhos para distraí-los.
    Adoro seus posts!

  59. #95
    Mayra
    30 de October de 2012 - 15:06

    Blazer banco, impecável, cabelo liso impecável? Como assim né? Agora fiquei de cara :) Entendo sua indignação, também ficaria encucada!

    • #96
      Andrea Duarte
      30 de October de 2012 - 15:48

      ela deve ter um marido-mula que carrega tudo pra ela!! kkkkkk!!!!

    • #97
      Karen Baez
      30 de October de 2012 - 16:31

      Taí outra coisa que eu não consigo entender! Meu cabelo fica todo embolado e cheio de nós se ficar solto dentro do avião.Parece q fica melado,alguém já sentiu o mesmo? Agora alguém poderia explicar como essas mulheres ficam perfeitas assim,do ínicio ao fim da viajem?

      • #98
        luciana
        30 de October de 2012 - 17:42

        gnt, por incrível q pareça, o meu cabelo sai melhor do q entrou….sei lá, deve ser efeito do ar condicionado e umidade zero, nao sei….mas ele sai lisinho, cheio de brilho e soltinho! haha sério!

  60. #99
    Marcela Véras
    30 de October de 2012 - 15:10

    hahahah
    o peso da mala é o piooooor
    eu quase tive que deixar um rim meu, pra pagar execesso de bagagem uma vez hahaha

  61. #100
    Cláudia Lopes Vieira
    30 de October de 2012 - 15:20

    Hahahaahaha……..A mais pura verdade! A briga com o peso da mala é tão familiar…….

  62. #101
    thalita pereira
    30 de October de 2012 - 15:36

    Oi Cony,partindo do Brasil, vc tem direito a duas malas de 32 kg cada, SEMPRE.O que varia(de cia pra cia) é o peso da mala de mão.
    beijosss e mais sorte!! ehehehehehe

    • #102
      Constanza
      30 de October de 2012 - 15:53

      Sempre nao! Depende do destino! Pro Chile só vale uma de 23! E como vou sempre pra lá, esse é meu drama rs

      • #103
        Rafaela
        30 de October de 2012 - 20:58

        Cony,

        Você sabe se mudou os critérios de quantidade de bagagem e peso em voos internacionais??
        Acabei de voltar da Europa e na Lufthansa (fofaaaaa, só que não) a econômica tem direito a 1 (eu disse 1!!!!) mala de 32kgs e a executiva só duas. Antes eu lembro que eram 2 para econômica e 3 para executiva.

        Muita raiva da Lufthansa hahahahaha!!!!

        • #104
          Constanza
          30 de October de 2012 - 21:24

          Vivem diminuindo os pesos :-(. Mas pra Europa nao sei, bem capaz mesmo!

    • #105
      fernanda
      30 de October de 2012 - 16:16

      depende do destino, da companhia aérea e tb da classe q vc vai(classe executiva, por exemplo, são 3 malas).

  63. #106
    Fernanda Dias
    30 de October de 2012 - 15:41

    Nossa, Cony, consegui visualizar a minha última viagem direitinho com o seu texto, me vi ali todinha! Hahahahaha….Eu concordo muito com vc: aaaamo viajar, mas a viagem, em si, pelo menos pra mim, é sempre essa zorra que vc descreveu! Na minha última viagem eu ainda tive o bônus de perder um vôo (esse, sem dúvidas, é o meu maior trauma nas viagens: perder o vôo! nada me deixa mais tensa que isso!), consegui outro vôo só no dia seguinte. Como se não bastasse, peguei um vôo de mais de 8hrs e fiquei sentada na poltrona do meio. Embarreirando a minha passagem para o corredor (e, consequentemente, banheiro e esticada de pernas) estava um senhor com 3 metros de perna (impossibilitando completamente a minha passagem) que havia tomado umas 5 taças de vinho e dormia como se não houvesse amanhã, diferentemente das suas duas linhas pestinhas que estavam na outra fileira e não paravam de gritar! Tenso, muito tenso!

  64. #107
    C. Lima
    30 de October de 2012 - 15:42

    Pior do que isso tudo é o conforto que se tem para “dormir” na classe econômica.

    Na minha última viagem, a perua da vez estava na primeira classe e deixou a babá na econômica. Quando saíram, a patroa só contava do espaço que tinha para dormir e blá, blá, blá. Eu, totalmente caquética, só pensava nas minhas dores de coluna e em sair dali correndo. Af !

  65. #108
    Iza
    30 de October de 2012 - 15:49

    Bem assim mesmo!!!! bjos

  66. #109
    Jaciana Bezerra
    30 de October de 2012 - 15:49

    kkkkkkkkkkkk…vc é muito hilária! Seu jeito de dramatizar os textos é muito legal. ADORO esses temas “as 10 coisas que odeio….” muito bom!!!

  67. #110
    Mari
    30 de October de 2012 - 15:51

    Simplesmente perfeito!
    Principalmente quando todos levantam correndo como se fosse para salvar as próprias vidas, e depois ficam 15 minutos esperando o avião abrir as portas.

  68. #111
    Renata Vencionek
    30 de October de 2012 - 15:57

    Existem mtas coisas q me irritam qndo viajo, mas mala e um dilema.. é tipo calça pequena q vc deita na cama pra fechar.. pois bem.. vc empurra, amassa, espreme e no fim consegue fechar.. e torçe pra chegar na balança e n passar dos 23kg.. Noossaaa é um parto..!! Ai vem a parte de entrar no avião, vc com mala de mão, bolsa, sacola d revista, ai se senta no meio, pra dificultar mais as coisas… Aff.. viajar e mto bom, mas realmente são tantas coisas q desanimam a viagem.. E sem contar os voos na madrugada, q vc chega c cara amassada, roupa amassada, cabelo amassado.. enfim toda amassada.. quase com uma roupa q saiu da máquina de lavar…rsrs
    Mas é isso.. não podemos deixar esses probleminhas afetar nossa viagem né.. Viajar e mtooo bom!!

  69. #112
    AndreaC
    30 de October de 2012 - 15:57

    Oi Cony! Acho q quem viaja de economica entende o que vc, como sempre, descreveu muito bem. Eu moro nos EUA e viajo muito sozinha pro Brasil e sempre carrego o mundo de presentes, encomendas, sabe como é? Pareço Papai Noel. Adoro quando meu marido vai junto porq ele carrega todo o peso, coitado! Qdo viajo sozinha, o bicho pega. Tenho 1.56 e alcançar o bendito compartimento de bagagem é uma luta. Acredita que da ultima vez q viajei, meu marido me fez fazer agachamento com pesos e supino pra eu ter força pra levantar a bagagen de mao acima dos ombros… *risos* Nao eh q funcionou? Espero envelhecer com mais dignidade e viajar de executiva… Bjs

  70. #113
    Iara
    30 de October de 2012 - 16:12

    A de ir no banheiro e dar turbulência já aconteceu comigo!
    Só que foi pior… Estava trocando o absorvente e deu o aviso de apertar os cintos, balançou bastante e tive que sair rápido do banheiro, mas garantindo que estava tudo ok, né. Quando saí balançou mais ainda e as comissárias não me deixaram ir pra minha poltrona, então sentei na primeiro que vi pela frente. Quando sente a turbulência foi tão forte e pense que o avião iria cair! Só voltei pro meu lugar quando passou e meu marido ficou super nervoso achando que eu tinha ficado o tempo todo no banheiro! :(

  71. #114
    Neila
    30 de October de 2012 - 16:19

    E as estratégias para driblar a pesagem da mala?! Eu entro na fila observo as pessoas q estão na minha frente “avalio” se são simpáticas ou não (utod mt pessoal e baseado no feeling) e observo principalmente os atendentes do check-in: é imprescindível a fisionomia deles, se riem, se conversam… sei lá, como disse essa avaliação é toda muito pessoal..rs. Uma vez consegui q uma passageira atrás de mim no check-in q estava sem bagagem pesasse a minha como se fosse dela e aí não paguei excesso!!\o/
    Uma vez vindo do Rio pra São Luis com o dobro de peso(imagina o desespero…?!)conversei com o atendente da loja Tam e indignada sugeri q eles poderiam fazer um programa de acúmulo de pesos não utilizados para serem usados em outras viagens ou então q a gente utilizasse os nossos pontos para descontar no peso da mala!. Ele me respondeu muito simpático: escreve para o Presidente! se muita gente tiver essa idéia pode ser q ela vingue. A gente pode tentar né?!

  72. #115
    Neila
    30 de October de 2012 - 16:28

    Outra coisa q faço bastante é levar várias sacolas q não pareçam bolsas de viagem como se fossem bagagens cheias de coisas pesadas. Claro q isso nos tira td a dignidade possível pq haja mão para tanta bolsa, mas pelo menos eles não vão p a pesagem \o/

    • #116
      Loli
      30 de October de 2012 - 20:52

      Não vão pra pesagem mas ficam depois ocupando o espaço de bagagem de mão de 3 pessoas no avião, né amigue?

      • #117
        Liza
        30 de October de 2012 - 23:22

        Como eu odeio, brasileiro e sua mania de ser Gerson.

        • #118
          Rosilene
          31 de October de 2012 - 12:11

          O que as pessoas esquecem é que o peso das malas têm como principal objetivo a segurança do voo!
          Se todos trapacearem comprometerá o peso da aeronave, que tem suas limitações!!!!!!!
          Odeio essa abominável lei de Gerson!

    • #119
      Etiene
      31 de October de 2012 - 11:26

      a pessoa conta isso como se fosse o maximo…kkkkkk… realmente tem gente que acha que ta sozinha no mundo mesmo!!!!

      • #120
        Neila
        31 de October de 2012 - 13:12

        Meninas só faço isso quando levo livros e nunca coloco bagagem de mão em cima elas SEMPRE vão embaixo do assento próximas aos meus pés.

  73. #121
    Lia
    30 de October de 2012 - 16:38

    Perfeito! ahahahahaha ri demais.

    Eu odeio:

    1) Quem fica conversando com alguém à distância, meio que em pé na poltrona sabe? E geralmente quando as luzes etão desligadas pro pessoal dormir.
    2) Eu só sento no corredor, então odeio quando quem tá na janela deixa ela abertona quando quero dormir, vindo aquela luz na cara kkk E justamente na hora de ver a paisagem da cidade a pessoa resolve fechar pra dar um cochilo! Aff
    3) Quando a pessoa da frente não volta a poltrona pra posição normal na hora da comida. Total falta de respeito.

    Enfim, tanta coisa.. mas viajar é tudo nessa vida *_*

    • #122
      luciana
      30 de October de 2012 - 17:44

      hahahaha boa! até visualizei duas pessoas conversando, de longe, uma com a outra…
      e essa de nao reclinar de volta a poltrona na hora das refeições, tbm é dureza….a pessoa nao se manca!

    • #123
      Loli
      30 de October de 2012 - 20:55

      Nem sabia dessa que tinha que “desreclinar” a poltrona na hora da comida. Nunca ligo pra isso, como na boa com a poltrona da frente reclinada…
      A pessoa pode estar dormindo também. Muitas vezes eu durmo e nem como nada.

  74. #124
    Nayara Ornellas
    30 de October de 2012 - 16:41

    Gostei dos relatos… Eu sempre me sento nos últimos lugares pq acho muito ruim viajar com idosos (são uns fofos, eu sei, MAS puxam papo da decolagem a aterrissagem). Também fico com um mix de raiva e dó dos pequenos, eles sofrem tanto com a pressão e ao mesmo tempo não calam a boca! Meu Deus… Quanto ao peso das malas… bom, tenho histórias engraçadas. A melhor delas fui num voo de Perth (Austrália) para Hobart (Tasmânia), pensa que eu só tinha direito a 10kg de mão e 13kg para despachar. Detalhe eu estava com uma singela mala de 23kg!!! Solução… comprei uma bolsa grande que dobrada ficava pequena, fui de mochila nas costas e vesti metade das roupas: 3 calças, 5 blusas, 2 casacos de mão, 2 chales. Quando passei para o lado do embarque fui ao banheiro, tirei minha linda bolsa dobrada e coloquei todo o excesso lá dentro… Sofri alguns minutos e economizei muitos dólares. Claro que não recomendo isso pra ninguém, mas na hora do sufoco a criatividade fala mais alto. Este foi 1 caso… tenho inúmeros itens a listar no quesito aeroporto e viagem… Quanto a moça arrumada… uma vez viajei como sempre sonhei (maquiada, cabelo arrumado, bem vestida) e sabe no que deu… em nada. Cheguei a conclusão de que o conforto deve estar sempre em 1º lugar… e olha que já cheguei a fazer 36h de voo e pegar 5 aeronaves em um mesmo dia… Resumindo, ADORO fazer o check in!!! Nasci pra isso! hehehe

    • #125
      Olívia Roder
      01 de November de 2012 - 09:17

      KKKKKKKKKKK!!! Ri muito do seu comentário!!rsrsrs

  75. #126
    Pham Furtado
    30 de October de 2012 - 16:44

    Vou defender a minha classe.. rsrs..
    Nos aeromoças esquecemos o que os clientes pedem pq TODOS pedem demais… se fosse somente o seu pedido atenderíamos com um sorriso no rosto e tudo certinho, o problema é que até a gente conseguir chegar ao fundo da aeronave para buscar o que você pediu, outros 20 já nos puxaram pelo braço chamando de psiu e pedindo coisas….impressionante como pedem, mal adentram a aeronave e já pedem água, jornal, travesseiro..etc Não conseguem nem esperar o serviço.
    Por isso não fique chateada.. rsrsrs.. e não nos odeie. Pq eu pelo menos adoro você Conyta! ;***

    • #127
      Constanza
      30 de October de 2012 - 16:47

      Vc trabalha em qual linha aérea? Meu sonho é ser amiga da aeromoça kkkk

  76. #128
    Pham Furtado
    30 de October de 2012 - 16:49

    HAHAHAHAHHAHAH realmente é bem interesse ganhar nossa simpatia AHAHHAHAHAH.. trabalho na Azul Linhas Aéreas.

  77. #129
    silvia
    30 de October de 2012 - 16:55

    tadinhas das aeromoças, tem horas que dá pena mesmo, o povo é muito mal educado.

    e aquelas pessoas que roncam mais alto do que tudo? tem vezes que você nem consegue dormir de tão alto que a pessoa tá roncando.

  78. #130
    Natália Salles
    30 de October de 2012 - 16:56

    Cony, post super legal adorei.. como a gente sofre não ? rsrs
    mas acho que o pior é a descarga assustadora, a bonitona fina e você xexelenta !! é o FIM!
    Ah e na hora de vir embora que a gente quer trazer tudo de mais importante ( que sempre a mala inteira) na mala de mão com medo da mala extraviar?

    é tenso viu..rs

    Bjs

  79. #131
    Stella Young
    30 de October de 2012 - 17:03

    Nossa! Várias coisas são prá matar mesmo… As três últimas situações ridículas que vivi:
    1. Era um voo longo, daqueles que atravessam o país, a companhia aérea era a Azul, ou seja, são duas poltronas por fileira. Ao meu lado estava um homem gigante e na fileira ao lado a mulher e o filho. Lá pelas tantas o cara começa a roncar como se não houvesse amanhã!!!! E nem era noite! Eu olhei e a mulher nada, como se nem conhecesse a figura, como se aquele som quase suíno fosse normal… Alguns minutos se passaram e olhei de novo para ela, dessa vez com uma cara de “por favor, me ajuda com isso!!!” e nada. Ódio!!! Até a menina que sentava atrás disse que tinha lugar ao lado dela, mas não havia como eu sair, o cara era gigantes! Abanei para a mulher e ela disse para eu chamar ele!!!Pode?!? E eu falei que seria melhor ela fazer isso e ela chamou. O homem acordou, pediu desculpas e morreu de vergonha…Fiquei com pena, mas era um voo longo, o som não era pouca coisa, até coloquei fones e aumentei o volume do programa que passava , mas ainda ouvia o ronco. Não tem coisa pior que isso!!!

    • #132
      Loli
      30 de October de 2012 - 21:01

      E incrível como essas pessoas que roncam sempre conseguem dormir no avião, e dormem rápido. São acordadas de vez em quando mas 10 segundos depois tão lá roncando de novo.
      Eu, que não ronco, não consigo dormir em avião.

  80. #133
    Stella Young
    30 de October de 2012 - 17:10

    A segunda situação:
    2. Eu estava no meio, uma droga mesmo, e a senhora ao meu lado era muito mal-humorada, reclamou de tudo o que podia para as comissárias. Ela estava na janela e quando chegamos ao destino começou aquela movimentação de todos se levantando, mesmo tendo que esperar uns 10 minutos até poderem sair, é sempre assim. Eu detesto isso, acho uma droga essa mania de querer sair como se fosse tirar alguém da forca, e fiquei sentada, afinal o rapaz ao meu lado, no corredor também estava sentado e a chata da janela, fazendo menção em se levantar diz: “- Vamos, eu gostaria de descer!”, com aquela voz mais antipática impossível. Detalhe: o corredor já estava lotado de gente, o rapaz ao meu lado não tinha onde se meter se fosse levantar. E a sem noção: “-Vamos!”, e eu disse:”-Minha senhora, todos aqui gostariam de descer!”, ela se sentou e ficou p da vida comigo. Só de birra, demorei um tempãooooo para sair!!! Gente que acha que tem prioridade em tudo na vida, é ainda mais irritante em viagens.

    • #134
      Loli
      30 de October de 2012 - 21:02

      AII QUE RAIVA DESSA MULHER. Queria que tivesse acontecido comigo, eu ia perguntar: “o que vc quer que eu faça, desapareça em uma nuvem de fumaça?”

  81. #135
    30 de October de 2012 - 17:11

    Ainda bem que tem a parte divertida para compensar,rs
    Beijinhos
    Nai Melo

  82. #136
    Stella Young
    30 de October de 2012 - 17:18

    E tem coisa mais horrível que alguém pegar a nossa mala por engano???
    Terceira situação:
    3. Eu já coloco uma tag bem diferente e grande na mala, além de ter o cadeado personalizado, ou seja, de longe eu tenho certeza de que aquela é a minha mala. Chegando ao Rio, vi a minha mala lá do outro lado da esteira e fiquei de olho, esperando chegar perto e eu poder pegá-la. No meio do caminho um senhorzinho pegou a minha mala e colocou no seu carrinho. Pânico!!!! Saí quase em disparada atrás do senhorzinho e disse que a mala era minha e ele disse que não, que aquela era a mala dele e ele ia caminhando, nem parou para falar comigo. Aí eu disse que tinha certeza absoluta que aquela era a minha mala, mostrei a etiqueta e o cadeado e mesmo assim, ele disse que era a mala dele!!! Quase surtei!! Como assim? Eu disse para ele olhar o nome da etiqueta, só quando ele viu meu nome é que ele se convenceu de que não era a mala dele. Ele pediu desculpas e voltou para pegar a mala dele. Ainda no aeroporto, o senhorzinho me encontrou, agora com a mala certa e disse, viu que era quase igual? Não sei como,minha mala era marrom, com textura, a dele era azul marinho e brilhosa…

    • #137
      Michele
      31 de October de 2012 - 08:39

      Stella, tem sim! Pior que isso é a cia aérea TRANCAR a sua mala numa salinha! Aconteceu comigo em um vôo para o Uruguai! Eu e meu namorado chegamos no aeroporto e ficamos por uns 20 minutos, no máximo, no Duty Free (só o tempo de comprar umas bebidas). Quando saímos, ficamos procurando nossas malas e nada! Pedimos informação para um funcionário e descobrimos que os funcionários da TAM haviam retirado nossas malas porque DEMORAMOS pra pegá-las! Imagina que tivemos que sair da sala de desembarque, procurar onde ficava a TAM (um andar acima), carregando várias bebidas + bagagem de mão, para pedir que liberassem nossas malas. E depois ainda tivemos que voltar na sala de desembarque, acompanhando o funcionário apressado, novamente com bebidas + bagagem de mão, para pegar as malas que estavam trancadas!!!

      • #138
        Michele
        31 de October de 2012 - 08:40

        Eu e meu namorado chegamos no aeroporto = desembarcamos no aeroporto

  83. #139
    Angel
    30 de October de 2012 - 17:21

    E qdo vc tem pernas longas e bate sem querer no banco da frente, enquanto tenta arrumar uma posicao para ficar 10h na classe economica e a criatura da frente tem um ataque de pelanca pq vc “a cutucou”? Já mandei mta velha mal educada ir para a 1a classe, já que se incomoda com isso e nao ve o sofrimento que é ficar quase entrevada por falta de espaço. Tem gente sem nocao demais!
    Voos para Madri sao os que mais gente mal educada tem, nunca vi coisa igual! Dá até para fazer estudo de caso rss

  84. #140
    Luana
    30 de October de 2012 - 17:29

    Já tentei ler 50 tons mais escuros no avião e deseiti. Adivinha o motivo?

  85. #141
    Cristina
    30 de October de 2012 - 18:06

    Cony,me desculpa te incomodar,mas estou numa briga ferrada com minhas olheiras e acho que talvez vc possa me ajudar…

    Vc ainda é C4 na studio fix?Se sim,vc lembra qual o tom do corretivo da Bobbi Brown que o maquiador usou?Sei que o corrector vc usa o bisque,mas quero mesmo é um corretivo cremoso,pois ando com essa área muuuuuito seca.
    Ai…espero que vc lembre..

    Desde já obrigada,bjoo

    • #142
      Constanza
      30 de October de 2012 - 19:26

      Vixi, nao lembro do corretivo :-(

  86. #143
    luciana
    30 de October de 2012 - 18:18

    cony, se um dia vc se cansar do seu emprego, bora ser comediante de stand up! hahaha eu compraria ingresso com toda ctz!

  87. #144
    Priscilla
    30 de October de 2012 - 18:28

    Rsrs. É assim mesmo! Eu nao consigo fazer viagens internacionais e ficar arrumada! Tb invejo essas pessoas q conseguem. Nao consigo nem ficar digna no local. Ando o dia inteiro e nao dá nem para usar salto. Fui a LOndres agora e meu uniforme foi calça skinny e sneakers, só trocava a parte de cima. Rs

  88. #145
    Camila Spina
    30 de October de 2012 - 19:51

    Ainda bem que não estou sozinha!!! Concordei com tudo que vi por aqui!
    Mas o que odeio definitivamente é vir “sanduichada”na poltrona do meio quando são três …
    Ah e tb detesto as perguntinhas idiotas dos funcionários de alfândega além de ultrajante ter que tirar os sapatos nos EUA e passar pela máquina de raio X cujo funcionário que opera vê vc nua. Acho isso o fim dos tempos. Não consigo aceitar como normal…Beijo!
    (Acredito que no futuro só quem é brega vai viajar..rsrsrsrs)

  89. #146
    Rafaela
    30 de October de 2012 - 19:53

    Pior de tudo é vc pagar passagem de executiva e uma fofa da econômica ganhar up grade e socar as muambas em sacola de pano (sim, pois a fofa estava com marido e filha…estavam com váááárias bagagens de mão) no compartimento de bagagem DO SEU ASSENTO em cima da sua bolsa nova que custou o preço da passagem!!!!
    E a fofa da comissária dizer não fazer NADA para resolver seu problema!!!

    LUSTHANSA NUNCA MAIS!!!! FICA A DICA!!!!!

  90. #147
    30 de October de 2012 - 20:25

    Pra mim a pior coisa é a espera pela mala na esteira. Morro de medo da bagagem extraviar! Assim que as minhas aparecem, suspiro aliviada! hahaha

    Beijos

  91. #148
    Marli Cruz
    30 de October de 2012 - 20:25

    Oi Cony, adorei a materia, tb. sofro com tudo isto,principalmente com as crianças sem educação e pais sem noção, o coitado do meu marido é que fica encarregado das bagagens, como ele mesmo diz eu coloco minha bolsinha pendurada no bracinho e vou embora e ele sofrendo com as malas hihihihihi, quanto ao peso das malas vi outro dia uma dica na televisão que testei em casa e deu certo, vc. coloca as roupas dentro de um saco ou sacola grande dentro da mala na mesma posição que vc. colocaria as roupas (já vi na internet que tem o saco apropriado) e usa um aspirador de pó e suga todo o ar do saco, deixando toda a roupa como se estivesse a vacuo,amarra bem a boca do saco e assim sobra espaço na mala, é uma dica vou testa-la agora no mes de novembro quando viajo para Europa.Ah só esclarecendo não carrego peso pois tenho problemas de coluna, pois isso o maridão sofre. BJS.

  92. #149
    Michele
    30 de October de 2012 - 20:29

    Noossssssssssssa, super me identifiquei com o medo da descarga do banheiro do avião :). Entro em pânico toda vez

  93. #150
    Rafaela
    30 de October de 2012 - 21:06

    Concordo com muitas coisas que você falou Cony, mais tenho mais umas:

    * Quando o pessoal do raiox pede, educadamente (só que não), para você acompanhar o policial pois resolveram encrencar com as lentes da câmera. Muito medo nessa hora!! Gente, o que eu ia ter nas lentes????? Me pergunto até agora.

    * Vocês sabem que agora para receber o tax free tem que mostrar tudo que comprou??? Sim, abrir todas as malas no aeroporto para ter seu dinheirinho. Me ralei bonito esse ano. Isso deve ser feito antes do chek in.

    *Depois do chek in você pode mostrar algumas coisas (se estiverem na bagagem de mão) eu estava vestindo algumas compras e briguei até me darem (já estava com muita raiva essa hora, por conta das lentes).

    * Na Europa eles estão pior do que nunca quanto aos intens produzidos em couros exóticos. Tem que mostrar a nota de compra, exibir os produtos e a polícia (acho que era polícia, pois estavam armados…medddoooooo) carimba um certificado!!! Gente, muito cuidado com isso para não ter problemas!!! Ai de você se te pegam no aeroporto sem o tal carimbo. E dizem que é importante para entrar no BR…daí já não sei!!!

    * Passada

  94. #151
    Yara
    30 de October de 2012 - 21:08

    Na minha última viagem pra NY, peguei uma voo da US AIRWAYS com escala em Charlotte!! Eu juro que só eu dentro do voo inteiro não estava indo pra Disney!!
    Peguei umas 3 excursões (com direito a todo mundo com as mesma camisa) no mesmo voo, lotado de adolescentes e pré adolescentes!!
    Imagina o meu mau humor? Pra completar a menina sentada ao meu lado começou a vomitar as 4 da manhã e só parou quando chegamos na Carolina do Norte!!!
    Fiquei traumatizada com essa Us Airways e jurei que nunca mais vou economizar umas doletas pra voar!!!!
    Mas eu AMO viajar, não tem jeito!!!

  95. #152
    Liza
    30 de October de 2012 - 21:13

    Eu sou muito relax, a única coisa que me irrita é ‘A mala de mão que não cabe no compartimento do avião” acho que se as pessoas levassem uma mala só caberia todo mundo, eu sempre leve uma, mas ainda assim não acho espeço pq tem sempre um monte de gente que leva 03, 04, 05… uma falta de educação sem fim.

  96. #153
    Tatiana
    30 de October de 2012 - 21:36

    Ri muito com a parte do banheiro!! Kkkk
    Pior foi quando viajei na janela com um rapaz e um senhor nas outras duas poltronas espirrando, com tosse e assoando o nariz!!! Quando não faziam isso estavam dormindo e roncando…
    Também morro de medo de sentar perto de criança e elas vomitarem!!
    Agora acho super errado não conferirem as etiquetas na saída, deveriam fazer isso com uma maquininha lendo a sua e a da mala para ver se batem.

    • #154
      Vanessa
      31 de October de 2012 - 13:02

      Também acho péssimo as companhias aéreas não conferirem as malas na saída. Certa vez, tive que abrir minha mala para provar a um sujeito que não era a bagagem dele (ele não confiou só olhando a etiqueta).

  97. #155
    30 de October de 2012 - 22:01

    Você esqueceu de falar de quando tem joguinhos na TV da poltrona e a pessoa atras de você fica lá apertando o dedo por mais de duas horas e não se toca que a cada dedada dela na tela a sua poltrona balança horrores!! Gte como quero morrer com pessoas sem noção hahahah!!

    • #156
      Loli
      31 de October de 2012 - 22:56

      Eu nem sabia que existia isso. Culpa da companhia aérea que instalou jogo interativo atrás da poltrona dos outros. Se existe a opção, claro que tem gente que vai jogar.

  98. #157
    Natália
    30 de October de 2012 - 23:21

    pior é passar por todo esse sufoco e ao chegar em terra firme saber que sua mala foi extraviada, né Cony?

  99. #158
    31 de October de 2012 - 02:38

    adoooooro esses posts, manda mais! <3

    bom, os meus ódios de estimação (e as soluções que encontrei):

    1. também odeio criança mal educada… ou melhor, gente mal educada no geral, falando alto e etc, achando que está em casa e não, divindo um espaço com vários tipos de pessoas durante horas. olhar feio eu posso mas isso raramente resolve, falar com a pessoa eu acho invasivo (tipo, não posso impedir ninguém de falar…. mas também, não sou obrigada a ouvir) então, resolvi o problema de um jeito bem prático: plugues de ouvido. achei incomodo no começo mas acabava valendo tão a pena pelo silêncio <3 hoje já me acostumei e uso até pra dormir em casa (cortesia do vizinho barulhento).

    2. passageiro do banco de trás chutando a poltrona. aí eu peço mesmo pra parar… mas como nem sempre dá pra contar com a boa vontade alheia, eu sempre escolho meu lugar no site da companhia aérea, assim que compro passagem. assim dá não só pra pegar janela mas também, a poltrona do fundo.

    3. peso extra: sei que não é todo mundo, mas sempre compro muito livro quando viajo (ok, poderia comprar pela internet mesmo mas odeio esperar!). da última vez que viajei, tive certeza de que ia pagar excesso. o que eu fiz: simplesemnte fui a uma agência dos correios local, e mandei uma caixa enorme e pesada de livros pra mim mesma (a atendente até comentou, achando engraçado). bom, mas não rola fazer com outras compras, só livros, por causa da isenção de imposto. chegou dez dias depois. e não paguei excesso de bagagem, mas foi por pouco.

    • #159
      Karen Baez
      31 de October de 2012 - 11:20

      Eu já fiz isso várias vezes!! Meu marido,certa vez,comprou umas espadinhas ninjas.Lógico q eu não estava por perto quando ele fez essa besteira e quando eu vi,já comecei a pensar em como iamos trazer isso na mala… daí passamos na porta de uma agência dos correios e a lampadazinha acendeu!Chegamos em casa primeiro q as espadas,mas poupamos aborrecimentos no embarque!!

    • #160
      Larissa Maia
      01 de November de 2012 - 13:08

      aah isso dos correios é muuuito pratico! muito melhor que pagar excesso de bagagem ate as vezes…
      fiz dois intercambios nos eua, um de 1 ano e outro de 3 meses, entao imagina a bagagem?
      no primeiro, já tinha enviado um tanto de casaco de frio, blusa de frio e tals, e acomodei o resto em space bags, mas chegando no aeroporto, a surpresa? a companhia da conexao seguinte nao levava mais de X kilos extras, mesmo pagando, resultado: eu no meio do aeroporto tirando tudo que podia e a minha host family enviou depois.. nada foi taxado, foram umas 3 caixas, e tinham coisas tipo potoes de shampoo e condicionador maraaas que so vende pra dono de salao (uma cabelereira comprou pra mim),e dava muito mais de 50 dolares, mas nada parou na alfandega… pq escrevi “moving back”

      no segundo fiz a mesma coisa já antes de viajar, despachei todas as roupas usadas, sapato , tudo, e deixei espaço na mala pras coisas novas que ia comprar, coloquei moving back e chega de boa… entao voltei apenas com duas malas dentro do peso normal so com as coisas novas que comprei.. ninguem na receita vai saber se vc ta mudando msm ou nao, e como é tudo usado, passa rapido e direto, e a mala normal com compras é so tirar etiquetas e tal.

    • #161
      Myla
      03 de November de 2012 - 18:27

      Amei a dica do Correio! Podia ter feito isso agora, queria trazer um monte de livro, mas é um peso danado!
      Vou aproveitar pra viagens futuras!

  100. #162
    Lis
    31 de October de 2012 - 04:25

    meu Deus, e aquele pânico de extravio quando você tá na esteira e começam a aparecer todas as malas menos a sua? tenho calafrios!! xD

  101. #163
    Karina
    31 de October de 2012 - 08:56

    Olha, nas viagens que já fiz nessa vida, aprendi algumas coisas:

    1. Esqueço das unhas nas viagens. De preferência já saio do Brasil sem esmalte. Dificilmente tenho tempo ou disposição de ficar cuidando do esmalte lascado ou unha quebrada durante a viagem. No máximo uma basezinha transparente e uma lixadinha de vez em quando;

    2. Pulseiras durante o avião? Imagina! Geralmente vou com uma calça bem molinha, um casaquinho quentinho, uma pachimina tênis e meia antiderrapante;

    3. Cabelo na cara? penteado de avião é trança;

    4. não uso mala de mão. Uso uma mochilona que vale como bolsa e mala de mão.

    5. Assim que é aberto o embarque eu vou para o banheiro e faço um xixi beeem caprichado. O avião não vai sair sem mim e geralmente há vários banheiros na sala de embarque. Dificilmente sinto a necessidade de usar o banheiro do avião. Para viagens dentro das Américas nunca vou. Para a África também não. Para a Europa, no máximo, vou uma vez ou nenhuma. Pra Ásia ou Oceania nunca fui. Vale dar uma controlada na quantidade de bebida, também;

    6. Nunca uso maquiagem. só protetor solar e hidratante. Essa é uma dica boa até para chegar com a pele limpa para testar as novidades no free shop.

  102. #164
    Vanessa Maria
    31 de October de 2012 - 09:49

    adorei o post e ri muito com os comentarios.

    Bem isso tudo que a Cony falou e muitas meninas tbm falaram. Ja aconteceu de um tudo comigo em viagens de aviao, no Brasil e para fora dele…

    Sexta feira ja vou voar de novo e ja imaigno as situações que vou passar…

    Alem de ficra com o cabelo uó! Nao sei mas sempre fica um mafuá mesmo ele estando escovado e lindao, ao chegar no destino esta uma maçaroca de dar dó! o Grand finale capilar é um coque mesmo e sempre o oclão por que olheiras de sono mau dormido ningue mmerece!

    Agora o pior que ja passei em uma viagem foi quenod voltava da Italia e ia pra Austria ( viagem curta de aviao graças a Deus ) mas foi assim;

    Meu noivo e eu sentamos separados e ai ao meu lado sentou uma Indiana ( usando sari e tudo mais ) … Gente a mulher fedia, mas fedia tanto, mas tanto que eu cheguei a pedir um outro lugar no aviao mas nao teve jeito…
    Nao sei se la na India eles nao tomam banho ou sei lá, a mulher fedia demais , parecia que nao tomava banho ha uns 6 meses….

    Meu noivo rachava de rir de mim por que eu ia na frente e vez em quando olhava pra tras pedindo socorro!

    Enfim… acho que em ambientes fechados como aviao e para onde nao tem onde correr estar limpinho é fundamental.

  103. #165
    Camila Piton
    31 de October de 2012 - 09:55

    Ri e ri alto!
    Definitivamente não dá pra ler seus posts no serviço Cony :x HAHAHAHA

  104. #166
    Vanessa Maria
    31 de October de 2012 - 09:55

    Ahh esqueci de ocmentar que ODEIO quando o povo sem educação sai correndo pro fundao do aviao pra pegar os lanches 0800 que muitas companhias na Europa fornecem…
    A Air France tem ums coisas bem gostosas ( até sorvete da Haagen Daz ) e o povo sai cmo se nao houvesse amanha pra pegar …
    Detalhe: o lanche fica o voo todo a disposição entao nao acho necessario ir correndo la pegar…

    Tambem acho uó o tiozinho que ronca e nao deixa ninguem dormir!

    Pior ainda aquele cara mala e cinquentão que senta ao seu lado e pergunta ( ja sabendo que vc é brasileira por que viu o que vc esta lendo ou outro indicio de sua nacionalidade ) “ahhh brazilian girl????” Ahhh Brazil great, Lula, Sao Paulo, Copacabana..”

    Afffff! e eu com cara de angu limito a responder… ahannn. Viro pro lado e “durmo”

  105. #167
    Cláudia Lopes Vieira
    31 de October de 2012 - 10:02

    Os pesos que temos direito estão sendo diminuídos para darem lugar às encomendas…As Cias Aéras ganham mais com carga!

  106. #168
    Lilian
    31 de October de 2012 - 11:14

    Me identifiquei muito com o post, em viagens mt longas resolvi abrir mão do glamour, uso roupas confortáveis, cabelo preso e pouca maquiagem no olho..rs
    Ri muito de alguns comentários e fiquei chocada com um em especifico, achei o cúmulo do preconceito achar que pessoas da classe C, D e E, são desleixadas ou não têm o direito de viajar para NY ou Disney, o sol brilha p/ todos, gente..rs

    • #169
      Cristina
      31 de October de 2012 - 13:28

      Lilian também fiquei chocada com alguns comentários que parecem mais apologia à desigualdade social.Falta de educação independe do bolso.E se tem muito “pobre” mal educado tem muito “rico” arrogante que pensa ser melhor que todos.E aí?quem é mais insuportável??
      Gente…hoje em dia só tem um grupo que não viaja de avião:os que não querem!!

      • #170
        Olívia Roder
        31 de October de 2012 - 23:30

        “Apologia a desigualddade social”oi???!! Vejo sérios problemas de interpretação de texto…

        • #171
          Cristina
          02 de November de 2012 - 17:49

          Problemas com interpretação de texto por que?? à partir da hora em que a pessoa(que eu não sei quem foi e não vou re-ler TODOS os comentários só pra te mostrar)acha que gente mal educada só pertence à classe D,E,F,pra mim é sim,achar que só rico é que sabe se comportar durante um voo.Eu entendo que ela acha que seria melhor se essa “gentinha” não pudesse nem por os pés dentro de um avião.
          Minha opinião,ué…

  107. #172
    Lana Yasmin
    31 de October de 2012 - 11:56

    kkkkkkkkkkkkkkkkk morri de rir! vc definiu nos mínimos detalhes!!

  108. #173
    31 de October de 2012 - 12:30

    A família ‘toda’ reunida com seus carrinhos em volta da esteira é irritante!

  109. #174
    Cibele Porto
    31 de October de 2012 - 13:01

    ri mto!!!! daki uns dias to eu, nessas situacoes, embarcando de ferias pro Br. Ai Jesus!!!

  110. #175
    31 de October de 2012 - 15:23

    Gente, Futilish tb é cultura, nunca tinha ouvido falar sobre a lei de Gérson, ja fui até dar uma pesquisada… haha. Vou mto usar no meu vocabulário.

  111. #176
    Camila Spina
    31 de October de 2012 - 21:47

    Pronto tava demorando pro “povinho do politicamente correto”dar as caras por aqui tb. Cada um diz o que quiser, e é verdade sim que a classe C,D e E está freqüentando mais o aeroportos e por falta de costume, vai de saltão porque acha chique viajar de avião. Acha chic ser visto em aeroporto. Ninguém disse que eles não tem “direito”a viajar de avião muito “menas”(!!)de ir pra Disney e Nova Yorque. Mas é ignorância filosófica dissociar direito de dever. Dever de respeitar os outros passageiros e não fazer uma série de coisas que estão fazendo como por exemplo deixar que suas crianças corram soltas incomodando todo mundo.
    Gente endinheirada tb pode ser mal educada sim. Concordo.
    Mas é bem mais difícil vc ver uma pessoa da primeira classe saqueando os lanches disponíveis ou fazendo contorcionismos para tirar fotos de si mesmo dentro do avião e da comida pra postar no “face”…

    • #177
      Cristina
      02 de November de 2012 - 17:59

      Olha…primeiro,a pessoa viaja calçada com o que ela quiser.Fato
      Segundo,só pode fazer contorcionismo e tirar foto de comida se for pra colocar no instagram,né?Fataaaaaço.
      Sou politicamente correta,é? obrigada.
      O post da Cony foi sobre situações estressantes,o seu comentário foi apenas preconceituoso mesmo.
      E “não dei as caras por aqui” eu venho todo dia,sou leitora mesmo.

  112. #178
    Traumatizada
    01 de November de 2012 - 00:48

    Até hoje acredito que o começo do fim do meu primeiro casamento se deu no retorno de uma viagem aos EUA (claro!). O digníssimo decidiu sair na noite de véspera do nosso vôo e resolvi ficar no hotel fazendo as malas, em pânico porque as compras (dele na maioria, pois sou super econômica e na época nem sabia comprar na gringa) tomavam TODO o espaço do quarto! Não me formei em Engenharia, Matemática, Logística ou qualquer outro curso que me auxiliasse melhor a acondicionar tanta tralha (até bóia protetora de barco tinha…), então fiz o melhor que pude, inclusive usando os “space-bags”. Exausta após ter virado a noite na empreitada, mas orgulhosa por ter conseguido enfiar tudo dentro das “mega malas”, segui para a recepção do hotel, aguardando a chegada do transfer. Pra minha infelicidade, tinha lá uma balança de malas, igual a dos aeroportos. O “ex” pesou tudo e constatou o óbvio: excesso de bagagem! Pro meu azar, uma das malas d mão tinha uma sobrinha no peso, então o “ex” começou a me ralar na frente de todos, pq eu não tinha distribuído o peso direito (oi?) e começou a abrir as malas, trocando coisas de lugar, e, nesse processo, iam meias e cuecas sujas para o chão, e junto minha privacidade e dignidade… Fiquei TÃO traumatizada q (depois do divórcio…) quando fui pela primeira vez pra Europa levei apenas uma mochilinha com 7 kg pra 22 dias! E tudo depois de ler zil vezes as regras específicas de bagagem. Tá bom, era verão e claro que passei a viagem bem “espanta-brotinho”, mas valeu mto a pena não ter qq problema nos inúmeros embarques/desembarques. Brinco q vou escrever um livro “como fazer malas pequenas em viagens grandes” (perdoem o trocadilho infame…). Mas como alegria de pobre dura pouco, me casei de novo e nas duas últimas viagens internacionais tivemos q comprar malas extras para acondicionar as comprinhas do benzinho… Eu sempre na ilusão da minha malinha de bordo para toda a viagem e o marido excedendo todos os limites… Desculpem, meninas, pelo post giga, mas precisava desabafar! E exceder alguns limites, principalmente qdo não sou tarifada (please, Constanza!)… Boa viagem a todas!

    • #179
      Constanza
      01 de November de 2012 - 07:27

      Kkkkk q trauuuumaaaa! Q ex estúpido!!’ Pode lançar o livro, o título ficou ótimo!

  113. #180
    Izabela
    01 de November de 2012 - 03:22

    Pelo que li não sou só eu que odeio as pessoas desesperadas para sair do avião, affe… Pra que isso? E claro a perua que fica intacta tbm eh revoltante hahahaha… Ri muito com o post e os comentários, muito bom!!!

  114. #181
    wellyda
    01 de November de 2012 - 11:12

    kkkkkkkkkk estou aqui no trabalho vendo seu blog escondida,e morrendo de rir,que poste legal…eu consegui imaginar a cena toda em minha cabeça ;) adoreii

  115. #182
    01 de November de 2012 - 12:11

    Ótimo post!! Viajo mt de avião, algumas vezes primeira classe, e mesmo assim consigo me amassar e descabelar toda, não tem jeito! :)
    Ah, e não é por falta de costume ou pq acho “chique”, mas estou sempre de salto, simplesmente pq posso e gosto de usar! Incomodar-se com o salto alheio é coisa de “povinho”..kkkk
    bjoo Cony

  116. #183
    Larissa Maia
    01 de November de 2012 - 12:51

    hahahahaha adoreeei esse post
    me lembrou MUITO as duas viagens de intercambio que fiz, que alem disso tudo em uma delas tinha que sair carregando a papelada do intercambio numa mao, a mala de mao, bolsa, casaco de neve, duas malas gigantes e além de ta passando muito mal de enjoo por causa de um furacao durante o voo e alergia e dor de garganta que surgiu na ansiedade, o botao da minha calça ainda QUEBROU! como faz pra segurar a calça caindo? destruida master

  117. #184
    01 de November de 2012 - 15:07

    Tb. odeio brasileiro q quer aplicar a lei de Gerson e acha q trapacear é certo. O limite é justamente pela segurança e mm livros pesam mais ainda! Co.já disseram – gente q acha q está sozinha no mundo!!!!! Afeeeee!!!

  118. #185
    01 de November de 2012 - 17:02

    Concordo c a Camila e Olívia – direitos implicam em deveres; aguentar gente sem educação q ñ respeita os outros, ñ corrige crianças super espaçosas – é insuportável e é mto pior do q arrogância (q tb está errada).
    Ótimo post!
    Abçs

  119. #186
    Gabriela
    01 de November de 2012 - 23:24

    Cony!!

    Eu AMO esses posts de “10 coisas que eu odeio”. Faz um “10 coisas que eu odeio no… TRÂNSITO”. Esse tema ia render.

    Beijo!

  120. #187
    Tatiane Lara
    05 de November de 2012 - 18:32

    Ahh, vc esqueceu de odiar quando a aeromoça chega com a refeição e te informa lindamente que o suco de laranja já acabou e que a única opção de prato quente que te restou foi peixe!

  121. #188
    Patricia Amaro
    06 de November de 2012 - 11:47

    Muito bom, vc realmente resumiu o que me irrita em viagens, vc realmente é TOP!

  122. #189
    Gabriela Lira
    11 de November de 2012 - 15:17

    Adoro seu site maas… Comissários não são garçons/garçonetes! :)
    Eles estão lá para zelar por sua seguraça (e participam de cursos de formação e treinamentos bem difíceis para serem autorizados a exercer a profissão).
    Meu namorado foi comissário da American Airlines e dizia que as aeromoças da AA odiavam viajar pro Brasil, porque só aqui os passageiros se acham donos da verdade e tratam Comissários como garçons de luxo.. Triste!