Beleza
Novidades de Beleza
08 fev 2012, 79 comentários

A Guerra Continua

Fechar a boca que é bom nada né? hahahaha

Falando sério agora, mesmo com reeducação alimentar, ginástica, chá verde, óleo de coco, de cártamo, o que for, sempre que aparece algo que diz “ajudar a emagrecer” eu fico curiosa.

Não existem milagres, isso todo mundo sabe, mas algo pode dar uma ajudinha não acham?

E nessa de sempre prestar atenção nas novidades para ajudar no emagrecimento, vi aqui no Chile um tal de Carb Blocker (bloqueador de carboidrato).

Era tudo o que eu precisava, afinal meu nome do meio é Carboidrato. AMO massas, batata (de qualquer jeito), pão (de queijo então…), arroz, tudo que for carboidrato, eu gosto. E mesmo ouvindo os conselhos de minha médica, que disse que carboidrato é veneno para mim (meus triglicérios vão às alturas!) eu não consigo resistir. E os danadinhos adoram virar açúcar e consequentemente engordam que é uma beleza.

Os carboidratos são super necessários no nosso corpo, afinal é deles que conseguimos energia para fazer tudo. Mas engorda.

Bom, voltando ao Carb Blocker, que obviamente consumi, trata-se de um composto de faseolamina (faseolus vulgaris) e chá verde. Aparentemente, natureba.

É canadense (Techlab) vendido pela GNC, tem nas fármacias Ahumada aqui no Chile e custa cerca de R$50 com 60 cápsulas.

Mas o ponto central deste post é: o que é faseolamina??

Trata-se de uma substância extraída do feijão branco que ajuda a diminuir a absorção dos carboidratos.

“A Faseolamina tem como propriedade inibir a atividade da enzima alfa-amilase humana que é responsável pela transformação do amido (carboidrato) ingerido, em glicose. Essa enzima, presente na saliva e liberada pelo pâncreas no intestino, atua após a alimentação, durante o processo de digestão, quebrando os amidos ingeridos e convertendo-os nos açúcares da circulação sangüínea, o que irá causar o aumento da glicemia (taxa de açúcar no sangue). Com a inibição da enzima alfa-amilase, os amidos não conseguem ser digeridos e são enviados diretamente ao intestino para sua eliminação através das fezes. Esse mecanismo apresenta uma alternativa segura para as dietas de emagrecimento e para diabéticos que precisam diminuir a quantidade de açúcar circulante. 

Nos Estados Unidos o suplemento de faseolamina já é comercializado desde os anos 80 como um suplemento bloqueador dos carboidratos (amidos), utilizado no controle da obesidade e diabetes. No Brasil, produtos à base de faseolamina começam a ser lançados, com características similares ao produto importado.  Os resultados do consumo de faseolamina podem ser comprovados após 8 semanas de consumo, em média, e mostram uma perda de peso significativa com diminuição da circunferência abdominal e controle da glicemia.

Muitas empresas já produzem suplementos à base de faseolamina como indicação para o controle de peso. São inegáveis os benefícios que esta substância proporciona, pois permite uma dieta com a ingestão de carboidratos, sem que estes sejam os responsáveis pelo ganho de peso.” (Fonte: Corpo Perfeito)

A vendedora da GNC me instruiu a tomar de uma a duas cápsulas antes de ingerir carboidratos no almoço e jantar, dependendo da quantidade de carbos a ser ingerida. No almoço, tomo duas, no jantar (como quase nunca janto) tomo uma cápsula. Em grandes quantidades, a faseolamina pode dar diarréia, gases e dores abdominais, e não queremos isso néam? Vou aos poucos…

Já que não podemos abandonar os carboidratos de vez (mais uma vez repito, eles SÃO necessários para o corpo), quem sabe a faseolamina ajuda a não fazer todos os “carbozinhos” virarem gordura?? Mas sempre sem abandonar a dieta e os exercícios.

  • Alguém sabe mais sobre a faseolamina?
Moda
Alternativa Fashion
08 fev 2012, 46 comentários

Alternativa Fashion!

Sai inverno, entra inverno e a bonita aparece de novo.

No inverno passado, a sandália desejo da Alaia, aquela queridinha de Carine Roitfeld que mostrei aqui, veio na versão da Santa Lolla que comprei assim que lançou (para quem não lembra, foi essa daqui). Usei a sandália apenas uma vez, pois ao ficar mais tempo com ela no pé, simplesmente MOEU meus dedinhos. Daí peguei trauma e não usei mais. Que dó, pois é tão linda….

Alaia. Tem em várias versões e cores. Essa com tachas tá bem linda né?

E agora a versão de Luiza Barcelos, na preview de Inverno. Essa parece não machucar o pé, já que as amarrações não ficam por dentro da sandália. Dona Luiza, guarda uma pra mim???

Só porque tô longe…

PS: Se alguém souber o preço da sandália da Luiza Barcelos conta aqui!