13
May 2012
Diário de Viagem – Memorial 9/11
Diário de Viagem

E a saga de NYC 2012 nem está perto de acabar. Ainda tenho alguns posts por aqui que vou publicando aos poucos para não cansar.

A dica de hoje é emocionante e para a maioria, bem pesada. Quem não se lembra o que estava fazendo em 11 de setembro de 2001? Eu me lembro bem. Estava trabalhando quando recebi uma mensagem pelo celular – na época assinava um canal de notícias – avisando que um avião tinha atingido uma das torres do World Trade Center em NY. Naquela época eu ainda não conhecia a cidade e mal sabia o que era o WTC. Um tempo depois, outra mensagem no celular e outro avião tinha atingido a segunda torre e já se falava em ataque terrorista. Mesmo sem nunca ter ido a NY e nenhuma ligação com a cidade, apenas a vontade de conhecê-la, era impossível ficar alheia a tanto sofrimento. Foi chocante, cruel, covarde, injusto (sim, eu acho e não sei como pode existir gente que acha que “os americanos mereceram”, ninguém merece isso, nenhuma nação).

Bom, minha primeira vez na cidade foi em 2006 e ainda existiam resquícios do terror que eles viveram, e existe até hoje. Uma vez tive que sair do metrô pois tinha um pacote jogado nos trilhos e fizeram uma operação enorme para verificar do que se tratava. Outra vez, fecharam a 8th Avenue pois tinha outro pacote abandonado, pertinho da Times Square. E não é só nos filmes, minha querida NY é sempre o alvo mais mirado.

Agora não existe mais apenas um buraco onde era o WTC. Tem um obra enorme no chamado Ground Zero e virou atração turística. Não condeno, afinal a curiosidade de quem vai até NY é grande para saber como era, como está e como vai ficar o lugar que sofreu um dos atentados mais cruéis da história.

Para ir visitar o lugar, é necessário um agendamento prévio. Tudo é feito pela internet e acho que dá para fazer pessoalmente mas não tenho certeza. É só ir no site http://visit.911memorial.org e agendar a data e o horário da visita, é bem simples! Se quiser, você pode fazer uma pequena doação – fica a seu critério o valor, US$ 10, 25, 50, 100 ou mais – e pronto. Depois é só ir retirar seus “ingressos” na 20 Vesey St. e seguir as indicações para entrar no Memorial. Um ponto chocante, pelo menos eu achei, foi que ao retirar os ingressos tem umas vitrines com documentos e artigos pessoais encontrados nos escombros. É de encher os olhos d’água…

memorial-9-11-nyc

 O lugar é bem grande e depois de pronto ficará lindo. Terá um museu, um parque e uma das árvores, que já está lá após passar um tempo em recuperação num viveiro, é a Survivor Tree, que sobreviveu ao atentado e estava plantada no WTC desde os anos 70.

memorial-9-11-nyc

O memorial é composto por duas piscinas no lugar onde estava cada torre. No parapeito das piscinas estão gravados os nomes das pessoas que faleceram no atentado. O clima é triste, o silêncio é grande. Todos respeitam muito lugar que além disso é muuuito bem policiado.

memorial-9-11-nyc

 A parte externa do museu já está pronta mas por dentro ainda não tem nada. Imagino que esse será bem pesado de visitar viu? Se com uma pequena amostra que vi no lugar de pegar os tickets já fiquei chocada, imagina no museu?

memorial-9-11-nyc

E essa será a torre mais alta do mundo e já é a mais alta de NYC, superando o Empire States. Antes conhecida como Freedom Tower, agora é conhecida como One World Trade Center.

Passeio imperdível e emocionante. Ainda voltarei lá para ver tudo pronto!